Autor Tópico: Analise de fotos - Primeiros trabalhos  (Lida 268 vezes)

diogomansur

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 12
Online: 23 de Agosto de 2017, 12:28:35
Olá Pessoas!

Trabalho com informática e comecei a estudar fotografia faz um ano, neste tempo investi em aprendizado e equipamentos fiz alguns ensaios pra ir ganhando experiência.
Recentemente tive a oportunidade de fazer um ensaio com uma boa modelo e agora as fotos já estão editada e finalizadas.
Irei postar algumas e gostaria de uma analise profissional e criticas que me ajudem a melhorar.
Desde já grato.

Abraço.
1

2

3

4

5

6

7
« Última modificação: 23 de Agosto de 2017, 12:47:58 por diogomansur »


lcmartinez.j

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 584
  • Sexo: Masculino
  • Luiz Martinez
    • Luiz Martinez Fotografia
Resposta #1 Online: 23 de Agosto de 2017, 12:54:21
Não sou profissional, mas gostei bastante, os tratamentos me parecem coerentes.
Só um detalhe na foto 2, parece que você está aparecendo no reflexo da lente direita dela.

Enviado de meu XT1650 usando Tapatalk

Canon T3i || Canon 70D || 50mm f1.8II || Sigma 17-70mm f/2.8-4 Os Hsm || YN 565-EXII || Godox TT685c

http://www.facebook.com/LuizMartinezFotografia/


diogomansur

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 12
Resposta #2 Online: 23 de Agosto de 2017, 13:08:48
Não sou profissional, mas gostei bastante, os tratamentos me parecem coerentes.
Só um detalhe na foto 2, parece que você está aparecendo no reflexo da lente direita dela.

Enviado de meu XT1650 usando Tapatalk

Muito obrigado pela sua opnião! Eu realmente aparecia na lente do óculos na foto 2, mas isso foi removido, talvez não seja o reflexo dos dedos?


pablo.ebani

  • Trade Count: (4)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 1.737
  • Sexo: Masculino
Resposta #3 Online: 23 de Agosto de 2017, 13:53:06
Pra iniciante está bem bacana, eu não tinha esse nível quando comecei, até da medo de olhar minhas fotos antigas :hysterical:
Uma coisa que EU teria feito, é na foto 4, a do trilho, teria pedido pra ela tirar o sapato, os pés descalços deixariam a foto mais ambientada a realidade da fotografia.
De resto está bem bacana, esse tom rosado do tratamento ficou diferente do que tenho visto ultimamente, todo mundo usando Teal And Orange. Acho que é isso que se escreve. :ponder:

Parabéns continue estudando, tá no caminho certo.
EOS 6D MK II -  EOS 5D MK II.
Tamron SP 45mm 1.8 | Sigma 30mm 1.4 Art
EF 50mm 1.8 STM | EF 100mm f/2 |
https://500px.com/PabloEbani
http://ebaniphoto.46graus.com


Elder Walker

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (8)
  • Colaborador(a)
  • *****
  • Mensagens: 3.376
  • Sexo: Masculino
    • Flickr
Resposta #4 Online: 23 de Agosto de 2017, 14:30:07
Legal a iniciativa de "começar do começo", estudando e postando aqui para conseguir opiniões e feedbacks. Tenho fotografia apenas como hobby mas também sempre procurei fazer o mesmo caminho. Sugiro que, além de receber as críticas relacionadas as suas fotos, veja também as galerias de outros colegas e quais críticas são feitas nas fotos deles: isso agrega muito e amplia sua visão numa velocidade vertiginosa.

Sendo bem direto em relação a essa sua galeria aqui, também gostei de forma geral e destaco as composições bastante variadas, com cortes mais fechados, outros mais abertos, ângulos diferentes etc... De críticas, me parece que o foco não está muito acertado em algumas fotos, veja na última como o foco parece estar no tecido do vestido na altura da coxa da modelo, o que resultaria num plano a frente do rosto dela, enquanto que na penúltima parece estar no vestido na altura do busto, um plano atrás ao do rosto. Na primeira parece nas mãos dela também, e estaria bem fácil de "mirar" nos olhos. Outra coisa é que, usualmente, busca-se um padrão de tratamento para todas as fotos de um mesmo trabalho. Isso não é uma regra, mas é uma tendência bem forte e ao meu ver dá uma "homogeneidade" ao trabalho.
Canon 5D + EF 17-40mm f/4 L + EF 50mm f/1.8 STM + EF 85mm f/1.8 USM + Yongnuo 565EX + YN-622C


diogomansur

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 12
Resposta #5 Online: 23 de Agosto de 2017, 14:35:19
Pra iniciante está bem bacana, eu não tinha esse nível quando comecei, até da medo de olhar minhas fotos antigas :hysterical:
Uma coisa que EU teria feito, é na foto 4, a do trilho, teria pedido pra ela tirar o sapato, os pés descalços deixariam a foto mais ambientada a realidade da fotografia.
De resto está bem bacana, esse tom rosado do tratamento ficou diferente do que tenho visto ultimamente, todo mundo usando Teal And Orange. Acho que é isso que se escreve. :ponder:

Parabéns continue estudando, tá no caminho certo.

Grato pelo retorno! Realmente, se ela estivesse descalça e ainda segurando a sandália então, faria bem mais sentido.


diogomansur

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 12
Resposta #6 Online: 23 de Agosto de 2017, 14:49:04
Legal a iniciativa de "começar do começo", estudando e postando aqui para conseguir opiniões e feedbacks. Tenho fotografia apenas como hobby mas também sempre procurei fazer o mesmo caminho. Sugiro que, além de receber as críticas relacionadas as suas fotos, veja também as galerias de outros colegas e quais críticas são feitas nas fotos deles: isso agrega muito e amplia sua visão numa velocidade vertiginosa.

Sendo bem direto em relação a essa sua galeria aqui, também gostei de forma geral e destaco as composições bastante variadas, com cortes mais fechados, outros mais abertos, ângulos diferentes etc... De críticas, me parece que o foco não está muito acertado em algumas fotos, veja na última como o foco parece estar no tecido do vestido na altura da coxa da modelo, o que resultaria num plano a frente do rosto dela, enquanto que na penúltima parece estar no vestido na altura do busto, um plano atrás ao do rosto. Na primeira parece nas mãos dela também, e estaria bem fácil de "mirar" nos olhos. Outra coisa é que, usualmente, busca-se um padrão de tratamento para todas as fotos de um mesmo trabalho. Isso não é uma regra, mas é uma tendência bem forte e ao meu ver dá uma "homogeneidade" ao trabalho.

Ai meu amigo, realmente preciso treinar o foco, me dedico muito a prender técnicas de iluminação, cortes, ângulos e tenho clicado muito pouco e então no momento do click falta um pouco de intimidade com o equipamento e as decisões são lentas, suas análises sobre o foco foram precisas. Achei legal observar o tratamento, optei por tratar com estilos diferentes momentos diferentes, esse ensaio foi feito em 3 partes: No trilho, o casal, e com um estilo mais "rockeira" com um visual um pouco mais dark, foram 49 fotos com 3 estilos de tratamento, neste caso erro em variar os estilos em cada momento?

Abraço


Elder Walker

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (8)
  • Colaborador(a)
  • *****
  • Mensagens: 3.376
  • Sexo: Masculino
    • Flickr
Resposta #7 Online: 23 de Agosto de 2017, 15:04:08
Ai meu amigo, realmente preciso treinar o foco, me dedico muito a prender técnicas de iluminação, cortes, ângulos e tenho clicado muito pouco e então no momento do click falta um pouco de intimidade com o equipamento e as decisões são lentas, suas análises sobre o foco foram precisas. Achei legal observar o tratamento, optei por tratar com estilos diferentes momentos diferentes, esse ensaio foi feito em 3 partes: No trilho, o casal, e com um estilo mais "rockeira" com um visual um pouco mais dark, foram 49 fotos com 3 estilos de tratamento, neste caso erro em variar os estilos em cada momento?

Abraço

Com relação ao foco, é questão de prática e atenção mesmo. Tome cuidado ao utilizar profundidade de campo reduzida assim pois qualquer errinho de escolha de onde focar já pode deixar toda a imagem com aspecto de baixa nitidez. Técnicas como a de focar e recompor acabam caindo no mesmo problema.

Já quanto aos tratamentos, como disse, não é um erro e creio que nem exista uma regra para tal, mas é o que se vê bastante nos trabalhos, essa busca por uma consistência, um estilo definido.

Pensando bem, e até contrariando um pouco da minha sugestão, talvez seja interessante praticar vários tratamentos assim no começo para ver se encontra um que agrada mais. Entenda que poderão e até deverão existir adaptações a climas e temas diferentes, mas ao menos uma base para nortear seu trabalho é interessante, ainda mais se for transformar isso no seu ganha-pão. Muitos clientes se identificam com o estilo do fotógrafo e o contratam buscando um resultado parecido. Se você tiver um trabalho com cores vívidas, outro com curva-s suavizada, outro com tons pastéis, outro com mais contraste etc etc... talvez fique difícil estabelecer essa identidade. Mas, novamente, isso é apenas uma sugestão.
Canon 5D + EF 17-40mm f/4 L + EF 50mm f/1.8 STM + EF 85mm f/1.8 USM + Yongnuo 565EX + YN-622C


diogomansur

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 12
Resposta #8 Online: 23 de Agosto de 2017, 15:53:32
Com relação ao foco, é questão de prática e atenção mesmo. Tome cuidado ao utilizar profundidade de campo reduzida assim pois qualquer errinho de escolha de onde focar já pode deixar toda a imagem com aspecto de baixa nitidez. Técnicas como a de focar e recompor acabam caindo no mesmo problema.

Já quanto aos tratamentos, como disse, não é um erro e creio que nem exista uma regra para tal, mas é o que se vê bastante nos trabalhos, essa busca por uma consistência, um estilo definido.

Pensando bem, e até contrariando um pouco da minha sugestão, talvez seja interessante praticar vários tratamentos assim no começo para ver se encontra um que agrada mais. Entenda que poderão e até deverão existir adaptações a climas e temas diferentes, mas ao menos uma base para nortear seu trabalho é interessante, ainda mais se for transformar isso no seu ganha-pão. Muitos clientes se identificam com o estilo do fotógrafo e o contratam buscando um resultado parecido. Se você tiver um trabalho com cores vívidas, outro com curva-s suavizada, outro com tons pastéis, outro com mais contraste etc etc... talvez fique difícil estabelecer essa identidade. Mas, novamente, isso é apenas uma sugestão.

Realmente é importante pensar nesta questão da identidade, estou tentando me encontrar ainda, mas fico agradecido por reforçar isso. Irei continuar a busca pela identidade.