Autor Tópico: Evolução:  (Lida 421 vezes)

Raphael Sombrio

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.085
  • O RAW é um diamante...bruto
Online: 14 de Abril de 2020, 13:22:39
Como muitos sabem, desde 2016 iniciei em uma tarefa para com a fotografia, fazendo com que a mesma deixasse de ser, ao menos pra mim, um passatempo, diversão, e passasse a ser muito mais importante, com certa dose de responsabilidade, a partir do momento em que se dispõe a ser documental, ser literalmente um registro que necessita transmitir uma informação.
Nesse caso, acreditei ser imprescindível deixar de lado toda os exageros e surrealidades que uma edição mais artística poderia gerar, passando a construir um conjunto de imagens que fossem o mais natural possível, o mais próximo possível da cena testemunhada, claro, sem com isso deixar de ser interessante.

Confesso que no início foi um pouco difícil pra mim. Vinha em um caminho - hoje creio - um pouco perdido, sem conseguir perceber os limites do aceitável, mas eram outros tempos e outros objetivos.

Dessa forma, tenho refeito diversas imagens no que diz respeito a edição, fusão e tratamento, em busca de novos resultados, que tenham mais coerência com meus objetivos atuais, que como disse, são resultados mais naturais.

Abaixo está um exemplo dessa situação. Essa fotografia é o resultado de uma fusão a partir de 3 capturas, a primeira versão é o resultado que cheguei em setembro de 2015, bem mais impactante eu diria, mas muito próximo de algo surreal, e a segunda é um resultado desse ano, onde busquei fugir ao máximo de qualquer invenção ou licença poética, no estilo das fotografias que irão compor os livros sobre os Aparados da Serra, cujo primeiro já estamos em fase de iniciar a edição/diagramação.

Mas pergunto: O que acharam dos resultados? Qual sua opinião a respeito de uma edição mais pesada?



 



cfcsosa

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (3)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 9.738
  • Sexo: Masculino
Resposta #1 Online: 14 de Abril de 2020, 13:57:45
Gosto mais do segundo.

Sent from my SM-N975F using Tapatalk

-------------------
flickr.com/photos/cfcsosa
instagram.com/cfcsosa
500px.com/cfcsosa1978


LeandroR

  • Trade Count: (4)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.893
    • Dilone Fotografia
Resposta #2 Online: 14 de Abril de 2020, 15:43:42
Também gosto mais da segunda versão.
Viagens, expedições e mentoria fotográfica, visite:
www.dilonefotografia.com

IG     www.instagram.com/leandro_reichert/
FB     www.facebook.com/dilonefotografia/


felipemendes

  • Benfeitor
  • Trade Count: (9)
  • Referência
  • ***
  • Mensagens: 5.101
  • Sexo: Masculino
  • A única certeza é de continuar tendo dúvidas.
    • Meu Flickr
Resposta #3 Online: 14 de Abril de 2020, 17:53:58
Gostar, eu gostei mais da segunda também. Mas observo que a primeira também está boa, e as diferenças são questão de escolha. Depende de vários fatores: se for uma capa de publicação, por exemplo, a segunda está mais neutra; isso pode significar que a primeira, usando uma palheta de cores que combine, pode causar um maior impacto.

No seu caso, a tal licença poética no livro poderia soar como propaganda enganosa. Mas há casos onde a fantasia é patente, e ninguém vai acreditar que aquela foto seja 100% verdade (veja as fotos do Roberto Dellano, por exemplo). Então acho que o canal onde aquela foto vai ser exposta também influi na escolha de edição.
Felipe


Raphael Sombrio

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.085
  • O RAW é um diamante...bruto
Resposta #4 Online: 15 de Abril de 2020, 09:16:42
Gostar, eu gostei mais da segunda também. Mas observo que a primeira também está boa, e as diferenças são questão de escolha. Depende de vários fatores: se for uma capa de publicação, por exemplo, a segunda está mais neutra; isso pode significar que a primeira, usando uma palheta de cores que combine, pode causar um maior impacto.

No seu caso, a tal licença poética no livro poderia soar como propaganda enganosa. Mas há casos onde a fantasia é patente, e ninguém vai acreditar que aquela foto seja 100% verdade (veja as fotos do Roberto Dellano, por exemplo). Então acho que o canal onde aquela foto vai ser exposta também influi na escolha de edição.

Concordo contigo Felipe, realmente o uso ou o objetivo da foto é que vai determinar o resultado a ser alcançado.
Eu não acho que fotos mais artísticas sejam erradas, mas como vc disse, para um uso documental, é necessário algo que transmita naturalidade e sobretudo veracidade.

Ainda assim, olhando hoje algumas fotos minhas eu não consigo mais gostar do jeito que elas estão, acho que em muitas passei do ponto mesmo para algo artístico.


hribeiro

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.948
  • Sexo: Masculino
Resposta #5 Online: 15 de Abril de 2020, 16:02:28
Raphael,

Gostei de ambas.
A última está mais natural sim, mas a primeira tem um clima particular.
Onde será usada e com que objetivo vai definir qual delas seria a mais adequada.

Eu gostaria de ver a primeira com um pouco menos de saturação.
Helvio

Nikon D750, Nikon D3100, Nikkor 18-105mm, Nikkor 18-35mm, Nikkor 24mm f/2.8, Nikkor 50mm f/1.8G, Nikkor 24-120mm ED f/4,  Nikkor 80-200mm f/2.8D ED - Speedlight SB-700, Oloong SP660II manual, Flash Agfa.
Canon AE-1. Canon 50mm 1.8, Rolleiflex T K8
www.flickr.com/helviosilva   https://500px.com/helviosilva


Raphael Sombrio

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.085
  • O RAW é um diamante...bruto
Resposta #6 Online: 17 de Abril de 2020, 09:01:54
Raphael,

Gostei de ambas.
A última está mais natural sim, mas a primeira tem um clima particular.
Onde será usada e com que objetivo vai definir qual delas seria a mais adequada.

Eu gostaria de ver a primeira com um pouco menos de saturação.

Obrigado por comentar!

Oportunamente vou fazer esse teste sobre a primeira.


Ryu

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 352
  • Sexo: Masculino
Resposta #7 Online: 17 de Abril de 2020, 17:13:00
Prefiro a primeira versão. É mais "sombrio".  :ok: :ok: :ok: