Autor Tópico: Quanto cobrar para fotografar um casamento?  (Lida 27854 vezes)

Douglas Ramos

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 25
  • Sexo: Masculino
Resposta #60 Online: 04 de Agosto de 2014, 11:59:06
Olá galera, bom dia.

Estou no começo também e fotografo a mais ou menos um ano, porém só faço ensaios de pessoas e pequenos eventos. Recebi de uma cliente um pedido de orçamento, porém o mesmo irá acontecer somente em 2016, alguém pode me ajudar?

Nos books que faço cobro entre R$400,00 à R$800,00 dependendo do produto final.

Agradeço desde já.

Abraços.


faelmayrink

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 28
Resposta #61 Online: 06 de Agosto de 2015, 10:24:33
Pessoal,
Sei que esse tópico é antigo, mas tenho um site com um texto específico sobre quanto cobrar na fotografia. Inclusive nele tem um ebook com um exemplo prático para precificar casamento. É claro que a formação de preços varia de acordo com a estratégia de cada um. Mas o texto pode ajudar a direcionar algumas pessoas que tem dúvida. http://fotografiamais.com.br/quanto_cobrar_na_fotografia.


guizaunzin

  • Trade Count: (1)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.625
  • Sexo: Masculino
  • http://www.saycheese.fot.br
    • Say Cheese Fotografia de Casamento
Resposta #62 Online: 06 de Agosto de 2015, 13:55:10
Pessoal,
Sei que esse tópico é antigo, mas tenho um site com um texto específico sobre quanto cobrar na fotografia. Inclusive nele tem um ebook com um exemplo prático para precificar casamento. É claro que a formação de preços varia de acordo com a estratégia de cada um. Mas o texto pode ajudar a direcionar algumas pessoas que tem dúvida. http://fotografiamais.com.br/quanto_cobrar_na_fotografia.

Eu costumo não gostar dessa forma de elaborar preços por causa de uma parte dela: 4 – Estabelecendo alvos

O que pode acontecer é simple: "vc vai estipular fazer 3 casamentos por mês e, por alguma crise no mercado ou por N fatores, vc vai conseguir fazer só 3 por ano!" Pronto, quebrou todo o seu planejamento.

Da primeira vez que me mostraram essa planilha achei show de bola. Até comecei a montar ela, mas quando cheguei nessa parte vi que não é fácil assim, simplesmente elaborar lá uma meta não significa que vc vá realmente conseguir atingir ela logo no começo.

Por isso eu preferi pesquisar outras pessoas do mercado, ver mais ou menos o ticket médio deles, calcular meus gastos e aí sim elaborar meu preço em cima disso.

Se alguém ler alguma abobrinha do que falei, me corrijam  :D
https://saycheese.fot.br

Fujifilm: X-T2 | X-T1 | X-E2 | XF 16mm F/2.8 R WR | XF 23mm f/2 R WR | XF 56mm f/1.2 R | Meike 35mm F/1.7
 DJI: Osmo Pocket


vangelismm

  • Trade Count: (7)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 9.069
  • Sexo: Masculino
    • MedinaFotografia
Resposta #63 Online: 06 de Agosto de 2015, 14:17:17
Eu costumo não gostar dessa forma de elaborar preços por causa de uma parte dela: 4 – Estabelecendo alvos

O que pode acontecer é simple: "vc vai estipular fazer 3 casamentos por mês e, por alguma crise no mercado ou por N fatores, vc vai conseguir fazer só 3 por ano!" Pronto, quebrou todo o seu planejamento.

Da primeira vez que me mostraram essa planilha achei show de bola. Até comecei a montar ela, mas quando cheguei nessa parte vi que não é fácil assim, simplesmente elaborar lá uma meta não significa que vc vá realmente conseguir atingir ela logo no começo.

Por isso eu preferi pesquisar outras pessoas do mercado, ver mais ou menos o ticket médio deles, calcular meus gastos e aí sim elaborar meu preço em cima disso.

Se alguém ler alguma abobrinha do que falei, me corrijam  :D

Sinceramente não vejo como fazer diferente.

Olhar o preço médio é loteria, você pode está tendo preju e só vai saber quando quebrar.
Como você calcula seu custo?
Se você só faz casamento, e só fez 3 no ano, com certeza ficou no prejuízo, o bom da planilha é que ela mostra isso logo.

O que eu acho difícil dessas planilhas é equilibrar a quantidade de ensaios e casamento, e o retorno em cima de cada um. Não sei se a sua tem esses campos de configurar quanto cada tipo de ensaio/evento traz de retorno em %.
"A perspectiva de uma imagem é controlada pela distância entre a lente e o assunto; mudando a distancia focal da lente muda o tamanho da imagem , mas não altera a perspectiva . Muitos fotógrafos ignoram este fato, ou não têm conhecimento de sua importância." -  Ansel Adams, Examples – The Making of 40 Photographs


faelmayrink

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 28
Resposta #64 Online: 09 de Agosto de 2015, 20:31:12
Guizauzin;

Muito interessante sua observação em cima do "estabelecer metas". E concordo contigo em partes. Claro que vc não falou besteira.

Mas pra isso acredito que tenhamos uma solução: o exemplo fala de 3 casamentos por mês. Mas para quem está começando, a pessoa precisa ser muito PÉ NO CHÃO, e estabelecer uma meta de acordo com o que ela pode alcançar.

Por exemplo: se eu estou começando agora, minha meta pode ser 2 eventos (gestante e família, por exemplo) por mês.

Mas aí vem a dúvida: E SE EU FIZER APENAS UM EVENTO NO MÊS?? É simples: a gente geralmente trabalha fazendo o cálculo POR ANO ... Nesse caso, teria uma meta de 24 eventos/ano... Isso me dá uma base muito boa para precificar meu trabalho, levando em conta os custos fixos, variáveis, depreciação de equipamento e impostos.

É claro que esse não é o UNICO caminho. O ideal é que nossa estratégia de preço tenha também o VALOR que oferecemos aos nossos clientes. E quanto mais valor oferecemos (bem intangível), mais conseguiremos aumentar nosso preço (o que não é fácil).

Eu criei um exemplo mais prático ainda do que o que está no site http://fotografiamais.com.br/quanto-cobrar-na-fotografia. Se alguém quiser, me fale que eu mando por email...

Espero ter esclarecido e ajudado ...


vangelismm

  • Trade Count: (7)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 9.069
  • Sexo: Masculino
    • MedinaFotografia
Resposta #65 Online: 09 de Agosto de 2015, 20:44:39
@faelmayrink
O site é seu? O link do ebook lá está fora.
"A perspectiva de uma imagem é controlada pela distância entre a lente e o assunto; mudando a distancia focal da lente muda o tamanho da imagem , mas não altera a perspectiva . Muitos fotógrafos ignoram este fato, ou não têm conhecimento de sua importância." -  Ansel Adams, Examples – The Making of 40 Photographs


faelmayrink

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 28
Resposta #66 Online: 09 de Agosto de 2015, 23:33:30
Vangelismm ... Fiz o teste aqui e deu certo. O site é meu sim.

Se der erro aí, tenta pelo http://fotografiamais.com.br/quanto-cobrar-na-fotografia

Fiz uns ajustes de links que estavam com underscore, e mudei para hífen. Pode ter sido esse o erro. Testa aí de novo ...


faelmayrink

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 28
Resposta #67 Online: 09 de Agosto de 2015, 23:36:03
@faelmayrink
O site é seu? O link do ebook lá está fora.

Acho que me expressei mal ... O ebook que está no site é o do exemplo mais complexo. Eu criei um outro exemplo mais simples, mas que não está no site. Para quem quiser esse exemplo mais simples, coloque aqui o email que eu mando ...


vangelismm

  • Trade Count: (7)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 9.069
  • Sexo: Masculino
    • MedinaFotografia
Resposta #68 Online: 10 de Agosto de 2015, 08:56:50
Consegui baixar o e-book no site.
De diferente do que faço só o tempo de depreciação, lá está 48 meses para corpo e 72 meses para lente.
Uso 36 meses para os dois, mas sempre achei pouco tempo para as lentes.
"A perspectiva de uma imagem é controlada pela distância entre a lente e o assunto; mudando a distancia focal da lente muda o tamanho da imagem , mas não altera a perspectiva . Muitos fotógrafos ignoram este fato, ou não têm conhecimento de sua importância." -  Ansel Adams, Examples – The Making of 40 Photographs


faelmayrink

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 28
Resposta #69 Online: 10 de Agosto de 2015, 09:34:37
Consegui baixar o e-book no site.
De diferente do que faço só o tempo de depreciação, lá está 48 meses para corpo e 72 meses para lente.
Uso 36 meses para os dois, mas sempre achei pouco tempo para as lentes.

Legal!!! As lentes geralmente duram mais que o corpo, né?

A precificação dessa forma é interessante, mas a gente sabe que não é a única forma, e nem a única estratégia. O melhor dos mundos é oferecermos VALOR pros nossos clientes nas mais diversas etapas do serviço. Como valor é INTANGÍVEL, se o cliente perceber que o benefício que ele tem com nosso trabalho é MAIOR que o custo que ele paga, aí conseguiremos precificar melhor nosso trabalho.