Autor Tópico: Bom artigo sobre uso da 40-150 Pro Olympus em um safari fotográfico  (Lida 362 vezes)

efilho

  • Trade Count: (23)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.804
  • Sexo: Masculino
Olá,

Este artigo sobre o uso prático da Olympus 40-150/2.8 Pro e o teleconversor para essa lente apresenta opiniões interessantes em situações onde fotógrafo e fotografado estão se movendo, como seria o caso de uma excursão ao Pantanal, por exemplo. Vale a pena pelas impressões e comentários, diferentes dos usuais elogios rasgados à essa lente e seu teleconversor, apenas para variar um pouco...   :)

Os comentários são realistas, mostrando erros que o fotógrafo cometeu simplesmente pela "animação do momento", certa decepção com o desempenho do teleconversor para essa lente Pro, a preferência pela antiga 4/3 Olympus 55-200 na E-M1 etc.  :ponder:

http://www.fotozones.com/live/index.php/page/articles/_/gone-shootin/olympus-40-150mm-f28-pro-goes-on-safari-r172



AFShalders

  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.160
  • Sexo: Masculino
  • "Bela câmera, mas mostre as fotos..."
    • Old Good Light
Resposta #1 Online: 25 de Outubro de 2015, 01:06:26
Faz todo o sentido. Mas fico admirado como um fotógrafo experiente pode não ter usado prioridade de velocidade com teles super longas. Isso é conhecimento básico. Acredito que ele até sabia mas não se tocou no calor do momento. Nessas horas não tem IS que resolva.

Apanhei muito com fotos em alta montanha com teles longas e corpos APS e MFT. Aquela velha regra de ajustar pela menor velocidade aceitável é mandatória. Confiar 100% no IS é acreditar demais em milagres.
Ética não é negociável.

Viciado em Fotografia desde 1980
www.oldgoodlight.blogspot.com
www.flickr.com/groorj


efilho

  • Trade Count: (23)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.804
  • Sexo: Masculino
Resposta #2 Online: 25 de Outubro de 2015, 10:19:05
Pois é, mas acho que ele apontou bem os erros que cometemos qdo vamos temos oportunidade de visitar lugares assim... Qdo fui à África do Sul a trabalho, consegui dar uma prolongada na estadia e visitei uma reserva usando a NEX-6 com 16-50 e 55-210, e foram ótimas para o que eu queria, mas é o tipo de lugar que pede 28-300 equivalentes e velocidade mais alta, pois os bichos ora estão longe, ora ao lado do jipão, trocar lente naquela poeirada é jogo duro e tem bastante luz para fazer tudo a 1/1000...



Um bom link sobre fotos associadas a vida selvagem é o "Africa RAW":

http://www.africaraw.com/Site-Files/Photography-tips/