Autor Tópico: Panasonic Full Frame a caminho...  (Lida 2913 vezes)

adrianof14

  • Trade Count: (7)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 809
  • Sexo: Masculino
  • A Fotografia é um ato de resistência.
Resposta #15 Online: 02 de Setembro de 2018, 11:45:06
a G9 já tem um corpo de FF mesmo. muito grande pros padrões MFT!
é só a pana botar um sensor FF ali e correr pro abraço,  :hysterical:
Adriano Ferreira
https://www.flickr.com/photos/adrianof14/

"Resistir ao ruído, à palavra, ao rumor pelo silêncio da foto - resistir ao movimento, ao fluxo e à aceleração pela imobilidade da fot


Fábio Kruschewsky Lemos

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 226
Resposta #16 Online: 02 de Setembro de 2018, 12:21:34
Agora quando fui a Huaraz me assustei, muita Olympus e Panasonic.

Também estive em uma feira fotográfica patrocinada pela Panasonic.

Vou dizer a você o mesmo que disse ao Thales mais cedo:

Não tire nossos costumes pelo mundo. Lá fora a turma usa sim, se não fosse assim já teria sido enterrado esse sistema.

Na Itália e em Portugal vi que muitos utilizavam câmeras Olympus e Panasonic (e Fuji X também, rsrs).

Na FNAC de Lisboa (Armazéns do Chiado) ví câmeras M4/3 e Fuji topo de linha expostas nas vitrines!

Em Óbidos, no final de 2016, um turista japonês me pediu para tirar uma foto dele, no alto da muralha que cerca a cidade, tendo o Castelo de Óbidos ao fundo, usando a sua câmera.  A câmera que ele estava usando era uma Olympus EM-5.  Vi que vários turistas utilizavam câmeras M4/3.

Em fevereiro de 2017, em uma lojinha "perdida" em uma calle de Veneza, a meio caminho ente Rialto e a Piazza di San Marco,  estava exposta na vitrine toda a linha Fuji X (incluíndo uma linda XF 100-400mm e as Fuji X-T20, que tinham sido anunciadas no mês anterior :o).

Durante o Carnevale di Venezia, vi muitos utilizando M4/3 e Fuji.


Voltando ao formato M4/3, verifiquei que tal formato realmente teve uma aceitação muito boa nos mercados!

E, muitos profissionais usam estas câmeras; exclusivamente ou em combinação com outros sistemas / marcas.


Uma nota!  Quando eu falo "mercados" em meus textos, sempre estarei me referindo especificamente a:

América do Norte (leia-se Estados Unidos e Canadá);
Europa;
Oriente Médio;
Oceania;
Ásia / Pacífico


Não por acaso, a maioria dos países localizados nas regiões acima citadas possuem mercados bastante dinâmicos (e não apenas na área da fotografia...).

Todas as economias mais fortes e dinâmicas do planeta estão nas regiões acima citadas. E, os países com forte cultura fotográfica / artes visuais e gráficas estão todos localizados nas mesmas regiões!

Coincidência?!   Acho que não...


O Brasil - quer gostem ou não; quer aceitem ou não - não é referência para o mercado fotográfico (e, provavelmente, nunca será :( :no: )


cfcsosa

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (3)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.328
  • Sexo: Masculino
Resposta #17 Online: 02 de Setembro de 2018, 12:23:45
Na Itália e em Portugal vi que muitos utilizavam câmeras Olympus e Panasonic (e Fuji X também, rsrs).

Na FNAC de Lisboa (Armazéns do Chiado) ví câmeras M4/3 e Fuji topo de linha expostas nas vitrines!

Em Óbidos, no final de 2016, um turista japonês me pediu para tirar uma foto dele, no alto da muralha que cerca a cidade, tendo o Castelo de Óbidos ao fundo, usando a sua câmera.  A câmera que ele estava usando era uma Olympus EM-5.  Vi que vários turistas utilizavam câmeras M4/3.

Em fevereiro de 2017, em uma lojinha "perdida" em uma calle de Veneza, a meio caminho ente Rialto e a Piazza di San Marco,  estava exposta na vitrine toda a linha Fuji X (incluíndo uma linda XF 100-400mm e as Fuji X-T20, que tinham sido anunciadas no mês anterior :o).

Durante o Carnevale di Venezia, vi muitos utilizando M4/3 e Fuji.


Voltando ao formato M4/3, verifiquei que tal formato realmente teve uma aceitação muito boa nos mercados!

E, muitos profissionais usam estas câmeras; exclusivamente ou em combinação com outros sistemas / marcas.


Uma nota!  Quando eu falo "mercados" em meus textos, sempre estarei me referindo especificamente a:

América do Norte (leia-se Estados Unidos e Canadá);
Europa;
Oriente Médio;
Oceania;
Ásia / Pacífico


Não por acaso, a maioria dos países localizados nas regiões acima citadas possuem mercados bastante dinâmicos (e não apenas na área da fotografia...).

Todas as economias mais fortes e dinâmicas do planeta estão nas regiões acima citadas. E, os países com forte cultura fotográfica / artes visuais e gráficas estão todos localizados nas mesmas regiões!

Coincidência?!   Acho que não...


O Brasil - quer gostem ou não; quer aceitem ou não - não é referência para o mercado fotográfico (e, provavelmente, nunca será :( :no: )
Perfeito.
-------------------
flickr.com/photos/cfcsosa
instagram.com/cfcsosa
500px.com/cfcsosa1978


Fábio Kruschewsky Lemos

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 226
Resposta #18 Online: 02 de Setembro de 2018, 12:47:06
a G9 já tem um corpo de FF mesmo. muito grande pros padrões MFT!
é só a pana botar um sensor FF ali e correr pro abraço,  :hysterical:


Tem, praticamente, o mesmo tamanho das Nikon Z6 / Z7.  Muito grande para uma M4/3 :o

https://camerasize.com/compare/#725,794

Naturalmente, deverá ser um outro mount para ser utilizado com um sensor 36x24mm

Estou curioso em relação às lentes.  Espero que mantenham a parceria com a Leica, que funcionou muito bem e ajudou a firmar o nome "Lumix" no mercado!


adrianof14

  • Trade Count: (7)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 809
  • Sexo: Masculino
  • A Fotografia é um ato de resistência.
Resposta #19 Online: 02 de Setembro de 2018, 15:18:18

Tem, praticamente, o mesmo tamanho das Nikon Z6 / Z7.  Muito grande para uma M4/3 :o

https://camerasize.com/compare/#725,794


pois é, não entendi a ideia da panasonic com essa g9. camera grande demais para um sistema que propoe como uma das vantagens, talvez a mais importante dela, ser menor e mais leve.
Adriano Ferreira
https://www.flickr.com/photos/adrianof14/

"Resistir ao ruído, à palavra, ao rumor pelo silêncio da foto - resistir ao movimento, ao fluxo e à aceleração pela imobilidade da fot


angelone

  • Trade Count: (18)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.196
  • Sexo: Masculino
Resposta #20 Online: 02 de Setembro de 2018, 15:51:18
pois é, não entendi a ideia da panasonic com essa g9. camera grande demais para um sistema que propoe como uma das vantagens, talvez a mais importante dela, ser menor e mais leve.


Realmente a G9 é grande, mas a Pana deve ter ficado de olho no sucesso da E-M1 mk II e lançou essa versão para concorrer diretamente com ela (lembrando q vender camera implica também em vender todo um ecosistema, como lentes, etc...). O corpo é grande, equivalente as mirrorless FF, mas as lentes continuam a ser menores e mais leves que as congeneres FF e APS-C, formando ainda um conjunto aceitável. Por outro lado os recursos são abundantes o suficiente para peitar a concorrencia, mesmo q nao a supere..
Particularmente eu nao compraria pq é grande e cara,  a nao ser que tivesse um recurso  de que necessitasse e que nao seria encontrado em nenhum concorrente...
« Última modificação: 02 de Setembro de 2018, 15:52:18 por angelone »
Olympus OM-D E-M5 mk II  e uns vidros..


Ernesto

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.902
  • Fotógrafo Profissional
Resposta #21 Online: 02 de Setembro de 2018, 17:50:51
pois é, não entendi a ideia da panasonic com essa g9. camera grande demais para um sistema que propoe como uma das vantagens, talvez a mais importante dela, ser menor e mais leve.

Lembrei de quando comparei as lentes Sony E-mount APS-C com as EF-S APS-C Canon...  as Sony eram levemente maiores  :doh:



 :snack:



Sent from my Hasselblad using Tapatalk
O google não é tão confiável quanto eu mas, às vezes, linka os meus textos...

#Fotógrafo de Médio Formato Digital


Rinaldo

  • Trade Count: (6)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 609
  • Fiel usuário de m4/3 desde 2009
    • > Flickr
Resposta #22 Online: 02 de Setembro de 2018, 18:59:39
Uma camera como a G9 tem o seu propósito, é evidente. E tem sido muito elogiada, quem acompanha já deve ter notado. Foi a primeira m4/3 com LCD no topo, o que atraiu usuários de DSLR. É uma camera rápida, com uma pegada excelente, tem um viewfinder enorme, e geralmente é usada com lentes grandes. Nesse link do FB que passei antes, a maioria usa com as lentes longas, onde uma Pen-F não seria muito indicada.

Um dos diferencial do m4/3 é justamente essa flexibilidade de tamanhos. Tem quem prefira uma camera maior, com uma pegada robusta, e motivos pra isso não faltam. Eu, por exemplo, tenho GM1, GX85 e GH5 e cada uma é usada de acordo com a situação. Qual sistema me daria isso, sendo que faço vídeo profissionalmente também?



Sobre a Pana FF, uma análise com mais enfoque em vídeo:

https://www.eoshd.com/2018/09/panasonic-full-frame-mirrorless-camera/

  flickr    vimeo


marciok

  • Trade Count: (1)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.392
  • Sexo: Masculino
Resposta #23 Online: 02 de Setembro de 2018, 22:36:54

Ohh  Marcio.. o que te leva a crer que seria o começo do fim da m4/3?  Voce acha que tem como vender FF de 500 a 1000 dolares? Dificil, heim..

Muito provavelmente os 2 sistemas conviverão harmonicamente, um para linha média e de entrada (m4/3) e outro para a top (FF), estratégia mais ou menos semelhante a da canikon com suas DSLR FF e APS-C, o que faz todo o sentido.

Fora isso, não posso afirmar tecnicamente, mas se o sensor for de alta resoluçao, tipo 40mp ou mais,  não me parece improvável a possibilidade de compatibilidade com lentes m4/3 mediante adaptador (nao sei qual seria o resultado em mpixel, -2x?), decisivo para quem já tem lentes do sistema e para as empresas manterem fidelidade com a marca.

Outro motivo que, creio, contribuia para a manutençao do sistema m4/3 é o tamanho das lentes comparando com as FF, vantagem fundamental para a grande maioria que aderiu a esse sistema. Por isso ele deve permanecer, a nao ser que os consumidores passem a desprezar essa vantagem ou se introduza alguma nova tecnologia na produçao de lentes que tornem as FFs leves e compactas  que, tudo indica, não  parece que ocorrerá tão cedo..

Questão de investimento. Dificilmente a Panasonic vai querer gastar rios de dinheiro mantendo 2 sistemas.

O m4/3 está bem vivo na área de vídeo - a GH5 ainda é muito usada na área, e a nova Blackmagic Pocket parece que será espetacular. A DJI podia ter sido uma força no sistema na área de drones, mas depois de comprarem a Hasselblad acho que vão mudar de direção.

Mas pra fotografia...o hype do FF é muito forte - tanto que ainda nem foi falado de opções APS-C nos mounts novos. Muita gente babando na nova Noct 0.95 - onde o DOF wide open provavelmente vai ser tão baixo que só os cílios da pessoa retratada vão sair em foco (e com sensores que estão tirando fotos em ISO 6400 com pouquíssimo ruído, a necessidade de uma abertura dessas por motivos de low light é BEM mitigada).

Pessoal do wildlife sim, gosta bem de m4/3 - pois são os que sabem que ter MAIS dof é uma vantagem quando se usa superteles. Se a Panasonic resolver largar o DFD e passar a usar PDAF, ou a Olympus aprimorar um pouquinho o dela, vão ser um mercado razoavelmente garantido.

E tem a coisa das marcas - Nikon e Canon entrando no mercado apela muito para quem pouco conhece de fotografia. A EOS M50 está vendendo feito pão quente - e, mesmo sendo uma boa câmera, é cara pelo que oferece.
Câmeras: Fujifilm X100s, Panasonic Lumix LX100, Panasonic Lumix GX85, Fujifilm S5Pro

http://www.flickr.com/photos/kakobr/
http://500px.com/marci


marciok

  • Trade Count: (1)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.392
  • Sexo: Masculino
Resposta #24 Online: 02 de Setembro de 2018, 22:39:08
Que assim seja!!
Pelamor, que o m4/3 não suma!! Eu continuo totalmente, completamente, absolutamente, 100% IN LOVE por esse sistema.  :wub: :wub: :wub: :wub: :wub: :wub: :wub:
É o caminho do meio, é a perfeição!

Eu adoro. Se me derem um pouco mais de low light (meu sonho é uma GX "de verdade" ou Pen F com um sensor de 12mp baseado no da GH5s) e PDAF confiável pra vídeo, não preciso de mais nada.

Mas todo o mercado está correndo pra full frame - exceto a Fuji, que foi espertíssima em tomar conta do APS-C.
Câmeras: Fujifilm X100s, Panasonic Lumix LX100, Panasonic Lumix GX85, Fujifilm S5Pro

http://www.flickr.com/photos/kakobr/
http://500px.com/marci


marciok

  • Trade Count: (1)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.392
  • Sexo: Masculino
Resposta #25 Online: 02 de Setembro de 2018, 22:42:24
Agora quando fui a Huaraz me assustei, muita Olympus e Panasonic.

Também estive em uma feira fotográfica patrocinada pela Panasonic.

Vou dizer a você o mesmo que disse ao Thales mais cedo:

Não tire nossos costumes pelo mundo. Lá fora a turma usa sim, se não fosse assim já teria sido enterrado esse sistema.

Minha impressão na minha viagem passada pela Europa foi exatamente o oposto - prestei muita atenção no que as pessoas usavam, e fora a minha GX85, a única m4/3 que vi foi uma senhora japonesa com uma E-M10 II.

Em Londres fiquei chocado com a quantidade de EOS M6 - foram quase metade das mirrorless que vi. Na Espanha, vi várias Fuji. Portugal, algumas Sony. A imensa maioria, claro, eram DSLR APS-C.
Câmeras: Fujifilm X100s, Panasonic Lumix LX100, Panasonic Lumix GX85, Fujifilm S5Pro

http://www.flickr.com/photos/kakobr/
http://500px.com/marci


marciok

  • Trade Count: (1)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.392
  • Sexo: Masculino
Resposta #26 Online: 02 de Setembro de 2018, 22:52:02
Uma camera como a G9 tem o seu propósito, é evidente. E tem sido muito elogiada, quem acompanha já deve ter notado. Foi a primeira m4/3 com LCD no topo, o que atraiu usuários de DSLR. É uma camera rápida, com uma pegada excelente, tem um viewfinder enorme, e geralmente é usada com lentes grandes. Nesse link do FB que passei antes, a maioria usa com as lentes longas, onde uma Pen-F não seria muito indicada.

Um dos diferencial do m4/3 é justamente essa flexibilidade de tamanhos. Tem quem prefira uma camera maior, com uma pegada robusta, e motivos pra isso não faltam. Eu, por exemplo, tenho GM1, GX85 e GH5 e cada uma é usada de acordo com a situação. Qual sistema me daria isso, sendo que faço vídeo profissionalmente também?



Sobre a Pana FF, uma análise com mais enfoque em vídeo:

https://www.eoshd.com/2018/09/panasonic-full-frame-mirrorless-camera/

Ainda acho que a Panasonic errou em matar a linha GM - eram cute as hell, com ótima qualidade de foto, e minúsculas.

Sobre tamanho: nunca achei que o tamanho dos corpos m4/3 serem pequenos eram a principal vantagem deles - tente usar uma Nikon 180mm f/2.8 em uma GX85 pra entender. :) (já fiz isso). E superteles são um grande mercado do m4/3, para fotos de vida selvagem - e o melhor grip ajuda muito com superteles. A G9 me parece um pouquinho acima do aceitável (mas, como a GH5, também tem a ver com dissipação do calor pra vídeo), mas a E-M1 MK II é talvez a câmera com melhor pegada que já pus a mão, e não é muito maior que uma DSLR APS-C.

Acho os corpos grande necessários - até porquê muita gente que usa profissionalmente precisa aparecer com uma câmera "grande", senão os clientes não levam a sério. Nos corpos menores, acho que grips externos como os da Olympus (já tive os da E-M10 e da E-M5 MK II e melhoravam MUITO a ergonomia) e agora o da GX9 da Panasonic (comprei pra GX85, serve perfeitamente, e também melhora muito a pegada) são uma boa solução - se quiser um conjunto menor usa sem grip, se precisar usar lentes maiores se coloca o grip).

O maior erro da Panasonic na G9 foi usar um LCD no topo igual aos das DSLR - devia ter usado o display OLED que a Nikon e a Canon estão colocando nas FF mirrorless novas, e que já existiam na Leica SL e nas Fuji maiores. Ocupa muito espaço e não é customizável.
Câmeras: Fujifilm X100s, Panasonic Lumix LX100, Panasonic Lumix GX85, Fujifilm S5Pro

http://www.flickr.com/photos/kakobr/
http://500px.com/marci


felipemendes

  • Trade Count: (9)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.439
  • Sexo: Masculino
  • Fotógrafo, não. Fotografador.
    • Meu Flickr
Resposta #27 Online: 03 de Setembro de 2018, 01:16:27

Tem, praticamente, o mesmo tamanho das Nikon Z6 / Z7.  Muito grande para uma M4/3 :o

https://camerasize.com/compare/#725,794

Naturalmente, deverá ser um outro mount para ser utilizado com um sensor 36x24mm

Estou curioso em relação às lentes.  Espero que mantenham a parceria com a Leica, que funcionou muito bem e ajudou a firmar o nome "Lumix" no mercado!

Gente, esqueçam o tamanho da câmera um pouco. Como é que uma câmera vai ter ergonomia se for minúscula? Eu adorei a Panasonic GM*, mas tenho 1.92m de altura. Não tenho como usar uma câmera daquelas...

Tem câmeras m4/3 que são pequenininhas, mas são tão inviáveis ergonomicamente que precisam de um painel externo pra funcionar.
Felipe


fabianob

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.158
  • Sexo: Masculino
Resposta #28 Online: 03 de Setembro de 2018, 08:04:33

Todas as economias mais fortes e dinâmicas do planeta estão nas regiões acima citadas. E, os países com forte cultura fotográfica / artes visuais e gráficas estão todos localizados nas mesmas regiões!

Coincidência?!   Acho que não...

O Brasil - quer gostem ou não; quer aceitem ou não - não é referência para o mercado fotográfico (e, provavelmente, nunca será :( :no: )

colocação muito boa... mas nestas questões são para viagens... trip...

e o mundo profissional?
Df, D750, D5300, YN565EX x2, YN622N, Alguns Kg de Vidro, e muitas histórias.


fabianob

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.158
  • Sexo: Masculino
Resposta #29 Online: 03 de Setembro de 2018, 08:05:43
pois é, não entendi a ideia da panasonic com essa g9. camera grande demais para um sistema que propoe como uma das vantagens, talvez a mais importante dela, ser menor e mais leve.

eles focaram na Ergonomia e possibilidade de aumentar o sensor se fosse necessário... sacada boa de estratégia.
Df, D750, D5300, YN565EX x2, YN622N, Alguns Kg de Vidro, e muitas histórias.