Autor Tópico: Equipamento furtado - hora de mudar de sistema?  (Lida 1002 vezes)

paulchess10

  • Trade Count: (9)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 502
  • Sexo: Masculino
    • Astronomia Observacional e Astrofotografia Amadora
Online: 09 de Janeiro de 2017, 13:49:43
Boa tarde amigos!
Alguns meses atrás entraram minha casa durante uma viagem, e levaram todo meu equipamento fotográfico.
Eu fotografava com Canon (6D) e tinha uma lente UGA (20-35), uma padrão (50 1.8 STM) e uma tele (70-200).
Já que foi tudo embora, não há mais nada que me prenda na marca Canon, nem no sistema DSLR.
Será que vale a pena experimentar novos ares?
DSLR Nikon? Canon novamente? Outro sistema?
Eu tenho como sonho de consumo uma Fuji X-T1 (não sei se é GAS), mas montar um setup nesse sistema pode sair mais caro que um sistema DSLR APSC, com valores equivalentes a full frame, conforme o caso.
Por isso também não desconsidero experimentar o sistema MFT.
Até para ter algo menor e discreto, mas com um nível de qualidade aceitável.
Só me parece que no Brasil ainda é um pouco difícil achar lentes próprias para o sistema. Estou ciente de que quase todas as lentes de quase todos os fabricantes podem ser usadas com adaptador, mas e a questão do autofoco e controle de abertura como ficam?
Eu é melhor continuar com o que já tenho familiaridade.
Minha única experiência fora do mundo DSLR foi com uma Fuji X-M1. Apesar da qualidade excelente, a questão da "usabilidade" pesou negativamente.
Qual a opinião de vocês?
Abraços!


paulchess10

  • Trade Count: (9)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 502
  • Sexo: Masculino
    • Astronomia Observacional e Astrofotografia Amadora
Resposta #1 Online: 09 de Janeiro de 2017, 13:58:34
Em tempo, estou certo em supor que, no sistema MFT, lente ultra grande angular seria uma dificuldade?


cfcsosa

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (3)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.142
  • Sexo: Masculino
Resposta #2 Online: 09 de Janeiro de 2017, 13:59:39
Cara, posso dizer por mim, eu tenho ainda uma Nikon D5500 com uma única lente zoom 17-70 da Sigma. Não invisto mais um tostão na Nikon. Porque detesto ? Porque me decepcionei ? Não, na verdade eu adoro a Nikon. Então porque seria?


A questão é que hoje em dia pra evoluir em um set Nikon você precisa invariavelmente optar por lentes Full Frame em algum momento e isso pra mim é muito caro, muito mais caro que na Fuji. Qualquer lente que eu necessite fora do básico já começa a custar R$ 3.000,00 e pra R$ 6.000 é um pulo. Eu hoje não tenho condições de manter sistema dessa forma.


Montei um set da Fuji com uma XT-10, câmera pequena, mas com diversas funções interessantes, ainda tenho minha nikonzinha, coloquei pra venda, mas sempre a levo pra passear.


Minhas lentes Fuji hoje são:


18-55
[/size]50-230[/b]
[/size]27mm 2.8 (pankake)[/b]
[/size]23mm f/2[/b]
[/size]Samyang 12mm f/2 (está pra chegar) [/b]
-------------------
flickr.com/photos/cfcsosa
instagram.com/cfcsosa
500px.com/cfcsosa1978


Rjansenbr

  • Trade Count: (1)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 233
Resposta #3 Online: 09 de Janeiro de 2017, 14:06:06
Eu acho que vale muito a pena a transição para as mirrorless. O sistema Fuji deve ser excelente (nunca usei), embora um pouco mais caro que as m43. O sistema m43 é excelente, tem um tamanho menor, mas com muita qualidade. Quanto a lentes do sistema, sempre tem alguém vendendo aqui mesmo no mundo fotográfico e você consegue fazer bons negócios. Abs

Enviado de meu SM-G935F usando Tapatalk



vangelismm

  • Trade Count: (7)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 6.488
  • Sexo: Masculino
    • MedinaFotografia
Resposta #4 Online: 09 de Janeiro de 2017, 14:17:32
Mtf tem lente começando em 7mm e 9mm.
"A perspectiva de uma imagem é controlada pela distância entre a lente e o assunto; mudando a distancia focal da lente muda o tamanho da imagem , mas não altera a perspectiva . Muitos fotógrafos ignoram este fato, ou não têm conhecimento de sua importância." -  Ansel Adams, Examples – The Making of 40 Photographs


felipemendes

  • Benfeitor
  • Trade Count: (9)
  • Colaborador(a)
  • ***
  • Mensagens: 3.391
  • Sexo: Masculino
  • Fotógrafo, não. Fotografador.
    • Meu Flickr
Resposta #5 Online: 09 de Janeiro de 2017, 16:09:17
Não sei o que você gosta de fotografar. Caso você não tenha muita pressa (é meu caso), as Fuji e Sony aceitam muito bem lentes antigas com adaptadores. Estas têm preço bem em conta por aí. Eu, mesmo tendo saído de Nikon, continuo comprando lentes antigas da marca, mas agora pra usar na Fuji.
Felipe


paulchess10

  • Trade Count: (9)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 502
  • Sexo: Masculino
    • Astronomia Observacional e Astrofotografia Amadora
Resposta #6 Online: 09 de Janeiro de 2017, 17:43:29
Já fotografei aniversários infantis, noivados, casamentos e books. Embora não faça questão de repetir a experiência, nunca se sabe o que o futuro nos aguarda...
De qualquer forma, como hobbista, normalmente eu fotografo paisagens, trilhas, viagens... Esporadicamente, aves e esportes (voo livre).


d_acqua

  • Trade Count: (4)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 866
  • Sexo: Masculino
Resposta #7 Online: 09 de Janeiro de 2017, 19:43:12
Cara, eu passei pelo mesmo processo que vc está passando. Tinha uma 6D com algumas lentes L. Justamente por gostar de fotografia de paisagens, o peso e o volume me irritavam muito. Mas a qualidade era impecável e eu tinha dificuldades em migrar.
Também queria ir pra Fuji mas era um investimento alto demais para mim que já tinha uma boa grana empatada em Canon.
Fui pesquisando e cheguei no MFT, aparentemente menor, mais leve e mais barato que o Fuji. Então comprei uma OMD EM5 para testar com a lente 14-42mm (equiv. 24-84mm). Logo de cara gostei muito da câmera e lente. Muito leve, muito portátil, com diversas funções interessantes e um incrível sistema de estabilização no corpo. Precisei de um tempinho pra me acostumar em relação a qualidade da imagem. Não é o que a 6D entrega com uma 24-70 por exemplo. Mas o jeito de fotografar muda, os settings mudam, enfim, existe uma curva de aprendizagem necessária. Depois de algum tempo comecei a chegar mais perto dos resultados que eu esperava. Até o dia em que peguei uma imagem mediana feita com a EM5 e imprimi em A3+ com alta qualidade. Fiz o mesmo com uma imagem que julgava ser muito boa feita com a 6D e comparei as duas. Te digo que o resultado foi surpreendente. A imagem da EM5 era tão boa quanto da 6D. Nesse dia anunciei todo meu equipamento Canon e conforme fui vendendo fui adquirindo lentes. Não é tão fácil como comprar lentes Canon, mas com um pouquinho de calma vc consegue. Por um lado também gostei disso, pq vc fica menos preocupado em comprar equipamentos e aproveita mais o que tem. Pelo relato vc percebe que desisti da Fuji por exemplo, pois pelas minhas pesquisas, eu não teria um ganho tão grande em relação a peso. Hoje pra vc ter uma ideia, saio para fotografar com uma polchete de trilha com a câmera, uma lente 12-40 f2.8 e outra 35-100 f2.8, fora alguns acessórios necessários!
A única mudança que fiz foi adquirir a EM5 MK2 e colocar a EM5 MK1 a venda. E fiz isso apenas pq queria a função Live Composite que é muiiiito legal para quem gosta de fotografia noturna.
Sobre as lentes que comprei, tenho a 14-42mm que estou vendendo com a Mk1. Uma 12-40mm f2.8 linha pro da Olympus, uma 35-100mm f2.8 Panasonic, 17mm f1.8 Oly, 12mm f2.0 Oly, 45mm f1.8. Como vc pode ver, montei um set bacana, todas lentes claras e foi rápido conseguir esses lentes.
Por fim, a última informação que julgo importante é que vc pode usar lentes Olympus e Panasonic no sistema sem necessidade de qualquer adaptador. Apenas tenha certeza que está comprando lentes para o sistema MFT.
Espero ter ajudado.


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
Daniel

Instagram: @danacqua


Marcelo Uthida

  • Trade Count: (12)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 32
Resposta #8 Online: 09 de Janeiro de 2017, 22:16:41
Cara, eu passei pelo mesmo processo que vc está passando. Tinha uma 6D com algumas lentes L. Justamente por gostar de fotografia de paisagens, o peso e o volume me irritavam muito. Mas a qualidade era impecável e eu tinha dificuldades em migrar.
Também queria ir pra Fuji mas era um investimento alto demais para mim que já tinha uma boa grana empatada em Canon.
Fui pesquisando e cheguei no MFT, aparentemente menor, mais leve e mais barato que o Fuji. Então comprei uma OMD EM5 para testar com a lente 14-42mm (equiv. 24-84mm). Logo de cara gostei muito da câmera e lente. Muito leve, muito portátil, com diversas funções interessantes e um incrível sistema de estabilização no corpo. Precisei de um tempinho pra me acostumar em relação a qualidade da imagem. Não é o que a 6D entrega com uma 24-70 por exemplo. Mas o jeito de fotografar muda, os settings mudam, enfim, existe uma curva de aprendizagem necessária. Depois de algum tempo comecei a chegar mais perto dos resultados que eu esperava. Até o dia em que peguei uma imagem mediana feita com a EM5 e imprimi em A3+ com alta qualidade. Fiz o mesmo com uma imagem que julgava ser muito boa feita com a 6D e comparei as duas. Te digo que o resultado foi surpreendente. A imagem da EM5 era tão boa quanto da 6D. Nesse dia anunciei todo meu equipamento Canon e conforme fui vendendo fui adquirindo lentes. Não é tão fácil como comprar lentes Canon, mas com um pouquinho de calma vc consegue. Por um lado também gostei disso, pq vc fica menos preocupado em comprar equipamentos e aproveita mais o que tem. Pelo relato vc percebe que desisti da Fuji por exemplo, pois pelas minhas pesquisas, eu não teria um ganho tão grande em relação a peso. Hoje pra vc ter uma ideia, saio para fotografar com uma polchete de trilha com a câmera, uma lente 12-40 f2.8 e outra 35-100 f2.8, fora alguns acessórios necessários!
A única mudança que fiz foi adquirir a EM5 MK2 e colocar a EM5 MK1 a venda. E fiz isso apenas pq queria a função Live Composite que é muiiiito legal para quem gosta de fotografia noturna.
Sobre as lentes que comprei, tenho a 14-42mm que estou vendendo com a Mk1. Uma 12-40mm f2.8 linha pro da Olympus, uma 35-100mm f2.8 Panasonic, 17mm f1.8 Oly, 12mm f2.0 Oly, 45mm f1.8. Como vc pode ver, montei um set bacana, todas lentes claras e foi rápido conseguir esses lentes.
Por fim, a última informação que julgo importante é que vc pode usar lentes Olympus e Panasonic no sistema sem necessidade de qualquer adaptador. Apenas tenha certeza que está comprando lentes para o sistema MFT.
Espero ter ajudado.


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk

Daniel, boa noite!!
Se incomoda de contar como comprou as suas lentes (12-40 f2.8 e 35-100 f2.8)? E qual foi o valor que pagou?
Ah, além de falar tb da sua opinião sobre as mesmas??
Obrigado!!


d_acqua

  • Trade Count: (4)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 866
  • Sexo: Masculino
Resposta #9 Online: 10 de Janeiro de 2017, 00:42:36
Daniel, boa noite!!
Se incomoda de contar como comprou as suas lentes (12-40 f2.8 e 35-100 f2.8)? E qual foi o valor que pagou?
Ah, além de falar tb da sua opinião sobre as mesmas??
Obrigado!!

Como eu montei o set todo num espaço curto de tempo, não lembro bem de cabeça o que comprei de quem e de onde, mas foi ou no ML ou aqui no fórum! Não só essas duas lentes, mas todos o set, com exceção da 45mm que eu trouxe de fora.

A 12-40 tenho usado exaustivamente e acho que ela vale cada centavo. É um pouco pesada e isso tira um pouco do brilho do sistema, mas ainda assim bem melhor que as minhas ex-canons! A 35-100 é uma lente complementar ao Kit e não uso ela com frequência, mas acredito que tenha a mesma qualidade que a 12-40. Não acredito que eu não precise de mais nada além dessas duas. Ambas comprei usadas por 2500 cada. Dia sim dia não eu entrava no ML e no Classificados aqui do fórum. No ML sempre pesquisava por lentes M.Zuiko e Panasonic. A oferta não é grande, mas sempre parece uma ou outra.

Só esclarecendo o pq de eu ter outras lentes se eu disse que apenas essas duas me serviriam tranquilamente. Mantenho a 12mm pois uso ela na caixa estanque. A 17mm comprei como uma opção mais barata para street, pois não chama atenção, é super compacta e clara. Se não fosse nossa ausência de segurança pública iria andar com as duas lentes citadas acima tranquilamente. A 45mm comprei na empolgação no exterior e pretendo vender. Só não vendi pq é muiiiito boa! Kkkkk


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
Daniel

Instagram: @danacqua


ronaldom1

  • Trade Count: (5)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.381
  • Sexo: Masculino
Resposta #10 Online: 10 de Janeiro de 2017, 07:36:38
Paulo, vou deixar algumas considerações:

1- Concordo com o que já foi dito acima, quanto a qualidade e portabilidade de outros sistemas, nunca usei MFT, mas posso falar por mim - fiquei 1 ano com 2 sistemas - Canon 6D + 24-105 e Fuji X-M1 e depois Fuji X-E2, ao final vendi Canon e estou com a Fuji X-E2... me acostumei com a forma de fotografar, adora a qualidade de imagem, etc... não sinto saudades da minha 6D.

2- Me corrija se estiver errado, mas pelo que lembro você já fez o caminho de vender sua FF canon e lentes no passado, tentou a Fuji X-M1 e acabou voltando para FF Canon... acho que este histórico é muito importante...sei que agora ocorreu um evento novo - o furto do seu equipamento -  mas acredito que as conclusões que teve à época se manterão... o caminho natural seria pular da X-M1 para E2 ou T1/T10... caso tivesse realmente se adaptado ao sistema Fuji e não voltado para FF Canon.

3- Não acho que exista um caminho único ou correto que funcione para todos... alguns se adaptam, outros voltam para FF DSRL, como foi o caso do Thales aqui do fórum.... o importante é se sentir bem e satisfeito com o equipamento...

4- Quando comparamos sistemas, geralmente lembramos apenas de qualidade de imagem... mas cada sistema - em especial comparando DSRL x Mirrorless possui um "modo" diferente de fotografar, que exige adaptação...não que um seja melhor que o outro mas são diferentes: sistema de foco, OVFxEVF, controles, etc...

Abraços e boas fotos.
Observar os detalhes da vida: o céu, o sol, as expressões e olhares... fotografar é viver intensamente !

Flickr: https://www.flickr.com/photos/31091182@N04/


d_acqua

  • Trade Count: (4)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 866
  • Sexo: Masculino
Resposta #11 Online: 10 de Janeiro de 2017, 08:28:51

4- Quando comparamos sistemas, geralmente lembramos apenas de qualidade de imagem... mas cada sistema - em especial comparando DSRL x Mirrorless possui um "modo" diferente de fotografar, que exige adaptação...não que um seja melhor que o outro mas são diferentes: sistema de foco, OVFxEVF, controles, etc...

Acho que o ponto é esse. Se for pra tirar uma foto e olhar no Lightroom na proporção 1:1 ou 3:1 e querer comparar com o que tinha na 6D, não perca tempo. Ao invés disso faça uma impressão em A4 ou A3 e verá que essa diferença não existe. Ou melhor ainda, como o amigo disse, veja as diferenças, os pontos positivos do outro sistema e se te agradam.
Não cometeu no meu primeiro post, mas já tinha tentando uma Canon M1 e a Fuji Xe1. Não gostei de ambas. Na Olympus vou te falar pq do amor à primeira fotografada.
1) visual retrô e dials à mão, sensacional!
2) peso.
3) sistema de estabilização incrível de 5 eixos. Faço fotos a 1/2 segundo sem perder.
4) lentes ótimas, claras e por preços excelentes.
5) portabilidade, devido ao tamanho reduzido.
6) não ficam mais me olhando como se eu fosse um ET, como quando saía com minha 6D + 70-200.
7) Função Live View e Live Composite
8) tempo máximo de exposição de 60segundos, dobro das DSLR
9) Foco rápido e com diversos pontos de focagem
10) Olhar pelo EVF e não apenas ver a foto pronta antes de clicar, mas também diversas informações que na 6D era apenas no Live View.



Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
Daniel

Instagram: @danacqua


paulchess10

  • Trade Count: (9)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 502
  • Sexo: Masculino
    • Astronomia Observacional e Astrofotografia Amadora
Resposta #12 Online: 10 de Janeiro de 2017, 08:52:52

2- Me corrija se estiver errado, mas pelo que lembro você já fez o caminho de vender sua FF canon e lentes no passado, tentou a Fuji X-M1 e acabou voltando para FF Canon... acho que este histórico é muito importante...sei que agora ocorreu um evento novo - o furto do seu equipamento -  mas acredito que as conclusões que teve à época se manterão... o caminho natural seria pular da X-M1 para E2 ou T1/T10... caso tivesse realmente se adaptado ao sistema Fuji e não voltado para FF Canon.


Você está certo amigo.
Eu vendi uma 6D + 24-105L e comprei uma X-M1 com as lentes 16-50 e 50-230.
Eu não me adaptei.
Principalmente pela falta de viewfinder e por conta do sistema de foco.
Sem contar que eu sai de um sistema top full frame Canon pra embarcar na mais simples câmera e nas mais simples lentes da Fuji.
A única coisa que gostei foi a qualidade de imagem (nitidez impecável), quando não necessário forçar o ISO (aí poucas câmeras ganham da 6D).
Talvez se eu tivesse saído da 6D para X-T1 ou X-T10 teria me adaptado melhor. A verdade é que, no fim das contas, o equipamento Fuji estragou na garantia, fui reembolsado, e acabei voltando pra 6D.
DSLR eu usava com mais desenvoltura. Até me atrevi a alguns jobs (noivado, casamento, aniversário, com sucesso, embora eu não faça questão de repetir a experiência). Mas usava pouco, por conta de peso e tamanho.
Daí fico nesse dilema: continuar num sistema que já estou acostumado, mas nada portátil, ou tentar algo novo? E se fosse pra partir pra algo novo, qual? Um sistema Fuji top ou MFT?


ronaldom1

  • Trade Count: (5)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.381
  • Sexo: Masculino
Resposta #13 Online: 10 de Janeiro de 2017, 09:29:40
Acho que primeiramente deve definir qual a sua primeira e mais importante prioridade/demanda - no meu caso a primeira demanda foi redução de peso/tamanho e maior portabilidade - aí ficou fácil - a 6D e outras DSRLs já ficaram fora da escolha.
Sobrou Fuji, MFT e Sony.
Acredito que estaria bem atendido em qualquer um dos 3 sistemas.
Fiquei na Fuji, por oportunidade... surgiu uma X-M1 bem conservada de um colega aqui do fórum e uma lente XF 27mm usada com preço imperdível... gostei e muito do sistema, lentes etc... vendi a X-M1 e comprei a E2.
Acho que a escolha será de acordo com as suas demandas particulares e características de cada sistema: estabilização no corpo, velocidade disparo, disponibilidade de lentes que atendam o seu jeito de fotografar e o que fotografa com maior frequência, custo, disponibilidade no mercado nacional ou possibilidade de trazer de fora, entre outras.
Observar os detalhes da vida: o céu, o sol, as expressões e olhares... fotografar é viver intensamente !

Flickr: https://www.flickr.com/photos/31091182@N04/


cfcsosa

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (3)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.142
  • Sexo: Masculino
Resposta #14 Online: 10 de Janeiro de 2017, 10:08:41
Se for pra Fuji XT-2 ou Xpro2 talvez, eu disse talvez, não sinta falta da forma como usa DSLR hoje. Mas é outro sistema, outros desafios, outra forma completamente diferente de operar. Se conseguir driblar tudo isso eu lhe digo: Mirrorless é muito bom, só de poder focar em qualquer parte do quadro já é um motivo que eu adoro !
-------------------
flickr.com/photos/cfcsosa
instagram.com/cfcsosa
500px.com/cfcsosa1978