Autor Tópico: Por que te contratam?  (Lida 3156 vezes)

RafaZ

  • Trade Count: (4)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.331
  • Sexo: Masculino
  • Devagar e quase sempre.
Resposta #30 Online: 28 de Abril de 2014, 22:48:27
Me contratam porque eu realizo sonhos ;)

Meu sonho é ganhar na Mega Sena...
Kodak Ektra 100 | Flash Magicube


C R O I X

  • Trade Count: (0)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.485
  • Sexo: Masculino
  • Fotografo Multiformato
    • Marcio Faustino
Resposta #31 Online: 29 de Abril de 2014, 02:16:52
acho que tudo tem mais haver com o marketing pessoal.
vejo muita gente com trabalhos ruins vendendo muito,como ligamos para qualidade achamos que todos são assim,claro que devemos vender algo bom,mas o marketing e divulgação é sim a alma do negócio  :ok:
Exatamente.

Eu entrei na escola de negocios justamente por isso, pq saber de fotografia nao basta e ao se trabalhar com fotografia passa a ser um negocio como qualquer outro. Se trata mais de negocios (venda, administracao, financa, impostos, investimentos, campanhas, cliente, etc) do que de fotografia propriamente dito. E eu sabia que eu era muito fraco nisso.

Mas foi no curso que percebi que nao apenas nao tinha jeito para o aspecto do negocio como tambem eu tinha um certo repudio em diversos conceitos sobre venda, capitalizacao, etc.

Por isso que eu nao fico culpando concorrencia, nao fico com complexo achando que minhas fotos nao sao boas o suficiente, nem fico inseguro sobre o meu comportamento e tratamento com as pessoas. O meu problema eh ter animo e conseguir me vender, fazer a minha imagem, mostrar o que tenho a oferecer de forma eficiente. Mas eu nao me sinto natural ou eu mesmo fazendo isso. E por nao me sentir natural ou eu mesmo, eu fico com aquele sentimento de que nao estou sendo honesto, sincero, justo, etc. Ate mesmo no sentido do que o publico costuma gostar e eu nao gostar, ou de oferecer uma padronizacao para mostrar standard e eu nao gostar de me prender a um standard. E olha que nao foi por falta de tentativas, simplesmente nao funciona comigo.

E um dos maiores problemas para alguem que quer criar e ao mesmo tempo ganhar dinheiro, eh o fato de que a nao ser que seja reconhecido como um artista de verdade, e seja contratado por aqueles que queiram que vc crie, a pessoa tende a ficar frustrada com a maioria dos clientes que vao te enchergar apenas como um prestador de servico e querer te contratar para reproduzir e nao para criar. E esse eh um dos conflitos que enfrento. Oferecer o que agrada um publico grande e ao mesmo tempo a mim mesmo.

Se nao passa a ser um trabalho remunerado como qualquer outro e, enquanto esse for o caso, eu prefiro fazer esse trabalho, como qualquer outro, em outra atividade com menos responsabilidade e usar a fotografia para o que realmente me interessa.

A solucao para as pessoas que tem umapego mais artistico pela fotografia, pintura, etc eh conseguir encontrar alguem que os venda. E esse acaba sendo o caso dos que conseguem o sucesso. Como Assel Adams. E aqueles que nao encontram alguem que tenha interesse em os vender ficam no fracasso comercial mesmo, como o caso de Henri Lartigue que apesar de se mostrar um garoto prodigio na fotografia desde a infancia, passou avida toda buscando o sucesso comercial como fotografo e nao conseguiu. Tirando os casos do tipo Andy Warhol que transformou o proprio aspecto comercial/pop como seu motivo artistico.


RafaZ

  • Trade Count: (4)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.331
  • Sexo: Masculino
  • Devagar e quase sempre.
Resposta #32 Online: 29 de Abril de 2014, 07:42:45
O que você se vê fazendo se não for fotografia?
Kodak Ektra 100 | Flash Magicube


agalons

  • Trade Count: (10)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.870
Resposta #33 Online: 29 de Abril de 2014, 08:26:37
Isso é uma coisa que tenho que melhorar muito.

A algum tempo atrás fiz uma coisa "feia": Pedi a uma amiga que solicitasse orçamento de vários estudios na cidade, bons e ruins, afim de ver se meus preços estão muito acima ou abaixo da "praça".
Minha conclusão é que tem um pessoal que faz um trampo no nível do meu, cobra mais caro, (alguns bem mais), e um pessoal com preço parecido com o meu que tem o trampo abaixo do meu (alguns bem abaixo).

Aí eu me perguntei: Se meu trabalho é relativamente bom, e não sou careiro, porque não pego todos os casamentos da cidade?

Simples, porque sou um manézão que não sabe se vender.

É duro ter que aceitar isso, mas esse tipo de auto crítica faz bem pra todo mundo. conhecer os proprios defeitos, e tentar melhorá-los...

Fiz uma lista no facebook de quase todas as promoters da cidade. Excluí as que tem esquema de exclusividade com os figurões, careiros, kkk
Mandei msg pra umas 20~25 promoters/assessoras...
Subi "secretamente" os orçamentos em 10%, e "generosamente" ofereci comissão pra elas. Simples e descarado assim.

BINGO!  :D :D :D

Veio bastante gente, fechai alguns, outros quero fechar ainda, não tive que dar dinheiro do meu bolso pra elas, e to ficando com a agenda menos branca, kkkkkkkkkkk


Promoter, decorador(a)  e buffet são pontos chaves pra pegar casamento bom... :D :D :D :D
Recomendo.

 :clap: :clap:


Danilo_cs

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.059
    • DCS
Resposta #34 Online: 29 de Abril de 2014, 11:46:10
acho que tudo tem mais haver com o marketing pessoal.
vejo muita gente com trabalhos ruins vendendo muito,como ligamos para qualidade achamos que todos são assim,claro que devemos vender algo bom,mas o marketing e divulgação é sim a alma do negócio  :ok:

acho que tudo tem mais haver com o marketing pessoal.
vejo muita gente com trabalhos ruins vendendo muito,como ligamos para qualidade achamos que todos são assim,claro que devemos vender algo bom,mas o marketing e divulgação é sim a alma do negócio  :ok:


É verdade. Obrigado pelo incentivo. Faz 3 anos que estou tentando engrenar, e acho que tentei fazer tudo (ou quase tudo) o que estava em meu alcance para isso.

Embora eu esteja bem familiarizado em oratória, não sou aquele vendeeeedor nato. Penso que talvez se eu ir no Sebrae para bater um papo com eles poderia até melhorar.

Mas tudo é muito incerto. De qualquer forma a listinha dos preços do Mike é bem interessante hehehe  :D. Alias, o que é promoters? Promotores?

Meu trabalho está aqui em http://www.dcsdesenvolvimento.com.br :)


C R O I X

  • Trade Count: (0)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.485
  • Sexo: Masculino
  • Fotografo Multiformato
    • Marcio Faustino
Resposta #35 Online: 29 de Abril de 2014, 15:37:16
O que você se vê fazendo se não for fotografia?
Para falar a verdade eu nunca me vi fazendo nada de maneira certeira. Sempre fui um inutil.  :D

Eu estudei anos de frances e cheguei a estudar letras francesas (nao conclui) e eu era muito fluente e bom conhecedor da lingua, historia e cultura francesa. Eu acreditava que isso poderia me garantir empregos como professor de lingua ou em alguma empresa francesa com sede fora do pais. Consegui algumas oportunidades como professor mas logo vi que para dar aula eu era um desastre e nao curtia.

Eu fiz curso de webdesign e photoshop e cheguei a ser ate bom principalmente com as ferramentas do photoshop e CorelDraw. Nunca consegui trabalhar independentemente e a unica empresa que me contratou pagava tao mal que nao valia a pena continuar trabalhando.

Estudei Jornalismo e minhas notas sempre estavam acima de 9 em quase todas as materias. Nao conclui o curso mas tambem nao vi que conseguiria me encaixar no nesse mundo, por nao me enquadrar ao perfil da galera.

Estudei Ingles e tenho certificado da Universidade de Cambridge como professor de Ingles usando o metodo direto. Dei algumas aulas mas de novo, nunca me senti bom o suficiente nisso.

Estudei Negocios (Business) mas nunca me ajudou a entrar em nenhuma empresa. Eu tambem nao me identificava muito com esse mundo.

Procurei uma mulher rica para casar mas nao consegui nenhuma.

O negocio eh eu procurar alguma forma de vida alternativa pq para essa sociedade eu nao presto.  :doh: