Autor Tópico: Vc pergunta aos demais fotografos quais cameras eles usam?  (Lida 2884 vezes)

C R O I X

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.843
  • Sexo: Masculino
  • Fotografo Multiformato
    • Marcio Faustino
Online: 24 de Março de 2018, 19:30:03
Acho que estamos bastante acostumados a ouvir pessoas nos perguntando qual camera, lente, etc usamos ou temos. Mas vc tambem pergunta isso a outros fotografos?

E pq sera que ha tanto interesse das pessoas em saberem tais informacoes, mesmo quando eh alguem que acabou de conhecer, nunca viu as fotos que a pessoa faz ou talvez nunca vera? Ou quando ve as fotos de alguem em situacoes nada fora do normal?

Tal tipo de curiosidade, sobre a camera que alguem usa, costuma nao vir a mim, mas paresse que quase todo mundo quer saber o que cada um esta usando como equipamento.

Vc ja pararam para pensar nisso?


Bucephalus

  • Trade Count: (1)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.059
  • Sexo: Masculino
Resposta #1 Online: 24 de Março de 2018, 20:35:18
Acho que perguntar sobre o equipamento do outro fotografo eh algo normal, pois sobre o que mais dois fotografos vao conversar? Sobre o impacto do Moholy-Nagy na cena fotografia europeia? Se o interesse da pessoa eh em "tirar fotos" ao inves de "fotografia", a conversa vai sempre gravitar em torno de equipamentos. Por outro lado, se dois fotografos que curtem Fotografia se encontrarem, eles vao conversar em grande parte sobre fotografia, e nao sobre qual camera cada um tem.

Lembro de uma cena da primeira temporada de "The Crown" na Netflix, que dramatiza os primeiros anos do reinado da Rainha Elizabeth. Em uma cena, o pintor Graham Sutherland eh contratado para pintar um retrato do Primeiro Ministro Winston Churchill. Apesar de ter sido um politico de carreira, o Churchill tambem era um pintor nas horas vagas, especialmente depois de se aposentar. A diferenca crucial (pelo menos como a serie dramatiza o fato) eh que o Graham Sutherland foi um dos artistas ingleses mais influentes da decada passada, e o Churchill como pintor era pura tecnica e sem necessariamente ter uma voz artistica pessoal.

Na cena em que os dois se encontram o Churchill faz um monte de comentarios tecnicos sobre qual tipo de tinta e pinceis ele usa, e como ele eh produtivo por ter pintado centenas de quadros em pouco tempo -- ele provavelmente declara tudo isso para impressionar o Sutherland e mostrar que tambem tem pedigree artistico. O Graham Sutherland, porem, pouco se impressiona; ele nao tem interesse em tecnica, e nao sabe nem qual tipo de pincel usa, e diz que demora uma eternidade pra finalizar um quadro -- e tudo isso choca o Churchill. Eh como se para o Sutherland os pinceis e a tinta fossem somente ferramentas para produzir algo, e para o Churchill os aspectos tecnicos da tinta e dos pinceis fossem o segredo para produzir algo bom --  na mente do Churchill, um bom artista eh aquele que sabe de todos os detalhes tecnicos, e eh eficiente em produzir muito eficientemente.

Acho que essa eh a mesma dinamica com quem gosta de discutir cameras e lentes. Eu estava lendo a biografia do Harry Callahan, e como ele comecou na fotografia por causa de um fotoclube. Nesse fotoclube os amadores de final de semana se reuniam para trocar informacoes tecnicas sobre camera, lentes, filmes e processos de revelcao e impressao. Era tudo isso o que eles discutiam, somente tecnica e equipamento. Se dois desses fotografos amadores se conhecessem pela primeira vez, o assunto com certeza seria qual camera o outro tem, ou qual metodo de revelcao eles usam. Esses eram americanos de classe media que tinham dinheiro para comprar equipamento e achavam que fotografia era um hobby tecnico, onde tudo gravitava em torno dos processos mecanicos. Fotografia para eles era somente uma desculpa para praticar um hobby, e tentar se aprimorar tecnicamente por pura diversao. A medida que o Callaham comecou a ver algo alem na fotografia, e como toda essa tecnica eh uma simples ferramenta para transmitir uma mensagem pessoal, ele comecou a se distancar desses clubes de amadores, pois nada ia conseguir deles.


Raphael Sombrio

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.868
  • O RAW é um diamante...bruto
Resposta #2 Online: 24 de Março de 2018, 21:29:46
Certamente as questões em pauta quando pessoas que gostam ou se ocupam de fotografia, se encontram, será equipamento, na maioria das vezes.

Acho que isso tem a ver com um certo analfabetismo geral, aliado ao materialismo e consumismo, já que de uma certa maneira as pessoas suprirem suas frustrações e se sentem seguras tendo, se for o caso, um bom equipamento nas mãos, mesmo que não façam nada de mais com ele.

Priorizar equipamentos não é crime e cada um faz o que bem entender, mas para mim patinar o assunto em marcas, modelos e aparatos, torna tudo raso e pobre.


Humberto Yoji

  • Trade Count: (23)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.355
  • Sexo: Masculino
    • Humberto Yoji - fotógrafo
Resposta #3 Online: 24 de Março de 2018, 22:47:26
No começo eu sempre queria saber que câmera e lente a pessoa tinha usado pra tirar uma foto que gostei, além de também querer saber o exif. Com o tempo isso tudo foi passando. Hoje em dia, essa é uma das minhas últimas preocupações. Quem me conhece sabe que eu adoro conversar sobre equipamentos, mas quando vejo uma foto boa, nunca fico me perguntando sobre os aspectos técnicos.

Acho que faz parte, quem é leigo no assunto ou está apenas começando, costuma associar mais o "sucesso" de uma foto ao equipamento ou ao exif.


C R O I X

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.843
  • Sexo: Masculino
  • Fotografo Multiformato
    • Marcio Faustino
Resposta #4 Online: 25 de Março de 2018, 13:48:18
Acho que perguntar sobre o equipamento do outro fotografo eh algo normal, pois sobre o que mais dois fotografos vao conversar? Sobre o impacto do Moholy-Nagy na cena fotografia europeia? Se o interesse da pessoa eh em "tirar fotos" ao inves de "fotografia", a conversa vai sempre gravitar em torno de equipamentos. Por outro lado, se dois fotografos que curtem Fotografia se encontrarem, eles vao conversar em grande parte sobre fotografia, e nao sobre qual camera cada um tem.

Lembro de uma cena da primeira temporada de "The Crown" na Netflix, que dramatiza os primeiros anos do reinado da Rainha Elizabeth. Em uma cena, o pintor Graham Sutherland eh contratado para pintar um retrato do Primeiro Ministro Winston Churchill. Apesar de ter sido um politico de carreira, o Churchill tambem era um pintor nas horas vagas, especialmente depois de se aposentar. A diferenca crucial (pelo menos como a serie dramatiza o fato) eh que o Graham Sutherland foi um dos artistas ingleses mais influentes da decada passada, e o Churchill como pintor era pura tecnica e sem necessariamente ter uma voz artistica pessoal.

Na cena em que os dois se encontram o Churchill faz um monte de comentarios tecnicos sobre qual tipo de tinta e pinceis ele usa, e como ele eh produtivo por ter pintado centenas de quadros em pouco tempo -- ele provavelmente declara tudo isso para impressionar o Sutherland e mostrar que tambem tem pedigree artistico. O Graham Sutherland, porem, pouco se impressiona; ele nao tem interesse em tecnica, e nao sabe nem qual tipo de pincel usa, e diz que demora uma eternidade pra finalizar um quadro -- e tudo isso choca o Churchill. Eh como se para o Sutherland os pinceis e a tinta fossem somente ferramentas para produzir algo, e para o Churchill os aspectos tecnicos da tinta e dos pinceis fossem o segredo para produzir algo bom --  na mente do Churchill, um bom artista eh aquele que sabe de todos os detalhes tecnicos, e eh eficiente em produzir muito eficientemente.

Acho que essa eh a mesma dinamica com quem gosta de discutir cameras e lentes. Eu estava lendo a biografia do Harry Callahan, e como ele comecou na fotografia por causa de um fotoclube. Nesse fotoclube os amadores de final de semana se reuniam para trocar informacoes tecnicas sobre camera, lentes, filmes e processos de revelcao e impressao. Era tudo isso o que eles discutiam, somente tecnica e equipamento. Se dois desses fotografos amadores se conhecessem pela primeira vez, o assunto com certeza seria qual camera o outro tem, ou qual metodo de revelcao eles usam. Esses eram americanos de classe media que tinham dinheiro para comprar equipamento e achavam que fotografia era um hobby tecnico, onde tudo gravitava em torno dos processos mecanicos. Fotografia para eles era somente uma desculpa para praticar um hobby, e tentar se aprimorar tecnicamente por pura diversao. A medida que o Callaham comecou a ver algo alem na fotografia, e como toda essa tecnica eh uma simples ferramenta para transmitir uma mensagem pessoal, ele comecou a se distancar desses clubes de amadores, pois nada ia conseguir deles.

Interessante.

Bom, eu acho que existe uma grande diferenca entre gostar de conversar sobre ferramentas e tecnica, e querer saber quais a ferramentas e tecnicas usados por outros.

Eu mesmo gosto muito de revelacao de filme, gosto muito da questao do processo fotografico, gosto muito de cameras mecanicas, e eu posso passar um tempao conversando sobre tais coisas, mesmo assim sem o menor interesse em saber qual eh o equipamento, tecnca, etc que a pessoa com quem estou conversando usa.


Eu pensei nessa questao ontem, pq ontem eu sai para comprar um fone de ouvido, e vendo as caixas dos fones eu fiquei comparando as especificacoes tecnica, para tentar comprar o melhor dentro do meu orcamento. Entao fiquei comparando, Hz, Ohm, mm dB, mW.
No final fiquei na duvida entre Philips SHL3175 e JBL (esqueci do modelo), entao fui atras do vendedor para me ajudar na escolha final. E euesperava que o vendedor fosse falar dessas especificacoes tecnicas, tal como em loja de fotografoa vendedor fala de megapixels, ISO, quantas photos por segundo, etc...
Pela minha surpresa o vendedor apenas falou que a JBL tem mais precisao enquanto a Philips tem mais qualidade tecnica.
No final levei o da Philips mesmo.

E na volta para casa eu fiquei pensando, todo mundo usa phone de ouvido hoje em dia, todo mundo gosta de ouvir musica, todo mundo supostamente gosta de qualidade, mas eu nunca na vida ouvi duas pessoas perguntando uma a outra qual o phone de ouvido a outra usa/tem. Nem mesmo as pessoas que conheco quegostam de falar de qualidade tecnica de som e bom equipamento de som.


C R O I X

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.843
  • Sexo: Masculino
  • Fotografo Multiformato
    • Marcio Faustino
Resposta #5 Online: 25 de Março de 2018, 13:51:35
Certamente as questões em pauta quando pessoas que gostam ou se ocupam de fotografia, se encontram, será equipamento, na maioria das vezes.

Acho que isso tem a ver com um certo analfabetismo geral, aliado ao materialismo e consumismo, já que de uma certa maneira as pessoas suprirem suas frustrações e se sentem seguras tendo, se for o caso, um bom equipamento nas mãos, mesmo que não façam nada de mais com ele.

Priorizar equipamentos não é crime e cada um faz o que bem entender, mas para mim patinar o assunto em marcas, modelos e aparatos, torna tudo raso e pobre.

Penso o mesmo...  :D

Apesar de que para aqueles que sao apegados a essa questao de equipamentos o assunto nao eh nada raso ou pobre.


C R O I X

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.843
  • Sexo: Masculino
  • Fotografo Multiformato
    • Marcio Faustino
Resposta #6 Online: 25 de Março de 2018, 13:54:32
No começo eu sempre queria saber que câmera e lente a pessoa tinha usado pra tirar uma foto que gostei, além de também querer saber o exif. Com o tempo isso tudo foi passando. Hoje em dia, essa é uma das minhas últimas preocupações. Quem me conhece sabe que eu adoro conversar sobre equipamentos, mas quando vejo uma foto boa, nunca fico me perguntando sobre os aspectos técnicos.

Acho que faz parte, quem é leigo no assunto ou está apenas começando, costuma associar mais o "sucesso" de uma foto ao equipamento ou ao exif.

Vc deve ter matado a charada.

Mas as vezes sinto que tem gente que nao passa dessa fase.  :D


Bucephalus

  • Trade Count: (1)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.059
  • Sexo: Masculino
Resposta #7 Online: 25 de Março de 2018, 16:37:25
E na volta para casa eu fiquei pensando, todo mundo usa phone de ouvido hoje em dia, todo mundo gosta de ouvir musica, todo mundo supostamente gosta de qualidade, mas eu nunca na vida ouvi duas pessoas perguntando uma a outra qual o phone de ouvido a outra usa/tem. Nem mesmo as pessoas que conheco quegostam de falar de qualidade tecnica de som e bom equipamento de som.

Eu tenho assistido muitas entrevistas com diretores de cinema recentemente (mesa redonda com vários ao mesmo tempo) e eles nunca falam sobre as câmeras, lentes ou outros equipamentos técnicos. Nunca. A conversa é sempre sobre a arte, sobre os filmes que eles gostam, sobre os projetos em que eles trabalharam, sobre experiências pessoais.

Acho que a popularização da música portátil hoje (que começou com o iPod) sempre se centrou na música em si, e não nos aspectos técnicos, e por isso ninguém realmente se preocupa com as tecnicalidades. Acho que a idéia central da música portátil hoje não é excelência técnica, mas sim a liberdade de carregar sua biblioteca de música inteira no seu bolso, o tempo todo. Quando você compra um smartphone ele já vem com fones de ouvidos, e pra maioria isso é suficiente pois garante toda a liberdade e facilidade do mundo em ouvir música em todos os lugares, toda hora. Poucos vão se importar com os aspectos técnicos da reprodução do som.


cfcsosa

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (3)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 6.841
  • Sexo: Masculino
Resposta #8 Online: 25 de Março de 2018, 19:27:28
Certamente as questões em pauta quando pessoas que gostam ou se ocupam de fotografia, se encontram, será equipamento, na maioria das vezes.

Acho que isso tem a ver com um certo analfabetismo geral, aliado ao materialismo e consumismo, já que de uma certa maneira as pessoas suprirem suas frustrações e se sentem seguras tendo, se for o caso, um bom equipamento nas mãos, mesmo que não façam nada de mais com ele.

Priorizar equipamentos não é crime e cada um faz o que bem entender, mas para mim patinar o assunto em marcas, modelos e aparatos, torna tudo raso e pobre.
Cada dia que passa eu fico com mais preguiça em discutir equipamentos, mas confesso que gosto de saber as novidades, fotografa e tecnologia sempre andaram juntas, assim como também outros assuntos como política.

O que realmente tem me deixado com preguiça de discutir são assuntos irrelevantes como ISO, 35mm X APS-C, etc.
-------------------
flickr.com/photos/cfcsosa
instagram.com/cfcsosa
500px.com/cfcsosa1978


cfcsosa

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (3)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 6.841
  • Sexo: Masculino
Resposta #9 Online: 25 de Março de 2018, 19:27:58
Vc deve ter matado a charada.

Mas as vezes sinto que tem gente que nao passa dessa fase.  :D
Tem gente que não passa dessa fase.
-------------------
flickr.com/photos/cfcsosa
instagram.com/cfcsosa
500px.com/cfcsosa1978


Claudio Rombauer

  • Trade Count: (2)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.387
  • Sexo: Masculino
Resposta #10 Online: 25 de Março de 2018, 23:27:10

Eu pensei nessa questao ontem, pq ontem eu sai para comprar um fone de ouvido, e vendo as caixas dos fones eu fiquei comparando as especificacoes tecnica, para tentar comprar o melhor dentro do meu orcamento. Entao fiquei comparando, Hz, Ohm, mm dB, mW.
No final fiquei na duvida entre Philips SHL3175 e JBL (esqueci do modelo), entao fui atras do vendedor para me ajudar na escolha final. E euesperava que o vendedor fosse falar dessas especificacoes tecnicas, tal como em loja de fotografoa vendedor fala de megapixels, ISO, quantas photos por segundo, etc...
Pela minha surpresa o vendedor apenas falou que a JBL tem mais precisao enquanto a Philips tem mais qualidade tecnica.
No final levei o da Philips mesmo.

E na volta para casa eu fiquei pensando, todo mundo usa phone de ouvido hoje em dia, todo mundo gosta de ouvir musica, todo mundo supostamente gosta de qualidade, mas eu nunca na vida ouvi duas pessoas perguntando uma a outra qual o phone de ouvido a outra usa/tem. Nem mesmo as pessoas que conheco quegostam de falar de qualidade tecnica de som e bom equipamento de som.

Todo mundo me pergunta que fone de ouvido eu uso. Isso depende do meio em que a gente vive.

Faz total diferença, mais até que uma câmera ou outra, o fone/amplificador que você usa, pois sistemas de qualidade genérica simplesmente não reproduzem frequências que estão na gravação, algo como se um objeto em uma fotografia simplesmente não aparecesse.

O problema é que hoje em dia está em baixa ouvir música com qualidade, a grande maioria ouve direto na saída dos smartphones com fones genéricos.

Se quiser um fone excelente e relativamente barato (custa menos que um iphone e dura a vida toda), Shure SRH1540, ele tem resposta equivalente a outros que custam 3x mais.

E o bacana é você chamar alguém que está acostumado com fones genéricos e colocar pra ouvir um bicho desses, a primeira coisa que as pessoas fazem é abrir a boca, arregalar os olhos e geralmente perguntam algo do tipo: "quanto custa isso???".
« Última modificação: 25 de Março de 2018, 23:34:52 por Claudio Rombauer »


C R O I X

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.843
  • Sexo: Masculino
  • Fotografo Multiformato
    • Marcio Faustino
Resposta #11 Online: 26 de Março de 2018, 06:33:41
Eu tenho assistido muitas entrevistas com diretores de cinema recentemente (mesa redonda com vários ao mesmo tempo) e eles nunca falam sobre as câmeras, lentes ou outros equipamentos técnicos. Nunca. A conversa é sempre sobre a arte, sobre os filmes que eles gostam, sobre os projetos em que eles trabalharam, sobre experiências pessoais.

Acho que a popularização da música portátil hoje (que começou com o iPod) sempre se centrou na música em si, e não nos aspectos técnicos, e por isso ninguém realmente se preocupa com as tecnicalidades. Acho que a idéia central da música portátil hoje não é excelência técnica, mas sim a liberdade de carregar sua biblioteca de música inteira no seu bolso, o tempo todo. Quando você compra um smartphone ele já vem com fones de ouvidos, e pra maioria isso é suficiente pois garante toda a liberdade e facilidade do mundo em ouvir música em todos os lugares, toda hora. Poucos vão se importar com os aspectos técnicos da reprodução do som.

Vc ainda nao entendeu que a questao nao eh conversar sobre equipamnto ou seobre arte, a questao eh querer saber o que o outro tem/usa.



Sobre o segundo paragrafo:

-Eu discordo que a popularizacao da musica portatil comecou com o iPod. Eu penso que comecou com a fita K7 e Walkingman. Ipod eh a versao digital do Walkman e fita K7, que ajudou a dar um boost na popularizacao, mas longe de ter sido o inicio.

-A ideia central das cameras 35mm e de bolso tambem eh portabilidade e nao excelencia tecnica que eh ideia secundaria, tal como iPods, Phone de Ouvido, etc.

-Vc fala que a questao da musica eh portabilidade e as pessoas nao se preocupam com qualidade, no entanto tem muita gente gastando muito dinheiro com fone de ouvido caro. Poxa, na loja tinha centenas de fones de ouvidos carissomos, fazendo demonstracao de qualidade, etc, o que parece que tem muita gente que se importa com a qualidade tecnica do que ouve sim.

E mesmo assim, eu nao vejo as pessoas perguntando qual o fone de ouvido o outro usa, ou querer saber quantos Ohm e dB tem o fone do outro.


C R O I X

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.843
  • Sexo: Masculino
  • Fotografo Multiformato
    • Marcio Faustino
Resposta #12 Online: 26 de Março de 2018, 06:39:22
Todo mundo me pergunta que fone de ouvido eu uso. Isso depende do meio em que a gente vive.

Faz total diferença, mais até que uma câmera ou outra, o fone/amplificador que você usa, pois sistemas de qualidade genérica simplesmente não reproduzem frequências que estão na gravação, algo como se um objeto em uma fotografia simplesmente não aparecesse.

O problema é que hoje em dia está em baixa ouvir música com qualidade, a grande maioria ouve direto na saída dos smartphones com fones genéricos.

Se quiser um fone excelente e relativamente barato (custa menos que um iphone e dura a vida toda), Shure SRH1540, ele tem resposta equivalente a outros que custam 3x mais.

E o bacana é você chamar alguém que está acostumado com fones genéricos e colocar pra ouvir um bicho desses, a primeira coisa que as pessoas fazem é abrir a boca, arregalar os olhos e geralmente perguntam algo do tipo: "quanto custa isso???".

Eu tenho amigos que sao musicos e conversam sobre essa questao tecnica de equipamento de som, mas eu nunca os vi perguntarem as demais pessoas ou entre eles qual o fone e demais equipamentos eles usam.

Sobre o que vc falou de fone bom e preco bom, eu estou muito ciente disso. Tem muita gente que compra o fone mais caro da marca que esta na moda, mas que a qualidade eh igual a de fones que bem de brinde em produtos de mercado.


Bucephalus

  • Trade Count: (1)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.059
  • Sexo: Masculino
Resposta #13 Online: 26 de Março de 2018, 06:50:06
Citar
Vc ainda nao entendeu que a questao nao eh conversar sobre equipamnto ou seobre arte, a questao eh querer saber o que o outro tem/usa.

Sobre o que mais dois fotografos vao perguntar um ao outro? A opinião deles sobre o impacto do Moholy-Nagy na cena fotografia europeia? Não, um vai perguntar ao outro qual camera ele tem.

-Vc fala que a questao da musica eh portabilidade e as pessoas nao se preocupam com qualidade, no entanto tem muita gente gastando muito dinheiro com fone de ouvido caro. Poxa, na loja tinha centenas de fones de ouvidos carissomos, fazendo demonstracao de qualidade, etc, o que parece que tem muita gente que se importa com a qualidade tecnica do que ouve sim.

Essas pessoas não compram fones de ouvido caros por conta da qualidade. Mesma coisa de quem compra produto Apple 2x mais caro que os concorrentes; eles não estão procurando qualidade.
« Última modificação: 26 de Março de 2018, 06:57:05 por Bucephalus »


C R O I X

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.843
  • Sexo: Masculino
  • Fotografo Multiformato
    • Marcio Faustino
Resposta #14 Online: 26 de Março de 2018, 07:07:52
Sobre o que mais dois fotografos vao perguntar um ao outro? A opinião deles sobre o impacto do Moholy-Nagy na cena fotografia europeia? Não, um vai perguntar ao outro qual camera ele tem.
Quer dizer que o assunto entre dois fotografos se limita a saber o que um e outro tem/usa?
Sinceramente, eu conheco muitos fotografos pessoalmente ja fazem anos, com quem ja convensei inumeras vezes sobre fotografia e tecnicidades, e jamais precisei perguntar qual a camera eles usam muitos deles tambem nunca me perguntaram. A maioria eu nao faco a menor ideia que camera eles tem. Muitos eu sei que usam Canon ou Nikon, por ja ter fotografado com eles, mas nunca reparei ou perguntei qual o modelo. Conhecimento totalmente irrelevante e desnecessario para duas pessoas interessadas em fotografia terem o que conversar.

Essas pessoas não compram fones de ouvido caros por conta da qualidade. Mesma coisa de quem compra produto Apple 2x mais caro que os concorrentes; eles não estão procurando qualidade.

Tem certeza? Na loja tinham um monte de pessoas experimentando o som de cada fone de ouvido para saberem qual a melhor qualidade e poderem comprar. Assim como eu.

E vc entao quer dizer que pessoas que compram cameras, diferente de quem compra fones de ouvido, nao compram por causa da marca da moda ou preco (ou por causa da quantidade de mp e ISO), mas sim por causa da qualidade?
« Última modificação: 26 de Março de 2018, 07:10:23 por C R O I X »