Autor Tópico: RAW ?  (Lida 1108 vezes)

albertgr

  • Trade Count: (2)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.038
    • http://www.flickr.com/photos/alberto_gr
Online: 15 de Abril de 2005, 15:19:04
E ae galera!

eu queria saber quais as vantegens e dedsvantagens de tirar fotos no formato RAW...
valeu

Alberto
"Film is not dead, it just smells funny."



talesp

  • Trade Count: (2)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.659
  • Sexo: Masculino
    • http://www.talesp.inf.br
Resposta #1 Online: 15 de Abril de 2005, 16:39:36
Bem, não sou especialista, mas vou citar algumas.

A maior vantagem, ao meu ver, é que como ela não pode ser salva depois de tirada, ela é a maior prova de que você é o verdadeiro autor da foto. Como? Você tira a foto usando o raw, e quando for abrir no micro você exporta ela em Tiff ou Jpeg. Isso porque qualquer manipulação que você fizer na foto no photoshop não pode ser salva no raw, e sim em qualquer outro formato de imagem. É impossivel alterar o arquivo raw depois de tirado.

Além disso, esse formato não sofre nenhum processamento na camera, ou seja, é a imagem exatamente como o sensor catou a imagem. Algumas cameras, após tirar a foto, processam pra reduzir ruido, ajustar o equilibrio de branco, ajustam o contraste, a nitidez, etc...e nada disso é feito em raw, então você tem a imagem pura. E uma imagem dessas te dá muito mais liberdade de manipulação, você ajusta como quiser.

Desvantagens: Uma é justamente o processamento da camera. Como ela não faz, você vai ter que fazer usando um Photoshop. Então vai ter que conhecer uma ferramenta dessas. Eu por exemplo não manjo nada de photoshop, então to tratando de aprender :P

Além disso, o arquivo é umas 10x maior que uma imagem jpeg com qualidade fine, então vai ter que ter MUITA memoria na camera. Tenho só um cartão de 256M, e nele cabem aproximadamente 14 fotos em 3MP. Em jpeg, cabem quase 100 no mesmo cartão. Mas pelo que pude percebem, o tamanho do arquivo em Raw não altera muito se a foto for tirada com mais qualidade, por exemplo se for tirada em 7MP.

Algumas camera ( a minha por exemplo :P ) já tiram foto em Raw+jpeg, isso é, tem o arquivo em Raw e em jpeg já processado. Pra mim é uma grande vantagem.

Acho que é possivel citar mais vantagens e desvantagens, mas acho que os mais experientes devem saber melhor :)
Tales Pinheiro de Andrade
São Bernardo do Campo/SP/Brasil
I think computer viruses should count as life. I think it says something about human nature that the only form of life we have created so far is purely destructive. We've created life in our own image.
Stephen Hawking


Ivan de Almeida

  • Trade Count: (1)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.297
  • Sexo: Masculino
  • . F o t o g r a f i a .
    • Fotografia em Palavras
Resposta #2 Online: 15 de Abril de 2005, 17:08:10
O RAW é o resultado da sensibilização do CCD convertido em 12 bits de informação por pixel.

Nele ainda não houve a formação de pixels RGB. Cada pisel é apenas uma cor com um valor de luminância expresso em 12bits.

A vantagem disso é que ao converter esse arquivo em um arquivo de imagem você contorna todas as limitações do software da cãmera e de sua pequena capacidade de manipulação de informações.

A câmera usa um processador relativamente pouco poderoso, pouca memória e programas escritos em poucas linhas, e tem de processar a imagem o mais rapidamente possível (num processador não tão rápido) para que você possa tirara apróxima foto. Então isso implica em limites relativamente severos de qualidade.

Se você faz a mesma coisa no micro, tem à disposição mais memória, mais velocidade, melhores rotinas e o tempo não importará tanto. Além disse não há curva de contraste anteriormente aplicada, e você pode aplicar a que desejar.

O resultado é uma foto com muito maior qualidade, com possibilidade de gerar cópias maiores, com cores melhores, com menos ruído, enfim, o melhor em todos os aspectos exceto no tamnho de armazenagem.

Se vale a pena? Bem, agora fará 1 ano e meio em que só uso RAW.

Ivan


Georges

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.749
  • Sexo: Masculino
    • http://www.flickr.com/photos/grgs
Resposta #3 Online: 18 de Abril de 2005, 19:11:12
Queria adicionar uma informação sobre o TIFF... Embora não tenha nada a ver com o RAW, ele produz arquivos com compactação não-destrutiva (um BMP compactado, mas sem perdas), enquanto o JPEG como sabemos possui vários níveis de compactação, com perdas crescentes. Bem, o fato é que minha FZ15 (4 MP) produz arquivos TIFF de 11 MB, muito superiores aos 6 MB em RAW que vejo o pessoal obter com a 300D, por exemplo. Alguém sabe explicar a razão disso? Afinal, o RAW possui uma compactação interna não-destrutiva também? Ou será o TIFF tão ineficiente assim? Pois sinceramente, se eu decidisse trabalhar com TIFF, teria que considerar um cartão de pelo menos 1 GB, isso pra trabalhar com 4 MP... Que dirá em uma máquina de resolução superior :(
« Última modificação: 18 de Abril de 2005, 19:12:05 por Georges »
Georges Lemos
Florianópolis - Santa Catarina - Brasil


Ivan de Almeida

  • Trade Count: (1)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.297
  • Sexo: Masculino
  • . F o t o g r a f i a .
    • Fotografia em Palavras
Resposta #4 Online: 18 de Abril de 2005, 20:19:03
Georges:

É complicado julgar que um tiff é superior a um RAW, por uma razão muito simples? o RAW pode se transformar em um tiff!

Porém o tiff, que é um arquivo de excelente qualidade embora dispendioso de espaço, é um arquivo já tratado pelo software da câmera para ficar "agradável". Botei entre aspas pois agradável não é bem a palavra. O melhor é dizer: coerente com a expectativa de balanço de tons e cores de um arquivo de imagem".

Porém o RAW não tatado. Ele é cru mesmo, sem sharp, sem contraste aplicado, nada. Assim a superioridade do tiff reside bastante nele ser mais parecido com uma fotografia, enquanto o RAW nem sempre.

Contudo, se você aplicar os mesmos parâmetros que fizeram o tiff ao RAW ele se transformará naquele tiff, se variar um pouquinho variará, etc.

Mesmo com a lente do Kit, é complicado ter imagens de melhor qualidade com um sensor de 1/2.5 ou 1/2.7 sobre uma câmera com sensor APS. Ainda admitindo que sua lente seja superior -o que já é discutível- o sensor maior peroduzirá uma imagem mais limpa, com melhor controle de desfoque, com mais latitude, ou seja, mais rica de forma geral.

Contudo, ela somente depois de convertida, e bem convertida, será uim tiff decente.

O que acha? Faz sentido?

Ivan


Georges

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.749
  • Sexo: Masculino
    • http://www.flickr.com/photos/grgs
Resposta #5 Online: 18 de Abril de 2005, 20:51:40
Boa colocação Ivan... De qualquer forma, é uma pena que a Panasonic não tenha incluído o RAW em suas câmeras, que até a Fuji S5100 tem e custando 30% a menos que a FZ15. Lamentável :(
Georges Lemos
Florianópolis - Santa Catarina - Brasil


Ivan de Almeida

  • Trade Count: (1)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.297
  • Sexo: Masculino
  • . F o t o g r a f i a .
    • Fotografia em Palavras
Resposta #6 Online: 18 de Abril de 2005, 21:48:40
Georges:

Toda câmera tem lá algo que falta, de modo que o importante é aproveitar o que ela tem. A Panasonic oferece uma ótima imagem, e isso é o que importa.

Na verdade a s5100/5000 é que são as exceções na sua faixa, pois na escala de preços a próxima câmera a oferecer RAW é a própria s7000, e daí em diante passa a ser oferecida por todas.

Para ter um arquivo bem tratável, deixe os sets de contraste baixos, os sets de sharp baixos, as cores pouco saturadas. Isso, em um tiff, é uma excelente plataforma para tratamento, e mesmo a conversão que faço às vezes é assim também.

O RAW é menor porque cada pixel tem apenas 12bits de luminância, enquanto no tiff se for tiff 16 terá 16X3 bits. No RAW os pixels são de uma só cor por não ter havido o demosaico. Por isso ele é menor. Mas o RAW da minha s7000 mede mais ou menos 10 ou 11mb também (RAW de um sensor de 6mp). Provavelmente o RAW da 300d é comprimido sem perdas.

Alguns fabricantes preferem fornecer RAW, ou pelo menos era assim nas primeiras câmeras, simplesmente por isso, ser menor. Mas ao ser convertido, cresce.

Ivan

 


GRM

  • Trade Count: (8)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.746
Resposta #7 Online: 18 de Abril de 2005, 21:48:56
Eu havia entendido outra coisa nas palavras do Georges, que seria a dúvida de que um TIFF fosse o dobro de tamanho do RAW, sendo que ambos são não compactados. Me corrija se eu estiver errado. Eu pelo menos tenho essa dúvida,  
Nikon/Panasonic Gear


Ivan de Almeida

  • Trade Count: (1)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.297
  • Sexo: Masculino
  • . F o t o g r a f i a .
    • Fotografia em Palavras
Resposta #8 Online: 18 de Abril de 2005, 22:04:15
O Gustavo, mas é o dobro mesmo, pois como os pixels do RAW não têm informação das três cores, cada pixel são 12 bits, isto é, 3 bytes.

No tiff, mesmo que seja tiff 8 bits, cada pixels tem informação das três cores, então fica 3X8bits, ou seja, 24bits. Cada pixel de tiff é o dobro do pixel de RAW, simplesmente porque ele já é RGB.

Se for 16bits (4bytes), pior ainda, dá 48 bits.

É por isso que o tiff é maior do que o RAW.

Lembre-se que o RAW ao ser transformado em arquivo de imagem cada pixel importa informações dos pixels vizinhos, faz uma espécie de ponderação entre elas e calcula a cor que deveria estar ali. Com isso as informações dos pixels vizinhos se acrescentam àquela localização.

Acho que todo o problema aí é não fazer sinomímia entre pixel físico e pixel gravado. O pixel físico é bem pobre, verde ou azul ou vemelho. O pixel gravado é rico por aproveitar as informações dos vizinhos, que por sua vez aproveitam informações de seus vizinhos, numa espécie de média móvel.

Ivan
« Última modificação: 18 de Abril de 2005, 22:08:49 por Ivan de Almeida »


GRM

  • Trade Count: (8)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.746
Resposta #9 Online: 18 de Abril de 2005, 22:32:23
Thanks pela paciência da resposta, Ivan. Tipo de coisa óbvia que o cara acaba não parando p pensar justamente pq nunca usei RAW. Como a Panasonic é meio sem concorrência na categoria dela, penso que eles adiam esses lançamentos, a FZ15 trouxe coisas importantes que não haviam na FZ10, mas só qd os concorrentes lançaram câmeras próximas da FZ10, provável q a próxima FZXX venha com RAW e espero eu, um dial como da S7000 para mudança rápida de exposição ao invés de via botões.
Nikon/Panasonic Gear


Ivan de Almeida

  • Trade Count: (1)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.297
  • Sexo: Masculino
  • . F o t o g r a f i a .
    • Fotografia em Palavras
Resposta #10 Online: 18 de Abril de 2005, 22:43:04
Você tem publicado fotos, Gustavo?

Onde as publica? Na época do FDB ei vi algumas fotos suas das quais gostei, mas nunca mais vi outras.


GRM

  • Trade Count: (8)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.746
Resposta #11 Online: 19 de Abril de 2005, 12:32:18
Boa pergunta, Ivan.

Eu não tenho publicado não, estou com uma pilha para tratar e colocar no site, e mais algumas antigas que digitalizei os negativos em um Frontier. Mas um pouco de preguiça mais 40 créditos na faculdade estão complicando um pouco. Eu tbm comprei aquele livro Photoshop's Bible e decidi terminar ele (900p) antes de voltar a tratar qualquer foto, era comum eu tratar a foto e mesmo com um bom resultado, aprender a técnica correta depois e refazer o trabalho (já que meu conhecimento de PS era mais intuitivo). Outra que sinceramente me desanima qd penso em começar a mexer nas fotos novamente é a questão da calibração do monitor, por U$90 pensei seriamente em comprar um colorimetro na B&H, mas com os atrasos ficou impossível.

Assim que colocar algumas no site aviso p vc dar uma olhada.
« Última modificação: 19 de Abril de 2005, 12:33:37 por Guss »
Nikon/Panasonic Gear


Ivan de Almeida

  • Trade Count: (1)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.297
  • Sexo: Masculino
  • . F o t o g r a f i a .
    • Fotografia em Palavras
Resposta #12 Online: 19 de Abril de 2005, 13:18:34
Sabe como eu faço, Gustavo?

Cada seção que eu esvazio o cartão escolho algumas, trato e publico.

Depois, quando decido fazer cópias de uma ou outra, aí trato de novo com mais capricho, e o tratamento anterior serve de parâmetro.

Não sei como é com você, mas eu preciso ver minha produção "de fora", para meditar sobre ela e aprender com meus erros.

Abraços,
Ivan