Autor Tópico: negativo "denso"  (Lida 826 vezes)

l.augusto.est

  • Trade Count: (2)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 365
  • Sexo: Masculino
    • Flickr
Online: 14 de Janeiro de 2015, 12:13:54
Volta e meia esbarro com alguém por aí falando que o negativo ficou "denso" e até hoje não consegui compreender muito bem o que essa expressão quer dizer.

Alguém saberia me explicar?
Nikon D600 | Nikon F100 | Nikkor 1.4AF-D | Nikkor AI-S 105 2.5 | https://www.flickr.com/photos/luizaugustoest/


magoorf

  • Trade Count: (2)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 90
  • Sexo: Masculino
Resposta #1 Online: 17 de Janeiro de 2015, 12:39:41
Pode ser que tenha ficado super-revelado, ou super-exposto, aí pode ser que eles querem dizer isso, que ficou denso. Pode ser um problema tanto na hora de revelar ou na hora de fotografar. Sabendo fotometrar bem isso não acontece.

Não sei se ajudei, mas ...

abs! :ok:


l.augusto.est

  • Trade Count: (2)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 365
  • Sexo: Masculino
    • Flickr
Resposta #2 Online: 17 de Janeiro de 2015, 13:37:26
Pode ser que tenha ficado super-revelado, ou super-exposto, aí pode ser que eles querem dizer isso, que ficou denso. Pode ser um problema tanto na hora de revelar ou na hora de fotografar. Sabendo fotometrar bem isso não acontece.

Não sei se ajudei, mas ...

abs! :ok:


achava que tinha muito mais a ver com a revelação....
Nikon D600 | Nikon F100 | Nikkor 1.4AF-D | Nikkor AI-S 105 2.5 | https://www.flickr.com/photos/luizaugustoest/


Luciano.Queiroz

  • Trade Count: (30)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.436
  • Sexo: Masculino
    • Luciano Queiroz
Resposta #3 Online: 21 de Janeiro de 2015, 12:23:50
o problema é que se foi superexposto, o negativo fica muito escuro, denso...

na hora de revelar, a luz não passa direito por ele como passa por um negativo "normal", e por isso precisa de muito mais tempo no ampliador pra conseguir exposição correta no papel.

o negativo pouco denso, muito claro, obviamente é o contrário.. passa muita luz por ele, e precisa reduzir tempo no ampliador na hora de passar pro papel..

Não posso afirmar com certeza, mas pelas minhas experiências, é pior superexpor do que super-revelar... a superexposição deixa ele bem mais denso do que super-revelar..
« Última modificação: 21 de Janeiro de 2015, 12:25:26 por Luciano.Queiroz »
Luciano Queiroz
www.lucianoqueiroz.com
Facebook: @caminhotracado - https://goo.gl/pNRgQX
Instagram: @caminhotrtacado - https://goo.gl/Gou1E2
Youtube: www.youtube.com/c/caminhotracado


magoorf

  • Trade Count: (2)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 90
  • Sexo: Masculino
Resposta #4 Online: 21 de Janeiro de 2015, 23:41:18
concordo com o Luciano.


Braga.SP

  • Trade Count: (14)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.858
  • Sexo: Masculino
Resposta #5 Online: 27 de Janeiro de 2015, 12:15:20
Um filme fotográfico é feito, hoje em dia, de uma película de acetato e sobre ela é aplicada uma emulsão química fotosensível. A grosso modo, é uma tira de plástico com uma meléca que alguém passou nela e essa gororóba aí é sensível à luz.

Quando o filme é exposto, os sais de prata existentes na tal emulsão são sensibilizados pela luz. A revelação tornará essa sensibilização latente e a deixará impregnada na película. Ainda na revelação, toda prata não sensibilizada é removida pela agente revelador. Então, o que se entende até aqui é que a prata que recebeu luz ficará grudada na película. Esse troço aí é a nossa imagem que pode ser negativo colorido, negativo P&B ou um positivo (cromo, slide ou diapositivo).

O filme é um meio de chegar à fotografia final, ou, mais tecnicamente, A Cópia. Ou seja, a foto impressa papel fotográfico. A revelação do papel fotográfico passa por processo muuuuito semelhante ao que se conhece na revelação do negativo.

É desejável que um filme exposto seja o mais "perfeito" possível porque assim tanto melhor será a qualidade da foto final.

Filme super exposto, ou, sub exposto, é isso que vai definir a DENSIDADE da imagem ali gravada. Mais denso ou menos denso, na verdade não existe um ponto "zero" onde se possa dizer: ISTO É O CORRETO. Mais denso ou menos denso, para a boa qualidade da foto impressa, isto vai depender o equipamento a ser usado na etapa seguinte.

Assim.

A foto vai ser ampliada pelo processo tradicional, isto é, com AMPLIADOR? Se sim, então a densidade desejada no filme é uma coisa. Ou, de outra forma, "Ah! não, eu vou preferir escanear o filme e trabalhar com a imagem digitalizada". E aí? Bem, aí a densidade ideal já muda um pouquinho.

Voltando ao ampliador, o que é que vai ser usado? Um ampliador de difusor ou um ampliado de condensador? Para um e para outro, as densidades ideais também serão diferentes.

Mas, óh, eu fui escrevendo sem muita preocupação com outros detalhes deliberadamente por mim ignorados, mas há que se considerar que este assunto é muito mais amplo, muito mais técnico que o meu conhecimento permite fazer essas afirmações, o buraco é muito mais embaixo.

Eu paro por aqui. Mas é necessário que se faça pesquisa, é necessário que se leia bastante sobre o tema, e, definitivamente, a gente não pode se limitar a uma pergunta de duas palavras e ficar contente com uma resposta de três.

Google nisso, por favor.  :D  :hysterical:  :worship:

Sugiro ler isto: http://www.girafamania.com.br/montagem/fotografia-laboratorio.htm

P.S.: me desculpem se as coisas que escrevi ficaram meio desconexas, estou com um pouco de pressa.
-22.352971,-48.775582