Autor Tópico: Fluxo de trabalho com gravador de audio externo  (Lida 634 vezes)

bruno_sfc

  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 937
  • Sexo: Masculino
Online: 07 de Agosto de 2016, 10:07:09
Pessoal, bom dia!

Estive pesquisando um pouco sobre gravadores externos mais econômicos e achei algumas soluções interessantes para a faixa de preço que pretendo investir.

Tem uma dúvida que não consegui informação em nenhum lugar: qual a melhor maneira de trabalhar com gravador externo?

Eu entendo que uma claquete para sincronizar o audio depois é fundamental, mas consigo fazer isso também apenas aparecendo no vídeo e batendo palmas? Existe uma configuração ideal (96kHz/24-bit ,48kHz/24-bit, ou 44.1kHz/16-bit)? Qual a maneira mais comum de organizar os arquivos de audio na gravação de um trabalho? Ouvi dizer que tem um plugin que faz isso automaticamente, confere?

Desde já agradeço quem puder me ajudar!
« Última modificação: 07 de Agosto de 2016, 10:07:32 por bruno_sfc »


bruno_sfc

  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 937
  • Sexo: Masculino
Resposta #1 Online: 07 de Agosto de 2016, 14:43:31
Ninguém? ;)


bruno_sfc

  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 937
  • Sexo: Masculino
Resposta #2 Online: 07 de Agosto de 2016, 22:22:33
Achei um vídeo legal falando de um aplicativo/plugin super interessante que faz a sincronia automática dos audios com os vídeos:


Alguém aqui usa? É tudo isso mesmo?


NATTIS

  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.230
  • Sexo: Masculino
Resposta #3 Online: 05 de Setembro de 2016, 09:07:00
 44.1kHz/16-bit é mais do que suficiente. O negócio é ter um bom condensador e saber usar para não estourar o áudio, ou aumentar muito a sensibilidade e criar ruido de fundo. Eu não faço vídeo com áudio separado, mas para mim mesmo bateria palma para sincronismo e salvava o vídeo com o áudio. 


bruno_sfc

  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 937
  • Sexo: Masculino
Resposta #4 Online: 05 de Setembro de 2016, 10:23:26
44.1kHz/16-bit é mais do que suficiente. O negócio é ter um bom condensador e saber usar para não estourar o áudio, ou aumentar muito a sensibilidade e criar ruido de fundo. Eu não faço vídeo com áudio separado, mas para mim mesmo bateria palma para sincronismo e salvava o vídeo com o áudio.

Obrigado pela resposta!

Desde a criação do vídeo até agora já aprendi algumas coisas, é um universo novo e existem muitos detalhes a se considerar. A sua dica faz muito sentido, mas pra sincronizar eu estou usando o PluralEyes — com ele não há necessidade de picos sonoros para efetuar a sincronia na pós. :ok: