Autor Tópico: A pele esverdeada da Sony  (Lida 300 vezes)

Thales Souto

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (29)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 12.237
  • Sexo: Masculino
  • "Fotografia é um hobby viciante"
    • thalessouto.com
Resposta #15 Online: 10 de Outubro de 2018, 11:06:43
As Nikon´s que usam os sensores Sony sofrem disso também?  :ponder:
Eu acho que sim mas cada fabricante acaba tendo sua calibração do sensor um pouco diferente mesmo quando usa "o mesmo" sensor da concorrente.

É o que eu mencionei no meu comentário acima, esse negócio de cor é complicado pois na minha visão simplista e de leigo, é difícil você separar a performance de cores do sensor com a performance do AWB.
A D800 tinha cores legais (levemente saturadas) mas o AWB muito esquisito. Inclusive tem uma discussão bem interessante aqui (https://forum.mundofotografico.com.br/index.php?topic=115753.0)
Já a D610 tem AWB bem preciso e as cores são bem vivas (até parece que saturou-se em pós).
D610 + AF-S 50 1.8 G + AF-S 28 1.8 G + YN685 + tripé fuleiro de 35 dólares
"Polímeros, aulas, família e fotografia. Não necessariamente nessa mesma ordem...."
Meu canal no YouTube sobre fotografia: http://www.youtube.com/channel/UCCS35q7G_BRE6aVdXXEOKNg
Instagram: @souto_thales
www.flickr.com/photos/tsouto


davi_ssilva

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 991
  • Sexo: Masculino
    • Flickr
Resposta #16 Online: 10 de Outubro de 2018, 12:39:04
Eu tbm percebi fácil as diferenças, mas entendi que o problema aumenta com as lentes Sony. Lembro que no passado já tive algumas objetivas de câmeras de filme, quando as usava em minha Canon acontecia problema parecido. Algumas puxavam para o verde, tinha tbm outras que puxavam o azul, era uma questão de DNA da lente mesmo.
Eu também vejo essas diferenças, mas nunca me atentei ao fato de ela também estar relacionada ao conjunto câmera/lente.

Com relação à essa comparação, entendo que eles quiseram utilizar câmeras com resolução parecida, porém como a ideia era comparar a reprodução de cores em retratos, eu acho que a escolha mais correta seria utilizar a a7III ao invés da a7RIII.

Há uma diferença clara na forma como esses modelos representam os tons de pele e sua gradação, sendo que a a7III visa o estilo Canon de cor, ao contrário da a7RIII, que visa o estilo clássico da Sony (que, ao meu ver, é mais direcionado para paisagens).

Outra coisa que reparei é senti bastante diferença foi quando mudei do Lightroom para o Capture One, há pouco mais de um ano. No C1, os tons e gradações são representados de forma diferente, com um estilo mais Canon-like também. Mas confesso que não sei como a Adobe está agora quanto a isso, visto que eu praticamente só utilizo o C1 agora.

Aqui um vídeo sobre as diferenças de "color science" entre a a7III e a a7RIII (começa aos 10 minutos, mais ou menos):

https://youtu.be/riOJ3GSOX3I

Enviado de meu SM-G930F



davi_ssilva

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 991
  • Sexo: Masculino
    • Flickr
Resposta #17 Online: 10 de Outubro de 2018, 12:44:08
(...) na minha visão simplista e de leigo, é difícil você separar a performance de cores do sensor com a performance do AWB.

É exatamente o que eu penso. Pegue por exemplo uma Sony a6000 e fica evidente que o maior "problema" é o algoritmo de AWB, muito mais do que somente a representação de cores isolada.



Enviado de meu SM-G930F
« Última modificação: 10 de Outubro de 2018, 12:46:04 por davi_ssilva »


vangelismm

  • Trade Count: (7)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 6.654
  • Sexo: Masculino
    • MedinaFotografia
Resposta #18 Online: 10 de Outubro de 2018, 14:40:15
RGB
100,100,110
100,100,100
100,100,90

pra mim é a mesma coisa num oceano de cores.
"A perspectiva de uma imagem é controlada pela distância entre a lente e o assunto; mudando a distancia focal da lente muda o tamanho da imagem , mas não altera a perspectiva . Muitos fotógrafos ignoram este fato, ou não têm conhecimento de sua importância." -  Ansel Adams, Examples – The Making of 40 Photographs