Autor Tópico: Duvida Olympus E-M10 e similares  (Lida 1118 vezes)

AFShalders

  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.167
  • Sexo: Masculino
  • "Bela câmera, mas mostre as fotos..."
    • Old Good Light
Online: 19 de Abril de 2015, 12:29:42
Caros colegas,

Tenho uma dúvida: É possível fazer fotos na proporção 3:2 em raw nessas Olympus ? Estou levando uma baita surra, só consigo em jpeg. Em raw sai sempre no maldito 4:3 !

Nota:

Parece que o raw é sempre em 4:3 com uma informação de cabeçalho sobre o crop para 3:2

O DxO, o Silkypix e o Raw Therapee abrem em 4:3 (sem o crop) mas o iridient abre em 3:2.

Que coisa ! É a Olympus fazendo caca...

« Última modificação: 19 de Abril de 2015, 12:35:31 por AFShalders »
Ética não é negociável.

Viciado em Fotografia desde 1980
www.oldgoodlight.blogspot.com
www.flickr.com/groorj


angelone

  • Trade Count: (18)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.172
  • Sexo: Masculino
Resposta #1 Online: 19 de Abril de 2015, 13:48:41
Caros colegas,

Tenho uma dúvida: É possível fazer fotos na proporção 3:2 em raw nessas Olympus ? Estou levando uma baita surra, só consigo em jpeg. Em raw sai sempre no maldito 4:3 !

Nota:

Parece que o raw é sempre em 4:3 com uma informação de cabeçalho sobre o crop para 3:2

O DxO, o Silkypix e o Raw Therapee abrem em 4:3 (sem o crop) mas o iridient abre em 3:2.

Que coisa ! É a Olympus fazendo caca...

Mesmo sem ter conferido na prática, entendo que o padrão deva ser mesmo raw em 4:3, pois essa é a proporção do sensor. Pelo que sei, as unicas cameras MFT que tem um sensor maior do que o padrão, permitindo aspect ratio de 3:2 e 16:9 sem perda de pixels, sao a Pana GH1 e GH2. Nas sequentes Pana e de outros fabricantes, outras proporçoes somente com crop na camera  (jpg) ou no pós (raw).
Imagino que vc deva saber disso e que a questão é se a E-M10 salva em 3:2 em raw, já com crop. A provável resposta é a que mencionei acima: em raw ela grava no padrão do sensor, 4:3, para manter todas as informaçoes que é capaz de captar.
« Última modificação: 19 de Abril de 2015, 13:56:59 por angelone »
Olympus OM-D E-M5 mk II  e uns vidros..


AFShalders

  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.167
  • Sexo: Masculino
  • "Bela câmera, mas mostre as fotos..."
    • Old Good Light
Resposta #2 Online: 19 de Abril de 2015, 15:40:43
Continua não fazendo o menor sentido. Para que então existe a seleção RAW com relação 3:2 ? Por que o visor faz uma máscara em 3:2, 16:9 e 1:1 quando está em raw ?

Tem alguma coisa estranha aí. Acho que o problema é que a câmera é nova e os programas que mencionei não estão fazendo o autocrop. Já abri um chamado de suporte junto a DxO, vou aguardar e ver no que dá.

Todas as Panasonic gravam em raw cropado na relação que você escolher, 1:1/3:2/4:3/16:9
Ética não é negociável.

Viciado em Fotografia desde 1980
www.oldgoodlight.blogspot.com
www.flickr.com/groorj


angelone

  • Trade Count: (18)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.172
  • Sexo: Masculino
Resposta #3 Online: 19 de Abril de 2015, 20:25:59
Continua não fazendo o menor sentido. Para que então existe a seleção RAW com relação 3:2 ? Por que o visor faz uma máscara em 3:2, 16:9 e 1:1 quando está em raw ?

Tem alguma coisa estranha aí. Acho que o problema é que a câmera é nova e os programas que mencionei não estão fazendo o autocrop. Já abri um chamado de suporte junto a DxO, vou aguardar e ver no que dá.

Todas as Panasonic gravam em raw cropado na relação que você escolher, 1:1/3:2/4:3/16:9

Para mim faz todo sentido. Acho totalmente lógico que a camera salve a imagem capturada na totalidade do sensor (4:3) em raw. Se ela oferece a opçao 3:2 (que também prefiro para landscapes) mesmo estando habilitado somente raw, e esse emquadramento ocupe  a totalidade do EVF e LCD, nao implica que o raw cropado será salvo nessa relaçao, mas se passarmos  para jpg na camera sairá com esse formato. É uma opçao que oferece muito maior flexibilidade. No pós basta escolher um formato qualquer disponível no menu crop.  Nao vejo também o porque o aplicativo deva fazer o crop automaticamente no raw, mesmo o 3:2 estando na configuraçao. No Olympus Viewer a imagem é mostrada como na camera: inteira capturada em  raw juntamente com uma moldura na relaçao 3:2  configurada. Faz sentido se quiser mudar o aspect ratio, é prático. O mesmo nao seria possível se tivesse habilitado somente a opcao jpg na camera. Acabei de conferir essa configuraçao na E-M5 e E-PM2 e observei que  a combinaçao Raw + 3:2, apesar de nao salvar, delineia uma moldura com essa exata proporçao de enquadramento. Se o sensor dessas MFT fosse maior, como no caso da GH1 e GH2 que permite gravar em 3:2 e 16:9 sem perda de pixel, ai sim tem sentido o raw ser gravado nesses formatos. Estranho é nos sensores 4:3  os raw serem gravados em 3:2 como nos jpgs, engessando a possibilidade de modificar a relaçao. Se for como voce diz, que "todas" as Pansonics gravam o raw cropado, acho estranho e anti-pratico. Nao pude conferir essa info, mas tenho alguma dúvida se ela procede.. (só acredito que é válida para a GH1 e 2).
Enfim, quem quiser  conferir um artigo bacana sobre proporção sugiro conferir no link abaixo. A propósito,  o autor também afirma que a imagem em raw é sempre capturada na totalidade do sensor, ou seja, na mesma proporção deste.

http://digital-photography-school.com/aspect-ratio-what-it-is-and-why-it-matters/
Olympus OM-D E-M5 mk II  e uns vidros..


AFShalders

  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.167
  • Sexo: Masculino
  • "Bela câmera, mas mostre as fotos..."
    • Old Good Light
Resposta #4 Online: 19 de Abril de 2015, 21:30:42
Eu li no site da Olympus que o arquivo raw refere-se ao 4:3 relativo a area total do sensor , e com a informação do crop para a proporção selecionada embutido no cabeçalho.

Faz todo o sentido que o programa que vai tratar o raw seja capaz de ler esta informação e processa-la de acordo com o que foi selecionado. Se isso não for ser obedecido não faz o menor sentido a câmera liberar outros formatos para o raw, isso seria completamente ilógico.

Já vi que o problema está nos programas, pois o que vem com a câmera e o Iridient fazem o crop corretamente, de forma automatica, de acordo com o que o usuário selecionou.

Vou fazer um teste com a Panasonic, uma foto em 1:1 e uma em 3:2 e ver. Se os arquivos tiverem o mesmo tamanho, o raw nao é cropado e a informação de crop está no cabeçalho para ser interpretada pelo programa. Se forem diferentes, o raw é cropado, simples assim.
Ética não é negociável.

Viciado em Fotografia desde 1980
www.oldgoodlight.blogspot.com
www.flickr.com/groorj


angelone

  • Trade Count: (18)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.172
  • Sexo: Masculino
Resposta #5 Online: 20 de Abril de 2015, 12:23:28
Faz todo o sentido que o programa que vai tratar o raw seja capaz de ler esta informação e processa-la de acordo com o que foi selecionado. Se isso não for ser obedecido não faz o menor sentido a câmera liberar outros formatos para o raw, isso seria completamente ilógico.

Concordo! O único programa que tem a obrigação de fazer isso,  e faz, é o do fabricante: Olympus Viewer.  Para os outros, seria desejável, mas nao mandatório. De qualquer forma todos os famosos, que eu saiba, oferecem a opçao de crop manual na maioria das relaçoes citadas, para mim, mas do que suficiente. Só seria absolutamente obrigatório se o sensor tivesse aspect ratio de 3:2, como nas APS-C


Citar
Vou fazer um teste com a Panasonic, uma foto em 1:1 e uma em 3:2 e ver. Se os arquivos tiverem o mesmo tamanho, o raw nao é cropado e a informação de crop está no cabeçalho para ser interpretada pelo programa. Se forem diferentes, o raw é cropado, simples assim.
Verdade,  muito simples de conferir. Só gostaria de saber se sua afirmaçao anterior (q as pana salvam 3:2 cropado  em raw) foi deduçao própria ou provem de alguma outra fonte..

ps.: fico me perguntando o porque Olympus e Panasonic escolheram a relação 4:3 no lugar dos 3:2 das APS-C. A Olympus, tradicionalmente preocupada com peso e compacticidade, sempre foi apreciada por fotógrafos outdoor, logo seria de se esperar priorizarem o 3:2,  mais indicado para paisagens. Já a Panasonic tem toda uma tradiçao em video, talvez o que explique, em parte, a escolha do 4:3 das TVs tradicionais, agora amplamente sobrebujado pelo wide screen das telas  16:9. Provavelmente outros fatores técnicos tenham influenciado, mas ao que tudo indica parece que  a vertente video teve alguma preponderância nessa escolha, na época em que foram decididas..
« Última modificação: 20 de Abril de 2015, 12:39:08 por angelone »
Olympus OM-D E-M5 mk II  e uns vidros..


AFShalders

  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.167
  • Sexo: Masculino
  • "Bela câmera, mas mostre as fotos..."
    • Old Good Light
Resposta #6 Online: 20 de Abril de 2015, 13:04:36
Fiz o teste. Na mesma cena, com tripé. Na Panasonic os tamanhos dos raws foram:

3:2 --> 14.9 MB
1:1 --> 12.3 MB

Logo o raw é cropado diretamente.
Ética não é negociável.

Viciado em Fotografia desde 1980
www.oldgoodlight.blogspot.com
www.flickr.com/groorj


angelone

  • Trade Count: (18)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.172
  • Sexo: Masculino
Resposta #7 Online: 20 de Abril de 2015, 13:24:26
Interessante.. Em qual modelo?
Bom para quem nao quer ter o "trabalho"  de cropar no pós, péssimo para quem que ver ou salvar em outro formato. Acho muito mais inteligente a soluçao dos engenheiros da Olympus..
Olympus OM-D E-M5 mk II  e uns vidros..


AFShalders

  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.167
  • Sexo: Masculino
  • "Bela câmera, mas mostre as fotos..."
    • Old Good Light
Resposta #8 Online: 20 de Abril de 2015, 14:09:15
Interessante.. Em qual modelo?
Bom para quem nao quer ter o "trabalho"  de cropar no pós, péssimo para quem que ver ou salvar em outro formato. Acho muito mais inteligente a soluçao dos engenheiros da Olympus..


Lx3/Lx7/LX100/G2/GF1

Bem, cada um acha uma coisa. Tire umas 1000 fotos em uma viagem e vá cropar depois  :D
Ética não é negociável.

Viciado em Fotografia desde 1980
www.oldgoodlight.blogspot.com
www.flickr.com/groorj


angelone

  • Trade Count: (18)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.172
  • Sexo: Masculino
Resposta #9 Online: 20 de Abril de 2015, 19:44:17

Lx3/Lx7/LX100/G2/GF1

Bem, cada um acha uma coisa. Tire umas 1000 fotos em uma viagem e vá cropar depois  :D

Para isso existem as opções  de tarefas em lote, no caso, super facil de resolver. O duro mesmo é  ter que editar umas 2 mil, como as  q tenho acumuladas aqui. Para isso nao tem funçao em lote q resolva, terei q tratar uma a uma.. Mas quem opta por raw é  pq sabe q vai ter pós   obrigatoriamente se quer qualidade, e o aspect ratio exige pouco mais de 2 clicks, um baita trabalho, né?  :D
« Última modificação: 20 de Abril de 2015, 19:46:53 por angelone »
Olympus OM-D E-M5 mk II  e uns vidros..


AFShalders

  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.167
  • Sexo: Masculino
  • "Bela câmera, mas mostre as fotos..."
    • Old Good Light
Resposta #10 Online: 20 de Abril de 2015, 22:32:45
Continuo achando uma coisa idiota...
Ética não é negociável.

Viciado em Fotografia desde 1980
www.oldgoodlight.blogspot.com
www.flickr.com/groorj


angelone

  • Trade Count: (18)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.172
  • Sexo: Masculino
Resposta #11 Online: 21 de Abril de 2015, 14:17:35
Seria interessante saber o que os engenheiros  de software da Olympus, que entendem de fato da sua área de ofício,  pensam das opiniões de alguns usuários.. nao deve ser boa coisa   :D

Conferindo as especificações da LX100,  finalmente percebi a  importância do aspect ratio e sua relaçao com a diminuiçao relativa da área de sensibilidade do sensor 4:3, originalmente de 16 mpx para 12 mpx, acomodando as relaçoes 3:2, 1:1, 16:9 e 4:3 sem crop,  para permitir a utilização de lente clara e compacta. Se  fossem usar um sensor maior do que o tradicional, para ocupar as demais proporçoes da imagem sem crop, como na GH1 e 2, certamente necessitariam de zoom enorme para ser igualmente clara, inviável para uma  compacta. No link abaixo pode-se ver bem a soluçao da Panasonic, bem engenhosa..
http://www.dpreview.com/reviews/panasonic-lumix-dmc-lx100
« Última modificação: 21 de Abril de 2015, 14:25:47 por angelone »
Olympus OM-D E-M5 mk II  e uns vidros..


AFShalders

  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.167
  • Sexo: Masculino
  • "Bela câmera, mas mostre as fotos..."
    • Old Good Light
Resposta #12 Online: 21 de Abril de 2015, 16:36:26
Seria interessante saber o que os engenheiros  de software da Olympus, que entendem de fato da sua área de ofício,  pensam das opiniões de alguns usuários.. nao deve ser boa coisa   :D

Problema deles, se não fossem os usuários e compradores eles não teriam emprego.  :D
A propósito o pessoal do DxO já solucionou o problema, tudo na boa agora.

Conferindo as especificações da LX100,  finalmente percebi a  importância do aspect ratio e sua relaçao com a diminuiçao relativa da área de sensibilidade do sensor 4:3, originalmente de 16 mpx para 12 mpx, acomodando as relaçoes 3:2, 1:1, 16:9 e 4:3 sem crop,  para permitir a utilização de lente clara e compacta. Se  fossem usar um sensor maior do que o tradicional, para ocupar as demais proporçoes da imagem sem crop, como na GH1 e 2, certamente necessitariam de zoom enorme para ser igualmente clara, inviável para uma  compacta. No link abaixo pode-se ver bem a soluçao da Panasonic, bem engenhosa..
http://www.dpreview.com/reviews/panasonic-lumix-dmc-lx100

Já tinha visto isso. Mas as outras LX como as 3,5 e 7 tem uma solução semelhante a da Olympus.


Ética não é negociável.

Viciado em Fotografia desde 1980
www.oldgoodlight.blogspot.com
www.flickr.com/groorj


Marcos Capelini

  • Trade Count: (1)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 193
    • Blog Fotorabiscos
Resposta #13 Online: 21 de Abril de 2015, 18:37:46
Nas Panasonics, o raw é realmente "cropado" na proporção que você utilizou quando fez a foto (o arquivo não contém o tamanho total do sensor).  Nas Olympus, o "crop" é apenas um metadado, e o arquivo contém todos os pixeis originais no formato 3:4.  Alguns conversores reconhecem esse metadado, outros não, daí o problema...

Eu uso Panasonics há muitos anos, e nunca me preocupei com a suposta "falta de flexibilidade" do raw com "crop", pois quando fotografo gosto de trabalhar ao máximo a composição (que para mim é provavelmente o aspecto mais importante de uma foto), e portanto raramente me arrependo posteriormente de qualquer corte feito no momento do clique. Não acho ruim a abordagem da Olympus (dar a possibilidade de escolher outro corte durante o processamento da foto), só diferente, mas prefiro a maneira da Panasonic. 

AFShalders, se você quiser automatizar o "crop" para câmeras Olympus no RawTherapee, pode usar um programinha que eu escrevi e que serve justamente para selecionar automaticamente presets de processamento baseado no Exif:
https://github.com/marcapelini/RTProfileSelector/wiki

Tudo o que você tem a fazer é localizar/descobrir a" tag" que nas Olympus indica qual a proporção do crop, criar um preset correspondente no RawTherapee, e criar uma "regra" para o RTProfileSelector saber qual preset utilizar para cada valor dessa tag.



Panasonic GM1, GX1 (infravermelho)
Lentes Panasonic 20mm f/1.7, 12-32mm,  SMC Takumar 50mm f/1.4, Michael Lens 35mm f/1.6 (C-mount)

Blog: FotoRabiscos
Flickr: infravermelho/convencional


Marcos Capelini

  • Trade Count: (1)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 193
    • Blog Fotorabiscos
Resposta #14 Online: 21 de Abril de 2015, 18:42:07
Problema deles, se não fossem os usuários e compradores eles não teriam emprego.  :D
A propósito o pessoal do DxO já solucionou o problema, tudo na boa agora.

Já tinha visto isso. Mas as outras LX como as 3,5 e 7 tem uma solução semelhante a da Olympus.


Já tive uma LX5. Ela tem sensor "multiaspecto" (sensor maior do que a resolução final da imagem) e raw cropado como nas demais Panasonics.  Acredito que nas outras LX que você citou, também seja a mesma coisa: o raw é gravado com o aspecto escolhido na hora do clique, e não é possível reverter posteriormente.
Panasonic GM1, GX1 (infravermelho)
Lentes Panasonic 20mm f/1.7, 12-32mm,  SMC Takumar 50mm f/1.4, Michael Lens 35mm f/1.6 (C-mount)

Blog: FotoRabiscos
Flickr: infravermelho/convencional