Autor Tópico: Quanto vale a sua fotografia  (Lida 731 vezes)

PMVG

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 233
Online: 24 de Janeiro de 2016, 23:19:47
Pessoal

Repasso o link http://www.fotografia-dg.com/quanto-vale-a-sua-fotografia/

Espero não levar uma molhada por isto , mas não sei em que sala vai e nem estou autorizado em algumas delas.
Também não fotografo por R$ , mas talvez seja interessante para o pessoal profissional ou que faz algum bico de ocasião.
Moderador, sinta-se livre, para mover, deletar ou qualquer coisa assim, se infringir alguma regra.
Abçs a todos.

PMVG


Hamilton Sousa

  • Trade Count: (10)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 700
  • Sexo: Masculino
  • Fotógrafo Social
Resposta #1 Online: 24 de Janeiro de 2016, 23:25:11
Repito o que já disse algumas vezes :"O  fotografo vale o que cobra". :ok:
7d   /   sl1 /   18-50 2.8 sigma    / 7mm fisheye  vivitar  /  85mm f1.8 / 430ex ll


bruno_sfc

  • Trade Count: (13)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 944
  • Sexo: Masculino
Resposta #2 Online: 25 de Janeiro de 2016, 11:59:56
Espero não levar uma molhada por isto , mas não sei em que sala vai e nem estou autorizado em algumas delas.
Também não fotografo por R$ , mas talvez seja interessante para o pessoal profissional ou que faz algum bico de ocasião.

Não existe receita para precificar seu trabalho. A batalha é individual, julgar uma pessoa que está começando e cobra R$ 50 é uma covardia. Além do mais, quem paga R$ 50 por um serviço, não é a mesma pessoa que paga R$ 500 reais pelo mesmo serviço com outra pessoa. Inclusive os profissionais também com certeza estão em categorias diferentes, é algo que simplesmente não vale a pena lamentar. Invista em você mesmo e no seu próprio caminho que a jornada de repente pode parecer muito mais gratificante do que imagina.

A vida é feita de momentos. Todo mundo começa de um início, e o início é difícil para a maioria das pessoas. É preciso adquirir experiência, confiança, explorar estilos. Ou seja: é o início. Muitas vezes algumas pessoas no caminho irão desistir, irão mudar de estilo e algumas vão crescendo. Crescendo aos poucos, o portfólio também amadurece, os clientes são outros e os valores também vão mudando. A experiência que se vai adquirindo não é só relacionada à fotografia, mas também ao marketing, a negociação, administração, à renda.

De qualquer forma, esse outro link explora muito melhor todas as variáveis envolvidas na precificação de um trabalho fotográfico: http://blog.geraldogarcia.com/index.php/2009/05/como-cobrar-por-servicos-fotograficos-introducao/
« Última modificação: 25 de Janeiro de 2016, 12:04:07 por bfscf »


Roberto Dellano

  • Trade Count: (11)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.040
  • Sexo: Masculino
  • RTFM
    • Roberto Dellano Fotografia
Resposta #3 Online: 25 de Janeiro de 2016, 12:43:12
Não existe receita para precificar seu trabalho. A batalha é individual, julgar uma pessoa que está começando e cobra R$ 50 é uma covardia. Além do mais, quem paga R$ 50 por um serviço, não é a mesma pessoa que paga R$ 500 reais pelo mesmo serviço com outra pessoa. Inclusive os profissionais também com certeza estão em categorias diferentes, é algo que simplesmente não vale a pena lamentar. ...

Pois éh, até algumas semana atrás esse era meu ponto vista também, mas nas das duas ultimas semanas, vi aqui em Sorocaba, dois fotógrafos conhecidos meus, estabelecidos no mercado, que sei que cobram por um casamento bem mais do que eu, divulgarem promoções de ensaios por R$59,90. E confesso que isso me preocupou, pois esse começo de ano (nem gosto de pronunciar isso) não está fácil aqui. Ainda não tive oportunidade de conversar com eles especificamente para entrar no assunto, mas tenho conversado com alguns outros amigos aqui e estão todos de "orelha em pé", até pedidos de orçamento caiu drasticamente.

Enquanto os novatos e inexperientes estão cobrando barato é uma coisa, agora quando você vê fotógrafo bom, estabelecido no mercado a mais tempo que você, fazendo promoções loucas a 59,90, ai a conversa muda, e o pior é que não é um só.

Ensaios aqui em Sorocaba (salvo algumas exceções) eu nem perco mais meu tempo. já esta sacramentado o valor de "pinga" para esse tipo de fotografia.

E a contagem regressiva para pechincha nos casamentos começou.
« Última modificação: 25 de Janeiro de 2016, 12:44:57 por Roberto Dellano »


bruno_sfc

  • Trade Count: (13)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 944
  • Sexo: Masculino
Resposta #4 Online: 25 de Janeiro de 2016, 13:07:09
Pois éh, até algumas semana atrás esse era meu ponto vista também, mas nas das duas ultimas semanas, vi aqui em Sorocaba, dois fotógrafos conhecidos meus, estabelecidos no mercado, que sei que cobram por um casamento bem mais do que eu, divulgarem promoções de ensaios por R$59,90. E confesso que isso me preocupou, pois esse começo de ano (nem gosto de pronunciar isso) não está fácil aqui. Ainda não tive oportunidade de conversar com eles especificamente para entrar no assunto, mas tenho conversado com alguns outros amigos aqui e estão todos de "orelha em pé", até pedidos de orçamento caiu drasticamente.

Enquanto os novatos e inexperientes estão cobrando barato é uma coisa, agora quando você vê fotógrafo bom, estabelecido no mercado a mais tempo que você, fazendo promoções loucas a 59,90, ai a conversa muda, e o pior é que não é um só.

Sinto muito ouvir isso.

Ouvindo o que você me conta, duas coisas me passam pela cabeça. As duas são relativas a mudança. Essa nova postura pode ser uma estratégia de marketing, para expandir o alcance da marca (mas diminuindo a percepção de valor), ou pode ser também uma estratégia de mudança de nicho (atendendo mais por menos, tendo uma renda parecida ao de atender menos por mais). De qualquer forma, vale uma conversa com eles para ter uma percepção real do que está acontecendo no mercado em Sorocaba.

Não quero soar arrogante, mas... Eu sei que temos muito o que aprender (e respeitar) de quem está há mais tempo no mercado, mas tudo que é relacionado ao audio/visual tem passado por mudanças drásticas, e acredito (e muito) que é um desafio enorme optar por uma profissão que está mudando constantemente. Enfim, talvez essas pessoas estejam dando o passo errado, e isso é uma grande possibilidade de ser verdade. É nesse momento que ser crítico com você mesmo, rever suas próprias necessidades, pensar em seus planos, tudo isso será mais importante para qualquer tomada de decisão do que baseá-las em realidades de outras pessoas.

Também acho que chega um momento que temos que tomar decisões. Se no final do dia, cobrar R$ 59,90 te faz se sentir lesado e sem perspectivas do futuro, algo está errado, e algo precisa ser revisto. E não adianta colocar culpa em Deus e o mundo. Há sempre uma saída.
« Última modificação: 25 de Janeiro de 2016, 13:09:22 por bfscf »


AFShalders

  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 9.148
  • Sexo: Masculino
  • "Bela câmera, mas mostre as fotos..."
    • Old Good Light
Resposta #5 Online: 25 de Janeiro de 2016, 13:51:00
Repito o que já disse algumas vezes :"O  fotografo vale o que cobra". :ok:

Nem sempre. O cara da batata pode cobrar uma fortuna, mas não vale um saco de boas batatas.
A maioria das câmeras e lentes são melhores que a maioria dos fotógrafos.

www.oldgoodlight.blogspot.com / www.flickr.com/groorj


RenatoKW

  • Trade Count: (3)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 632
  • Sexo: Masculino
Resposta #6 Online: 25 de Janeiro de 2016, 14:45:00
Pois éh, até algumas semana atrás esse era meu ponto vista também, mas nas das duas ultimas semanas, vi aqui em Sorocaba, dois fotógrafos conhecidos meus, estabelecidos no mercado, que sei que cobram por um casamento bem mais do que eu, divulgarem promoções de ensaios por R$59,90. E confesso que isso me preocupou, pois esse começo de ano (nem gosto de pronunciar isso) não está fácil aqui. Ainda não tive oportunidade de conversar com eles especificamente para entrar no assunto, mas tenho conversado com alguns outros amigos aqui e estão todos de "orelha em pé", até pedidos de orçamento caiu drasticamente.

Enquanto os novatos e inexperientes estão cobrando barato é uma coisa, agora quando você vê fotógrafo bom, estabelecido no mercado a mais tempo que você, fazendo promoções loucas a 59,90, ai a conversa muda, e o pior é que não é um só.

Ensaios aqui em Sorocaba (salvo algumas exceções) eu nem perco mais meu tempo. já esta sacramentado o valor de "pinga" para esse tipo de fotografia.

E a contagem regressiva para pechincha nos casamentos começou.

Roberto, não seria isso uma jogada de marketing para divulgar o trabalho deles? Eles cobram essa mixaria, fazem um trabalho excelente e ficam esperando o resultado do boca a boca? Porque o melhor marketing do fotógrafo é justamente esse.  Eu acho que você deveria se preocupar quando fizerem um casamento por mil. Você pode também comparar o que eles oferecem e adicionar alguns mimos no seu pacote.


Roberto Dellano

  • Trade Count: (11)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.040
  • Sexo: Masculino
  • RTFM
    • Roberto Dellano Fotografia
Resposta #7 Online: 25 de Janeiro de 2016, 22:17:34
Roberto, não seria isso uma jogada de marketing para divulgar o trabalho deles? Eles cobram essa mixaria, fazem um trabalho excelente e ficam esperando o resultado do boca a boca? Porque o melhor marketing do fotógrafo é justamente esse.  Eu acho que você deveria se preocupar quando fizerem um casamento por mil. Você pode também comparar o que eles oferecem e adicionar alguns mimos no seu pacote.

Pode até ser uma jogada de marketing (uma tentativa), mas eu acho que é um tiro no pé, os clientes atraído por esses preços são clientes que não vão pagar mais do que isso, e vão espalhar exatamente isso, ou seja, os clientes que vierem por recomendação deles, já virão com o preço em mente.