Autor Tópico: Fotoplan  (Lida 4087 vezes)

Francisco

  • Trade Count: (5)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.550
Online: 21 de Novembro de 2006, 18:04:50
Acabei de ler um texto em um blog de um fotógrafo que levou seu filme para ser revelado na Fotoplan da Andradas em Porto Alegre.

http://obnubilado.blogs.sapo.pt/arquivo/1048697.html

Senti um certo alívio ao perceber que não sou o único a achar uma falta de respeito a instabilidade do serviço deles (às vezes fica uma droga completa, às vezes dá pra engolir).

Para piorar tudo, é praticamente o único laboratório em Porto Alegre que escaneia negativos a um preço condizente com a complexidade do serviço (10 reais para um filme de 36 em resolução de 3MP). Em São Paulo, uma loja com um serviço desses e com esse preço, seria fagocitada por qualquer microempresa do Joãozinho que tem minilab digital.

Mas aqui em Porto Alegre eles são os reis. Tudo bem que vendem a caixa de ProImage mais barata do pedaço, mas o prazer só dura até a hora de usar os filmes, pois o escaneamento é lastimável.

Quando um investidor sério vai resolver aplicar uma graninha e abrir um bom laboratório em Porto Alegre? Quando?

Ainda há esperanças: mandei escanear na Cor do Sul, em frente ao Zaffari da Getúlio Vargas, vamos ver se tenho mais sorte. Um colega do fórum já disse que o serviço é bom.
 
Francisco Amorim
Porto Alegre - RS
2x Canon F1 Old, AE1; Pentax MX, K100D; Fuji Finepix f10; Panasonic LX3


Paulo Machado

  • Trade Count: (6)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.015
  • Sexo: Masculino
Resposta #1 Online: 21 de Novembro de 2006, 18:27:13
Francisco, isto desanima de usar filme. Os labs são muito ruins. Com cromo então é uma m....
A solução seria um scanner de filme. Vende o carro o compra um.
When words become unclear, I shall focus with photographs. When images become inadequate, I shall be content with silent.  - Ansel Adams


Lúzio

  • Trade Count: (1)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.601
Resposta #2 Online: 21 de Novembro de 2006, 22:33:35
É por isso que eu desisti de filme logo no começo. Nunca sabia se a culpa do acerto ou do erro era meu, do filme, ou do laboratório.
Com digital acabou esta agonia: O meu monitor tá calibrado com o Frontier e peço para escrever no envelope com letras bem grandes "NÃO FAZER NENHUMA ALTERAÇÃO".
As únicas 2 vezes que deu diferença eles refizeram o serviço na hora e ficou legal.
Abençoado seja o sensor nosso de cada dia...
Nova Nikon D300 + Nikon D70. Lentes 18-70 DX  e Tamron 18-50 f/2.8 XRDI.
Flash SB 600, tipés, filtros, mochilas, moto...

Rio de Janeiro


Mario Moreno

  • Trade Count: (1)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 203
Resposta #3 Online: 22 de Novembro de 2006, 00:13:15
tem uma fotoplan em santo André, não sei se tem ligação uma com a outra, mas as ampliações que fiz de fotos digitais lá ficaram horríveis, nunca mais volto lá...


Francisco

  • Trade Count: (5)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.550
Resposta #4 Online: 22 de Novembro de 2006, 13:14:22
A Fotoplan está presente em uns 3 ou 4 estados, é bem possível que seja a mesma empresa.
Francisco Amorim
Porto Alegre - RS
2x Canon F1 Old, AE1; Pentax MX, K100D; Fuji Finepix f10; Panasonic LX3


Pedro Ernesto Guerra Azevedo

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 192
    • http://
Resposta #5 Online: 22 de Novembro de 2006, 21:16:39
Não é só voce que sofre com isso Francisco. Aqui em Santos - SP não tem um lugar que escaneie os meus filmes negativos corretamente. Dia 17/11/2006 sexta feira passada, levei um rolo de filme 35mm Iso 100 para revelar e escanear as fotos e passar para  o cd,  no mini lab do Extra Supermercados da Av. Ana Costa. Enquanto revelavam fui dar uma volta pelo supermercado e 1:00 hora depois retornei para pegar o serviço feito, e aí pedi para imprimir 02 fotos no tamanho 20x30cm para que eu pudesse ver a qualidade da impressão deles. Chegando em casa, abri o envelope para ver as duas fotos 20x30cm, e para a minha decepção, as fotos estavam uma porcaria, fui no computador coloquei o cd para ver as fotos escaneadas e a mesma coisa todas as fotos esbranquiçadas e lavadas. Peguei os negativos e fui no lab que eu estou acostumado a fazer o serviço e pedi para fazer 15 fotos no tamanh 20x30cm. e para colocar uma observação para queimar bem as fotos. A atendente falou pessoalmente com o operador do mini lab e 02 minutos depois ela vem com uma prova 20x30 para eu dar uma olhada. Expliquei que estava clara ainda e que precisava queimar mais um pouco. Ela novamente explicou para o laboratorista que fez correção e tirou nova prova para me mostrar e aí eu falei que poderia imprimir todas naquele tom que estavam boas. Voltei no dia seguinte  (18/11 sábado) lá no Extra e a mocinha que tinha feito o serviço não estava, estava outro rapaz que me atendeu muito bem, mostrei as fotos feitas no outro lab e pedi para ele refazer e deixar iguais aquelas. Ele refez o serviço novamente. Voltei para casa e abrindo o envelope, a mesma porcaria, fui ver as fotos escaneadas e a mesma porcaria. Voltei na segunda feira dia 20/11 e a primeira mocinha que havia me atendido estava lá, expliquei tudo novamente para ela e pedi para refazer o escaneamento  e as foto pela 3ª vez, mostrei as fotos do outro lab e pedi para fazer igual. Saí e fui consertar o pneu da moto no borracheiro e 01:00 hora depois retornei e vejo a mocinha e outra colega escaneando os meus negativos, fui dar uma volta pelo mercado e 30 minutos depois volto e nada, ainda estavam fazendo o serviço, fiquei por ali mais 01:00 hora até ficar pronto. pedi para ver as fotos e a mesma porcaria não conseguem fazer a foto corretamente, levei assim mesmo e fui ver as fotos escaneadas e a mesma porcaria. Resumindo, eles abrem empresas de prestação de serviços na área de fotografia e não treinam adequadamente os seus funcionários para que possam prestar e fazer um trabalho com o mínimo de qualidade !!!   :rude:  :rude:  :rude:


Pedro Ernesto Guerra Azevedo
pedro.azevedo@iron.com.br
Santos - São Paulo - Brasil
 
Pedro Ernesto Guerra Azevedo
pedro.azevedo@ig.com.br
Santos - São Paulo - Brasil


Mario Moreno

  • Trade Count: (1)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 203
Resposta #6 Online: 22 de Novembro de 2006, 21:55:48
Pedro, não entendi, você vez uma vez e ficou ruim, então fez em outro lugar e ficou bom, aí voltou no que era ruim e fez mais duas vezes?


Francisco

  • Trade Count: (5)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.550
Resposta #7 Online: 23 de Novembro de 2006, 02:36:18
O cerne da questão é: quem fotografa com filme está num mato sem cachorro: de um lado os operadores de minilab que não dominam o equipamento. De outro, a ausência de oferta de scanners de negativos.

Eu não vejo a hora de ter a minha K110d e usar lentes manuais. Aí me livro dos laboratórios (pelo menos enquanto não precisar de fotos impressas).
Francisco Amorim
Porto Alegre - RS
2x Canon F1 Old, AE1; Pentax MX, K100D; Fuji Finepix f10; Panasonic LX3


Pedro Ernesto Guerra Azevedo

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 192
    • http://
Resposta #8 Online: 23 de Novembro de 2006, 09:12:36
Citar
Pedro, não entendi, você vez uma vez e ficou ruim, então fez em outro lugar e ficou bom, aí voltou no que era ruim e fez mais duas vezes?
Olá Mário Moreno

Deixa eu explicar melhor, no lab que eu faço sempre as minhas fotos, eles não escaneiam corretamente, mais ampliam muito bem as fotos. Um amigo meu indicou-me o lab do Extra e disse que lá eles escaneavam  em 40 minutos e fazem ampliações até 30x40cm,  por isso fui lá experimentar. Independente de eu ter ampliado no meu lab tradicional, eu queria o filme escaneado corretamente por isso foi refeito 3 vezes e nada de ficar bom. Eu paguei pelo serviço e quero  e exijo o trabalho bem feito e com qualidade. Vou voltar lá e exigir que façam de novo, até acertarem. Eu não quero meu dinheiro de volta, eu quero o serviço feito com qualidade, eles vão ter que se virar !!!  
Pedro Ernesto Guerra Azevedo
pedro.azevedo@ig.com.br
Santos - São Paulo - Brasil


Francisco

  • Trade Count: (5)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.550
Resposta #9 Online: 23 de Novembro de 2006, 14:03:30
Eu já tive vontade de pedir para operar o minilab. Nunca mexi num, mas certamente tem um software de configuração onde é possível definir formato do arquivo, fator de compressão, redução de ruído, correção de cores, etc...
Francisco Amorim
Porto Alegre - RS
2x Canon F1 Old, AE1; Pentax MX, K100D; Fuji Finepix f10; Panasonic LX3


Thiago Sigrist

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 352
Resposta #10 Online: 23 de Novembro de 2006, 14:16:06
Eu também acho que não tem muito jeito não, a solução mesmo é operar o minilab. E é mais ou menos o que eu passei a fazer de uns tempos pra cá: imprimir em casa. Obviamente não comprei um minilab, mas sim passei a usar uma impressora jato de tinta de 6 cores.

Fica mais caro, claro, mas o controle que você ganha é absurdo, não tem nem comparação. Nunca fiz cópias tão fiéis ao que vejo na tela, nem mesmo quando eu levava em um laboratório bom.

Acho que é uma solução muito legal pra quem faz poucas cópias em papel, o que é o meu caso.

E é claro, pra quem precisa escanear filme, aí é uma complicação extra, porque scanner de filme é super caro, o que dificulta demais pra escanear em casa. Nesses casos acho mesmo que vale mais a pena comprar uma DSLR! :laughing:

Mas a regra é simples: se quer mais controle, faça você mesmo! :)

Abraços!

 -- thiago
Thiago Massariolli Sigrist
Indaiatuba - SP
-----------------------------
Câmera Grande (DSLR) + Lente
Câmera Compacta


riguetti

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 41
Resposta #11 Online: 23 de Novembro de 2006, 14:41:03
Citar
Eu também acho que não tem muito jeito não, a solução mesmo é operar o minilab. E é mais ou menos o que eu passei a fazer de uns tempos pra cá: imprimir em casa. Obviamente não comprei um minilab, mas sim passei a usar uma impressora jato de tinta de 6 cores.

Fica mais caro, claro, mas o controle que você ganha é absurdo, não tem nem comparação. Nunca fiz cópias tão fiéis ao que vejo na tela, nem mesmo quando eu levava em um laboratório bom.

Acho que é uma solução muito legal pra quem faz poucas cópias em papel, o que é o meu caso.

E é claro, pra quem precisa escanear filme, aí é uma complicação extra, porque scanner de filme é super caro, o que dificulta demais pra escanear em casa. Nesses casos acho mesmo que vale mais a pena comprar uma DSLR! :laughing:

Mas a regra é simples: se quer mais controle, faça você mesmo! :)

Abraços!

 -- thiago
Thiago, que impressora vc está usando?

Abraço
 
Guilherme Riguetti - Fotografia com estilo e atitude
Campinas - São Paulo
www.riguetti.com.br


Thiago Sigrist

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 352
Resposta #12 Online: 23 de Novembro de 2006, 15:44:51
Citar
Thiago, que impressora vc está usando?

Abraço
Por incrível que pareça, uma HP PSC 1510. É uma multifuncional simples, de entrada mesmo.

Pra conseguir bons resultados, uso o cartucho HP 99 (tricolor fotográfico) no lugar do 92 (preto simples), pois assim imprime-se com 6 cores (CcMmYK) ao invés de 4 (CMYK).

O papel também é importantíssimo, uso o HP Advanced e o HP Premium Plus (sendo que esse último é melhor).

Uma coisa que eu acho legal da HP é que o uso de tintas originais e papéis originais praticamente garante bons resultados, pois o gerenciamento de cores embutido nos drivers da HP é de muito boa qualidade.

Não sei como é com outras marcas, acho muito provável que seja a mesma coisa, isto é: gerenciamento de cores funciona bem com cartuchos e papéis originais.

Enfim, estou gostando bastante dos resultados que essa impressora bastante simples entrega. É claro que não é a melhor que existe, nem de longe, mas achei legal que a impressora que eu já tinha (e não comprei pensando em imprimir fotos) acabou funcionando também para essa finalidade.

O maior problema, a meu ver, é que as tintas dela são baseadas em corantes e não pigmentos, então as cópias resistem menos ao tempo. Mas, como eu guardo a maioria das minhas cópias em álbuns, não tem problema.

Abraços!

 -- thiago
Thiago Massariolli Sigrist
Indaiatuba - SP
-----------------------------
Câmera Grande (DSLR) + Lente
Câmera Compacta


riguetti

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 41
Resposta #13 Online: 23 de Novembro de 2006, 16:27:49
Citar
Citar
Thiago, que impressora vc está usando?

Abraço
Por incrível que pareça, uma HP PSC 1510. É uma multifuncional simples, de entrada mesmo.

Pra conseguir bons resultados, uso o cartucho HP 99 (tricolor fotográfico) no lugar do 92 (preto simples), pois assim imprime-se com 6 cores (CcMmYK) ao invés de 4 (CMYK).

O papel também é importantíssimo, uso o HP Advanced e o HP Premium Plus (sendo que esse último é melhor).

Uma coisa que eu acho legal da HP é que o uso de tintas originais e papéis originais praticamente garante bons resultados, pois o gerenciamento de cores embutido nos drivers da HP é de muito boa qualidade.

Não sei como é com outras marcas, acho muito provável que seja a mesma coisa, isto é: gerenciamento de cores funciona bem com cartuchos e papéis originais.

Enfim, estou gostando bastante dos resultados que essa impressora bastante simples entrega. É claro que não é a melhor que existe, nem de longe, mas achei legal que a impressora que eu já tinha (e não comprei pensando em imprimir fotos) acabou funcionando também para essa finalidade.

O maior problema, a meu ver, é que as tintas dela são baseadas em corantes e não pigmentos, então as cópias resistem menos ao tempo. Mas, como eu guardo a maioria das minhas cópias em álbuns, não tem problema.

Abraços!

 -- thiago
Legal eu tenho a 1610.

Consigo execelentes ampliações nela tbm, mas estava querendo investir em alguma impressora que fizesse ampliações maiores.

valeu, obrigado pela informação.

Abraço
 
Guilherme Riguetti - Fotografia com estilo e atitude
Campinas - São Paulo
www.riguetti.com.br


Fernando Hiro

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 4
Resposta #14 Online: 24 de Novembro de 2006, 13:13:47
Ola Amigos!!!

Sou novo aqui no forum e fiquei muito assustado ao perceber a preocupacao de vcs quanto as laboratorios fotograficos.

Bom sou fotografo profissional a 15 anos, atualmente trabalho apenas com equipamentos digitais ( Nikon D2x, Nikon D2H e Hasselblad com Back digital), alem de ser fotografo, possuo um laboratorio fotografico profissional com Mini Lab Noritsu, 3302 Pro, 1701, Fuji FA140, Revelacao E-6, PB e Laboratorio PB Manual, mas pelo que percebi vcs possuem uma preocupacao muito grande quanto ao escaneamento de filme. Hoje eu utilizo um Sacanner Pakon Cilindrico para escaneamento de negativos, positivos e PB, ele escaneia em modo Tiff, JPG e RAW, a qualidade em minha opiniao e excelente porem nada se compara a uma ampliacao feita manualmente, nem mesmo um Mini-Lab Optico, pois o controle fica totalmente da impressao fica totalmente em suas maos.

O problema se encontra exatamente nos laboratorista e manipuladores digitais, oq acontece e que hj  infelizmente devido a alta tecnologia, qualquer etiquetador de precos de supermercado ou um balconista, conseguem imprimir em um Mini-Lab Digital, mas infelizmente isso nao ajuda no controle final da qualidade, pois o impressor nem mesmo sabe diferir um negativo Sub Exposto de um Negativo Super-exposto somente olhando a tira de negativo.
Em meus laboratorios todos os impressores tem no minimo 15 anos de experiencia e todos eles trabalhavam ou trabalham como fotografos profissionais, mas infelizmente nem todos proprietarios de lojas pensam assim.......
Uma dica muito importante e solicitar no momento da revelacoa a nao alteracao nas densidades e cores, e mesmo assim apos a impressao verificar no verso da fotografia no Back Print se todos os campos estao com N (Cyan, Magenta, Yellow e Densidade).

Bom espero que vcs continuem trabalhando e exigindo a melhor qualidade de seus laboratorios, e caso tenham alguma duvida referente a laboratorios e Mini Labs podem me perguntar!!!

Abracos,

Hiro