Autor Tópico: Fotografia e a importância do plano de fundo  (Lida 7561 vezes)

lee.

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.799
  • Sexo: Masculino
  • fotógrafo desde 2009
    • electromacore
Online: 26 de Julho de 2016, 03:05:22
Lembro de uma discussão calorosa tempos atrás sobre desfoque, bokeh, etc e como alguns colegas não davam a devida atenção para o entorno (background) e não paravam de falar da beleza dos desfoques. O que em minha opinião é justamente o que faz a foto empobrecer em termos de conteúdo/valor.

Exatamente o que vc leu. Foto com desfoque super acentuado a ponto de vc não saber mais o que tem atrás do suposto objeto principal muitas vezes empobrece a foto. Perde se um pouco o sentido na maior parte das vezes (Frisando que não estou generalizando).

Dependendo das circunstâncias eu considero esse recurso útil quando usado com um propósito interessante mas na maior parte das vezes não é interessante. É aí que mora o problema. Se o propósito é apenas isolar um objeto do fundo "porque sim" ou porque "o fundo é feio" não é um discurso forte e convincente. Acho muito leviano pensar desta forma.

O background é uma peça fundamental da fotografia e tem muito a dizer. Se bem caracterizada e composta ela pode se tornar um "personagem" e virar um importante coadjuvante. Porém o que mais vejo é babação exagerada por um efeito que convenhamos... não é grande coisa. Ou é coisa de outro mundo? (Se sim eu pergunto por quê?).
Comentários dos mais variados tipos: "Olha como o campo de foco é curtinho", "Que desfoque!". Até usam termos errados pra elogiar como "dá um Efeito 3D". Alguns vão além e dizem que o tesão que sentem pela fotografia é justamente por conta do desfoque. É uma mentalidade assustadora, pra ser sincero.

Tenho visto muita foto "vazia" por aí. Fotos de pessoa com uma expressão padrão com um fundo que mais parece um pano borrado de estúdio que um ambiente real. Não consigo entender a graça. É mais fácil nem sair de casa se for pra ter fotos assim  :ponder: Basta um leque de panos coloridos, um bom setting de iluminação e mandar ver.

Só pra reforçar a importância do fundo vamos pegar um parente bem próximo: O cinema. Quem gosta de filme entende a importância do ambiente onde se passa a história. Faz toda a diferença pra entender a situação e contexto. Sabe tbm o quanto de história pode ser contada através do ambiente em que o personagem está situado sem que os atores precisem falar algo. Basta ler este tópico e visualizar as imagens:
http://forum.mundofotografico.com.br/index.php?topic=121347.0

Entendo, claro, que cada foto tem seu lugar e propósito mas não é a primeira vez que vejo gente desmerecendo o fundo em prol do desfoque... Sei que muitos aqui não tem essa linha de pensamento mas não faz mal levantar essa questão

Ps. Por essas e outras não ligo tanto pra fullframe, "shallow depth of field", etc.
« Última modificação: 26 de Julho de 2016, 03:07:28 por lee. »
"Not sharper photographs, not larger photographs, but better photographs — photographs that say something, that mean something, even if only to us."
________________________________________________________
Canon 5D Mark.II | Fujifilm X100 T | https://www.instagram.com/electroma.core | https://www.electromacore.com


charles_pereira

  • Trade Count: (2)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 279
  • Sexo: Masculino
Resposta #1 Online: 26 de Julho de 2016, 08:07:19
Excelente sua linha de raciocínio...
Já fui bitolado com desfoque em fotografia, mas chegou a um certo ponto que também sentia minhas fotos vazias e sem assunto. Não que hoje ainda não faça uso do recurso, sim, utilizo, mas o mínimo possível, sempre procuro compor a imagem, aproveitando parte da cena (background).


Rick99

  • Trade Count: (4)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.889
  • Sexo: Masculino
  • Amador
Resposta #2 Online: 26 de Julho de 2016, 09:03:48
Quando lia posts sobre "qualidade do bokeh" e suas variantes (cremoso, redondo, etc), nunca entendia o motivo das pessoas se apegarem tanto a isso.

Quando comprei uma objetiva com f/1.2, usei abundantemente no início, mas depois senti que o fundo totalmente desfocado tirava um pouco do encanto. Hoje se eu usar 10% das minhas fotos (retratos) em f/1.2 a f/2, é muito.


aviasom

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 410
  • Sexo: Masculino
Resposta #3 Online: 26 de Julho de 2016, 09:48:38
Topico assinado!  :clap:
Bom fotógrafo é aquele que consegue chegar nos resultados conscientemente, repetidas vezes!(Alcure)


Brupikk

  • Trade Count: (3)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.420
  • Sexo: Masculino
    • Bruno Piccoli Fotografia
Resposta #4 Online: 26 de Julho de 2016, 10:17:18
Eu sempre usava minhas lentes (zoom) na maior DF possível, por exemplo quando tinha crop usava muito a 17-50 em 50mm, depois com a 6D a 24-105 em 105mm, tudo para ter mais desfoque.
Fazendo uma consultoria vip com um fotógrafo bastante conhecido, ele me disse que para tentar melhorar a composição das minhas fotos eu deveria fazer exatamente o contrário, deixar em 24mm na FF por exemplo e incluir mais da cena na composição.
Fazer um retrato em 200mm f/2.8 com o fundo desfocado é "fácil", qualquer pessoa com o mesmo equipamento faria parecido, agora fazer uma boa foto de uma pessoa em GA, requer um trabalho maior na composição da cena.
Demorei um pouco para me acostumar com isso, ainda estou nesse processo, mas hoje vejo que muitas das minhas fotos melhoraram com essa dica, eu agora não vejo uma pessoa eu vejo uma cena, e inclusive nos casamentos quando eu consigo inserir duas histórias em uma foto (as vezes em planos diferentes), ela tem muito mais impacto.
Pensa mais em linhas, formas, cores, simetria, texturas, padrões, etc.
Ler sobre Gestalt na fotografia ajuda também.
Bruno Piccoli
http://brunopiccoli.com
http://instagram.com/brunopiccoli.fotografia
https://www.facebook.com/BrunoPiccoliFotografia
Canon 6D + Canon 6D + Canon 6D + 24-105mm f/4 + 70-200mm f/4 + 50mm f/1.8 + 35mm f/2.0 + 40mm f2.8


pablo.ebani

  • Trade Count: (4)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.516
  • Sexo: Masculino
Resposta #5 Online: 26 de Julho de 2016, 10:20:38
Por isso to gostando cada vez mais de usar lente grande angular em alguns ensaios...ela desfoca mas ainda assim mostra o ambiente. Já desencanei de babar em desfoque nas minhas fotos (hoje só em retratos e olhe lá)...a ideia é evoluir, não só em lentes e equipamentos, mas em técnica e olhar.
Canon 5D - 40D
Tamron SP 45mm 1.8 | Sigma 30mm 1.4 Art
EF 50mm 1.8 STM | EF 100mm f/2 |
https://500px.com/PabloEbani
http://ebaniphoto.46graus.com


Humberto Yoji

  • Trade Count: (23)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.134
  • Sexo: Masculino
    • Humberto Yoji - fotógrafo
Resposta #6 Online: 26 de Julho de 2016, 10:29:08
Eu adoro um fundo bem desfocado, babo demais em lentes com bokeh bonito e suave, gastei o que não podia em uma lente f/1.2, rsrs... Uso muito, mesmo.

Mas sempre presto muita atenção ao fundo. Gosto muito e cada vez mais de usar minha 16-35 gosto de compor com o fundo, fazer ele parte da imagem. Em casamentos, abuso dos 16mm, muitas vezes em f/4, f/5.6...

Acho que as duas coisas têm seu espaço, mas concordo 100% de que o fundo é tão importante quanto o sujeito. Quando faço fotos com tele, procuro um fundo adequado mesmo que ele fique bem desfocado. Faz toda a diferença.


Elder Walker

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (8)
  • Colaborador(a)
  • *****
  • Mensagens: 3.271
  • Sexo: Masculino
    • Flickr
Resposta #7 Online: 26 de Julho de 2016, 10:44:58
Bem interessante o tema e a forma como foi abordado.

Eu também acho bonito alguns desfoques mais acentuados, mas sei dar valor sim para as composições que nos situam no ambiente.

Tentando ser mais específico:

1) Considero válido o recurso de usar o máximo de desfoque para conseguir registrar um momento e melhorar a estética de uma foto que teria mais distrações caso mantivesse tudo em foco.

2) Acho lindo, realmente, quando consegue-se unir o objeto principal e o plano de fundo em harmonia, sabendo compor com destaque para o primeiro e mantendo o segundo como coadjuvante (tipo aquelas fotos de noivos com uma praia paradisíaca ao fundo, etc).

3) Acho tão bonito quanto o cenário acima, quando temos uma ambientação e um plano de fundo bonito, e ainda assim compomos a foto com o maior desfoque possível, tipo aqueles retratos numa linha férrea, que aumenta ainda mais o tal "efeito 3D" que foi mencionado no texto.
Canon 5D + EF 17-40mm f/4 L + EF 50mm f/1.8 STM + EF 85mm f/1.8 USM + Yongnuo 565EX + YN-622C


Roberto Dellano

  • Trade Count: (11)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.112
  • Sexo: Masculino
  • RTFM
    • Roberto Dellano Fotografia
Resposta #8 Online: 26 de Julho de 2016, 11:16:02
Para quem trabalha com fotografia (meu caso por exemplo) existe uma variável que não pode ser ignorada, o gosto do cliente, e 90% dos clientes preferem um fundo feio desfocado do que um fundo lindo em foco, na visão do cliente, um fundo focado ele consegue com o celular. já um fundo desfocado não dá, e isso o impressiona.

Eu gosto do fundo desfocado, em ensaios 80% das minhas fotos faço com a 180mm e desfoco sem dó, acho que existe uma linguagem para isso, e não acho nem de longe uma foto vazia, basta compor os elementos em foco, um casal, uma criança com um brinquedo, uma expressão, etc.

Talvez amanha minha visão mude, mas hoje sou adepto do desfoque.


nandoespinosa

  • Trade Count: (2)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.608
  • Sexo: Masculino
    • Nando Espinosa Fotografia
Resposta #9 Online: 26 de Julho de 2016, 12:07:59
Na visão dos clientes o desfoque é um diferencial das fotografias profissionais.  :shock:
Confesso que não uso muito nas minhas. Mas as vezes é útil, pois tiro muita foto de dança e "dar uma escondida" no fundo ajuda pra compor melhor as imagens.
Também não acho que um desfoque desmereça a foto. Na aplicação correta, logicamente.
Lee sempre com assuntos polêmicos, mas a análise é bem válida. :hysterical:


Rinaldo

  • Trade Count: (6)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 595
    • > Flickr
Resposta #10 Online: 26 de Julho de 2016, 13:31:24
Lembro de uma discussão calorosa tempos atrás sobre desfoque, bokeh, etc e como alguns colegas não davam a devida atenção para o entorno (background) e não paravam de falar da beleza dos desfoques. O que em minha opinião é justamente o que faz a foto empobrecer em termos de conteúdo/valor.

Exatamente o que vc leu. Foto com desfoque super acentuado a ponto de vc não saber mais o que tem atrás do suposto objeto principal muitas vezes empobrece a foto. Perde se um pouco o sentido na maior parte das vezes (Frisando que não estou generalizando).

Dependendo das circunstâncias eu considero esse recurso útil quando usado com um propósito interessante mas na maior parte das vezes não é interessante. É aí que mora o problema. Se o propósito é apenas isolar um objeto do fundo "porque sim" ou porque "o fundo é feio" não é um discurso forte e convincente. Acho muito leviano pensar desta forma.

O background é uma peça fundamental da fotografia e tem muito a dizer. Se bem caracterizada e composta ela pode se tornar um "personagem" e virar um importante coadjuvante. Porém o que mais vejo é babação exagerada por um efeito que convenhamos... não é grande coisa. Ou é coisa de outro mundo? (Se sim eu pergunto por quê?).
Comentários dos mais variados tipos: "Olha como o campo de foco é curtinho", "Que desfoque!". Até usam termos errados pra elogiar como "dá um Efeito 3D". Alguns vão além e dizem que o tesão que sentem pela fotografia é justamente por conta do desfoque. É uma mentalidade assustadora, pra ser sincero.

Tenho visto muita foto "vazia" por aí. Fotos de pessoa com uma expressão padrão com um fundo que mais parece um pano borrado de estúdio que um ambiente real. Não consigo entender a graça. É mais fácil nem sair de casa se for pra ter fotos assim  :ponder: Basta um leque de panos coloridos, um bom setting de iluminação e mandar ver.

Só pra reforçar a importância do fundo vamos pegar um parente bem próximo: O cinema. Quem gosta de filme entende a importância do ambiente onde se passa a história. Faz toda a diferença pra entender a situação e contexto. Sabe tbm o quanto de história pode ser contada através do ambiente em que o personagem está situado sem que os atores precisem falar algo. Basta ler este tópico e visualizar as imagens:
http://forum.mundofotografico.com.br/index.php?topic=121347.0

Entendo, claro, que cada foto tem seu lugar e propósito mas não é a primeira vez que vejo gente desmerecendo o fundo em prol do desfoque... Sei que muitos aqui não tem essa linha de pensamento mas não faz mal levantar essa questão

Ps. Por essas e outras não ligo tanto pra fullframe, "shallow depth of field", etc.

Bem colocado, tenho a mesma opinião.
« Última modificação: 26 de Julho de 2016, 13:33:27 por Rinaldo »
  flickr    vimeo


lee.

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.799
  • Sexo: Masculino
  • fotógrafo desde 2009
    • electromacore
Resposta #11 Online: 26 de Julho de 2016, 13:36:58
Na visão dos clientes o desfoque é um diferencial das fotografias profissionais.  :shock:
Confesso que não uso muito nas minhas. Mas as vezes é útil, pois tiro muita foto de dança e "dar uma escondida" no fundo ajuda pra compor melhor as imagens.
Também não acho que um desfoque desmereça a foto. Na aplicação correta, logicamente.
Lee sempre com assuntos polêmicos, mas a análise é bem válida. :hysterical:

é justamente o que uma câmera "pro" faz e que um celular não faz.. então associam. Entendo... mas perceba:

Cliente é igual o amador que acabou de entrar no mundo da fotografia. Ambos se encantam fácil demais com o desfoque e não sabem que fotografia vai muito além.
"Not sharper photographs, not larger photographs, but better photographs — photographs that say something, that mean something, even if only to us."
________________________________________________________
Canon 5D Mark.II | Fujifilm X100 T | https://www.instagram.com/electroma.core | https://www.electromacore.com


Gabriel_cwb

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 61
Resposta #12 Online: 26 de Julho de 2016, 13:38:55
Interessante o tema.
Mas acredito que isso está relacionado como enxergamos a arte da fotografia. Se você é um estudante de fotografia (todos somos), já tem um bom entendimento e julgamento sobre esta linguagem, nada mais natural do que querer utilizar ferramentas e elementos mais complexos em suas obras. Mais informação e/ou composições mais pensadas podem ser um reflexo deste processo de maturidade, porém, os clientes, com menor conhecimento desta arte, podem não entender sua linguagem.

Um exemplo, vc é músico, virtuoso, adora jazz, fusion e progressivo. Um dia um cliente te encomenda um trabalho, um jingle para uma empresa. Se vc fizer algo extramente sofisticado, o cliente pode não "entender" essa composição, pois o entendimento dele de música "boa" é outro. Portanto, trabalho autoral você faz o que quer, mas para clientes, acredito que temos que entregar algo que o cliente se identifique e goste.       


lee.

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.799
  • Sexo: Masculino
  • fotógrafo desde 2009
    • electromacore
Resposta #13 Online: 26 de Julho de 2016, 13:39:14
Eu sempre usava minhas lentes (zoom) na maior DF possível, por exemplo quando tinha crop usava muito a 17-50 em 50mm, depois com a 6D a 24-105 em 105mm, tudo para ter mais desfoque.
Fazendo uma consultoria vip com um fotógrafo bastante conhecido, ele me disse que para tentar melhorar a composição das minhas fotos eu deveria fazer exatamente o contrário, deixar em 24mm na FF por exemplo e incluir mais da cena na composição.
Fazer um retrato em 200mm f/2.8 com o fundo desfocado é "fácil", qualquer pessoa com o mesmo equipamento faria parecido, agora fazer uma boa foto de uma pessoa em GA, requer um trabalho maior na composição da cena.
Demorei um pouco para me acostumar com isso, ainda estou nesse processo, mas hoje vejo que muitas das minhas fotos melhoraram com essa dica, eu agora não vejo uma pessoa eu vejo uma cena, e inclusive nos casamentos quando eu consigo inserir duas histórias em uma foto (as vezes em planos diferentes), ela tem muito mais impacto.
Pensa mais em linhas, formas, cores, simetria, texturas, padrões, etc.
Ler sobre Gestalt na fotografia ajuda também.

É bem isso mesmo. Galera não faz idéia de como vc cresce como fotógrafo desta maneira. É bem mais desafiador. Desfoque é uma saída fácil mesmo como vc bem falou.

É por essas e outras que aparece muito cara por aí achando que é fotógrafo pq comprou máquina profissional.. Simplesmente pq consegue fazer desfoques. UAU.  8-)

Ou aquele tio que dispensa um profissional pq comprou uma T5i da Canon e acha q pode fazer o trabalho tão bom quanto.  :hysterical:

« Última modificação: 26 de Julho de 2016, 13:40:22 por lee. »
"Not sharper photographs, not larger photographs, but better photographs — photographs that say something, that mean something, even if only to us."
________________________________________________________
Canon 5D Mark.II | Fujifilm X100 T | https://www.instagram.com/electroma.core | https://www.electromacore.com


lee.

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.799
  • Sexo: Masculino
  • fotógrafo desde 2009
    • electromacore
Resposta #14 Online: 26 de Julho de 2016, 13:42:30
e outra: não estou falando pra abandonar a prática.

Desfoque forte ou leve tem seu lugar. Um leve desfoque ainda é bem tranquilo de abusar porque vc ainda consegue ter uma boa leitura da foto, por exemplo.

Não quero passar idéias extremas  :ok:

só sou contra essa tara excessiva pelo "ultra desfoque" (e "ultra sharpness" tbm). Não parece mas tem coisas na fotografia que são bem mais relevantes que isso.

Na visão dos clientes o desfoque é um diferencial das fotografias profissionais.  :shock:
Confesso que não uso muito nas minhas. Mas as vezes é útil, pois tiro muita foto de dança e "dar uma escondida" no fundo ajuda pra compor melhor as imagens.
Também não acho que um desfoque desmereça a foto. Na aplicação correta, logicamente.
Lee sempre com assuntos polêmicos, mas a análise é bem válida. :hysterical:

é bom hehe. Acho que todo mundo ganha com isso  :fight:
« Última modificação: 26 de Julho de 2016, 13:47:47 por lee. »
"Not sharper photographs, not larger photographs, but better photographs — photographs that say something, that mean something, even if only to us."
________________________________________________________
Canon 5D Mark.II | Fujifilm X100 T | https://www.instagram.com/electroma.core | https://www.electromacore.com