Autor Tópico: D50 X 350D X *istD - Uma análise comparativa  (Lida 7414 vezes)

Leo Terra

  • SysOp
  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.767
  • Sexo: Masculino
  • “Deus disse: 'Haja luz'. E houve luz.” (Gen 1,3)
    • http://www.leoterra.com.br
Online: 02 de Novembro de 2005, 01:14:41
Pessoal, estou postando esse post na forma de tópico na área de Review, ele foi escrito baseado em uma pergunta do usuário Fravin, perguntando o porque de a D50 vir sendo tão bem falada, aqui procurei resumir fatores e esclarecer a importância de comparativos mostrados pelo usuário, como o pessoal do tópido onde nasceu esse post achou interessante o esclarecimento e o conteúdo do mesmo optei por postar ele na área de Review, vejamos de ajuda mais gente na escolha. Só lembrando que já tive bastante contato tanto com a D50 como com a 350D, porém com a *istD meu contato foi um pouco menor, por isso em alguns momentos me baseio na D70 (que usa o mesmo sensor) para complementar o pouco contato que tive com o equipamento.

Bom, vamos às principais características fotográficas analisadas uma a uma, depois analiso as suas posições.

Em uma análise do quesito construção do equipamento, a Pentax leva a melhor, seguida de pela Nikon D50. A pentax tem o melhor viewfinder, com uma boa pegada e é uma câmera bem robusta, a D50 já tem um viewfinder bem fraquinho, assim como a XT, baseado em pentamirror, mas o corpo da D50 é melhor construído que o da XT, com construção mais robusta e melhor empunhadura.
Ainda analisando a construção temos a acurassia do AF de Minolta e Nikon que é bem mais alta e bem mais consistente (apesar de Canon ser mais rápido do que Nikon).

Com relação ao quesito qualidade de imagem, os principais fatores definidores da qualidade de imagem são: a latitude, a resolução, o ruído, a nitidez, a saturação de cores e o equilíbrio tonal, esses fatores são referentes ao sensor e são o grande ponto forte da D50, principalmente se colocados na balança com o preço dela. De cara é importante lembrar que a Pentax usa o mesmo sensor da D70 e portanto o que vale para ela vale para D70 e Maxxum 7D e o que vale para a D50 vale para a Maxxum 5D.

Analisando item a item:
Latitude:
A D50 tem o sensor de maior latitude da categoria, com o dobro de latitude das concorrentes (Pentax e XT), além disso a curva de saturação dela é centralizada dentro da latitude, fazendo com que as respostas em luzes altas e baixas sejam bem semelhantes, a 350D também tem uma característica de curva mais centralizada. O principal benefício desse equilíbrio é que a foto bem exposta não fica parecendo muito escura ou muito clara, é interessante que no quesito latitude a D50 ela só perde para a poderosa S3 Pro (que é dominante na latitude).
Visite:
Latitude Mensurada em JPG, Diversas câmeras.


Resolução:
Em termos de resolução nominal ou efetiva a 350D ganha das concorrentes, mas em termos de resolução real (aquela descontando o ruído real) a D50 fica muito próxima e a Pentax perde feio para ambas.

Ruído:
Em termos de ruído real a D50 é imbatível, ela tem níveis de ruído bem pouco significativos, o que inclusive eleva sua resolução real, a Canon e principalmente a Pentax usam processos de tratamento mais intenso via firmware, ou via instrução no chip para amenizarem o ruído real, mas isso acaba incorrendo em perdas maiores de textura e nitidez.
Visite:
Ruído - Como analisar, Entendendo essa peça fundamental

Mais uma vez - RUÍDO, Destruíndo uma imagem com muitos MP

Nitidez:
Neste quesito o novo sensor da Sony também se deu bem, porque não precisa de tanta intensidade de tratamento de imagem e com isso preserva melhor as texturas, além disso ele usa um filtro low-pass menos agressivo sem que isso represente aumento da tendência de efeito moiré, a soma desses fatores leva a uma maior nitidez do sistema.

Saturação de cores:
A saturação de cores sempre foi um quesito bom dos sensores da Sony, eles sempre se deram bem neste quesito que na verdade é uma virtude do CCD (A D2X já não é tão boa nesse quesito), Com relação à saturação a D50 também só perde para a S3 Pro, ela tem uma curva de saturação super equilibrada e suave, o que proporciona cores equilibradas e vibrantes em grande parte da latitude, ela mantém a resposta tonal gerando imagens mais fáceis de serem recuperadas com cores fidedignas, mesmo com alguns erros de exposição, a Canon já tem uma saturação de cores menos suave, principalmente nas baixas luzes, o que torna suas imagens mais lavadas e mais difíceis de serem recompostas quando se afastam do ponto ótimo de saturação, neste caso as cores também se tornam menos fiéis e menos equilibradas, o que gera perda na qualidade final da imagem.

Equilíbrio Tonal:
Neste quesito as câmeras com sensor Sony também sempre foram bem, principalmente as Nikon, elas tem um balanço muito bem feito e equilibrado em grande parte da latitude, o que já não ocorre nas Canon, que tem o sensor claramente pendente para azul e vermelho, demonstrando uma ineficiência no canal verde.

A algum tempo postaram um comparativo de qualidade de pixel da D50 com a Canon 5D e foi impressionante ver a qualidade de pixel da D50 (ainda mais considerando seu preço), é lógico que não levou em consideração o fator resolução, o teste da forma que foi feito só mostrou a qualidade dos pixels individualmente, mas é interessante para analisar também, se alguém lembrar o post, posta o link para a gente.

Esses são, na minha opinião, os principais quesitos de uma câmera, porque na verdade são a base de uma boa fotografia e, portanto, de uma boa câmera.

Agora respondendo aos seus fatores relacionados de comparação pelo usuário Fravin:
Citar
ISO
A XT tem uma faixa maior de ISO, desde 100 até 3200 (muito boa) e a D50 tem uma faixa mais curta de 200 (!) até 1600. A Ist Ds tem uma faixa mais curta que a da XT mas mais longa que a da D50, de 200 (!) a 3200.
Bom na verdade isso tem a ver com o ponto de ótimo do sensor, a Nikon optou por partir do ponto de ótimo (ISO 200) , já a Minolta opta por oferecer ISO 100 (assim como a Fuji faz, oferecendo sensores abaixo do ponto de ótimo, mesmo que isso signifique um ISO mais baixo, porém com mais ruído e pior qualidade),  na minha opinião ter a curva mais alta ajuda quem precisa de tele, porque o ISO 200 da D50 é tão bom quanto o ISO 100 da 350D (se não for melhor), então temos ai uma possibilidade de uso de velocidades mais altas e fotos noturnas um pouco melhores com melhor qualidade total (note que isso vale só pra o ponto de ótimo, em ISO 400 já não podemos fazer essa afirmação pois ambas estarão fora do ponto de ótimo). A desvantagem disso seria em fotos híbridas (com flash e luz ambiente intensa), mas que a Nikon compensa com o sincronísmo que eu comento depois.

Citar
Pontos de Autofocus
A D50 tem 5 pontos de foco, a XT tem 7 e a Ist Ds tem 11.
Isso é a maior perfumaria que eu já vi, na verdade 5 ou 7 pontos de AF, bem distribuídos, cobrem perfeitamente um quadro. Existem diversas câmeras com 3 pontos de AF que são ótimas. Na verdade é muito importante tomar cuidado, pois muitos pontos de AF dificultam vc alterar de um ponto de AF para outro de forma rápida, nesse caso vc acaba, ou usando apenas o ponto central, ou usando o modo de seleção automático. Os pontos de AF só tem utilidade específica quando é necessário rastrear um objeto em modo servo, neste caso os pontos invisíveis da 5D são mais úteis do que qualquer outra solução, porque eles ajudam no rastreamento quando acionada a função servo, mas ao mesmo tempo não estão disponíveis para o usuário, possibilitando que ele possa escolher entre os pontos realmente úteis de forma mais rápida e eficiente do que se houvessem uma infinidade de pontos, eu já tive uma câmera com 9 pontos de AF e particularmente acho que atrapalha para a maioria das aplicações, acredito mesmo que a solução ideal seriam uns 5 ou no máximo 7 pontos bem colocados para seleção do usuário e vários pontos invisíveis para fazer o rastreamento do servo, principalmente em câmeras específicas para uso em alta velocidade (como a D2X e a 1D MKII).
No geral é mais importante um sistema de AF de melhor qualidade e com acesso rápido aos pontos de foco do que um sistema com muitos pontos de má qualidade (como o caso da Pentax)  que pode até acabar tornando o acesso muito complicado aos pontos que você necessita, neste caso acaba virando uma perfumaria que mais atrapalha do que ajuda.

Citar
Medição
A D50 tem medição SPOT que a XT não tem, mas a Ist Ds tem.
Ta ai uma funcionalidade útil. Ajuda muito na composição de uma exposição exposição consistente no modo manual, mas também a questão dos 9% da Canon não é algo tão grave assim, afinal  existem truques para fazer a medição manual de áreas pequenas, nestes casos a falta desta funcionalidade acaba não atrapalhando tanto (apesar de tirar muito da agilidade).

Citar
Velocidade do obturador
As tres cameras tem velocidade máxima de 1/4000, mas a D50 tem velocidade de synch com flash mais rápida, em 1/500.
A velocidade máxima do obturador é outra perfumaria, existem poucas situações onde vc terá que usar f/22 e 1/4000s em ISO 200, você precisaria de 20EV para isso usar tal ajuste de exposição, enquanto a luz do ½ dia no Brasil dá por volta de 14 EV, o que possibilitaria vc fazer uma foto em ISO 200 em f/2.8 em 1/4000s e lhe daria total controle da profundidade de campo mesmo ao sol de ½ dia, portanto é totalmente desnecessário mais do que 1/4000s.
Já o sincronismo é um fator interessante, diferente do que foi dito ele não é uma vantagem da D50 ou da D70, porque a utilidade do sincronismo é viabilizar fotos com flash e luz ambiente intensa (Não tem nenhuma utilidade além dessa), quando temos o ISO 200 como mínimo nas DXX criamos uma obrigação de usarmos uma velocidade mais alta para compensar esse 1 ponto criado pelo ISO 200 em relação ao ISO 100, portanto não existe vantagem no sincronismo na D50 em termos de aplicação, seria sim uma desvantagem se ela tivesse um sincronísmo de 1/200 como as outras, existe apenas uma pequena vantagem do uso do ISO base 200 em termos de alcance de flash, porque você trabalhará ganhando 1 ponto de exposição no ISO que será compensado na velocidade, que afeta apenas o fundo e não o flash, mas em contra partida o sistema de sincronísmo que ela usa é um sistema (que usa obturador mecânico em conjunto com eletrônico para viabilizar o sincronismo), o que causa um ligeiro nível de ruído adicional nas fotos feitas com sincronismo acima de 1/180s que é sua velocidade de sincronísmo exclusuivamente mecânica. ;)

Citar
Balanço de branco
A XT tem um avançado sistema de controle de branco. A D50 não. A pentax se esforça, mas....
Isso é o que diz o MKT, porque e os sistemas no final das contas acabam sendo muito parecidos, sendo que os tons da D50 são bem mais equilibrados, com a principal diferença ficando com o sistema E-TTLII, que pega a temperatura de cor do flash com o próprio flash, enquanto o I-TTL trabalha com tabelas de temperatura de flash, mas em termos gerais o desempenho da D50 possibilita tons de pele bem mais reais e tonalidades bem mais equilibradas, é claro que um ajudada pelo bom sensor.

Citar
Burst
A D50 faz (aproximadamente) 2,5 fotos por segundo, numa seuqencia máxima de 12 JPEG. A XT faz 3fps em uma sequencia maxima de 14JPEG. A Pentax são 2,8 fps num máximo de 8 JPEG.
Bom para esse nível de modo burst as diferenças são totalmente desprezíveis, ainda mais para essa categoria de câmera, nessa categoria a grande maioria dos usuários raramente vai acionar o modo burst da câmera, apenas o tamanho do buffer faz alguma diferença para esse tipo de usuário e equipamento, mas de qualquer forma tanto em burst como em buffer delas são muito próximos, mesmo a 300D (que tem uma velocidade compatível mas um buffer ruim) atende a maioria das aplicações que é submetida e normalmente vai mal apenas no quesito buffer.

Bom é por esses e outros fatores que a D50 tem sido tão aclamada, ela é uma camera muito boa, principalmente pelo que custa, só não é muito bonitinha (acho a XT mais bonitinha, mas isso é um pouco pessoal), mas como em fotografia o que conta é o resultado final ela acaba sendo disparada a melhor opção da atualidade, devo admitir que em grande parte pelo sucesso da Sony nos novos sensores que resolveram problemas graves presentes nos sensores da geração anterior.

Bom espero ter ajudado no entendimento do porque a D50 tem sido tão aclamada.
« Última modificação: 02 de Novembro de 2005, 01:50:34 por Leo Terra »
Leo Terra

CURSOS DE FOTOGRAFIA: www.teiadoconhecimento.com



ATENÇÃO: NÃO RESPONDO DÚVIDAS EM PRIVATIVO. USEM O ESPAÇO PÚBLICO PARA TAL.
PARA DÚVIDAS SOBRE O FÓRUM LEIA O FAQ.


telio

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 143
Resposta #1 Online: 02 de Novembro de 2005, 05:05:05
Leo.. acho que faltou uma coisa que eu acho muito importante numa dSLR.. A autonomia da bateria..  
Telio Oliveira - Palmas/TO

Nikon D50, Tamron 28-75 F/2.8, Nikkor 18-55mm ED G (do kit), Nikkor 70-300mm G, SD 1GB, SD 256MB, Tripé Mirage TT3399 + Kodak dx7590


Marco3a

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 288
    • http://
Resposta #2 Online: 02 de Novembro de 2005, 11:35:46
Leo,

Bem, depois de ler esse post, conclui que tenho uma :bomb: na mão e só me resta tomar as seguintes ações:

1-Botar à venda todo meu equipo (bem baratinho, pq depois do comprador ler esse post   ele vai oferecer uma Sony P-72 pau a pau na XT)

2-Tentar trocar meu novo flash 430EX por um conjunto de lâmpadas pisca-pisca para árvore - afinal o natal já está aí!

3-Usar a minha 50mm ao contrário colada na frente da SD300 (xi, vou ter que trocar também, é Canon) pra fazer super macros.

4-Ainda não pensei o que fazer com o Grip, que depois disso tá mais pra grip do frango!

E, por último, é lógico, óbvio e ululante, vou sair em desabalada carreira pra comprar uma D50, não importando o preço e as condições.

Se é que vocês me entendem.

Bom feriado.

[]'s


 


Leo Terra

  • SysOp
  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.767
  • Sexo: Masculino
  • “Deus disse: 'Haja luz'. E houve luz.” (Gen 1,3)
    • http://www.leoterra.com.br
Resposta #3 Online: 02 de Novembro de 2005, 12:08:12
Telio eu nunca fiz nenhum teste de autonomia, de forma que só conheço das câmeras que eu realmente tive e não das que passaram pela minha mão, mas no geral pelo que leio por ai parece que das 3 a pior nesse quesito é mesmo a pentax, masss é do que eu leio por ai.

Marco não é questão de ter uma bomba ela só não é mair a melhor opção de compra, meu amigo se vc for ficar caçando as melhores opções de compra do mercado de câmeras digitais da categoria SLR de entrada vc estaria completamente enrolado. Já teria tido fácil 3 câmeras desde agosto de 2003. :)

A dica que eu te dou é que não entre em nóia depois de comprar, entre antes, depois de comprar só pensa em trocar se tiver algo que te incomode no equipamento, essa nóia de ficar trocando de câmera é algo que remete aos computadores, mas isso é câmera, se tá atendendo não precisa trocar porque não será lançado um programa que precisa de mais recursos heheh! ;)
« Última modificação: 02 de Novembro de 2005, 12:09:23 por Leo Terra »
Leo Terra

CURSOS DE FOTOGRAFIA: www.teiadoconhecimento.com



ATENÇÃO: NÃO RESPONDO DÚVIDAS EM PRIVATIVO. USEM O ESPAÇO PÚBLICO PARA TAL.
PARA DÚVIDAS SOBRE O FÓRUM LEIA O FAQ.


telio

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 143
Resposta #4 Online: 02 de Novembro de 2005, 13:40:14
Leo..

A autonomia da D50 é comparado à da D70(s) pois ela utiliza a mesma bateria da D70 mas já que a mídia é SD, consome um pouco menos de bateria..

Ou seja, Muuuuuiitto mais autonomia que os concorrentes..

Mas na minha opinião, qualquer dessas 3 cameras que alguém comprar estará bem servido..
Telio Oliveira - Palmas/TO

Nikon D50, Tamron 28-75 F/2.8, Nikkor 18-55mm ED G (do kit), Nikkor 70-300mm G, SD 1GB, SD 256MB, Tripé Mirage TT3399 + Kodak dx7590


Marcelo Almeida

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.345
Resposta #5 Online: 02 de Novembro de 2005, 14:06:06
Citar

A autonomia da D50 é comparado à da D70(s) pois ela utiliza a mesma bateria da D70 mas já que a mídia é SD, consome um pouco menos de bateria..

que alguém comprar estará bem servido..
e economiza ainda mais pq não tem a luz do lcd. :laughing:



 


Leo Terra

  • SysOp
  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.767
  • Sexo: Masculino
  • “Deus disse: 'Haja luz'. E houve luz.” (Gen 1,3)
    • http://www.leoterra.com.br
Resposta #6 Online: 02 de Novembro de 2005, 14:13:43
Hehehehe, na verdade uma coisa que eu descobri com minha experiência é que a melhor coisa a fazer para economizar bateria é desligar o preview no LCD, todas as câmeras que eu tive fotografavam muito mais nessas condições. :)
Leo Terra

CURSOS DE FOTOGRAFIA: www.teiadoconhecimento.com



ATENÇÃO: NÃO RESPONDO DÚVIDAS EM PRIVATIVO. USEM O ESPAÇO PÚBLICO PARA TAL.
PARA DÚVIDAS SOBRE O FÓRUM LEIA O FAQ.


telio

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 143
Resposta #7 Online: 02 de Novembro de 2005, 14:57:08
Citar
Citar

A autonomia da D50 é comparado à da D70(s) pois ela utiliza a mesma bateria da D70 mas já que a mídia é SD, consome um pouco menos de bateria..

que alguém comprar estará bem servido..
e economiza ainda mais pq não tem a luz do lcd. :laughing:
Huauhahua.. esa foi golpe baixo.. doeu!! hauahuhahuahua
 :risada2:  :risada2:  
Telio Oliveira - Palmas/TO

Nikon D50, Tamron 28-75 F/2.8, Nikkor 18-55mm ED G (do kit), Nikkor 70-300mm G, SD 1GB, SD 256MB, Tripé Mirage TT3399 + Kodak dx7590


talesp

  • Trade Count: (2)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.659
  • Sexo: Masculino
    • http://www.talesp.inf.br
Resposta #8 Online: 02 de Novembro de 2005, 15:09:47
Citar
Hehehehe, na verdade uma coisa que eu descobri com minha experiência é que a melhor coisa a fazer para economizar bateria é desligar o preview no LCD, todas as câmeras que eu tive fotografavam muito mais nessas condições. :)
Acho que eh justamente nisso que as compactas pecam mais.

Ja teve mais de uma situacao onde eu PRECISAVA fotografar mas nao restava mais nenhum pouco de bateria, e quando tentava ligar a camera com o LCD ela nao dava nem sinal, mas ligando com o LCD desligado consegui tirar ate mais 10 fotos! Usei ate o flash! Claro, nao foi em todas as 10, mas da pra perceber que por mais incrivel que pareca, LCD consome mais que flash...

LCD ajuda e eh uma mao na massa, mas que ainda consome muuuuuita bateria, acho que consome.
As vezes ate fico imaginando, se uma dSLR tivesse o preview da foto para composicao como as compactas,  abateria delas ia durar bem menos que uma compacta :denken:  
Tales Pinheiro de Andrade
São Bernardo do Campo/SP/Brasil
I think computer viruses should count as life. I think it says something about human nature that the only form of life we have created so far is purely destructive. We've created life in our own image.
Stephen Hawking


Marcio Vasconcellos

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 552
  • Sexo: Masculino
Resposta #9 Online: 08 de Maio de 2006, 17:48:31
Alguém sabe qual é o material utilizado na construção do corpo da D50?
Marcio Vasconcellos - Santa Clara - California
-------------------------------------
Nikon D7200 / Nikon D50
Nikkor 50mm 1.8D - Nikkor 18-70 3.5-5.6 D G - Nikkor 35mm 1.8G - Nikkor 55-200 VR - Sigma 70-200 APO -Flash Neewer



Leo Terra

  • SysOp
  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.767
  • Sexo: Masculino
  • “Deus disse: 'Haja luz'. E houve luz.” (Gen 1,3)
    • http://www.leoterra.com.br
Resposta #10 Online: 08 de Maio de 2006, 18:29:57
Policarbonato.
Leo Terra

CURSOS DE FOTOGRAFIA: www.teiadoconhecimento.com



ATENÇÃO: NÃO RESPONDO DÚVIDAS EM PRIVATIVO. USEM O ESPAÇO PÚBLICO PARA TAL.
PARA DÚVIDAS SOBRE O FÓRUM LEIA O FAQ.


Marcio Vasconcellos

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 552
  • Sexo: Masculino
Resposta #11 Online: 20 de Maio de 2006, 16:40:29
Mais uma dúvida,
Qual o buffer de memória da D50?
Marcio Vasconcellos - Santa Clara - California
-------------------------------------
Nikon D7200 / Nikon D50
Nikkor 50mm 1.8D - Nikkor 18-70 3.5-5.6 D G - Nikkor 35mm 1.8G - Nikkor 55-200 VR - Sigma 70-200 APO -Flash Neewer



Marcos Kaddoum

  • Trade Count: (2)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 750
    • http://www.flickr.com/photos/mkaddoum
Resposta #12 Online: 20 de Maio de 2006, 17:02:12
Em RAW dá pra 4 exposições e em JPEG dá pra 9. Mas a velocidade de gravação é muito rápida, e não deixa na mão.
Marcos Kaddoum
Rio de Janeiro - RJ

-----------
FlickR
-----------


Marcio Vasconcellos

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 552
  • Sexo: Masculino
Resposta #13 Online: 21 de Maio de 2006, 22:13:25
Citar
Em RAW dá pra 4 exposições e em JPEG dá pra 9. Mas a velocidade de gravação é muito rápida, e não deixa na mão.
Valeu!  :thmbup:  
Marcio Vasconcellos - Santa Clara - California
-------------------------------------
Nikon D7200 / Nikon D50
Nikkor 50mm 1.8D - Nikkor 18-70 3.5-5.6 D G - Nikkor 35mm 1.8G - Nikkor 55-200 VR - Sigma 70-200 APO -Flash Neewer



André Duarte

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 88
    • http://
Resposta #14 Online: 06 de Setembro de 2006, 09:54:10
Depois de ter lido esse tópico fiquei interessado em comprar uma D50. Mas e quanto as lentes? Alguém pode me sugerir boas opções? Estava usando uma 17-40 e uma 70-200 4.0L.  Quais seriam as correspondentes para nikon e qual é o preço é compatível?