Autor Tópico: Cliente quer pagar o restante depois de ver as fotos. E aí?  (Lida 1588 vezes)

Tupiniquim

  • Trade Count: (5)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.274
  • Sexo: Masculino
    • Flickr
Resposta #15 Online: 17 de Novembro de 2015, 05:16:25
Não cai nessa não, pelo amor de Deus. A pessoa vai pegar suas fotos, encher o Facebook, imprimir 10x15 (mesmo que fique ruim) e vai vir com desculpinha: "Ai, sabe? É que deu uma complicada nas contas aqui, apertou esse mês, posso fazer o pedido mais pra frente?"
E o "mais pra frente" é o dia de São Nunca.

Eu fiz isso uma única vez. Pra nunca mais. Foi um aniversário de 15 anos, em 06/2013.

Até hoje não escolheram as fotos pro álbum, etc...

Eu ligo, cobro, reclamo, e nada...

Hoje, em ensaios eu tô fazendo à vista ou em duas vezes, com cheque pré-datado (e consultado).

Eventos, eu peço 30% de entrada pra reservar a data, e o restante parcelado com cheques ou notas promissórias, com a última vencendo antes do evento, sempre.



Ainda mais que contas de recén-casados são, por definição, complicadas!
T3i + Sigma 10-20; Sigma 17-50 f 2.8; Canon 55-250; 50 F 1.8
5D Mark II + 24-105; YN 35; 85 F 1.8; 70-200 f4 USM
580EX II x 2


The Punisher

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 71
  • Sexo: Masculino
Resposta #16 Online: 18 de Novembro de 2015, 19:18:11
Trabalhe só com boleto bancário para até 60 dias após a data do evento, isso se tiver album no contrato, se não só 15 dias antes do evento, cheque hoje em dia não vale nada, no meu caso como uso Itaú eles cobram juros, multa e no prazo determinado negativam a pessoa, é aquele inferno de banco ligando e mandando correspondência, banco não brinca em serviço, ou então por cartão, o grande problema é que esse povo se endivida e penhora até as cuecas pra pagar buffet, decoração e tal, o fotógrafo é sempre o que toma naquele lugar, depois que passa o tesão da festa também passa a vontade de pagar, abre o olho.


The Punisher

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 71
  • Sexo: Masculino
Resposta #17 Online: 18 de Novembro de 2015, 19:21:09
Só aceito pagamento no dia de empresas grandes, algumas multinacionais que trabalho, é uma relação mais complexa.


vangelismm

  • Trade Count: (7)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 8.847
  • Sexo: Masculino
    • MedinaFotografia
Resposta #18 Online: 18 de Novembro de 2015, 21:25:24
Trabalhe só com boleto bancário para até 60 dias após a data do evento, isso se tiver album no contrato, se não só 15 dias antes do evento, cheque hoje em dia não vale nada, no meu caso como uso Itaú eles cobram juros, multa e no prazo determinado negativam a pessoa, é aquele inferno de banco ligando e mandando correspondência, banco não brinca em serviço, ou então por cartão, o grande problema é que esse povo se endivida e penhora até as cuecas pra pagar buffet, decoração e tal, o fotógrafo é sempre o que toma naquele lugar, depois que passa o tesão da festa também passa a vontade de pagar, abre o olho.

Como funciona isso do boleto?
"A perspectiva de uma imagem é controlada pela distância entre a lente e o assunto; mudando a distancia focal da lente muda o tamanho da imagem , mas não altera a perspectiva . Muitos fotógrafos ignoram este fato, ou não têm conhecimento de sua importância." -  Ansel Adams, Examples – The Making of 40 Photographs


The Punisher

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 71
  • Sexo: Masculino
Resposta #19 Online: 19 de Novembro de 2015, 10:07:30
Como funciona isso do boleto?

Bom dia vangelismm, só sei sobre o itaú, que é o que trabalho, lá você com conta pessoa física pode emitir boletos em nome dos clientes, precisa de dados, como CPF endereço e tal, mas isso se consegue no contrato, você pode fazer um boleto de valor unico ou varios, no caso de parcelamento, e tem opções de cobrança de multa e juros padrão ou definidas por você, e você pode enviar por email diretamente do itaú, ou em PDF ou por correios, pago R$ 8,00 mensais por taxa de cobrança, se a pessoa não pagar até o vencimento em qualquer banco ou lotérica, vai ter que emitir um novo com os valores atualizados, o sistema de protesto e cobrança tem que ser contratado a parte com seu gerente, eu ainda não fiz isso pois não tive problema (até agora), mas acredito ser barato e simples, dai no caso você pode negativar automaticamente com prazo estipulado e acionar a cobrança do banco, que é um pé no saco.

Prefiro essa forma também pois o banco sabe de onde está vindo o dinheiro (e a receita também kkk) gosto de colocar cada valor em conta, isso contabiliza pontos para o banco te ver com bons olhos e ceder crédito.

Odeio cheque, ter que ficar indo a banco, pior ainda é quando não tem fundos e você pega aquela fila medonha de inicio de mês por causa de cheque cruzado, prefiro dar comodidade aos meus clientes pagando através do Internet Banking, smartphone ou cartão de crédito mesmo, mas parece que a maioria não quer usar o limite com o fotógrafo ultimamente kkk, faz muuuuuito tempo que não recebo em cartão.

abraço!


Roberto Dellano

  • Trade Count: (11)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.040
  • Sexo: Masculino
  • RTFM
    • Roberto Dellano Fotografia
Resposta #20 Online: 19 de Novembro de 2015, 13:10:55
Eu emito meus boletos pelo sistema F2B ( www.f2b.com.br) faço tudo pela internet e transfiro para uma conta no banco, da pra enviar boletos e carnês, só não tem como protestar.


vangelismm

  • Trade Count: (7)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 8.847
  • Sexo: Masculino
    • MedinaFotografia
Resposta #21 Online: 19 de Novembro de 2015, 14:48:01
Bom dia vangelismm, só sei sobre o itaú, que é o que trabalho, lá você com conta pessoa física pode emitir boletos em nome dos clientes, precisa de dados, como CPF endereço e tal, mas isso se consegue no contrato, você pode fazer um boleto de valor unico ou varios, no caso de parcelamento, e tem opções de cobrança de multa e juros padrão ou definidas por você, e você pode enviar por email diretamente do itaú, ou em PDF ou por correios, pago R$ 8,00 mensais por taxa de cobrança, se a pessoa não pagar até o vencimento em qualquer banco ou lotérica, vai ter que emitir um novo com os valores atualizados, o sistema de protesto e cobrança tem que ser contratado a parte com seu gerente, eu ainda não fiz isso pois não tive problema (até agora), mas acredito ser barato e simples, dai no caso você pode negativar automaticamente com prazo estipulado e acionar a cobrança do banco, que é um pé no saco.

Prefiro essa forma também pois o banco sabe de onde está vindo o dinheiro (e a receita também kkk) gosto de colocar cada valor em conta, isso contabiliza pontos para o banco te ver com bons olhos e ceder crédito.

Odeio cheque, ter que ficar indo a banco, pior ainda é quando não tem fundos e você pega aquela fila medonha de inicio de mês por causa de cheque cruzado, prefiro dar comodidade aos meus clientes pagando através do Internet Banking, smartphone ou cartão de crédito mesmo, mas parece que a maioria não quer usar o limite com o fotógrafo ultimamente kkk, faz muuuuuito tempo que não recebo em cartão.

abraço!

Perguntei pois tenho Itau e estou com 2 cheques borrachudos aqui.
Que o máximo que fiz foi depositar novamente para colocar a pessoa no CCF, não tenho tempo para ficar indo em cartório protestar.
"A perspectiva de uma imagem é controlada pela distância entre a lente e o assunto; mudando a distancia focal da lente muda o tamanho da imagem , mas não altera a perspectiva . Muitos fotógrafos ignoram este fato, ou não têm conhecimento de sua importância." -  Ansel Adams, Examples – The Making of 40 Photographs