Autor Tópico: Falta de nitidez  (Lida 2393 vezes)

joseazevedo

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 595
  • Sexo: Masculino
    • http://www.flickr.com/photos/jerazevedo/
Resposta #15 Online: 24 de Abril de 2007, 15:21:33
Oi Binho,

para coisa não ficar muito complicada, basta fezer o seguinte:

- escolha uma cena que você queira fotografar - tem que ser com a mesma câmera e lente que você usou nas fotos anteriores. Pode ser a vista da janela da sua casa, desde que o vidro esteja aberto para não influenciar. É só um teste mesmo.

- Monte-as num tripé ou numa base estável

- foque manualmente num ponto de interesse a média distância

- coloque a câmera em prioridade de abertura

- trave o espelho

- faça várias imagens variando apenas a abertura da lente. Cuidado para não mexer no foco.

Pronto. Depois é só verificar no computador quais as melhores aberturas da sua lente. Acredito que, a partir de 8 a imagem comece a piorar por causa da difração. Depois coloca aqui pra gente ver, ok?

Abraço,

José Azevedo


Leo Terra

  • SysOp
  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.764
  • Sexo: Masculino
  • “Deus disse: 'Haja luz'. E houve luz.” (Gen 1,3)
    • http://www.leoterra.com.br
Resposta #16 Online: 24 de Abril de 2007, 19:17:30
José Azevedo eu acredito que o foco manual possa ser um GRANDE problema para um teste, pois o ajuste manual pode ser um influenciador, o sistema de AF quando bem usado é mais preciso do que o foco manual e nivela muito melhor o resultado, recomendo o uso do AF com o ponto de foco central.
Leo Terra

CURSOS DE FOTOGRAFIA: www.teiadoconhecimento.com



ATENÇÃO: NÃO RESPONDO DÚVIDAS EM PRIVATIVO. USEM O ESPAÇO PÚBLICO PARA TAL.
PARA DÚVIDAS SOBRE O FÓRUM LEIA O FAQ.


joseazevedo

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 595
  • Sexo: Masculino
    • http://www.flickr.com/photos/jerazevedo/
Resposta #17 Online: 24 de Abril de 2007, 21:09:13
Puxa, Leo, eu já acredito no contrário.

Com foco manual fixado em uma posição, pode-se até usar uma fita crepe para ter certeza, nada poderá alterar o foco. Já no automático, se uma nuvem passar sobre a parte da cena focada apenas (diminuindo seu contraste) e o computador, baseado no contraste do fundo, achar que o certo é focar no fundo, como ficamos?

Fora que, em foco manual é possível usar a distância hiperfocal para se ter o máximo de profundidade de campo com a maior abertura possível, evitando-se, assim, cair na difração. É possível até que as câmeras modernas tenham programação para distância hiperfocal, mas desconheço.

Bom, cada um tem lá suas crenças baseado na sua experiência pessoal. Eu creio que o foco automático é um fator que, eventualmente, pode vir a influenciar o resultado final. E, como você mesmo mencionou - isolar as variáveis: "você precisa saber exatamente tudo o que pode afetar cada uma das variáveis e ter a sensibilidade para saber se não existe algo que você não saiba afetando também" -, eu o deixaria desligado neste caso.

Abraços,

José Azevedo


Leo Terra

  • SysOp
  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.764
  • Sexo: Masculino
  • “Deus disse: 'Haja luz'. E houve luz.” (Gen 1,3)
    • http://www.leoterra.com.br
Resposta #18 Online: 25 de Abril de 2007, 01:30:58
O problema é que nada garante que você irá conseguir o mesmo foco para ambas as lentes, já o AF é normalmente muito preciso, certamente a consistência do AF é maior do que o quase aleatório foco manual, então para lentes diferentes ele garantiria mais isenção.
Leo Terra

CURSOS DE FOTOGRAFIA: www.teiadoconhecimento.com



ATENÇÃO: NÃO RESPONDO DÚVIDAS EM PRIVATIVO. USEM O ESPAÇO PÚBLICO PARA TAL.
PARA DÚVIDAS SOBRE O FÓRUM LEIA O FAQ.


joseazevedo

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 595
  • Sexo: Masculino
    • http://www.flickr.com/photos/jerazevedo/
Resposta #19 Online: 25 de Abril de 2007, 13:05:36
Oi Leo,

ele não está testando duas lentes! Apenas a dele: Canon 24-105 f4 L.

As imagens colocadas são, na verdade, uma só, sendo a segunda um crop da original em tamanho natural para que possamos ver o comportamento da lente a f/22.

Daí a sugestão para se travar o foco e variar APENAS a abertura, para ver como a lente se comporta em todas as suas aberturas para que ele identifique a mais nítida combinação com aquela lente. Para isso continuo apostando no foco manual travado com uma fita crepe, câmera num tripé com reforço de peso (mochila pendurada, por exemplo), espelho travado e pronto. Pau na máquina e olho nos resultados.

Abraços,

José Azevedo

PS - Binho, se você quiser saber um pouco mais sobre distância hiperfocal, dê um alô.
 


totok

  • Trade Count: (1)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 115
    • http://
Resposta #20 Online: 28 de Abril de 2007, 23:53:24
Binho, alem de problemas com difração, sua foto redimensionada pode estar sofrendo com a interpolação. Ao diminuir a imagem, dependendo do algoritmo usado, há mais ou menos perda de nitidez, mas sempre há um pouco. Os detalhes finos se vão mesmo, é inevitável, mas manter o aspecto nítido da foto é possivel através de contrastes localizados ou contrastes de borda, e isso se consegue com o unsharp mask do photoshop. Apliquei o filtro e coloquei um tequinho a mais de contraste geral. Veja se está mais agradável ao seus olhos:
Pentax MZ-5n e K100D