Autor Tópico: Educação?  (Lida 1743 vezes)

Mr. Hyde

  • Trade Count: (4)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 16.575
  • Sexo: Masculino
    • Faceboock
Online: 12 de Maio de 2014, 09:27:40
Projeto fotográfico em exposição no Memorial da Procuradoria Geral da República, em Brasília.

Penso que valha a pena dar uma passada lá, ou, alternativamente dar uma olhada aqui: http://educacao.uol.com.br/noticias/2014/05/12/fotografa-mostra-condicao-de-escolas-publicas-brasileiras.htm#fotoNav=1

____________________
"Deus perdoe o Mal que habita em mim" M. Nova


yuriacg

  • Trade Count: (4)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 110
  • Sexo: Masculino
Resposta #1 Online: 12 de Maio de 2014, 10:52:37
Muito legal!

Já fiz um trabalho no Vale do Jequitinhonha (norte de MG, região bem pobre!) por um projeto que eu trabalhava na faculdade. As escolas de lá (principalmente das comunidades quilombolas) eram muito bem cuidadas, mas tudo isso partia da iniciativa da população. Pena que na época eu não tinha tanto domínio de técnicas fotográficas e pouquíssimas puderam ser aproveitadas...

Mas é uma experiência que eu acho que todo mundo deve passar, pra começar a refletir sobre a própria vida e os desperdícios que a gente comete...
D7100 + D5100 + 50mm 1.8D Nikkor + 70-210mm AF D F4-5.6 Nikkor + 18-55mm f3.5/5.6G ED Nikkor + 55-300mm f4.5/5.6G ED VR Nikkor + Tamron 17-50mm 2.8 + 2x YN568EX.



Carlos HP

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.570
  • Sexo: Masculino
  • Em busca de tempo!
    • Do Infinito ao Bokeh
Resposta #2 Online: 12 de Maio de 2014, 11:32:08
Não sei se é mais triste a condição das escolas, o teor vazio da matéria ou os comentários da mesma. É como se cada município não tivesse seu prefeito e seus vereadores, cada estado seu governador e seus deputados. Enquanto ficarmos alienados cobrando apenas do executivo federal, sem contextualizar as obrigações de cada esfera de poder vai-se continuar misturando tudo e nunca vamos resolver nada. Protestar contra a Copa não ajuda a identificarmos se o problema é falta de recursos ou má aplicação e gestão dos que estão disponíveis. Uma coisa eu tenho por certo: no dia em que saúde e educação públicas funcionarem, cai preço de plano de saúde e escolas particulares.
Fotos: Flickr e 500px
Blog: Do Infinito ao Bokeh
Equipamentos: Lenstag


Mike Castro

  • Trade Count: (4)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.928
  • Sexo: Masculino
Resposta #3 Online: 13 de Maio de 2014, 13:03:42
Não sei se é mais triste a condição das escolas, o teor vazio da matéria ou os comentários da mesma. É como se cada município não tivesse seu prefeito e seus vereadores, cada estado seu governador e seus deputados. Enquanto ficarmos alienados cobrando apenas do executivo federal, sem contextualizar as obrigações de cada esfera de poder vai-se continuar misturando tudo e nunca vamos resolver nada. Protestar contra a Copa não ajuda a identificarmos se o problema é falta de recursos ou má aplicação e gestão dos que estão disponíveis. Uma coisa eu tenho por certo: no dia em que saúde e educação públicas funcionarem, cai preço de plano de saúde e escolas particulares.

Eu acho que é por isso que nunca vão melhorar.
Imagine o prejuízo que os "grandes" vão ter com isso. Eu imagino que deve ter uma forte pressão por parte das grandes instituições escolares e grupos hospitalares, para que eles tenham demanda.



Olhando as fotos, o que me vem à cabeça, é porque os presos têm tanta regalia, comidinha com nutricionista, médico, mimimi, e a molecadinha vive nesse sofrimento. Me emociona muito muito ver imagens assim, porque sei que meus pais tiveram uma vida senão igual, muito próxima disso, e conseguiram me criar dignamente, junto com meus irmãos.

Gostei da série fotográfica e da linguagem da fotógrafa. Retratou muito bem a realidade das crianças e educadores.


Carlos HP

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.570
  • Sexo: Masculino
  • Em busca de tempo!
    • Do Infinito ao Bokeh
Resposta #4 Online: 13 de Maio de 2014, 13:45:23
Eu acho que é por isso que nunca vão melhorar.
Imagine o prejuízo que os "grandes" vão ter com isso. Eu imagino que deve ter uma forte pressão por parte das grandes instituições escolares e grupos hospitalares, para que eles tenham demanda.



Olhando as fotos, o que me vem à cabeça, é porque os presos têm tanta regalia, comidinha com nutricionista, médico, mimimi, e a molecadinha vive nesse sofrimento. Me emociona muito muito ver imagens assim, porque sei que meus pais tiveram uma vida senão igual, muito próxima disso, e conseguiram me criar dignamente, junto com meus irmãos.

Gostei da série fotográfica e da linguagem da fotógrafa. Retratou muito bem a realidade das crianças e educadores.

Além dessa pressão, tem os que jogam contra mesmo, como no caso dos médicos que burlam o ponto nos hospitais públicos (lembra dos dedos de silicone para o ponto eletrônico? Imagina onde o ponto é em papel...) para atender em suas clínicas particulares ou donos de empresas de ônibus que emperram obras de expansão de transporte público (como o caso do metrô em Salvador-BA), por aí vai.

Sobre os presos, não sei dados estatísticos sobre quantos estão em penitenciárias bem cuidadas e quantos estão abarrotados em cadeias sem a menor condição, apenas ficando piores e mais revoltados do que quando foram presos. Imagino que deve ser algo na proporção das escolas públicas: existem algumas poucas boas, mas a maioria tende às que foram fotografas - as piores na avaliação do MEC.

Acho que deveriam nos esclarecer melhor sobre quem tem responsabilidade sobre quê: será que as prefeituras dessas localidades não receberam a verba ou ela foi desviada? Acredito mais na segunda opção. No interior do Nordeste, a coisa é muito feia e há anos o desvio de verba é corriqueiro. Enfim, é triste ver que interessa a tão pouca gente nos esclarecer sobre como as coisas funcionam em nosso país.

As fotos estão irrepreensíveis. Excelente cobertura.
« Última modificação: 13 de Maio de 2014, 13:46:24 por Carlos HP »
Fotos: Flickr e 500px
Blog: Do Infinito ao Bokeh
Equipamentos: Lenstag


Tupiniquim

  • Trade Count: (5)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.211
  • Sexo: Masculino
    • Flickr
Resposta #5 Online: 23 de Maio de 2014, 06:49:40
As fotos são de uma beleza contundente. Mas o objeto fotografado é demasiado perturbador, não consegui ver a série toda!
T3i + Sigma 10-20; Sigma 17-50 f 2.8; Canon 55-250; 50 F 1.8
5D Mark II + 24-105; YN 35; 85 F 1.8; 70-200 f4 USM
580EX II


Raphael Valente

  • Trade Count: (8)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 264
  • Sexo: Masculino
  • Transmita bons sentimentos!
Resposta #6 Online: 23 de Maio de 2014, 08:58:32
Eu acho que é por isso que nunca vão melhorar.
Imagine o prejuízo que os "grandes" vão ter com isso.

Gostei da série fotográfica e da linguagem da fotógrafa. Retratou muito bem a realidade das crianças e educadores.

Resumiu bem, representante público escraviza o pobre com bolsas esmola... Ao invés de fornecer um curso profissionalizante "X" e só disponibilizar a bolsa ao pai de família que frequente e tenham boas notas e filhos na escola, mas isso se a copa fosse menos importante de que escolas né (coisa que o governo acha que não é).
« Última modificação: 23 de Maio de 2014, 09:17:45 por raphavalent »
Nikon D7100 - 10-24, 18-105, 35 1.8G, 70-300VR e Tamron 17-50 2.8.

Flickr: https://www.flickr.com/photos/raphavalente/