Autor Tópico: Marcas: (des)encontros de luz e tempo  (Lida 213 vezes)

Álvaro Palha

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 9
Online: 29 de Dezembro de 2015, 00:42:50
Youtube
https://www.youtube.com/watch?v=XE6cPQo7AYY

Vimeo


Olá pessoas,

Recentemente me arrisquei no desafio de construir uma narrativa com algumas de minhas fotos. Então às organizei em forma de vídeo, na sequência que gostaria que fossem vistas e no meio desta tarefa julguei que cairia bem completar o clima com uma música. Então divido aqui o resultado do trabalho, ainda amador, para possíveis críticas. Minha principal preocupação é se a narrativa diz algo à quem a vê.

Sou novo no fórum, então na dúvida se podia postar vídeo aqui (não encontrei nas regras informação sobre proibição ou permissão), optei por arriscar e manter o áudio. (se não for possível peço desculpas à galera da moderação)

Então Segue:


Marcas: (des)encontros de luz e tempo

Na Amazônia há longo histórico de encontros e desencontros de culturas com cosmologia, projetos de vida, produções de desejo e estatuto de estado de coisas diversas. (Des)encontros que podem devir singularidades díspares ou capturas em identidades cristalizadas. Micropolítica do cotidiano na qual muitas vezes as comunidades amazônicas são desfavorecidas em seus projetos coletivos, que são sobrepostos pelo discurso do progresso. Paisagens são transformadas, vidas reinventadas, fluxos cortados e o tempo, como principal diferença deste encontro, reside nesta transversalidade de mundos.

Desta marcas proponho contraponto, mais um do embate político, desorganizar visibilidades instituídas, devolver o tempo ao seu lugar de calma e mistério amazônicos, entregar à vida urgências reais. Nestas 21 fotografias, entre pinhole, analógico e digital, fez-se ofensiva de luz para desmonte de navios da mineração, organizar fugas, arrastar personagens de paisagens duras, engolir intrusos e convidar o amigo tempo à uma fôlego de calma e imperfeições. Para assim, por um instante menor que seja, a fotografia ter produzido outro mundo possível com golpes sensíveis de luz e tempo.