Autor Tópico: Site que une fotógrafos à turistas  (Lida 2404 vezes)

gdcastel

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 12
  • Sexo: Feminino
Online: 04 de Junho de 2017, 19:16:54
Oi, gente. Sou nova aqui. Vim postar um relato que aconteceu comigo.

Eu e mais 2 amigos fizemos uma viagem para as praias de Santa Catarina este ano, mas as fotos que a gente tirou ficaram um lixo, a nossa maior dificuldade foi tirar fotos que nos agradasse, aquelas fotos inesquecíveis que só um fotógrafo experiente consegue captar.

Como eu me aventuro na arte da fotografia e tenho uma mirrorless, óbvio que eu virei a fotógrafa oficial da viagem, mesmo sem manjar muito. Mas e quem tirava foto de mim?

A gente pedia para outras pessoas tirarem fotos nossas mas cortavam o pé, quando não era o pé, era a cabeça, a paisagem quase não saía na foto etc.

Não tinha uma foto que salvasse.

Só que, no último dia, a nossa viagem mudou completamente. Conhecemos um gringo no hostel onde a gente tava hospedado e ele era fotógrafo profissional (!!!!!).

A gente pagou ele pra nos acompanhar durante duas horas para tirar fotos nossas por 400 reais. Estávamos em 3 então ficou 130 pra cada um.

As fotos ficaram maravilhosas e a gente desejou do fundo do coração de ter conhecido ele antes.

Isso foi no começo do ano. Falamos com vários amigos e a gente descobriu que váaaaarias pessoas voltam de suas viagens insatisfeitos com as suas fotos (mesmo que essas pessoas não entendam nada de fotografia).

Participei então de uma Startup Weekend e eu levei a ideia de uma plataforma que conecta Fotógrafos profissionais a Turistas que desejam ter fotos profissionais em suas viagens. Os fotógrafos teriam um perfil no site, com um portfolio, seu tempo de experiencia e a avaliação dele dentro do site.

Um designer e um desenvolvedor que se juntaram à mim criaram o MVP (Minimo Produto Viavel) dessa plataforma e eu fui atrás dos clientes.

Fizemos uma pesquisa de mercado e descobrimos que tem muita aceitação e muitos pessoas, inclusive, usariam para sua próxima viagem. Com isso, conseguimos naquele dia 260 turistas cadastrados para encontrar fotógrafos no seu destino de viagem. Hoje somam 700 e isso que ainda não temos nem o site rodando. Conseguimos apenas no boca a boca e porque saímos num pequeno jornal da nossa cidade.

Já temos 108 fotógrafos cadastrados, aguardando o lançamento do site.

A minha pergunta é: Vocês usariam essa plataforma para encontrar clientes e como uma fonte de renda?
 
Vocês se cadastrariam?

Aceito críticas


LeandroR

  • Trade Count: (2)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.044
    • Leandro Reichert
Resposta #1 Online: 04 de Junho de 2017, 19:52:02
Eu me cadastraria.
Indicações de livros, canais de YT, fotógrafos, artigos sobre fotografia e assuntos do cotidiano.
Postagens semanais! Acompanhe meu blog pelo link abaixo:
www.leandroreichert.com


gdcastel

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 12
  • Sexo: Feminino
Resposta #2 Online: 04 de Junho de 2017, 21:26:32
Obrigada, Leandro.

Se quiser fazer parte da nossa lista de espera, é só deixar seu e-mail e celular aqui para ser avisado quando o site for pro ar!


Bucephalus

  • Trade Count: (1)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.069
  • Sexo: Masculino
Resposta #3 Online: 04 de Junho de 2017, 21:34:19
Eu nao me cadastraria porque particularmente nao gosto de posar para fotos nas minhas viagens ou em qualquer outra ocasiao. Se nao fosse por isso eu me cadastraria, e reconheco que a ideia parece ser excelente e que atrairia em principio muita gente (e muitos fotografos tambem).

Espero que o projeto decole, e gostaria de ver os resultados.  :ok:


gdcastel

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 12
  • Sexo: Feminino
Resposta #4 Online: 04 de Junho de 2017, 21:40:56
Eu nao me cadastraria porque particularmente nao gosto de posar para fotos nas minhas viagens ou em qualquer outra ocasiao. Se nao fosse por isso eu me cadastraria, e reconheco que a ideia parece ser excelente e que atrairia em principio muita gente (e muitos fotografos tambem).

Espero que o projeto decole, e gostaria de ver os resultados.  :ok:

Obrigada pela contribuição!

Mas, e como fotógrafo, você se cadastraria?


LeandroR

  • Trade Count: (2)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.044
    • Leandro Reichert
Resposta #5 Online: 04 de Junho de 2017, 21:41:35
Eu nao me cadastraria porque particularmente nao gosto de posar para fotos nas minhas viagens ou em qualquer outra ocasiao. Se nao fosse por isso eu me cadastraria, e reconheco que a ideia parece ser excelente e que atrairia em principio muita gente (e muitos fotografos tambem).

Espero que o projeto decole, e gostaria de ver os resultados.  :ok:

Eu também não gosto de posar para fotos. No caso eu me cadastraria para ser o fotógrafo.  :D
Achei a ideia bem bacana. Este ano fui para Monte Verde, no lado mineira da serra da Mantiqueira, e vi que haviam agências oferecendo tours pela região com fotógrafo que acompanhava a galera (geralmente era guia e fotógrafo ao mesmo tempo, utilizando super zoom, portanto algo bem simples).

Obrigada, Leandro.

Se quiser fazer parte da nossa lista de espera, é só deixar seu e-mail e celular aqui para ser avisado quando o site for pro ar!

Vou mandar MP.
Indicações de livros, canais de YT, fotógrafos, artigos sobre fotografia e assuntos do cotidiano.
Postagens semanais! Acompanhe meu blog pelo link abaixo:
www.leandroreichert.com


felipemendes

  • Trade Count: (9)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.439
  • Sexo: Masculino
  • Fotógrafo, não. Fotografador.
    • Meu Flickr
Resposta #6 Online: 04 de Junho de 2017, 21:47:13
Parabéns! Eu achei uma excelente ideia. Você achou uma necessidade e está oferecendo um serviço pra atender esta necessidade.

Eu me cadastraria, mas não disponho de tempo livre pra este tipo de serviço.

Pontos de atenção no seu negócio: assim como no Uber, há bons e maus profissionais, há pessoas mal intencionadas (se alguém chama um fotógrafo e rouba a câmera dele, se o fotógrafo acha que turistas são um alvo fácil...). Como cuidar?

O que vai garantir que o fotógrafo não é somente um desocupado que vai ser pago mas não sabe tirar fotos?
Felipe


gdcastel

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 12
  • Sexo: Feminino
Resposta #7 Online: 04 de Junho de 2017, 22:02:37
Parabéns! Eu achei uma excelente ideia. Você achou uma necessidade e está oferecendo um serviço pra atender esta necessidade.

Eu me cadastraria, mas não disponho de tempo livre pra este tipo de serviço.

Pontos de atenção no seu negócio: assim como no Uber, há bons e maus profissionais, há pessoas mal intencionadas (se alguém chama um fotógrafo e rouba a câmera dele, se o fotógrafo acha que turistas são um alvo fácil...). Como cuidar?

O que vai garantir que o fotógrafo não é somente um desocupado que vai ser pago mas não sabe tirar fotos?

Oii, valeu pelo feedback!
Então, sobre o o usuário mal intencionado: assim como o Uber, o cliente final também terá avaliações dentro do site (dadas por fotógrafos que já prestaram o serviço à ele) e ficará a cargo do fotógrafo decidir se ele aceitará a proposta ou não.

Sobre o fotógrafo que não sabe tirar fotos, acredito que o próprio mercado de encarregará de deixá-lo de lado, visto que terão fotógrafos com melhores portfólios. Ou seja, entre um fotógrafo com um belo portfólio e outro com um portfólio bem mais ou menos, o primeiro será contratado e o segundo não.


Bucephalus

  • Trade Count: (1)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.069
  • Sexo: Masculino
Resposta #8 Online: 04 de Junho de 2017, 23:06:14
Eu também não gosto de posar para fotos. No caso eu me cadastraria para ser o fotógrafo.  :D
Obrigada pela contribuição!

Mas, e como fotógrafo, você se cadastraria?

Li errado, achei que a pergunta era se eu me cadastraria como cliente para usar os servicos  :doh:

Eu nao me cadastraria como fotografo porque particularmente nao tenho interesse profissional na fotografia... mas como disse, acho que muita gente se interessaria.

Soh acho que os fotografos precisam ser ser MUITO bem selecionados. Acho que nao vale acreditar na lei do livre mercado, que os fotografos ruins serao auto-eliminados... acho que vale a pena oferecer poucos, porem bons, profissionais que foram pre-selecionados pela equipe que desenvolve o app do que transformar a ideia num vale-tudo onde qualquer um com uma camera chega pra oferecer os servicos. Acho que isso vai alienar os usuarios iniciais que se sentirao frustrados com fotografos ruins e acabarao dando um nome ruim ao negocio para outros clientes em potencial.


Bucephalus

  • Trade Count: (1)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.069
  • Sexo: Masculino
Resposta #9 Online: 04 de Junho de 2017, 23:10:49
Sobre o fotógrafo que não sabe tirar fotos, acredito que o próprio mercado de encarregará de deixá-lo de lado, visto que terão fotógrafos com melhores portfólios. Ou seja, entre um fotógrafo com um belo portfólio e outro com um portfólio bem mais ou menos, o primeiro será contratado e o segundo não.

O que impede que uma pessoa completamente despreparada e sem experiencia fotografica nao apresente um portofolio de fotografias falsas? No longo prazo ele perde clientes e o esquema nao se sustenta, mas no curto prazo ele faz uns 4 ou 5 trabalhos, coloca o dinheiro no bolso e sai ganhando.

Consigo imaginar ate outros esquemas fraudulentos, tipo cadastrar usuarios falsos (ou amigos e parentes) para deixarem avaliacoes positivas sobre o fotografo.

Enquanto isso os clientes saem perdendo com fotos ruins, e voce (como dona e desenvolvedora da ideia) sai perdendo quando esses clientes fazem avaliacoes negativas do aplicativo e inibem novos usuarios de se cadastrarem.
« Última modificação: 04 de Junho de 2017, 23:12:45 por Bucephalus »


felipemendes

  • Trade Count: (9)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.439
  • Sexo: Masculino
  • Fotógrafo, não. Fotografador.
    • Meu Flickr
Resposta #10 Online: 04 de Junho de 2017, 23:27:01
Oii, valeu pelo feedback!
Então, sobre o o usuário mal intencionado: assim como o Uber, o cliente final também terá avaliações dentro do site (dadas por fotógrafos que já prestaram o serviço à ele) e ficará a cargo do fotógrafo decidir se ele aceitará a proposta ou não.

Sobre o fotógrafo que não sabe tirar fotos, acredito que o próprio mercado de encarregará de deixá-lo de lado, visto que terão fotógrafos com melhores portfólios. Ou seja, entre um fotógrafo com um belo portfólio e outro com um portfólio bem mais ou menos, o primeiro será contratado e o segundo não.

Não desanime pelo tanto de questões que você vai receber aqui, pois a ideia realmente é muito boa. As respostas que você deu foram as que imaginei também.

Mas pense no seguinte: em caso de roubo, tanto se o fotógrafo mal intencionado armar emboscada pros turistas quanto pro "turista" mal intencionado querendo roubar a câmera do fotógrafo, infelizmente você vai ter responsabilidade sobre o assunto. Estude bastante como mitigar estes riscos. Não é pra desanimar, mas sim pra te fazer pensar em todos os aspectos.
Felipe


banzai

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 831
  • Tentando capturar o mundo de uma forma diferente
Resposta #11 Online: 04 de Junho de 2017, 23:47:18
Eu ja pensei nisso algumas vezes, porém faltava um intermediario entre o fotografo e o cliente, espero que realmente de certo esse projeto!
Eu me cadastraria sim! E seriam só fotos espontaneas mesmo.


LeandroR

  • Trade Count: (2)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.044
    • Leandro Reichert
Resposta #12 Online: 04 de Junho de 2017, 23:50:58
Não desanime pelo tanto de questões que você vai receber aqui, pois a ideia realmente é muito boa. As respostas que você deu foram as que imaginei também.

Mas pense no seguinte: em caso de roubo, tanto se o fotógrafo mal intencionado armar emboscada pros turistas quanto pro "turista" mal intencionado querendo roubar a câmera do fotógrafo, infelizmente você vai ter responsabilidade sobre o assunto. Estude bastante como mitigar estes riscos. Não é pra desanimar, mas sim pra te fazer pensar em todos os aspectos.

Realmente é um ponto a se pensar. Principalmente na questão legal da responsabilidade em si.
Mas fazendo uma analogia, hoje eu uso muito o aplicativo Blablacar, onde você pode  oferecer e buscar caronas. No início tinha muito medo de assalto, etc, e com certeza que isso pode acontecer (especialmente no início onde poucos tinham avaliação prévia), mas já uso há mais de ano e meio e as experiências sempre positivas.


O que impede que uma pessoa completamente despreparada e sem experiencia fotografica nao apresente um portofolio de fotografias falsas? No longo prazo ele perde clientes e o esquema nao se sustenta, mas no curto prazo ele faz uns 4 ou 5 trabalhos, coloca o dinheiro no bolso e sai ganhando.

Consigo imaginar ate outros esquemas fraudulentos, tipo cadastrar usuarios falsos (ou amigos e parentes) para deixarem avaliacoes positivas sobre o fotografo.

Enquanto isso os clientes saem perdendo com fotos ruins, e voce (como dona e desenvolvedora da ideia) sai perdendo quando esses clientes fazem avaliacoes negativas do aplicativo e inibem novos usuarios de se cadastrarem.

Mas aí se eles fizerem isso engessa totalmente a operação. Imagina quanto tempo você levaria para expandir um serviço desse pelo mundo todo se tivesse que fazer essa pré-seleção? E mais, imagina o custo de fazer tal pré-seleção?

Na verdade esse risco de contratar um fotógrafo ruim sempre existiu, isso em qualquer ramo da fotografia... portfolio falso também não é novidade, porém antigamente contávamos apenas com o boca a boca para ter uma garantia a mais, hoje em dia com avaliações online, aplicativos voltados para isso, google, facebook, as chances de um mau profissional prosperar reduziu bastante.
Indicações de livros, canais de YT, fotógrafos, artigos sobre fotografia e assuntos do cotidiano.
Postagens semanais! Acompanhe meu blog pelo link abaixo:
www.leandroreichert.com


gdcastel

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 12
  • Sexo: Feminino
Resposta #13 Online: 04 de Junho de 2017, 23:56:49
Eu ja pensei nisso algumas vezes, porém faltava um intermediario entre o fotografo e o cliente, espero que realmente de certo esse projeto!
Eu me cadastraria sim! E seriam só fotos espontaneas mesmo.

Opa, que massa  :)

Me manda por mensagem o seu e-mail e o seu número de celular para ser avisado quando o site for pro ar.
« Última modificação: 05 de Junho de 2017, 00:00:47 por gdcastel »


gdcastel

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 12
  • Sexo: Feminino
Resposta #14 Online: 05 de Junho de 2017, 00:00:00
Realmente é um ponto a se pensar. Principalmente na questão legal da responsabilidade em si.
Mas fazendo uma analogia, hoje eu uso muito o aplicativo Blablacar, onde você pode  oferecer e buscar caronas. No início tinha muito medo de assalto, etc, e com certeza que isso pode acontecer (especialmente no início onde poucos tinham avaliação prévia), mas já uso há mais de ano e meio e as experiências sempre positivas.


Mas aí se eles fizerem isso engessa totalmente a operação. Imagina quanto tempo você levaria para expandir um serviço desse pelo mundo todo se tivesse que fazer essa pré-seleção? E mais, imagina o custo de fazer tal pré-seleção?

Na verdade esse risco de contratar um fotógrafo ruim sempre existiu, isso em qualquer ramo da fotografia... portfolio falso também não é novidade, porém antigamente contávamos apenas com o boca a boca para ter uma garantia a mais, hoje em dia com avaliações online, aplicativos voltados para isso, google, facebook, as chances de um mau profissional prosperar reduziu bastante.

Muito obrigada pelos feedbacks!!!!  :D

Realmente, é bastante coisa a se pensar, sim!

Temos que analisar sob todos os aspectos.

Como disse, a princípio o site não faria essa seleção, mas já consideramos em fazer essa pré-seleção de fotógrafos para garantir a qualidade de profissionais do site. É uma carta que ainda está na mesa.

Obrigada mais uma vez pelas sugestões