Autor Tópico: AMD de volta ao jogo?  (Lida 704 vezes)

danielsa

  • Trade Count: (6)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 420
  • Sexo: Masculino
Online: 20 de Agosto de 2016, 13:53:12
Nossa, há muito tempo que a AMD perdeu o ritmo da corrida contra a INTEL no mercado de alto desempenho.

Mas parece que agora ela quer voltar ao jogo.

Tomara, concorrência é sempre bem vinda e isso pode fazer diferença nas cpus de desempenho médio

Bons tempos do Athon XP x Pentium 4.  O AMD era mais barato e acabava por ter desempenho semelhante ao concorrente Intel.


"A AMD finalmente revelou nesta quinta-feira, 18/08, a sua nova microarquitetura Zen, com duas CPUs que podem colocar a empresa de volta na luta com os melhores da Intel.

Segundo a fabricante, sua CPU Summit Ridge, voltada para desktops de alto desempenho, terá 8 núcleos e tecnologia multi-threading simultâneo (SMT - simultaneous multi-threading) para dar a ela 16 núcleos de poder de processamento. Um segundo chip para servidores, de codinome Naples, terá 32 núcleos com multi-threading simultâneo, resultando em 64 núcleos por CPU.

A tecnologia de multi-threading simultâneo é parecida com a Hyper-Threading, da Intel, que divide um único núcleo em dois núcleos virtuais para conseguir mais desempenho.

Para provar que a Zen tem o que precisa, a AMD demonstrou para alguns jornalistas que um Zen de 8 núcleos poderia rodar de maneira tão rápida quanto o mais novo chip Core i7 de 8 núcleos da Intel.

Por que isso importa


Até o momento, algumas pessoas especulavam que o Zen ficaria abaixo do esperado. Benchmarks vazados recentemente pareciam mostrar que a nova arquitetura não era melhor do que a Haswell, lançada há dois anos pela Intel. Caso outros testes comprovem essa demonstração da AMD, no entanto, a novidade poderá ser uma ótima notícia para a fabricante"

http://idgnow.com.br/ti-pessoal/2016/08/18/amd-apresenta-nova-cpu-zen-e-promete-competir-de-perto-com-a-intel/
Assunto não é sujeito.


felipemendes

  • Trade Count: (9)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.441
  • Sexo: Masculino
  • Fotógrafo, não. Fotografador.
    • Meu Flickr
Resposta #1 Online: 20 de Agosto de 2016, 22:02:01
Bom saber que a AMD está de volta ao segmento de alta performance. Já em processadores baratos, ela sempre esteve por aí. Muitos computadores mais baratos têm processador AMD.
Felipe


Elder Walker

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (8)
  • Colaborador(a)
  • *****
  • Mensagens: 3.377
  • Sexo: Masculino
    • Flickr
Resposta #2 Online: 23 de Agosto de 2016, 09:05:31
Bacana. Eu já fui bem "nerd" nessa questão de hardware. O primeiro desktop que montei pra mim, comprando peça por peça, foi justamente um Athlon 3500+ quando o 64bits ainda era novidade e não existia "multi-threads". Fazia overclock em tudo e sempre pensava em custo/benefício (que quase sempre me levava a ficar nos AMD). Depois da faculdade - e lá se vão mais de 6 anos - não tive mais tempo para ficar "fuçando" nisso e nem sei mais como estão as opções, mas bom saber que a AMD ainda está brigando.
Canon 5D + EF 17-40mm f/4 L + EF 50mm f/1.8 STM + EF 85mm f/1.8 USM + Yongnuo 565EX + YN-622C


Lindsay

  • Trade Count: (18)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.550
  • Sexo: Masculino
Resposta #3 Online: 24 de Agosto de 2016, 12:06:34
O computador que uso até hoje é um Phenom XII 1090T, com 6 núcleos, na época que comprei era melhor que a geração dos I7 que haviam no mercado tanto para edição de fotos como para vídeo. Isso foi em 2010 ou 2011, até hoje minha maquina aqui roda redondinha, atualizei com mais memória e SSD, e não sinto o peso da idade, já são 5 ou 6 anos de idade.

Recentemente fui pesquisar para comprar um novo computador, algo que trouxesse uma melhoria de desempenho realmente considerável em relação ao que tenho hoje, e teria que ser um i7, mas realmente esses I7 são caríssimos, quase R$ 2.000,00 só o processador, fora placa mãe, memória etc...

Essa nova arquitetura da AMD pelo que li pode ter no breve futuro até 128 cores, ou seja os novos processadores estão tomando o rumo das placas de vídeo, hoje vc encontra placas de vídeo com mais de 1000 cores (isso mesmo mil unidades de processamento).

Quem sabe uma esperança aos preços exorbitantes em um mercado que atualmente é dominado pela Intel... mas certamente que a Intel vai reagir à concorrência. Acabou que resolvi esperam mais um pouco, quem sabe ano que vem ja tenhamos essas novas gerações nas lojas pra gente comprar.
« Última modificação: 24 de Agosto de 2016, 12:09:05 por Lindsay »
Fotografando com a memória


Rafa_Meira

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (2)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.153
  • Sexo: Masculino
Resposta #4 Online: 24 de Agosto de 2016, 20:13:48
Realmente é bom a AMD voltar ao jogo, sobretudo por conta dos preços que  estão ficando os hardware high end da Intel/Nvidia.


cltctba

  • Trade Count: (1)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 371
  • Sexo: Masculino
Resposta #5 Online: 25 de Agosto de 2016, 08:27:40
Tomara que a AMD entre na briga. Estou precisando montar um novo PC, do meu atual não da para aproveitar nada além do HD (só para fazer backup).
Para meu trabalho o mínimo seria um I5 com uma boa placa de vídeo, ideal hoje um I7 ou um Xeon. Como vi que o preço final será uma facada, tentarei segurar mais um ano para ver o que acontece neste mercado.
César L. T.


pablo.ebani

  • Trade Count: (4)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.738
  • Sexo: Masculino
Resposta #6 Online: 25 de Agosto de 2016, 10:04:12
Eu posso me dizer um fã da AMD :assobi:, talvez pelo preço, foi meu primeiro computador com um Athlon XP 2400+, na época era o top, depois montei um do zero com um Athlon 64 na minha primeira viagem ao Paraguai (nossa era muito barato gastei uns R$300 na época) e finalmente o que estou agora já faz uns 5 anos. Como um bom desempenho não dependo somente de um processador bom, eu optei pela AMD por ter um processador com bom desempenho e barato assim sobrou grana pra investir em uma motherboard decente que aceitasse algum over >:D. Hoje meu Phenon II X4 945 me serve bem e nunca travou nada, hoje só trocaria as DDR3 1333 MHz por umas 1800MHz e continuaria com o resto. Roda todos os programas de edição na boa, e alguns joguinhos atuais, apesar de minha VGA não ser lá grandes coisas.
Estive pensando em montar outro, mas olhando os valores atuais dos i5, acabei olhando novamente pro AMD e larguei de lado...o meu ta aguentando, não preciso de performance de sobra, nem tempo pra jogar mais tenho e quando quiser o meu ainda da conta de boas.
Quem sabe agora eu não monte um outro PC da AMD.  :ponder:
EOS 6D MK II -  EOS 5D MK II.
Tamron SP 45mm 1.8 | Sigma 30mm 1.4 Art
EF 50mm 1.8 STM | EF 100mm f/2 |
https://500px.com/PabloEbani
http://ebaniphoto.46graus.com


Lindsay

  • Trade Count: (18)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.550
  • Sexo: Masculino
Resposta #7 Online: 25 de Agosto de 2016, 12:38:40
Tem tbm algumas outras tecnologias que finalmente evoluíram nos últimos anos, e eu imagino que esses processadores virão com chipsets e controladores que vão explorar ao máximo essas novas soluções, por exemplo:

SSDs com interface tipo M.2:
Se um serial ATA III (ou 6GB/s) conseguia velocidades R/W por volta de 100MB/s, e um SSD normal conseguia 500MB/s, os novos M.2 conseguem 3TB/s, isso significa uma diferença brutal.

Memória/Interface:
Interface de memórias conectada com o processador com a troca de dados 3x ou 4x maior que as DDR3.

Energia e dissipação de calor:
Baixo consumo de energia, menos ventiladores, um sistema mais silencioso.

Como se pode ver não é só o processador, mas uma série de soluções atualizadas que ai sim vão fazer um sistema que a gente vai poder comprar e ficar usando por mais uns 5 anos...
Fotografando com a memória


Lindsay

  • Trade Count: (18)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.550
  • Sexo: Masculino
Resposta #8 Online: 25 de Agosto de 2016, 12:40:31
E se alguém ainda não experimentou um SSD, os preços ja estão menores, troquei aqui dos meus Desktops e notebooks, e deu um Up incrível no desempenho, acabou-se a espera. Recomendo!!!
Fotografando com a memória


Elder Walker

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (8)
  • Colaborador(a)
  • *****
  • Mensagens: 3.377
  • Sexo: Masculino
    • Flickr
Resposta #9 Online: 25 de Agosto de 2016, 13:52:51
SSD é vida! Comprei o meu acho que lá por 2013 e é incrível a melhoria no que está dentro do escopo de trabalho dele. O tempo de "carregamento" do sistema operacional ou de programas parece outra dimensão.

Com relação às linhas "high-end", posso estar enganado pela experiência limitada no ramo de fotografia e edição, etc... mas não imagino algo demandando o melhor das linhas atuais ou até as linhas voltadas para servidores (o Xeon que foi mencionado). Como disse, não sei quais aplicações possam pesar tanto assim, mas uso hoje Lightroom aqui com várias outras tarefas simultâneas num i5 de segunda geração e parece que estou abrindo um bloco de notas ou o paint!
Canon 5D + EF 17-40mm f/4 L + EF 50mm f/1.8 STM + EF 85mm f/1.8 USM + Yongnuo 565EX + YN-622C


Rafa_Meira

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (2)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.153
  • Sexo: Masculino
Resposta #10 Online: 28 de Agosto de 2016, 13:48:58
Com relação às linhas "high-end", posso estar enganado pela experiência limitada no ramo de fotografia e edição, etc... mas não imagino algo demandando o melhor das linhas atuais ou até as linhas voltadas para servidores (o Xeon que foi mencionado). Como disse, não sei quais aplicações possam pesar tanto assim, mas uso hoje Lightroom aqui com várias outras tarefas simultâneas num i5 de segunda geração e parece que estou abrindo um bloco de notas ou o paint!

Se desde a segunda geração que a Intel fica requentando o mesmo padrão em seus processadores, com os mesmos 4 núcleos físicos, trazendo apenas um ganho de 10-20% de desempenho por mudança de arquitetura. Mudança real vai ser quando os processadores de 6-8 núcleos reais se tornarem o padrão do mercado.


Rafa_Meira

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (2)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.153
  • Sexo: Masculino
Resposta #11 Online: 28 de Agosto de 2016, 13:52:23
Agora eu mesmo estou montando um desktop pra usar o lightroom (o core i7 4510U do meu note não da conta de maneira satisfatória) e AMD está fora de jogo no momento para processadores high end. Irei de Intel.


Elder Walker

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (8)
  • Colaborador(a)
  • *****
  • Mensagens: 3.377
  • Sexo: Masculino
    • Flickr
Resposta #12 Online: 28 de Agosto de 2016, 19:27:35
Meu comentário foi justamente o oposto do que entendi das suas respostas, Rafa_Meira: se precisamos mesmo de tanto "poder de fogo" para um simples Lightroom da vida.

Entendo que as linhas móveis (notebooks) sejam menos "potentes" que os desktops. Mas imagino que qualquer desktop i3 ou i5 (ou equivalente da AMD) da vida já deva rodar legal um editor de RAW...
Canon 5D + EF 17-40mm f/4 L + EF 50mm f/1.8 STM + EF 85mm f/1.8 USM + Yongnuo 565EX + YN-622C


pablo.ebani

  • Trade Count: (4)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.738
  • Sexo: Masculino
Resposta #13 Online: 28 de Agosto de 2016, 20:27:13
Eu vejo alguns PCs high end mais como ostentação para alguns casos, como games. Ter um PC que roda simultaneamente 4 jogos em FullHD, pra que se vai jogar apenas um por vez :ponder: um computador é uma máquina que trabalha em conjunto, não basta um processador porreta e o resto não acompanhar. Acompanho páginas de casemods e overclocks onde sempre se busca uma estabilidade no sistema com a melhor performance, sempre correndo atrás do melhor hardware e afins, e nem sempre o principal é o processador e sim uma ótima Mobo, é ela que vai fazer toda a comunicação entre os periféricos. Enfim.

É aquela coisa nem sempre se precisa do que se vai comprar, quem compra um Lamborghini com 900CV não vai usar tudo isso nas ruas e provavelmente nem num autódromo (fora profissionais né), mas carrega um motorzão.
EOS 6D MK II -  EOS 5D MK II.
Tamron SP 45mm 1.8 | Sigma 30mm 1.4 Art
EF 50mm 1.8 STM | EF 100mm f/2 |
https://500px.com/PabloEbani
http://ebaniphoto.46graus.com


Rafa_Meira

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (2)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.153
  • Sexo: Masculino
Resposta #14 Online: 29 de Agosto de 2016, 11:33:41
Meu comentário foi justamente o oposto do que entendi das suas respostas, Rafa_Meira: se precisamos mesmo de tanto "poder de fogo" para um simples Lightroom da vida.

Entendo que as linhas móveis (notebooks) sejam menos "potentes" que os desktops. Mas imagino que qualquer desktop i3 ou i5 (ou equivalente da AMD) da vida já deva rodar legal um editor de RAW...

A ideia é montar com um i5 (ou talvez um i7 pra aumentar a vida útil do pc).

Lightroom não e TÃOOO leve assim. Eu passo alguns estresses pra tratar minhas fotos.

Edit: Depende muito tb dos arquivos RAW que se trabalha. 10MP acaba sendo leve pra se tratar. Mas com 36MP ou até msm 24MP (que é o meu caso), a coisa já muda um pouco de figura.
« Última modificação: 29 de Agosto de 2016, 11:37:49 por Rafa_Meira »