Autor Tópico: Os tempos mudam, mas nem tudo.  (Lida 664 vezes)

C R O I X

  • Trade Count: (0)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.412
  • Sexo: Masculino
  • Fotografo Multiformato
    • Marcio Faustino
Online: 19 de Fevereiro de 2019, 18:00:20
Os dinossauros da fotografia contam muitas historias interessantes. E uma delas fala da epoca em que ainda nao havia camera ou filmadora digital. Dizem que haviam alguns cineastas e fotografos que nao toleravam fotometro, e por isso preferiam fazer medida de luz e calcular exposicao fazendo varias fotos de testes, o que facilitou com o advento das fotos polaroids.

O curioso de tudo isso eh que tal metodo de se ficar fazendo fotos de testes, comparando e assim determinar qual a melhor exposicao para o a cena que vao filmar ou fotografar, na epoca do filme era coisa de profissional perfecionistas e considerados saudosistas, que nao confiavam em calculos de previsao, tinham que ver o rsultado para ter certeza que tudo iria sair exatamente como viram no teste com os proprios olhos.

Mas com surgimento das cameras digitais, tal pratica naturalmente passou a ser dos amadores, hobbistas e entusiastas, ou para as novas geracoes de fotografos que nao tinham dinheiro para comprar um fotometro (considerado entao essencial para se ter um trabalho mais profissional, ou pelo menos parecer um profissional), ou que nao sabiam como usar um.

Hoje eu aprendi que por causa das cameras hoje live view, mostrar histogram, etc, fotometro e sistemas de zonas passaram a ser coisas de saudosistas.

O curioso eh que o mundo muda, as ferramentas mudam e a maneira das pessoas usarem suas ferramentas e criarem tambem muda. Mas por mais que tantas mudancas acontecam, eh interessante perceber que o que eh considerado uma maneira moderna de se fotografar hoje, ja foi considerado uma maneira saudosista, pq eh exatamente como se fazia antes dos fotometros e sistema de zona. Ou seja, ferramentas evoluiram tecnologicamente enquanto o metodo voltou a sua estaca inicial.

Na epoca em ver resultado da foto para saber como ia ficar e fazer testes tomavam muito tempo, paciencia e dinheiro, desenvolver ferramentas e sistema que ajudasse a saber a exposicao de uma foto sem precisar ficar fazendo testes e procurando grao no filme com uma lupa para saber se estorou, foi essencial.

Hoje, ver o resultado de uma foto de teste eh tao facil, rapido e sem custo, que observar uma cena e prever os possiveis resultados de uma foto, que antes era considerado uma abilidade e destresa de fotografos experientes e apaixonados pela atividade, passou a ser considerado saudosismo desnecessario.

No final, se for mesmo para ficar entiquetando as pessoas e seus metodos com nomes, sera dificil decidir quem eh o mais saudosista.




Tempos atras houve um revival de um topico falando sobre a fotografia nao se limitar no momento do click, mas sim ela eh feita antes do click e depois do click.
https://forum.mundofotografico.com.br/index.php/topic,30537.0.html

E nessa questao entra o aspecto que comentei la, falando da visao de fotografos que olhan para suas criacoes, ferramentas e metodos de fotografar como mera necessidade tecnica, diferente de fotografos que percebem que sua forma de fotografar faz parte da expressao e criacao da foto. E eu penso que quando algum questiona uma maneira de se fazer algo como saudosismo e desnecessario, eu vejo como falta de perspectiva e compreencao que a expressao e experiencia da criacao faz parte da voz da pessoa na obra. Enquanto uns querem medidas precisas, telas e graficos para ter certeza de uma foto tecnicamente ideal, outros querem perceber, vivenciar (e pq nao?) sentir a cena fazendo parte dela, para ter uma foto expresivamente ideal.


No topico sobre fotometrar para a direita, eu comentei que por mais que o HDR possa deixar exposicoes de luzes e sombras tecnicamente ideal, fotos com sombras bem escuras e detalhes escondidos nos permite sentir mais a atmosfera da foto, sentir sua luz e seu momento.


Entender tais diferentes perspectivas eh essencial para entender que eh tolice ficar chamando outros ou metodos de saudosismo. O que eh moderno para um pode ser retrogrado para outro, depende da perspectiva que vc use.

No final das contas, determinismo deve ser tambem saudosismo.  :D


Lúzio

  • Trade Count: (1)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.767
Resposta #1 Online: 21 de Fevereiro de 2019, 08:20:35
Belíssimo texto. Vou guardar e indicar a leitura para outras pessoas quando for necessário. Pode me passar informações para eu dar o crédito correto? Grato.
« Última modificação: 21 de Fevereiro de 2019, 08:21:53 por Lúzio »
Lentes caras + câmeras caras + falta de talento é igual muito dinheiro jogado fora para mostrar status.


Elder Walker

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (8)
  • Colaborador(a)
  • *****
  • Mensagens: 3.518
  • Sexo: Masculino
    • Flickr
Resposta #2 Online: 21 de Fevereiro de 2019, 09:35:38
Muito interessante esse ponto... deve servir de paralelo para outras atividades.
Canon 5D + EF 17-40mm f/4 L + EF 50mm f/1.8 STM + EF 85mm f/1.8 USM + Yongnuo 565EX + YN-622C


C R O I X

  • Trade Count: (0)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.412
  • Sexo: Masculino
  • Fotografo Multiformato
    • Marcio Faustino
Resposta #3 Online: 21 de Fevereiro de 2019, 10:19:06
Belíssimo texto. Vou guardar e indicar a leitura para outras pessoas quando for necessário. Pode me passar informações para eu dar o crédito correto? Grato.

Muito obrigado.
Vendo a apreciacao que vc deu ao que escrevi, acho que vou colocar em meu blog.  :)

Meu nome eh Marcio Faustino, se eh isso que vc quer para o credito.


Lúzio

  • Trade Count: (1)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.767
Resposta #4 Online: 21 de Fevereiro de 2019, 11:55:29
Muito grato. Se for possível passa o seu blog. Mais uma vez parabéns pelo belo texto. Deveria até ficar fixo e em destaque aqui no fórum.
Lentes caras + câmeras caras + falta de talento é igual muito dinheiro jogado fora para mostrar status.


nandoespinosa

  • Solidário
  • Trade Count: (3)
  • Colaborador(a)
  • *
  • Mensagens: 2.443
  • Sexo: Masculino
    • Nando Espinosa Fotografia
Resposta #5 Online: 21 de Fevereiro de 2019, 13:04:40
Tempos atras houve um revival de um topico falando sobre a fotografia nao se limitar no momento do click, mas sim ela eh feita antes do click e depois do click.
https://forum.mundofotografico.com.br/index.php/topic,30537.0.html
É engraçado como a fotografia promove essa mudança de visão das coisas, né Márcio? Eu sinto essa mudança no dia-a-dia. Vendo fotos com meus olhos, mesmo sem conseguir registrá-las.

E nessa questao entra o aspecto que comentei la, falando da visao de fotografos que olhan para suas criacoes, ferramentas e metodos de fotografar como mera necessidade tecnica, diferente de fotografos que percebem que sua forma de fotografar faz parte da expressao e criacao da foto. E eu penso que quando algum questiona uma maneira de se fazer algo como saudosismo e desnecessario, eu vejo como falta de perspectiva e compreencao que a expressao e experiencia da criacao faz parte da voz da pessoa na obra. Enquanto uns querem medidas precisas, telas e graficos para ter certeza de uma foto tecnicamente ideal, outros querem perceber, vivenciar (e pq nao?) sentir a cena fazendo parte dela, para ter uma foto expresivamente ideal.
Eu cheguei a criar um tópico sobre a forma como as pessoas defendem hoje, os seus pontos de vista... Que chega a beirar a brutalidade...  :hysterical: Como se só tivesse uma forma de fazer as coisas corretamente. E como se o melhor pra mim, fosse o melhor pra todos. Sobretudo quando tratamos de uma fotografia mais artística, há que se ter liberdade de métodos, liberdade de expressão e de linguagem.

No topico sobre fotometrar para a direita, eu comentei que por mais que o HDR possa deixar exposicoes de luzes e sombras tecnicamente ideal, fotos com sombras bem escuras e detalhes escondidos nos permite sentir mais a atmosfera da foto, sentir sua luz e seu momento.
Respeito ambas as visões.. Acho que o HDR bem aplicado aumenta a amplitude da luminosidade de uma foto. Sabemos que o nosso olho enxerga muito além do que as câmeras conseguem registrar. Então, nesse sentido, ele pode até gerar uma imagem mais real do que uma foto isoladamente. Isso quer dizer que a foto será melhor? Não necessariamente.

Entender tais diferentes perspectivas eh essencial para entender que eh tolice ficar chamando outros ou metodos de saudosismo. O que eh moderno para um pode ser retrogrado para outro, depende da perspectiva que vc use.
No final das contas, determinismo deve ser tambem saudosismo.  :D
Eu usei exatamente esse termo "saudosismo" para o uso de câmeras de filme, ainda hoje em dia, em outro tópico...
Mas isso não tem uma conotação pejorativa. Até pouco tempo eu tinha uma coleção de LPs em casa.. Doei pois não os usava com a frequência que eles mereciam. Gostava de colocar um LP pra tocar, mesmo tendo o Deezer instalado no meu celular. O saudosismo é gostoso. E pode trazer um resultado bom, ótimo.
Cada um que use o que lhe convier. Cada um que faça a sua fotografia da forma que lhe agradar mais. Seja saudosista, seja tecnomaníaco. O importante é que seja você!


Ernesto

  • Mecenas
  • Trade Count: (0)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 6.240
  • Trader
Resposta #6 Online: 21 de Fevereiro de 2019, 15:28:24
Eu não conhecia essa técnica de usar Polaroids como opção a fotometria...hehhe  :ok:


Meu pai me ensinou como se fotografava sem fotômetro. Não dava para levar una Polaroid nas costas...hehe e talvez tenha sido antes dela surgir.


Me lembro que ele odiava polaroids...rsrs





Sent from my Hasselblad using Tapatalk