Autor Tópico: Minha Dor Não Sai No Jornal - Relato impressionante de um fotógrafo do O Dia.  (Lida 2468 vezes)

JQueiroz

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 293
  • Sexo: Masculino
  • Nas montanhas, caminhar... Nos mares, velejar..!
Marcos...
O fato é realmente lamentável e revoltante, mas...   é como se costuma dizer...   "passarinho que come pedra sabe o cú que tem".

Roberto...  o cara pode até não ser alienado, mas devia estar ganhando uma boa grana extra...  ou, talvez, não...
Nessa profissão, ninguém é passarinho...
Abçs..
JQueiroz.


Natão

  • Trade Count: (23)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 6.273
  • Sexo: Masculino
  • "dichterisch, wohnet der Mensch auf dieser Erde"
Marcos...
O fato é realmente lamentável e revoltante, mas...   é como se costuma dizer...   "passarinho que come pedra sabe o cú que tem".

Roberto...  o cara pode até não ser alienado, mas devia estar ganhando uma boa grana extra...  ou, talvez, não...
Nessa profissão, ninguém é passarinho...
Abçs..
JQueiroz.

Concordo! Ele sabia exatamente onde estava se metendo, conhecia os riscos. Assumiu isso e agora sofre as consequências. A vida é essa assunção, as vezes muito se pondera e pouco se age, ou o seu inverso.

É uma pena, é claro, mas querer ser "o politicamente correto" é fechar os olhos e fugir da realidade.


agalons

  • Trade Count: (10)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.870
Horário. Ordem. Seqüência. Primeiro. Segundo. Ouro. Prata. Brincadeira. Humor.


estava so pensando na seriedade da coisa,
agora caiu a ficha!!!!!rsrs!!, humor alemao!!otimo!!
abs.


agalons

  • Trade Count: (10)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.870
Concordo! Ele sabia exatamente onde estava se metendo, conhecia os riscos. Assumiu isso e agora sofre as consequências. A vida é essa assunção, as vezes muito se pondera e pouco se age, ou o seu inverso.

É uma pena, é claro, mas querer ser "o politicamente correto" é fechar os olhos e fugir da realidade.

e lamentavel que a miseria moral humana esteja nesses padroes,
mas tambem e regra do jogo,
brincou com fogo, se queimou feio,
bem podia estar morto faz tempo,
ha muitos exemplos de jornalistas, fotografos assasinados!!!!
abs.


gruggio

  • Trade Count: (3)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.149
duro de se ler, mais emocionante a história.... arepiei quando ele falou so Salmo 23.


agalons

  • Trade Count: (10)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.870
duro de se ler, mais emocionante a história.... arepiei quando ele falou so Salmo 23.
ja que ainda esta vivo
poderia aproveitar a oportunidade
e escrever um livro contando suas experiencias de vida,
deixar seu recado ao mundo.
e uma forma de recomeçar!!!!
abs.


eprimos

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 150
  • Sexo: Masculino
    • http://www.flickr.com/photos/eprimos
Acho que muito poucos de nós pode se dar ao luxo de se arriscar numa empreitada destas podendo dizer que não tem nada a perder, ou que o que tem a perder não lhe fará falta.

Gostei do relato, pois me levou a uma reflexão sobre o que realmente importa, apesar dele ter relatado um caso extremo.

Infelizmente os extremos são cruéis com qualquer um que quer conhecê-los, diversos executivos que trabalham 18 a 20 hrs dia estão separados de suas famílias e são também torturados de milhares de formas, claro que a tortura física é chocante e inadmissível, mas o assédio moral, a tortura tácita, a opressão, a coação, a violação de suas convicções morais, tudo isso é tão danoso no longo termo como a sobrevivência a tortura física, que muitas vezes usa estes mesmos métodos, entretanto aquelas não podem ser medidas, pois não são caracterizadas com a mesma facilidade e seria "socialmente" danoso.
« Última modificação: 31 de Agosto de 2011, 23:46:19 por eprimos »
Canon 6D + Helios 50 f2.0, Canon 50 f1.4, Tokina 11-16 f2.8 (VENDENDO), Canon 24-70 f2.8 L, Canon 70-200 f2.8 IS L, Canon 24-105 f4 IS L
http://www.flickr.com/eprimos