Autor Tópico: Como ficar aceitavel? Foco... ISO... Abertura... exposição...  (Lida 10909 vezes)

Silvio Takahata

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.130
Resposta #15 Online: 03 de Julho de 2015, 08:16:20
Mas eu tava em 53mm, e aqui essa era a abertura máxima  :(
pra fica em 3.5 eu tinha q puxar nos 18mm e tinha uma mesa na frente, eu estava meio longe das crianças.
pensando agora, eu deveria ter levado eles mais pro lado onde não tinha mesa.  :(

A menina da esquerda e minha filha, e os outros dois são coleguinhas de escolinha. Eu comprei essa câmera pq queria tirar fotos boas, da família, amigos, em viagens, passeios e etc. Nao pretendo trabalhar com isso ou vender esse tipo de trabalho, só quero boas fotos que eu nao conseguia com a compacta e em modo automático.

Sobre a fotometria, eu nao fiz nenhum ajuste na camera, vi que tem opção pra compensação, tipo, eu mecho num treco ali que ele tira 3 fotos, uma como esta a camera, uma mais escura e uma mais clara, é disso que estas falando?
Cagada 100% minha
Deveria ter me abaixado mesmo.  :clap:

Flash  :ok:
ISO  :ok:
Mas o que seria um rebatedor?
 :D :ok:
Tenho -11,0 de miopia, a regulagem dele não me fez nem cocegas sem óculos  :o
Então regulei ele usando o óculos, mas ai fico longe dele e nao vejo tudo.
lente de contato ja usei e nao consigo ficar com ela no olho, me da uma agonia ..



 :ok: :ok: :ok: :ok:
Obrigado a todos pelas dicas, no meu caso elas são valiosas!

é q nem eu falo sobre o corredor polonês, gosto de postar lá pq só vou levar paulada  :hysterical: :hysterical:
Mas sao essas pauladas que me ajudam a saber o que estou fazendo de errado. :ok:

Abraço! :)
ta certo,nem me liguei nos 53mm do exif.E a lente eh variavel tb...
« Última modificação: 03 de Julho de 2015, 08:18:02 por Silvio Takahata »
5D MK3
Canon 24-70 2.8L II
Canon 600ex-rt
YN568ex II


thatamatos

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 571
  • Sexo: Feminino
Resposta #16 Online: 03 de Julho de 2015, 08:33:16
Aprendendo mto nesse post!
Obrigada!!  :D
Thais Matos


Silvio Takahata

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.130
Resposta #17 Online: 03 de Julho de 2015, 08:46:10
Aprendendo mto nesse post!
Obrigada!!  :D
aqui tem muitas informacoes sobre fotometria..entendi muita coisa por esse topico!  http://forum.mundofotografico.com.br/index.php?topic=98201.0
« Última modificação: 03 de Julho de 2015, 08:49:13 por Silvio Takahata »
5D MK3
Canon 24-70 2.8L II
Canon 600ex-rt
YN568ex II


pablo.ebani

  • Trade Count: (5)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.017
  • Sexo: Masculino
Resposta #18 Online: 03 de Julho de 2015, 09:13:24
A fotometria tbm depende da maneira que está sendo analisada pela câmera, Matricial, Parcial, Pontual, isso altera e muito o resultado da foto dependendo do motivo...
EOS 6D MK II | EOS 5D MK II
Tamron SP 45mm 1.8 | EF 35mm f/2 IS USM | EF 100mm f/2 USM
Fuji X-E1 + XC 16-50 II
https://500px.com/PabloEbani
http://instagram.com/ebanifotografia


ronaldom1

  • Trade Count: (5)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.399
  • Sexo: Masculino
Resposta #19 Online: 03 de Julho de 2015, 09:51:05
Caro Gilberto, no início o entendimento da fotometria, realmente causa um nó na nossa cabeça !!
O link citado acima pelo Silvio é excelente e também aprendi muito com ele.
Algumas dicas e pontos para que você possa refletir e depois procurar informação adicional.

1- Ler e entender como o fotômetro da câmera trabalha, que ele lê a luz refletida e não a incidente. Como padrão o ponto "0" da barrinha de exposição significa uma exposição equivalente a um cinza médio (ou mais técnicamente que reflete 18% da luz) - não pense em cores, mas sim em tons - assim temos o amarelo claro, escuro e o médio e por aí vai.

2- Inicialmente em uma grande maioria de situações deixar o fotômetro no centro (zero) garante a foto, muitas vezes com boa exposição e é uma forma conservadora para não perder a foto (normalmente evita estouro nas altas luzes)

3- Conforme for refinando o conhecimento verá que muitas imagens ficarão "planas", sem contraste, sem graça e muitas sub expostas ao zerar o fotômetro...

4- Aqui começa a brincadeira: primeiro entenda como a câmera mede a luz e o que significa os modos matricial, ponderado ao centro, pontual, etc...

5- Utilizar o fotômetro em pontual é um exercício legal para "ler" a luz da cena, entender como cada objeto reflete de forma diferente a luz, etc..

6- Leia um pouco sobre o sitema de zonas do Ansel Adams, o conceito é importante para pensar em fotometria de forma mais precisa.

7- Compre um cartão cinza - olha muitos vão te falar que é bobeira - realmente não o utilizará no dia a dia, mas é muito legal utilizar o mesmo como exercício de aprendizagem.

8- Na foto que postou com a parede branca, poderia fazer o seguinte teste:

 - Colocar a câmera em medição pontual.
 - Imagine a sua barrinha de fotometro como uma escala onde o -2 (seria próximo ao preto) 0 (cinza) e o +2 (seria próximo ao branco).
  - O fotometro em pontual não mede a luz da cena, mas sim pontualmente do objeto que se encontra no centro do visor.
  - Pois bem deixe a sua câmera em modo monocromático (Preto e branco), preencha o centro do visor com a parede branca, e deixe o fotometro centralizado em ZERO (Barrinha no meio) - registre a foto e veja o resultado  a sua parede branca saíra na foto mais próxima do cinza (foi o que você disse para a sua câmera ao centralizar a barrinha)
   - Agora faça o mesmo procedimento acima e coloque o fotômetro em + 1 2/3 (última barrinha antes de chegar ao +2), veja a foto - a parede se parece mais com o branco - pois você disse para a sua câmera que ela era quase dois pontos mais clara que o cinza médio (fotômetro no centro)

    - Se tivesse o cartão cinza poderia fazer mais um teste interessante, cole ele na parede, e faça a fotometria (em modo manual preferencialmente ou AV e TV e depois bloqueio de exposição) com o cartão cinza preenchendo o centro do visor - aqui você já sabe que este cartão é padronizado e é cinza médio, portanto repasse esta informação para a sua câmera, coloque o fotômetro no centro - barrinha em zero - recomponha a cena (lembre-se para todos os testes se estiver em Av ou Tv - utilize o botão de bloqueio de exposição antes de recompor "*" pois senão a máquina mudará os parâmetros, no caso de fotografar em manual não é necessário) - registre a foto - veja o resultado - a parede se aproxima do branco, o cartão do cinza médio, etc..

Os testes podem parecer simples, e muitos podem pensar "não vou utilizar este cartão no dia a dia" - e realmente não irá, mas as informações fazendo os testes irão sedimentar, pelo menos foi assim comigo...

Outro detalhe - não utilize o flash nos testes. Depois de aprender os conceitos acima, aí começa outra luta para entender como o flash se comporta e interpreta a fotometria.. Bons estudos!!!
« Última modificação: 03 de Julho de 2015, 09:54:22 por ronaldom1 »
Observar os detalhes da vida: o céu, o sol, as expressões e olhares... fotografar é viver intensamente !

Flickr: https://www.flickr.com/photos/31091182@N04/


Luiz_Henrique

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 182
  • Sexo: Masculino
Resposta #20 Online: 03 de Julho de 2015, 10:18:17
Algumas dicas e pontos para que você possa refletir e depois procurar informação adicional.
(...)

 :worship:  :worship:  :worship:


Silvio Takahata

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.130
Resposta #21 Online: 03 de Julho de 2015, 10:38:49
Caro Gilberto, no início o entendimento da fotometria, realmente causa um nó na nossa cabeça !!
O link citado acima pelo Silvio é excelente e também aprendi muito com ele.
Algumas dicas e pontos para que você possa refletir e depois procurar informação adicional.

1- Ler e entender como o fotômetro da câmera trabalha, que ele lê a luz refletida e não a incidente. Como padrão o ponto "0" da barrinha de exposição significa uma exposição equivalente a um cinza médio (ou mais técnicamente que reflete 18% da luz) - não pense em cores, mas sim em tons - assim temos o amarelo claro, escuro e o médio e por aí vai.

2- Inicialmente em uma grande maioria de situações deixar o fotômetro no centro (zero) garante a foto, muitas vezes com boa exposição e é uma forma conservadora para não perder a foto (normalmente evita estouro nas altas luzes)

3- Conforme for refinando o conhecimento verá que muitas imagens ficarão "planas", sem contraste, sem graça e muitas sub expostas ao zerar o fotômetro...

4- Aqui começa a brincadeira: primeiro entenda como a câmera mede a luz e o que significa os modos matricial, ponderado ao centro, pontual, etc...

5- Utilizar o fotômetro em pontual é um exercício legal para "ler" a luz da cena, entender como cada objeto reflete de forma diferente a luz, etc..

6- Leia um pouco sobre o sitema de zonas do Ansel Adams, o conceito é importante para pensar em fotometria de forma mais precisa.

7- Compre um cartão cinza - olha muitos vão te falar que é bobeira - realmente não o utilizará no dia a dia, mas é muito legal utilizar o mesmo como exercício de aprendizagem.

8- Na foto que postou com a parede branca, poderia fazer o seguinte teste:

 - Colocar a câmera em medição pontual.
 - Imagine a sua barrinha de fotometro como uma escala onde o -2 (seria próximo ao preto) 0 (cinza) e o +2 (seria próximo ao branco).
  - O fotometro em pontual não mede a luz da cena, mas sim pontualmente do objeto que se encontra no centro do visor.
  - Pois bem deixe a sua câmera em modo monocromático (Preto e branco), preencha o centro do visor com a parede branca, e deixe o fotometro centralizado em ZERO (Barrinha no meio) - registre a foto e veja o resultado  a sua parede branca saíra na foto mais próxima do cinza (foi o que você disse para a sua câmera ao centralizar a barrinha)
   - Agora faça o mesmo procedimento acima e coloque o fotômetro em + 1 2/3 (última barrinha antes de chegar ao +2), veja a foto - a parede se parece mais com o branco - pois você disse para a sua câmera que ela era quase dois pontos mais clara que o cinza médio (fotômetro no centro)

    - Se tivesse o cartão cinza poderia fazer mais um teste interessante, cole ele na parede, e faça a fotometria (em modo manual preferencialmente ou AV e TV e depois bloqueio de exposição) com o cartão cinza preenchendo o centro do visor - aqui você já sabe que este cartão é padronizado e é cinza médio, portanto repasse esta informação para a sua câmera, coloque o fotômetro no centro - barrinha em zero - recomponha a cena (lembre-se para todos os testes se estiver em Av ou Tv - utilize o botão de bloqueio de exposição antes de recompor "*" pois senão a máquina mudará os parâmetros, no caso de fotografar em manual não é necessário) - registre a foto - veja o resultado - a parede se aproxima do branco, o cartão do cinza médio, etc..

Os testes podem parecer simples, e muitos podem pensar "não vou utilizar este cartão no dia a dia" - e realmente não irá, mas as informações fazendo os testes irão sedimentar, pelo menos foi assim comigo...

Outro detalhe - não utilize o flash nos testes. Depois de aprender os conceitos acima, aí começa outra luta para entender como o flash se comporta e interpreta a fotometria.. Bons estudos!!!
perfeito Ronaldom1!Essa de deixar em monocromatico eu nw sabia!Farei esse teste kkk
5D MK3
Canon 24-70 2.8L II
Canon 600ex-rt
YN568ex II


Rafa_Meira

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (2)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.202
  • Sexo: Masculino
Resposta #22 Online: 03 de Julho de 2015, 10:42:05

# Nao sei o termo correto, vou tentar explicar.

Aqui eu deixei a foptometria em zero, onde a camera disse que era o correto.

normal by Gilberto Farias Jr, no Flickr
ƒ/2.8  50.0 mm 1/400  400 Flash (desligado, não disparado)

# Aqui deixei acima (para a Direita) em +1

+1 by Gilberto Farias Jr, no Flickr
ƒ/2.8  50.0 mm 1/200  400 Flash (desligado, não disparado)

# Aqui deixei acima (para a Direita) em +2

+2 by Gilberto Farias Jr, no Flickr
ƒ/2.8  50.0 mm 1/100  400 Flash (desligado, não disparado)

Perceba que na primeira foto a parede não está branca e sim cinza. Em +1 já melhora mas em +2 passou do ponto. A parede é branca e nesse caso a fotometria correta seria em torno de +4/3 EV.
Lembre-se também que como o pessoal disse, o modo de medição também influi no resultado.


ronaldom1

  • Trade Count: (5)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.399
  • Sexo: Masculino
Resposta #23 Online: 03 de Julho de 2015, 10:51:22
Valeu Silvio, para mim foi interessante deixar o LCD em monocromático (P&B), fotografei assim por uns 3 meses, me ajudou a entender melhor a gradação dos tons na cena, os contrastes, sombras...

Quanto a medição de luz da cena, este é apenas um método, na verdade pode ser feito de várias formas, dependendo da prática e treinamento de cada um e se chegará a resultados excelentes.. o mais importante é entender a cena e como a máquina mede a luz...

Para mim, foi muito interessante descobrir que ao medir de de forma pontual um elemento da cena, definindo corretamente a exposição deste elemento, o restante da cena também fica nos tons corretos...

Acho que para a turma que começou com o analógico e utilizou fotômetro que media luz incidente, estas conclusões são mais naturais e simples de compreender - já que no final das contas em determinada cena e momento a luz que incide é a mesma sobre um objeto branco, preto, cinza, etc... o que muda é a capacidade de refletir esta luz em cada um deles... no meu caso que comecei em 2008 com fotografia por hobby, foi difícil entender...  :D :D

Excetuando a fotometria criativa, que aí é outro assunto.... tudo o que fazemos ao medir a luz, compensar a exposição, etc... é tentar nos aproximar ao máximo do cálculo da luz incidente naquela cena, de forma indireta, medindo a luz refletida para o fotômetro da nossa câmera.
« Última modificação: 03 de Julho de 2015, 10:51:49 por ronaldom1 »
Observar os detalhes da vida: o céu, o sol, as expressões e olhares... fotografar é viver intensamente !

Flickr: https://www.flickr.com/photos/31091182@N04/


ronaldom1

  • Trade Count: (5)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.399
  • Sexo: Masculino
Resposta #24 Online: 03 de Julho de 2015, 10:52:44
Perceba que na primeira foto a parede não está branca e sim cinza. Em +1 já melhora mas em +2 passou do ponto. A parede é branca e nesse caso a fotometria correta seria em torno de +4/3 EV.
Lembre-se também que como o pessoal disse, o modo de medição também influi no resultado.

 :ok: :ok: Isso mesmo!
Observar os detalhes da vida: o céu, o sol, as expressões e olhares... fotografar é viver intensamente !

Flickr: https://www.flickr.com/photos/31091182@N04/


Silvio Takahata

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.130
Resposta #25 Online: 03 de Julho de 2015, 10:54:22
Valeu Silvio, para mim foi interessante deixar o LCD em monocromático (P&B), fotografei assim por uns 3 meses, me ajudou a entender melhor a gradação dos tons na cena, os contrastes, sombras...

Quanto a medição de luz da cena, este é apenas um método, na verdade pode ser feito de várias formas, dependendo da prática e treinamento de cada um e se chegará a resultados excelentes.. o mais importante é entender a cena e como a máquina mede a luz...

Para mim, foi muito interessante descobrir que ao medir de de forma pontual um elemento da cena, definindo corretamente a exposição deste elemento, o restante da cena também fica nos tons corretos...

Acho que para a turma que começou com o analógico e utilizou fotômetro que media luz incidente, estas conclusões são mais naturais e simples de compreender - já que no final das contas em determinada cena e momento a luz que incide é a mesma sobre um objeto branco, preto, cinza, etc... o que muda é a capacidade de refletir esta luz em cada um deles... no meu caso que comecei em 2008 com fotografia por hobby, foi difícil entender...  :D :D

Excetuando a fotometria criativa, que aí é outro assunto.... tudo o que fazemos ao medir a luz, compensar a exposição, etc... é tentar nos aproximar ao máximo do cálculo da luz incidente naquela cena, de forma indireta, medindo a luz refletida para o fotômetro da nossa câmera.
:clap: :clap:
5D MK3
Canon 24-70 2.8L II
Canon 600ex-rt
YN568ex II


Ricardo Ghion

  • Trade Count: (28)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.965
  • Sexo: Masculino
Resposta #26 Online: 03 de Julho de 2015, 11:31:51
    De buenas?  :D
    Minhas perguntas abaixo vão parecer de novato inexperiente, não se assustem, é verdade... :hysterical:

    To começando agora e não tenho as manhas, sei que é importante ler livros, cursos, e etc.
    Mas não consigo aprender desta forma, preciso ver na pratica, e praticar, então vejo vídeos e participo aqui do fórum MF.  :D

    Vejam a foto abaixo, ela nao tem edição nenhuma, ainda nao aprendi a fuçar nos software da camera.

IMG_1212[1] by Gilberto Farias Jr, no Flickr

Canon EOS REBEL T5
EF-S18-55mm f/3.5-5.6 III
ƒ/5.6 
53.0 mm
1/80 
iso 400
Flash (desligado, não disparado)

  • Fotometria
Era 8 da manha e tava nublado.
A 18-55 em 53mm fecha o diafragma pra f5.6 entao eu estava com a lente mais aberta possivel.
A exposição ideal seria a cima de uns 1/125 eu acho, mas tive que por o obturador mais lento em 1/80 pra nao fica escuro.
Usei um iso 400 que pensei ate ser muito alto, mas sera q um 800 tinha ficado melhor? talvez eu pudesse por o obturador a 1/100 com iso 800?

  • Foco
A foto ta um pouco fora de foco, eu foquei no rosto da menina do meio.
Será que se eu tivesse fechado mais o diafragma, nao teria ficado mais focado?
Porem ai eu teria q diminuir o obturador lá pruns 1/60 e com criança se mechendo ia fica pior.

  • Enquadramento
Sei que ficou estranho.
Mas se eu deixasse as crianças retas na horizontal, eu iria pegar a parte de cima dos baloes que atras era um terreno aberto e feio, cheio de carros.

Outra coisa que me atrapalha nessa hora é o oculos que me afasta do viewfinder, e eu nao consigo ver as bordas do que estou fotografando, nesta foto por exemplo eu poderia ter deichado a menina da esquerda mais inteira e menos balão.

Neste caso eu acho que assim esta menos pior.
O q vcs acham, era melhor enquadrar somente as crianças e ficar torto, ou ficar reto mas com um fundo muito feio?

  • Flash
Neste caso o flash poderia ser usado? mesmo de dia? tinha ajudado a aumentar o obturador e manter a fotometrica correta?

Desde de ja Obrigado a todos  :D :D :D[/list]


A posição que vc esta (fotografo) na foto esta errada.
Ricardo Ghion


Gilberto Benasse

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 785
Resposta #27 Online: 03 de Julho de 2015, 15:33:09
Eu saí de uma sx240 com controles manuais para um canon 1000D, e confesso que estou começando do zero, imagine pegar uma SLR logo de cara. Nesse canal do youtube (existem outros também) tem muita informação e é bem didático:
https://www.youtube.com/user/BeginnersFotografia/videos


Canon T5i + 18-55mm stm +50mm stm + 24mm stm +55-250mm
Nex 3 + Nex C3 + 18-55mm + adaptador ef-emount


juniorbrxq

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 181
  • Sexo: Masculino
  • Aprendendo, sempre!
    • Lokona
Resposta #28 Online: 03 de Julho de 2015, 20:13:14
Opa, dicas valiosas, muito bom.  :ok: :ok: :ok:

Silvio, ronaldom1    :clap: :worship:
Muito bom, aprendendo muito.  :ok:

Essa das cores em -2.0.+2 , saber disso vai ajudar muito.
sitema de zonas do Ansel Adams, #partiu estudo, e testes.

Sobre a leitura, eu uso ela sempre em Matricial, vou começar a usar os tres modos para ver a diferença.


Ricardo
Sim, cagada de principiante  :D :D
Eu deveria ter movido as crianças mais pro lado onde eu nao tinha obstaculos entre nós, poderia ter usado a cam em 25mm com F3.5 e ter ficado reto, e na altura das crianças.


Gilberto Farias
T5 / 50mm / 18-55mm / YN568EXII
https://www.flickr.com/photos/orelhanos


juniorbrxq

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 181
  • Sexo: Masculino
  • Aprendendo, sempre!
    • Lokona
Resposta #29 Online: 03 de Julho de 2015, 20:14:15
Aprendendo mto nesse post!
Obrigada!!  :D

X2
 :D :D
Gilberto Farias
T5 / 50mm / 18-55mm / YN568EXII
https://www.flickr.com/photos/orelhanos