Autor Tópico: Incoflash ou ???  (Lida 1785 vezes)

Caco Oliveira

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 3
Online: 16 de Julho de 2019, 00:11:52
Fala pessoal, tudo bem? Acabei por impulso e por uma boa experiência com a marca (uso um kit desses em estúdios de formatura faz uns 5 anos e ele continua funfando e entregando boa iluminação), comprando um kit da Incoflash Pro 2. O valor investido pelo kit (2x tripe + 2x tochas Pro2 + 2 sombrinhas + radio flash) foi de 1200 reais. Eu não poderia estar gastando mais que esse valor em duas tochas.
Estou com aquele aqui no meu estúdio (2,5m x 3,5m x 2,6m) porém o mesmo só tem carga completa e meia carga de opções.



Gostaria de saber da opinião de vocês se seria uma boa devolver o kit e investir em outro que tenha no minimo um potenciômetro para controlar melhor a luz dentro do estúdio.
Encontrei este daqui da Godox, modelo K150A, e o kit dele da mesma forma que o kit que comprei custa 800 reais (bem mais barato que o da incoflash).



Se possível agradeceria a ajuda de vocês o quanto antes, pra se o caso for a devolução eu consiga retornar o produto a tempo.
« Última modificação: 16 de Julho de 2019, 00:16:57 por Caco Oliveira »


Mike Castro

  • Trade Count: (4)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.051
  • Sexo: Masculino
Resposta #1 Online: 18 de Julho de 2019, 17:32:09
Eu tive um kit desses, mas era "etiquetado" como Greika. O flashzinho é muito honesto, o potenciômetro dele é bacana, mas o encaixe de modificadores dele é estranho, rs.
Para usar com sombrinha, é top.
Usei muito o meu, além do meu estúdio, levava ele em formatura também, bastante formatura. Aguentava bem o tranco.

Em comparação com esse Incoflash, o nacional tem chave para desligar a foto-célula, e o Greika/Godox não tem. PAra não disparar com outros flashes, tem que pôr um pedacinho de fita isolante. Mas tirando isso, é de boa.

Pela diferença de preço, eu pegaria o Greika/Godox.

Como curiosidade, uma formatura que fiz, em Nova Andradina, a rede toda do salão era 220v, e meu estúdio era 110.
Um colega levou um kit Mako 3003, snme (era o que não é bivolt, era 110 também.)
E ele tirava sarro, "Mas Mike, esses flashzinhos chineses não aguentam pau, flash é Mako, blablabla"
Montamos meu transformador (o meu era mais forte que o dele) na beira da parede, tudo certinho, esticamos os cabos, etc.
Quando ligamos os flashes, foi praticamente ao mesmo tempo, eu liguei o meu, e o colega o dele. Eu liguei a chavinha, vi a luz de modelagem forte demais, desliguei e quando virei pra avisar o rapaz, tarde demais, o flash dele já tinha torrado. Coisa de dois segundos.
ALguém tinha desligado o transformador, e ligou direto no 220v.

Fiz a formatura toda com meu flashzinho, rsrsrs...


Caco Oliveira

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 3
Resposta #2 Online: 19 de Julho de 2019, 12:05:29
Eu tive um kit desses, mas era "etiquetado" como Greika. O flashzinho é muito honesto, o potenciômetro dele é bacana, mas o encaixe de modificadores dele é estranho, rs.
Para usar com sombrinha, é top.
Usei muito o meu, além do meu estúdio, levava ele em formatura também, bastante formatura. Aguentava bem o tranco.

Em comparação com esse Incoflash, o nacional tem chave para desligar a foto-célula, e o Greika/Godox não tem. PAra não disparar com outros flashes, tem que pôr um pedacinho de fita isolante. Mas tirando isso, é de boa.

Pela diferença de preço, eu pegaria o Greika/Godox.

Como curiosidade, uma formatura que fiz, em Nova Andradina, a rede toda do salão era 220v, e meu estúdio era 110.
Um colega levou um kit Mako 3003, snme (era o que não é bivolt, era 110 também.)
E ele tirava sarro, "Mas Mike, esses flashzinhos chineses não aguentam pau, flash é Mako, blablabla"
Montamos meu transformador (o meu era mais forte que o dele) na beira da parede, tudo certinho, esticamos os cabos, etc.
Quando ligamos os flashes, foi praticamente ao mesmo tempo, eu liguei o meu, e o colega o dele. Eu liguei a chavinha, vi a luz de modelagem forte demais, desliguei e quando virei pra avisar o rapaz, tarde demais, o flash dele já tinha torrado. Coisa de dois segundos.
ALguém tinha desligado o transformador, e ligou direto no 220v.

Fiz a formatura toda com meu flashzinho, rsrsrs...

Bom escutar esse relato seu sobre, em um grupo de fb me falaram que o potenciômetro dele não prestava pra nada, mas acredito que era de alguém que era patrocinado ou vendia o Incoflash.
Eu decidi ficar com o incoflash mesmo pq já estão aqui comigo montado e etc, mas a ideia é usar ele mais pra locações e me virar do jeito que da agora, e lá pro fim do ano comprar esse Godoxzinho ai pra poder trabalhar como luz unica e retratos.

Valeu pela resposta! ;)


Mike Castro

  • Trade Count: (4)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.051
  • Sexo: Masculino
Resposta #3 Online: 19 de Julho de 2019, 22:39:10
Esse Incoflash não é ruim, vocÊ vai gostar dele! Eu preferiria o outro, apenas pelo preço, rsrsrs.
Ambos são muito bons no que se propoem.