Autor Tópico: Vídeo - tratar ou não tratar as fotos? Questões éticas e artísticas  (Lida 1010 vezes)

waldyrneto

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.000
  • Sexo: Masculino
    • Meu Portfólio
Oi Pessoal, levantei um vídeo no meu canal do You Tube ontem sobre esse tema.

Por definição a turma que frequenta essa sala aqui não tem aversão ao tratamento, mas vale a reflexão.


Se gostarem, tem mais vídeos no canal.

[]´s     Waldyr Neto


Fotos: www.flickr.com/photos/waldyrneto
Artigos & Oficinas: http://amagiadamontanha.blogspot.com.br


Lucas M. Dias

  • Trade Count: (1)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.809
  • Sexo: Masculino
    • Site
Resposta #1 Online: 05 de Fevereiro de 2019, 09:05:25
Arte não tem limite definido, o limite está na própria concepção do criador e do consumidor daquela arte. Fotografia como arte entra nesta mesma linha de pensamento.

Quando falamos de limite para tratamento de uma fotografia, temos que ter em mente sua aplicação e que publico quer atingir, afinal ele será o consumidor e julgador de sua arte.

Como você mesmo disse, o fotógrafo que definirá esse limite de acordo com seu objetivo. Claro que, se o mesmo não tem um objetivo claro, entregará um resultado vazio e sem publico definido para admirar seu trabalho (o que pode gerar algo desagradável para a grande maioria)


waldyrneto

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.000
  • Sexo: Masculino
    • Meu Portfólio
Resposta #2 Online: 05 de Fevereiro de 2019, 11:02:12
Arte não tem limite definido, o limite está na própria concepção do criador e do consumidor daquela arte. Fotografia como arte entra nesta mesma linha de pensamento.

Quando falamos de limite para tratamento de uma fotografia, temos que ter em mente sua aplicação e que publico quer atingir, afinal ele será o consumidor e julgador de sua arte.

Como você mesmo disse, o fotógrafo que definirá esse limite de acordo com seu objetivo. Claro que, se o mesmo não tem um objetivo claro, entregará um resultado vazio e sem publico definido para admirar seu trabalho (o que pode gerar algo desagradável para a grande maioria)

Bacana Lucas! Obrigado por comentar    :ok:
[]´s     Waldyr Neto


Fotos: www.flickr.com/photos/waldyrneto
Artigos & Oficinas: http://amagiadamontanha.blogspot.com.br


Bretas

  • Trade Count: (5)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.725
  • Sexo: Masculino
Resposta #3 Online: 05 de Fevereiro de 2019, 16:07:40
Muito bom, Waldyr! Vc destaca uma coisa importante, tratamento é uma coisa pessoal, que deve agradar ao consumidor final daquela imagem. O que não agrada a um certamente é apreciado por outro. Só para citar um exemplo, cor seletiva...


Ernesto

  • Mecenas
  • Trade Count: (0)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 6.511
  • Trader
Resposta #4 Online: 05 de Fevereiro de 2019, 21:33:12
É um caminho sem volta...


Hoje somos photoshopers e não photographers


E a ética é impressoonar o cliente




Sent from my Hasselblad using Tapatalk


waldyrneto

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.000
  • Sexo: Masculino
    • Meu Portfólio
Resposta #5 Online: 06 de Fevereiro de 2019, 06:48:42
Muito bom, Waldyr! Vc destaca uma coisa importante, tratamento é uma coisa pessoal, que deve agradar ao consumidor final daquela imagem. O que não agrada a um certamente é apreciado por outro. Só para citar um exemplo, cor seletiva...

Sem dúvida Bretas! Obrigado por comentar  :ok:
[]´s     Waldyr Neto


Fotos: www.flickr.com/photos/waldyrneto
Artigos & Oficinas: http://amagiadamontanha.blogspot.com.br


waldyrneto

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.000
  • Sexo: Masculino
    • Meu Portfólio
Resposta #6 Online: 06 de Fevereiro de 2019, 07:09:47
É um caminho sem volta...


Hoje somos photoshopers e não photographers


E a ética é impressoonar o cliente




Sent from my Hasselblad using Tapatalk

Acho que se o cliente está pagando para ser impressionado é um serviço como qualquer outro. Se ele gostar foi um bom serviço. Mas no meu vídeo eu penso mais na fotografia autoral.

De qualquer maneira ser um "photoshoper" é uma opção. (mais uma vez, sem entrar na fotografia que você entrega para um cliente). Hoje quando eu parei de me preocupar com concursos, publicar no 1X.com, etc. eu desencanei e faço o que eu gosto.


[]´s     Waldyr Neto


Fotos: www.flickr.com/photos/waldyrneto
Artigos & Oficinas: http://amagiadamontanha.blogspot.com.br


Raphael Sombrio

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.976
  • O RAW é um diamante...bruto
Resposta #7 Online: 06 de Fevereiro de 2019, 10:54:21
Infelizmente ainda é um assunto polêmico mas que já deveria ter sido superado, em uma era onde a foto é produzida do começo ao fim pelo fotógrafo, no caso, o tratamento é parte imprescindível do processo. Claro que vc pode simplesmente clicar e aceitar o resultado do equipamento. Eu conheço um professor de fotografia que faz imagens incríveis sem por a mão em absolutamente nada, apenas controlando profundidade de campo e exposição para conseguir o que deseja.
Mas isso é uma opção, assim como tratar ou processar a imagem também o é, embora seja ainda visto por muitos como blefe.

Concordo que o uso ou finalidade da imagem é quem determinará o que pode ser feito ou não, e o limite entre o belo e o ridículo, entre o aceitável ou não fica a critério de cada um.

Hoje meu trabalho está muito voltado para o registro documental, não me permitindo “viajar” demais no pós processamento sob pena de invalidar o objetivo das imagens, que devem transmitir veracidade acima de tudo, mas deixar de explorar todo o potencial que o arquivo RAW oferece me parece algo como desperdício.


Ernesto

  • Mecenas
  • Trade Count: (0)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 6.511
  • Trader
Resposta #8 Online: 06 de Fevereiro de 2019, 18:50:33
Acho que se o cliente está pagando para ser impressionado é um serviço como qualquer outro. Se ele gostar foi um bom serviço. Mas no meu vídeo eu penso mais na fotografia autoral.

De qualquer maneira ser um "photoshoper" é uma opção. (mais uma vez, sem entrar na fotografia que você entrega para um cliente). Hoje quando eu parei de me preocupar com concursos, publicar no 1X.com, etc. eu desencanei e faço o que eu gosto.



Sim...



Sent from my Hasselblad using Tapatalk


Ernesto

  • Mecenas
  • Trade Count: (0)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 6.511
  • Trader
Resposta #9 Online: 06 de Fevereiro de 2019, 18:55:42
Infelizmente ainda é um assunto polêmico mas que já deveria ter sido superado, em uma era onde a foto é produzida do começo ao fim pelo fotógrafo, no caso, o tratamento é parte imprescindível do processo. Claro que vc pode simplesmente clicar e aceitar o resultado do equipamento. Eu conheço um professor de fotografia que faz imagens incríveis sem por a mão em absolutamente nada, apenas controlando profundidade de campo e exposição para conseguir o que deseja.
Mas isso é uma opção, assim como tratar ou processar a imagem também o é, embora seja ainda visto por muitos como blefe.

Concordo que o uso ou finalidade da imagem é quem determinará o que pode ser feito ou não, e o limite entre o belo e o ridículo, entre o aceitável ou não fica a critério de cada um.

Hoje meu trabalho está muito voltado para o registro documental, não me permitindo “viajar” demais no pós processamento sob pena de invalidar o objetivo das imagens, que devem transmitir veracidade acima de tudo, mas deixar de explorar todo o potencial que o arquivo RAW oferece me parece algo como desperdício.

Concordo com você


É que há um mercado de pessoas interessadas em produtos artificiais

E o mercado dos que querem o natural


Não é uma questão de ética


Sent from my Hasselblad using Tapatalk
« Última modificação: 06 de Fevereiro de 2019, 18:56:02 por Ernesto »


spositom

  • Trade Count: (2)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.540
Resposta #10 Online: 06 de Fevereiro de 2019, 20:52:26
Primeiro, parabéns pelo vídeo, muito ilustrativo

Concordo com você, as fotos sempre foram tratadas, até as P&B reveladas por contato sempre tem um filtrinho básico

Sobre o seu tratamento: sem querer ser muito mala, mas é exatamente o que penso. O tratamento serve para passar o sentimento da foto e não ludibriar, assim como luz, enquadramento e muitos outros recursos e como toda a emoção tem que ser passada num frame é importante que seja bem feito

A montagem nem sempre é no PS

http://g1.globo.com/Noticias/Ciencia/0,,MUL1456312-5603,00-ORGANIZACAO+DE+CONCURSO+DE+FOTOGRAFIA+CONCLUI+QUE+VENCEDOR+FORJOU+IMAGEM.html

Eu conheço um professor de fotografia que faz imagens incríveis sem por a mão em absolutamente nada, apenas controlando profundidade de campo e exposição para conseguir o que deseja.

Raphael, acho que o professor faz as fotos em jpg como uma didática, embora não me entra na cabeça fotografar sem controlar estes dois quesitos.


Raphael Sombrio

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.976
  • O RAW é um diamante...bruto
Resposta #11 Online: 07 de Fevereiro de 2019, 09:28:03
É que há um mercado de pessoas interessadas em produtos artificiais

E o mercado dos que querem o natural


Não é uma questão de ética

Talvez hoje as pessoas já tenham, mesmo as mais leigas, uma percepção capaz de detectar o que foi alterado e o que é natural.

Aqui não estou falando de acentuação de contraste, saturação ou detalhes de sombras realçados, falo de manipulação mesmo, com luzes, efeitos e até elementos inseridos na imagem, e tem muito photoshoper fazendo isso e querendo vender a ideia de que ele teve um "achado", e que aquilo realmente estava lá. Ai eu acho anti ético.



Raphael, acho que o professor faz as fotos em jpg como uma didática, embora não me entra na cabeça fotografar sem controlar estes dois quesitos.

Não, ele faz mesmo e de propósito, por escolha mesmo, sempre subexpondo para mostrar apenas o que está iluminado ou superexpondo para estourar o que não lhe interessa. É uma forma de fazer as coisas, é um caminho, e na maioria das vezes as fotos dele são muito boas, pois ele só quer a ideia, ele não liga se a foto perdeu ou esconde algumas partes ou detalhes.


waldyrneto

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.000
  • Sexo: Masculino
    • Meu Portfólio
Resposta #12 Online: 08 de Fevereiro de 2019, 18:58:29
Infelizmente ainda é um assunto polêmico mas que já deveria ter sido superado, em uma era onde a foto é produzida do começo ao fim pelo fotógrafo, no caso, o tratamento é parte imprescindível do processo. Claro que vc pode simplesmente clicar e aceitar o resultado do equipamento. Eu conheço um professor de fotografia que faz imagens incríveis sem por a mão em absolutamente nada, apenas controlando profundidade de campo e exposição para conseguir o que deseja.
Mas isso é uma opção, assim como tratar ou processar a imagem também o é, embora seja ainda visto por muitos como blefe.

Concordo que o uso ou finalidade da imagem é quem determinará o que pode ser feito ou não, e o limite entre o belo e o ridículo, entre o aceitável ou não fica a critério de cada um.

Hoje meu trabalho está muito voltado para o registro documental, não me permitindo “viajar” demais no pós processamento sob pena de invalidar o objetivo das imagens, que devem transmitir veracidade acima de tudo, mas deixar de explorar todo o potencial que o arquivo RAW oferece me parece algo como desperdício.

Legal Raphael, bacana o seu entendimento. E pra chegar no resultado que você quer também tem tratamento. Quem domina chega no resultado esperado.
[]´s     Waldyr Neto


Fotos: www.flickr.com/photos/waldyrneto
Artigos & Oficinas: http://amagiadamontanha.blogspot.com.br


waldyrneto

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.000
  • Sexo: Masculino
    • Meu Portfólio
Resposta #13 Online: 08 de Fevereiro de 2019, 19:00:40
Primeiro, parabéns pelo vídeo, muito ilustrativo

Concordo com você, as fotos sempre foram tratadas, até as P&B reveladas por contato sempre tem um filtrinho básico

Sobre o seu tratamento: sem querer ser muito mala, mas é exatamente o que penso. O tratamento serve para passar o sentimento da foto e não ludibriar, assim como luz, enquadramento e muitos outros recursos e como toda a emoção tem que ser passada num frame é importante que seja bem feito

A montagem nem sempre é no PS

http://g1.globo.com/Noticias/Ciencia/0,,MUL1456312-5603,00-ORGANIZACAO+DE+CONCURSO+DE+FOTOGRAFIA+CONCLUI+QUE+VENCEDOR+FORJOU+IMAGEM.html

Raphael, acho que o professor faz as fotos em jpg como uma didática, embora não me entra na cabeça fotografar sem controlar estes dois quesitos.

 :ok: :ok: :ok:
[]´s     Waldyr Neto


Fotos: www.flickr.com/photos/waldyrneto
Artigos & Oficinas: http://amagiadamontanha.blogspot.com.br


Lúzio

  • Trade Count: (1)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.783
Resposta #14 Online: 13 de Fevereiro de 2019, 11:24:40
Fotografia desde o início senpre teve edição e todos os grandes da fotografia fazem ou faziam edição de seus negativos. Existe um purismo q não condiz com a realidade q ainda alguns teimam em exaltar, pura ingenuidade, preguiça ou falta de capacidade técnica ou talento para edição, não sei dizer qual destes..  Ansel Adams uma vez disse,  sobre sua "tara"pela edição, q a máquina não conseguia capturar o q ele via com a alma... Edição faz parte da arte da fotografia em maior ou menor grau desde sempre. Quem não faz não é um fotógrafo completo.
« Última modificação: 13 de Fevereiro de 2019, 11:26:27 por Lúzio »
Lentes caras + câmeras caras + falta de talento é igual muito dinheiro jogado fora para mostrar status.