Autor Tópico: Correios do Brasil sil sil sil ZZZZzzz.....  (Lida 67674 vezes)

ramonrios

  • Trade Count: (1)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 170
  • Sexo: Masculino
Resposta #660 Online: 30 de Agosto de 2020, 10:41:31
É complicado criticar sem saber a real situação dos trabalhadores.
Vi que a greve veio depois de uma proposta de mudança nos rendimentos deles, com retirada de alguns benefícios.
Daí é pra lascar... Os caras estão se expondo e mantendo o serviço (que hoje é mais importante do que nunca) e o governo quer meter a mão neles... É pra entrar em greve mesmo.
Como já disseram, existem várias opções de transportadoras.. é só cotar o frete nelas pra ver a importância dos Correios.
Não vejo os correios como uma empresa ineficiente. Como qualquer estatal tem seus problemas, e essa política de sucateamento tende a tornar mais ineficiente ainda...

Enviado pelo Tapatalk - talvez por isso, com erro de português.
Parabéns pelo comentário sensato. É muito fácil criticar de fora. Ninguém aqui faz ideia do que acontece lá dentro de fato, cada um fala uma coisa, mas ninguém tem uma resposta.
1. Muita gente que reclama de funcionário público, pede privatização, se tivesse oportunidade queria estar lá. Existem muitos funcionários ruins, mas isso não é regra, o problema é o sistema.
2. Cargos de gestão por indicação política. Não existe meritocracia, aqui vc vira "chefe" se tiver partido político. O presidente dos correios é um general do exército, o que uma bosta dessa entende de administração!? Exemplo simples e claro.
3. Monopólio. Setor que dá grana é encomendas, não existe monopólio. Fatura de cartão e essas propagandas que ainda recebemos custa menos que R$ 0,30. Tem noção do que é isso? Encomendas que é a menina dos olhos, todo dia brota um concorrente. Problema que como a postagem sobre valores, querem a mesma eficiência de uma empresa privada, cobrando 1 terço do preço. Complicado.
4. Muitos tem a ilusão que as transportadoras são melhores. O problema que elas atendem trechos específicos (e lucrativos), e a medida que crescem, os problemas tbm crescem. É tudo proporcional. Só ver aí as entregas do MercadoLivre, tirou do correio mas a medida que aumenta só piora.
5. Momento de pandemia, não é hora de fazer greve, agora que a população mais precisa, agora todo mundo vai querer que privatiza e blá-blá-blá. Greve não muda nada, cada um já tem sua opinião formada, além de que muitos acham que privatizar o Brasil é a solução. Seguidores de um governante ignorante, idiota, tão ruim qto muitos que passaram por essa cadeira. Não podemos esquecer que somos um país pobre e de terceiro mundo.
6. Alguém aqui sabe que o acordo coletivo celebrado ano passado, 2019, tinha validade até julho/2021? Alguém sabe que esse ano não teria nenhuma correção no salário? Alguém sabe que o acordo foi celebrado no TST, e a empresa foi até o STF e conseguiu anular o acordo perdendo a validade em julho/2020? Alguém aqui sabe que o que muitos chamam de privilégio, foram benefícios dados em troca de aumento salarial? Alguém aqui sabe o salário inicial de um carteiro, atendente (1800,00)? Alguém aqui sabe que o acordo coletivo tem 79 cláusulas e os correios quer tirar 70 (nesse cenário o texto só garante o salário)? Pode parecer as mil maravilhas, mas não é bem assim.
7. Para quem disse que se não estiver bom é só sair, quero lembrar que não vivemos em um país que dá oportunidades iguais para todos. Se tem gente que luta pra garantir o seu emprego, é pq ali na esquina não tem outro. E cada classe que desiste, abre espaço para que seja cada vez pior. Sempre tem um que faz mais barato, até chegar ao ponto que vc paga pra trabalhar. Temos que nivelar por cima, não por baixo.
8. Todos falam em monopólio, mas é engraçado. Exemplo: estou no MercadoLivre olhando um produto para comprar. Pq o MercadoLivre não me dá opções de frete? Onde moro teoricamente eu teria umas 5 opções de envio, mas no MercadoLivre só tenho uma opção. Deveríamos ter opções não acham?
9. Aos nervosos de plantão, podem ficar tranquilos. A privatização vai chegar, mais cedo ou mais tarde. Mas enquanto não chega é só utilizar outra transportadora.
10. Sou funcionário, sei do que estou falando, não é nenhum achismo.

Nando, me desculpa usar seu comentário, escrever muito, e obrigado pela sensatez.

Enviado de meu SM-G975F usando o Tapatalk

Sony Nex-F3 + 18-55mm do kit + Sel50f18 + Sel55210 + Pentacon 29mm F2.8 + Flash HVL-F20S + YN560II
https://www.flickr.com/photos/ramonrios/


Rick99

  • Trade Count: (4)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.263
  • Sexo: Masculino
  • Amador
Resposta #661 Online: 30 de Agosto de 2020, 11:14:02
Se não estou enganado existem impostos e taxas que as empresas couriers tem que pagar e os correios br não... isso que querem que acabe... privatizar só iria acabar com cabide de emprego mas a concorrência não.

Não está enganado: os Correios são isentos de todos os impostos. É um dos motivos pelo qual as transportadoras geralmente cobrem mais caro (essas têm que pagar os impostos). Se privatizar, provavelmente essa imunidade acabará e encarecerá os envios. Isso só prova a incompetência da empresa, pois mesmo isento de impostos, não consegue progredir e permite que a concorrência tome conta dos pontos mais rentáveis.
O que dá lucro são os envios de capital para capital, principalmente quando envolve a região Sudeste. Por isso muitas transportadoras já fazem o serviço dos Correios nessa região. Aqui em SP, o Mercado Livre entrega parte dos produtos ou os compradores optam por motoboys ou Uber Flash. O serviço "deficitário" fica a cargo dos correios (entregas para grandes distâncias e de difícil acesso).

E todos nós sabemos pq a empresa está nesse buraco...basta pesquisar sobre a reserva que tinha em 2011 e como ficou em 2017 e tbm sobre a Postalis... :D

http://g1.globo.com/economia/noticia/2013/02/correios-sao-isentos-de-impostos-em-todos-os-servicos-decide-stf.html#:~:text=O%20Supremo%20Tribunal%20Federal%20(STF,cobran%C3%A7a%20e%20recebimento%20de%20t%C3%ADtulos.




nandoespinosa

  • Trade Count: (3)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.941
  • Sexo: Masculino
    • Nando Espinosa Fotografia
Resposta #662 Online: 30 de Agosto de 2020, 11:51:35
Há vários aspectos sobre privatizações que podemos debater aqui por muitas e muitas páginas.
Mas de uma forma geral, é importante lembrar que se trata de uma política. Aliada a interesses externos. E que muitas vezes começa por criar a situação para que "vender" seja a única saída.
Falam em privatizar Correios, Caixa, BB, etc. Mas qual o sentido de vender uma empresa que dá lucro? Como ocorreu no caso da Embraer.
Cria-se a ideia de ineficiência, de cabide de emprego, de funcionários inúteis. E o povo compra essa ideia. Como se a outra opção fosse melhor pro consumidor (o que normalmente é uma baita de uma mentira).
Eu entendo que não deveriam haver cargos de indicação na estatais.
Até por que há concurso pra isso.
Mas vejam o que esse governo fez com o ICMBio, por exemplo. Tirou todos os técnicos. Colocou cupinchas lá dentro. Agora segurou uma parte considerável do orçamento e já está passando pro Ministério da Defesa - sim da DEFESA - o controle e monitoramento do desmatamento.
Alguém aí tem alguma dúvida que no ano que vêm eles irão considerar que o ICMBio é ineficiente e portanto inútil?
Como disse anteriormente, isso é parte de um projeto. Um planejamento de enfraquecimento do Estado em áreas onde ele pode atrapalhar interesses externos.
Brasil acima de todos é uma enorme mentira que nos contam. Pois os mesmos que bradam isso, batem continência pra bandeira americana. Assim como alguns pastores matam em nome de Deus.
Vivemos numa época onde a mentira é aceitável. Mesmo vindo da boca dos que se dizem ilibados.
Desculpem o enorme desabafo off topic. Mas eu meio que perdi a crença na humanidade.


Enviado pelo Tapatalk - talvez por isso, com erro de português.
« Última modificação: 30 de Agosto de 2020, 11:52:50 por nandoespinosa »


Vinicius Lima

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 331
  • Sexo: Masculino
Resposta #663 Online: 30 de Agosto de 2020, 12:26:02
 
Cria-se a ideia de ineficiência, de cabide de emprego, de funcionários inúteis. E o povo compra essa ideia.

Jura que você acredita que isso é conversa fiada somente para favorecer interesses externos? :shock:
Essa é a velha escola de eleger um vilão intangível para colocar a culpa por nossos próprios erros.
Sou servidor público há 32 anos (e não funcionário público), concursado, que nunca ocupou cargo comissionado, e lhe digo que não existe concentração maior de vagabundos, incompetentes, incapazes e ladrões. Você ACHA que sabe o que é o "funcionalismo público"? Garanto que você não sabe.
E não, maus funcionários não são exceção, mas sim a regra absoluta, onde 8 entre cada 10 acham que o povo existe somente para custear salários e que na verdade só reclama de pagar a conta porque não está lá também mamando na teta.
No funcionalismo público existe a máxima de que só é errado quando eu não levo vantagem. Ou ainda que deve-se mesmo acabar com os privilégios dos outros, desde que não mexam nos meus.
Desculpe desapontá-lo, mas essa é a realidade, e SERVIDORES PÚBLICOS conscientes de seu papel de servo perante a sociedade são raros. A maioria se considera senhor do público.
Sou SERVIDOR PÚBLICO e sei o que estou falando. ;)

Grande abraço.


ramonrios

  • Trade Count: (1)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 170
  • Sexo: Masculino
Resposta #664 Online: 30 de Agosto de 2020, 12:37:08
Há vários aspectos sobre privatizações que podemos debater aqui por muitas e muitas páginas.
Mas de uma forma geral, é importante lembrar que se trata de uma política. Aliada a interesses externos. E que muitas vezes começa por criar a situação para que "vender" seja a única saída.
Falam em privatizar Correios, Caixa, BB, etc. Mas qual o sentido de vender uma empresa que dá lucro? Como ocorreu no caso da Embraer.
Cria-se a ideia de ineficiência, de cabide de emprego, de funcionários inúteis. E o povo compra essa ideia. Como se a outra opção fosse melhor pro consumidor (o que normalmente é uma baita de uma mentira).
Eu entendo que não deveriam haver cargos de indicação na estatais.
Até por que há concurso pra isso.
Mas vejam o que esse governo fez com o ICMBio, por exemplo. Tirou todos os técnicos. Colocou cupinchas lá dentro. Agora segurou uma parte considerável do orçamento e já está passando pro Ministério da Defesa - sim da DEFESA - o controle e monitoramento do desmatamento.
Alguém aí tem alguma dúvida que no ano que vêm eles irão considerar que o ICMBio é ineficiente e portanto inútil?
Como disse anteriormente, isso é parte de um projeto. Um planejamento de enfraquecimento do Estado em áreas onde ele pode atrapalhar interesses externos.
Brasil acima de todos é uma enorme mentira que nos contam. Pois os mesmos que bradam isso, batem continência pra bandeira americana. Assim como alguns pastores matam em nome de Deus.
Vivemos numa época onde a mentira é aceitável. Mesmo vindo da boca dos que se dizem ilibados.
Desculpem o enorme desabafo off topic. Mas eu meio que perdi a crença na humanidade.


Enviado pelo Tapatalk - talvez por isso, com erro de português.
Problema: nós não temos um projeto de país, temos um projeto de governo onde cada um pensa somente no seu próprio umbigo. Ou seja, cada vez que muda começamos tudo de novo.

Enviado de meu SM-G975F usando o Tapatalk
« Última modificação: 30 de Agosto de 2020, 12:38:12 por ramonrios »
Sony Nex-F3 + 18-55mm do kit + Sel50f18 + Sel55210 + Pentacon 29mm F2.8 + Flash HVL-F20S + YN560II
https://www.flickr.com/photos/ramonrios/


nandoespinosa

  • Trade Count: (3)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.941
  • Sexo: Masculino
    • Nando Espinosa Fotografia
Resposta #665 Online: 30 de Agosto de 2020, 12:39:29

Jura que você acredita que isso é conversa fiada somente para favorecer interesses externos? :shock:
Essa é a velha escola de eleger um vilão intangível para colocar a culpa por nossos próprios erros.
Sou servidor público há 32 anos (e não funcionário público), concursado, que nunca ocupou cargo comissionado, e lhe digo que não existe concentração maior de vagabundos, incompetentes, incapazes e ladrões. Você ACHA que sabe o que é o "funcionalismo público"? Garanto que você não sabe.
E não, maus funcionários não são exceção, mas sim a regra absoluta, onde 8 entre cada 10 acham que o povo existe somente para custear salários e que na verdade só reclama de pagar a conta porque não está lá também mamando na teta.
No funcionalismo público existe a máxima de que só é errado quando eu não levo vantagem. Ou ainda que deve-se mesmo acabar com os privilégios dos outros, desde que não mexam nos meus.
Desculpe desapontá-lo, mas essa é a realidade, e SERVIDORES PÚBLICOS conscientes de seu papel de servo perante a sociedade são raros. A maioria se considera senhor do público.
Sou SERVIDOR PÚBLICO e sei o que estou falando. ;)

Grande abraço.

Então Vinicius. Tu está falando em causa própria.
Vendo pelo TEU ponto de vista.
Meu pai, tio, sogro e sogra foram funcionários públicos. Os quatro exemplos que tenho são de pessoas que se dedicaram em suas profissões.
Mas cada um passa a experiência mais próxima de si, né? É disso que se faz um debate.

Abraço.

Enviado pelo Tapatalk - talvez por isso, com erro de português.
« Última modificação: 30 de Agosto de 2020, 12:40:16 por nandoespinosa »


ramonrios

  • Trade Count: (1)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 170
  • Sexo: Masculino
Resposta #666 Online: 30 de Agosto de 2020, 12:44:44

Jura que você acredita que isso é conversa fiada somente para favorecer interesses externos? :shock:
Essa é a velha escola de eleger um vilão intangível para colocar a culpa por nossos próprios erros.
Sou servidor público há 32 anos (e não funcionário público), concursado, que nunca ocupou cargo comissionado, e lhe digo que não existe concentração maior de vagabundos, incompetentes, incapazes e ladrões. Você ACHA que sabe o que é o "funcionalismo público"? Garanto que você não sabe.
E não, maus funcionários não são exceção, mas sim a regra absoluta, onde 8 entre cada 10 acham que o povo existe somente para custear salários e que na verdade só reclama de pagar a conta porque não está lá também mamando na teta.
No funcionalismo público existe a máxima de que só é errado quando eu não levo vantagem. Ou ainda que deve-se mesmo acabar com os privilégios dos outros, desde que não mexam nos meus.
Desculpe desapontá-lo, mas essa é a realidade, e SERVIDORES PÚBLICOS conscientes de seu papel de servo perante a sociedade são raros. A maioria se considera senhor do público.
Sou SERVIDOR PÚBLICO e sei o que estou falando. ;)

Grande abraço.
Vc nunca ocupou cargo comissionado pq vc é um servidor público e não foi para o lado negro, que é a incompetência em forma de indicações políticas. Assim como vc, eu tbm nunca ocupei cargo algum por indicação. O problema do serviço público não são as pessoas, é o sistema. É necessário um choque de gestão para mudar, trazendo ideias da iniciativa privada para gestão de pessoas, contratação, treinamento, avaliação de desempenho e até demissão. Pessoas ruins estão em todas as profissões, mas no serviço público elas se sentem protegidas.

Enviado de meu SM-G975F usando o Tapatalk

Sony Nex-F3 + 18-55mm do kit + Sel50f18 + Sel55210 + Pentacon 29mm F2.8 + Flash HVL-F20S + YN560II
https://www.flickr.com/photos/ramonrios/


ramonrios

  • Trade Count: (1)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 170
  • Sexo: Masculino
Resposta #667 Online: 30 de Agosto de 2020, 12:50:09
Não está enganado: os Correios são isentos de todos os impostos. É um dos motivos pelo qual as transportadoras geralmente cobrem mais caro (essas têm que pagar os impostos). Se privatizar, provavelmente essa imunidade acabará e encarecerá os envios. Isso só prova a incompetência da empresa, pois mesmo isento de impostos, não consegue progredir e permite que a concorrência tome conta dos pontos mais rentáveis.
O que dá lucro são os envios de capital para capital, principalmente quando envolve a região Sudeste. Por isso muitas transportadoras já fazem o serviço dos Correios nessa região. Aqui em SP, o Mercado Livre entrega parte dos produtos ou os compradores optam por motoboys ou Uber Flash. O serviço "deficitário" fica a cargo dos correios (entregas para grandes distâncias e de difícil acesso).

E todos nós sabemos pq a empresa está nesse buraco...basta pesquisar sobre a reserva que tinha em 2011 e como ficou em 2017 e tbm sobre a Postalis... :D

http://g1.globo.com/economia/noticia/2013/02/correios-sao-isentos-de-impostos-em-todos-os-servicos-decide-stf.html#:~:text=O%20Supremo%20Tribunal%20Federal%20(STF,cobran%C3%A7a%20e%20recebimento%20de%20t%C3%ADtulos.
É só ler a matéria e entender o motivo disso. Vc acha que teria uma centena de transportadoras para fazer a mesma coisa sem ter lucro, com o volume e tamanho gigantesco dos correios, quando a taxa de retorno apenas de onde é lucrativo é muito melhor. É claro que tem de haver incentivo.

Enviado de meu SM-G975F usando o Tapatalk

Sony Nex-F3 + 18-55mm do kit + Sel50f18 + Sel55210 + Pentacon 29mm F2.8 + Flash HVL-F20S + YN560II
https://www.flickr.com/photos/ramonrios/


Vinicius Lima

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 331
  • Sexo: Masculino
Resposta #668 Online: 30 de Agosto de 2020, 13:30:06
Vc nunca ocupou cargo comissionado pq vc é um servidor público e não foi para o lado negro, que é a incompetência em forma de indicações políticas. Assim como vc, eu tbm nunca ocupei cargo algum por indicação. O problema do serviço público não são as pessoas, é o sistema. É necessário um choque de gestão para mudar, trazendo ideias da iniciativa privada para gestão de pessoas, contratação, treinamento, avaliação de desempenho e até demissão. Pessoas ruins estão em todas as profissões, mas no serviço público elas se sentem protegidas.

Enviado de meu SM-G975F usando o Tapatalk

Então concordamos em tudo.  :ok: No serviço público a turma se sente intocável, e como consequência desobrigada a produzir e dar o retorno que a sociedade merece.
Mas não dá para mudar o sistema sem mudar quem o criou, mantém e dele usufrui. Ou seja, as pessoas.

Abração.


Vinicius Lima

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 331
  • Sexo: Masculino
Resposta #669 Online: 30 de Agosto de 2020, 13:35:45
Então Vinicius. Tu está falando em causa própria.
Vendo pelo TEU ponto de vista.
Meu pai, tio, sogro e sogra foram funcionários públicos. Os quatro exemplos que tenho são de pessoas que se dedicaram em suas profissões.
Mas cada um passa a experiência mais próxima de si, né? É disso que se faz um debate.

Abraço.

Não, meu caro. Não estou falando em causa própria, pois se assim o estivesse endossaria sua manifestação.
Estou falando em causa daqueles que pagam o meu salário, a quem sirvo com muita satisfação.
Quanto aos seus familiares que foram servidores dedicados, meus sinceros parabéns (de verdade) :clap:. Mas dizer que eles foram uma regra, e não exceção, não condiz em cenário algum com a realidade. Infelizmente.

Grande e forte abraço. :ok: