Autor Tópico: Número de fotos  (Lida 1655 vezes)

Pacheco

  • Trade Count: (1)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 490
Resposta #15 Online: 03 de Novembro de 2012, 20:14:03
Spider, faz tempo que não cubro nenhum evento, mas nos últimos 2 casamentos que fiz, combinei um preço fechado para um mínimo de 50 fotos, e as fotos extras já com preço fixo, (ex: R$15,00 cada foto extra). Após a cobertura do evento, entrego um dvd com todas as fotos apresentáveis, sem tratamento algum e o cliente faz a seleção das que deseja no álbum, ou o combinado ou com algumas à mais, aí trato somente as que vão pro álbum, acho mais prático.
Abçs
Canon eos 60D + 18-135mm + 50mm 1.8 + 2YN 560 + YN568EX + Vivitar 285 + Sony nex F3 + um monte de tranqueiras relacionadas à fotografia.



vandersat

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 139
  • "Caminhando no incerto e Idolatrando a dúvida"
Resposta #16 Online: 03 de Novembro de 2012, 21:13:02
Desculpe minha intromissão na conversa, visto que tenho pouca experiência no mercado de fotografia, mas já trabalhei por muito tempo com o publico na área comercial, e a coisa é complicada mesmo, agradar e desagradar a meu ver é normal quando a negociação sai fora do que esta estipulado no contrato, vivia isso na pele e digo por experiência propria:Cliente tem que ser tratado como cliente e acabou, se esta exigindo algo a mais que não está no contrato então ñ tenha dó, cobre o real valor, muitas vezes queremos ser legais  e "tomamos na cabeça", talvez já estipular tal situação no contrato pra evitar o " eu não sabia". Sofria muito com clientes "Chorões" antes de adotar esta pratica. Digo isso porque a meu ver  se trata de negociação comercial e infelizmente dinheiro é dinheiro independente se a pessoa é gente boa ou não. Tratar cliente com educação, respeito e honestidade e obrigação de quem está vendendo o serviço, elo de amizade é bom mas com certa cautela, porque tem gente que mistura as coisas e acha que já tem liberdade o bastante pra exigir mais do que o combinado. Sei que alguns podem achar isso meio radical demais, mas infelizmente negociação comercial é desgastante independente da areá de atuação, essa é a minha opinião :ok: