Autor Tópico: Venda de imagem para impressão  (Lida 831 vezes)

spositom

  • Trade Count: (2)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.455
Online: 04 de Fevereiro de 2015, 02:33:15
Boas!!!

Sei que alguns colegas do fórum já venderam e vendem suas fotos, vi em alguns posts antigos

Estou finalizando o meu site (versão 4) e pretendo vender imagens além da impressão e to bem perdido nisso.

Dei uma olhada em alguns bancos de imagens, em especial o fotolia por ter conhecido um dos diretores de lá. Vi alguns planos corporativos, de assinaturas mensais com o valor de 4 doleta cada imagem, vendendo ou não tenho que pagar e como o cofrinho tá vazio estou deixando esta opção para última

Vi alguns sites além mar vendendo o próprio banco de imagens e o fotógrafo dava o último tratamento na imagem atendendo o tamanho selecionado pelo cliente

Aqui no BR somente com tiragem e certificado das fotos

Estou com duvidas em alguns pontos.

1 - Se encontro alguém com interesse em comercializar assim?
2 - Encontrando,  como cobrar?
3 - Como garantir ao fotógrafo que não estou dando um "by pass" nele?

Tks

Marcio
 



Luciano.Queiroz

  • Trade Count: (30)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.426
  • Sexo: Masculino
    • Luciano Queiroz
Resposta #1 Online: 05 de Fevereiro de 2015, 10:35:03
Fala Marcio...

Se entendi, você está montando um site pra vender imagens de outros fotógrafos e não somente suas.. é isso mesmo né? Vai vender a imagem digital ou a impressão?

Bom, eu vendo imagens em bancos Royalty-Free.. Coisa pouca. Estou querendo ampliar nesse negócio mas é bem complicado. Estou hj focado mais na Shutterstock, Latinstock e 500px.

Na Shutterstock vendo bem perto da quantidade de fotos que tenho lá. Mas ganho merreca.
Na Latinstock fechei parceria no final do ano. Ainda está no começo, acabaram de cadastrar tudo que entreguei e ainda não vendi nada, mas promete ser melhor que a Shutterstock.
500px nunca vendi nada, mas tenho 2 amigos que já fecharam licença de uso de mais de 500 dólares numa única imagem. (Um era pra capa de um livro, outro não me lembro)

Não sei bem como funciona esse ramo de vender impressões. Já conversei com muita gente, mas nunca encontrei um lugar que eu achei que valesse a pena colocar as imagens.

Alguns aceitavam mas não me passavam credibilidade, em outros me diziam que estavam lotados e não estavam aceitando novos fotógrafos...

É um mercado interessante, que trabalha com valor agregado maior, mas não sei se realmente vende... nem o que realmente vende.


Sobre suas perguntas:

1 - Se encontro alguém com interesse em comercializar assim?
Eu tenho..

2 - Encontrando,  como cobrar?
Realmente é complicado.. particularmente não sei.

3 - Como garantir ao fotógrafo que não estou dando um "by pass" nele?
Acho que um contrato bem estruturado é o primeiro caminho. É muito difícil confirar realmente. No meu caso, Shutterstock eu considero confiável até agora, mas não tenho como saber se eles vendem 100 fotos e me pagam somente 10.. A gente não tem controle nenhum sobre quem compra, pra onde vão essas fotos, etc... A Latinstock me prometeu um relatório nesse sentido, com todas as vendas discriminadas pra onde vão, onde vão ser usadas, etc...

No caso de venda de impressões, Acho que poderia por exemplo o fotógrafo assinar, ou as impressões, ou os certificados.. assim daria pra dar maior credibilidade que só o que tá assinado é vendido mesmo. Mas isso geraria custo tb, não sei se é viável.
« Última modificação: 05 de Fevereiro de 2015, 10:40:25 por Luciano.Queiroz »
Luciano Queiroz
www.lucianoqueiroz.com
Facebook: @caminhotracado - https://goo.gl/pNRgQX
Instagram: @caminhotrtacado - https://goo.gl/Gou1E2
Youtube: www.youtube.com/c/caminhotracado


Raphael Sombrio

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.904
  • O RAW é um diamante...bruto
Resposta #2 Online: 05 de Fevereiro de 2015, 10:52:26
Acompanhando.... :snack:


spositom

  • Trade Count: (2)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.455
Resposta #3 Online: 05 de Fevereiro de 2015, 20:36:50
Luciano, obrigado pela ajuda :ok:

Depender de  minhas imagens eu já estava com o cartão do bolsa família no bolso :doh:.

Vou digitalizar algumas fotos do meu pai, uma montoeira de P&B para iniciar, tenho um amigo gravurista disposto a vender também e vou convidar alguns fotógrafos que já imprimiram comigo.

Trabalho com molduras e estou finalizando meu site novo e se tudo der certo será o primeiro em terras brasucas a fazer precificação e venda online, por isso as gravuras e talvez alguns OST

Quero vender imagem, além da opção do cliente enviar a dele. Não vou trabalhar com o genérico que roda por ai, tipo Romero Britto ou poster de filme

Minha ideia é opções menos elitizada, não só as fotos 20x30 a 400 conto mas tenho minhas duvidas se esse é o caminho certo...  enfim só tentando ou alguém passando sua experiência.

Uma dúvida,  o que impede uma reprodução não desejada de sua foto depois de vendida?

Abs e muito obrigado

Marcio







Raphael Sombrio

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.904
  • O RAW é um diamante...bruto
Resposta #4 Online: 05 de Fevereiro de 2015, 23:39:01
Tenho planos de fazer algo desse tipo ( pois já vendi pinturas em óleo ), e agora que resolvi ficar só na fotografia queria fazer alguns trabalhos estilo fine art, como alguns fotógrafos estrangeiros estão fazendo, alguns oferecendo determinadas imagens, aonde o valor do trabalho está diretamente ligado ao número de impressões.
Por exemplo uma foto não divulgada nem usada " editorialmente" pode ter 50 tiragens, outras 10.
Uma foto exclusiva ( tiragem única ) valeria bem mais, mas o que chama a atenção é o formato de venda deles, onde já fica predeterminado o valor e o nro de copias que aquela imagem terá, ou pra quantas pessoas no total ela será vendida. Não sei se essa é a tua intenção...


spositom

  • Trade Count: (2)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.455
Resposta #5 Online: 06 de Fevereiro de 2015, 00:26:35
Esse é o formato mais utilizado e num futuro não muito distante pode ser que aconteça isso também

Pretendo  vender imagens para impressão  comigo, o cliente compra, eu imprimo e emolduro

Pode ser que eu caia nos bancos de imagens mesmo, o cliente compra direto o que não me agrada

Abs

Marcio










Luciano.Queiroz

  • Trade Count: (30)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.426
  • Sexo: Masculino
    • Luciano Queiroz
Resposta #6 Online: 06 de Fevereiro de 2015, 08:10:42

Uma dúvida,  o que impede uma reprodução não desejada de sua foto depois de vendida?

Abs e muito obrigado

Marcio

Pois é... isso, em tese, é regido pelo contrato. Agora, quem fiscaliza, como fiscaliza, qual o resultado dessa fiscalização, é difícil saber..

Pela sua última resposta entendi o modelo que você quer seguir.... ACHO que é mais ou menos o modelo que o pessoal da Print HD faz... http://www.printhd.com.br

Eu tenho um canal pra venda de imagens, lojas de móveis de alto padrão, mas que nunca decolou porque não tenho grana pra investir em monte de impressões e molduras e deixar lá pra vender.. Não sei se com eles venderia, mas acredito que sim porque o público que frequenta pode pagar... Mas precisa oferecer qualidade... Papéis nobres, certificação, etc..

de repente formamos uma parceria... :assobi: :assobi: :assobi:
Luciano Queiroz
www.lucianoqueiroz.com
Facebook: @caminhotracado - https://goo.gl/pNRgQX
Instagram: @caminhotrtacado - https://goo.gl/Gou1E2
Youtube: www.youtube.com/c/caminhotracado


spositom

  • Trade Count: (2)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.455
Resposta #7 Online: 06 de Fevereiro de 2015, 13:57:26
A PrintHD é  Moldurarte, uma parceria pesada.

A Moldurarte não tem interesse algum em vender para nanicos igual a mim, trabalho com outras linhas

O site tem uma proposta interessante e é mais ou menos isso que pretendo, mas sou mais modesto (leia-se: sem $$ para investir pesado), trabalha com foto multiplas.

Brow,  parceria estamos sempre disposto. Estou tentando ir na sua exposição, moro um pouco longe da capital e é um complicador

Agora para certificar a obra, além do impressor precisa registrar a obra

Fiz um trabalho para arquiteto e o importante para ele era medida externa, cropei a foto e tudo bem.. é um povo dificil

Abs

Marcio