Autor Tópico: Não espere gratidão das pessoas...  (Lida 3295 vezes)

edugandolfe

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.289
  • Sexo: Masculino
Online: 05 de Janeiro de 2015, 21:31:11
Não sei se o problema é comigo, más estou me curando.

A gente faz tudo para as pessoas, faz as fotos, trata, elogia sinceramente, passas as fotos em alta, dá assistência e dicas, depois no fim de ano dá um Feliz 2015 tradicional porém encorpado e recebe de resposta:

"Obg, pra vc tbm"

Com essa baita vontade de escrever, não?

Me ensinem como lidar com isso...
Más já aprendi não esperar por nenhuma gratidão, o ser humano é muitas vezes ingrato mesmo...


Rafa_Meira

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (2)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.148
  • Sexo: Masculino
Resposta #1 Online: 05 de Janeiro de 2015, 21:36:08
Foi de graça?

A quantidade de dinheiro que a pessoa lhe paga é diretamente proporcional à quantidade de energia que a pessoa investe em vc.


edugandolfe

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.289
  • Sexo: Masculino
Resposta #2 Online: 05 de Janeiro de 2015, 21:46:40
Neste caso em si foi praticamente FREE, mas tá geral...


Marcelo Rezende

  • Trade Count: (16)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.425
  • Sexo: Masculino
    • Marcelo Rezende Fotografia
Resposta #3 Online: 05 de Janeiro de 2015, 21:48:22
Algumas possibilidades...entre elas a possibilidade de vc ter errado o meio de comunicação, talvez essa pessoa não funcione com escrita. Se fosse um telefonema talvez ela ficasse vários minutos falando com vc...o contrario tb é verdadeiro. Existem pessoas que odeiam falar ao telefone (eu mesmo) trato logo de dispensar o quanto antes...gosto de me comunicar por email por exemplo. Essa apenas uma...

Relaxa!
M Rezende


Tupiniquim

  • Trade Count: (5)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.254
  • Sexo: Masculino
    • Flickr
Resposta #4 Online: 05 de Janeiro de 2015, 21:52:00
Pode ser.
Mas pode ser também aquilo acerca do quê um cínico qualquer, não lembro quem, já filosofou: cuidado com as pessoas que hoje se sentem agradecidas. Amanhã elas poderão se sentir humilhadas pela mesma razão pela qual já foram gratas. E poderão querer se vingar da humilhação que experimentaram, sem que lhe tenha sido inflingida.
T3i + Sigma 10-20; Sigma 17-50 f 2.8; Canon 55-250; 50 F 1.8
5D Mark II + 24-105; YN 35; 85 F 1.8; 70-200 f4 USM
580EX II x 2


edugandolfe

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.289
  • Sexo: Masculino
Resposta #5 Online: 05 de Janeiro de 2015, 22:07:54
Sem contar os casos onde vc faz um trabalho bom, posta umas fotos no Flickr e manda pra pessoa em avanço, enquanto você está ainda terminando o material, ensina como fazer para baixar a foto original de lá e tudo o mais...a pessoa vai lá, dá print da tela do Flickr, reposta suas fotos de forma horrível no Facebook e jamais lembra de creditar você, somente se auto-promove, com pompa...

Ainda bem que tem aqueles que dão um feedback legal, construtivo, etc, gastam um pouco mais de teclado com você...más tem uns viu!? Sugam você e saem correndo, só falta pegar seu cartão SD na festa mesmo e depois finge que não te viu...
« Última modificação: 05 de Janeiro de 2015, 22:11:06 por edugandolfe »


Anderson_levi

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 205
Resposta #6 Online: 05 de Janeiro de 2015, 22:47:41
olha, não espere mesmo.

Veja meu exemplo, trabalhava numa empresa, que estava na final de um campeonato, o pessoal do RH me pediu para ir fotografar (de graça, logico). Na época o tal estádio além do entorno estar em reforma (tudo no barro e sem iluminação), eu disse que era fora de mão pra mim (não tinha carro) e o local era de difícil acesso (pra se ter uma idéia, ficava na beira da via Dutra, nem ponto de ônibus tinha perto). Mas o pessoal do RH foi tão gentil, eles se prontificaram a me levar, e falaram até para que eu não me preocupasse, pois me trariam até em casa. Bom não precisava tanto, bastava que na volta me deixassem em algum lugar (seguro) para que eu pegasse um ônibus.

Bom acho que nem preciso continuar, né.. No final, todo mundo sumiu, os que disserem pra não me preocupar, de última hora surgiu um "compromisso"  todo mundo foi embora, o máximo que consegui foi uma carona com um cara desconhecido que me ajudou e me deixou na via Dutra, de lá caminhei mais de 2 quilômetros, a noite, no barro e sem iluminação ( estavam ampliando uma faixa), esse foi o muito obrigado que recebí, olha nunca mais.

Ahh, tava esquecendo, no final, entreguei as fotos, e me pediram, "será que dá pra vc quebrar o galho pra gente, e fazer umas ampliações!!!.


Anderson. 


Rafael.l

  • Trade Count: (3)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.871
Resposta #7 Online: 05 de Janeiro de 2015, 23:54:39
Acho q eh muito estresse pra pouca coisa.

Seja profissionalmente ou não, se vc aceita fazer alguma coisa não tem q ficar de choradeira depois, vc cobra oq foi combinado e acabou, se for fazer pensando em receber algo em troca melhor deixar de lado.





edugandolfe

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.289
  • Sexo: Masculino
Resposta #8 Online: 06 de Janeiro de 2015, 00:32:57
Desculpe Rafael, mas discordo da sua opinião superficial, seu embasamento é muito fraco pra me convencer, acho que está sobrando mesmo pessoas por ai gananciosas e egoístas, ou mesmo desligadas, sem educação ou que não sabem nada de psicologia, pois se o feedback é bom, você até trabalharia novamente uma próxima vez com empenho maior, mas se a pessoa te vira as costas, a magia é quebrada. As coisas não precisavam ser assim.


Tupiniquim

  • Trade Count: (5)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.254
  • Sexo: Masculino
    • Flickr
Resposta #9 Online: 06 de Janeiro de 2015, 04:48:47
olha, não espere mesmo.

Veja meu exemplo, trabalhava numa empresa, que estava na final de um campeonato, o pessoal do RH me pediu para ir fotografar (de graça, logico). Na época o tal estádio além do entorno estar em reforma (tudo no barro e sem iluminação), eu disse que era fora de mão pra mim (não tinha carro) e o local era de difícil acesso (pra se ter uma idéia, ficava na beira da via Dutra, nem ponto de ônibus tinha perto). Mas o pessoal do RH foi tão gentil, eles se prontificaram a me levar, e falaram até para que eu não me preocupasse, pois me trariam até em casa. Bom não precisava tanto, bastava que na volta me deixassem em algum lugar (seguro) para que eu pegasse um ônibus.

Bom acho que nem preciso continuar, né.. No final, todo mundo sumiu, os que disserem pra não me preocupar, de última hora surgiu um "compromisso"  todo mundo foi embora, o máximo que consegui foi uma carona com um cara desconhecido que me ajudou e me deixou na via Dutra, de lá caminhei mais de 2 quilômetros, a noite, no barro e sem iluminação ( estavam ampliando uma faixa), esse foi o muito obrigado que recebí, olha nunca mais.

Ahh, tava esquecendo, no final, entreguei as fotos, e me pediram, "será que dá pra vc quebrar o galho pra gente, e fazer umas ampliações!!!.


Anderson. 
-

Nesse caso específico, eu diria simplesmente que "como ninguém pôde me trazer de volta, fui roubado".
T3i + Sigma 10-20; Sigma 17-50 f 2.8; Canon 55-250; 50 F 1.8
5D Mark II + 24-105; YN 35; 85 F 1.8; 70-200 f4 USM
580EX II x 2


Rafael.l

  • Trade Count: (3)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.871
Resposta #10 Online: 06 de Janeiro de 2015, 07:43:10
Desculpe Rafael, mas discordo da sua opinião superficial, seu embasamento é muito fraco pra me convencer, acho que está sobrando mesmo pessoas por ai gananciosas e egoístas, ou mesmo desligadas, sem educação ou que não sabem nada de psicologia, pois se o feedback é bom, você até trabalharia novamente uma próxima vez com empenho maior, mas se a pessoa te vira as costas, a magia é quebrada. As coisas não precisavam ser assim.

Não precisa se desculpar, vc não é obrigado a concordar comigo.  :ok:





jesieltrevisan

  • Trade Count: (3)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.655
  • Sexo: Masculino
  • Harmonize-se
Resposta #11 Online: 06 de Janeiro de 2015, 09:08:24
Desculpe Rafael, mas discordo da sua opinião superficial, seu embasamento é muito fraco pra me convencer, acho que está sobrando mesmo pessoas por ai gananciosas e egoístas, ou mesmo desligadas, sem educação ou que não sabem nada de psicologia, pois se o feedback é bom, você até trabalharia novamente uma próxima vez com empenho maior, mas se a pessoa te vira as costas, a magia é quebrada. As coisas não precisavam ser assim.
Também concordo com o Rafael.
Acima de tudo seja profissional sem esperar júbilos e gratificações que incentivam a vaidade.
Este negócio de "Magia é quebrada" é coisa de Wall Disney, me desculpe, mas sendo um empresário com firma aberta (deveria) ou não, sendo um provedor de serviços, o seu foco é na excelência do trabalho prestado e satisfação do cliente, características que irão garante o seu lucro que é o que importa, pois se no final você teve prejuízo então o seu modo de negócio não é sustentável, reveja seus contratos e forma de vender o seu peixe.

O feedback já está atrelado ao "pacote", com a satisfação do cliente para com o serviço prestado, com pagamento em dia sem reclamações, futura indicações, etc...

Resumindo foque em excelência de trabalho buscando o retorno financeiro $$$ através da satisfação do cliente final e não júbilos emocionais que tanto podem ser verdadeiros como falsos.
Canon EOS 5D + BG-E4 + Canon EOS Kiss (300D) 
Canon EF 50mm f/1.8 mk I + Canon EF 100mm f/2 + Canon EF 28-70mm  f/3.5~4.5 II + Sigma 18-50mm f/2.8 DC EX  + 430EX II
--
Dúvida sobre as regras do fórum? --> REGRAS GERAIS
Dúvidas gerais? -->FAQ


edugandolfe

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.289
  • Sexo: Masculino
Resposta #12 Online: 06 de Janeiro de 2015, 11:57:39
Jesiel, no início você nunca sentiu isso?

Obrigado pela resposta, eu disse que estava me curando e isso foi um band-aid "do bom" na ferida.
Assim como todos os amantes de fotografia e arte, somos mais sentimentais, uns mais, uns menos.

Vamos em frente, precisamos ser preparados para tudo, nos profissionalizar e focar na excelência sempre.
Esquecer a gratidão e tratar como um negócio.


Mike Castro

  • Trade Count: (4)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.941
  • Sexo: Masculino
Resposta #13 Online: 06 de Janeiro de 2015, 12:07:06
Também concordo com o Rafael.
Acima de tudo seja profissional sem esperar júbilos e gratificações que incentivam a vaidade.
Este negócio de "Magia é quebrada" é coisa de Wall Disney, me desculpe, mas sendo um empresário com firma aberta (deveria) ou não, sendo um provedor de serviços, o seu foco é na excelência do trabalho prestado e satisfação do cliente, características que irão garante o seu lucro que é o que importa, pois se no final você teve prejuízo então o seu modo de negócio não é sustentável, reveja seus contratos e forma de vender o seu peixe.

O feedback já está atrelado ao "pacote", com a satisfação do cliente para com o serviço prestado, com pagamento em dia sem reclamações, futura indicações, etc...

Resumindo foque em excelência de trabalho buscando o retorno financeiro $$$ através da satisfação do cliente final e não júbilos emocionais que tanto podem ser verdadeiros como falsos.

 :clap: :clap:

Eu tbm penso assim.

Quando comecei a trabalhar, tinha 18 anos, e ao fazer meu primeiro casamento, conversei com o gerente da loja sobre isso. Ele me disse algo assim:


"Mike, não espere que as pessoas passem a mão na sua cabeça, elogiem ou agradeçam. Se não reclamarem, se considere vitorioso.
O mundo às vezes é cruel, as pessoas não tem tempo pra elogiar, mesmo que gostem do seu trabalho. Agora, se não gostarem, com certeza vão reclamar.
Então, considere o silêncio um elogio."


Com isso, parei com as expectativas. Tenho um cliente, chato, chorão, mal-humorado, enfim. O cara é um capeta.
Fiz o evento dele, tudo o que ouvi no fim do evento foi um:
 "Obrigado, essa semana passo lá pra pegar o cd-copiao."

Já me indicou pra três amigos dele.

Pronto. Ele não precisa me elogiar pra mim. Me elogiando pros outros tá bom. :D :D :D


edugandolfe

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.289
  • Sexo: Masculino
Resposta #14 Online: 06 de Janeiro de 2015, 13:15:22
Ô Mike, isso precisa colocar no tópico OS 50 PASSOS SUGERIDOS PARA INICIANTE SEGUIR

Também gosto da frase
Citar
"considere o silêncio um elogio."

Como disse, as coisas não precisavam ser assim, somos eternos aprendizes.