Autor Tópico: FLASH REBATIDO  (Lida 651 vezes)

GabiEneco

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 4
Online: 17 de Dezembro de 2020, 00:47:11
Gente seguinteee!!! Sou nova na fotografia, ja fiz alguns trabalhos mas vou fazer meu primeiro evento esse mês, com flash.. porém, nunca usei o flash!! Tô apavorada, já vi inúmeros vídeos, mas sabemos que na hora do vamo ver.. o papo é outro.

A cena é o seguinte, uma capela toda de vidro com teto de tijolo, madeira.. será as 16h da tarde, até que é iluminado, porém, nem tanto.. já visitei o local e será preciso o flash.. eu posso rebater o flash no teto mesmo sendo de madeira? Qual a lógica do flash rebatido? Tirei algumas fotos para teste em casa ficou uma PORCARIA.. SOCORRO


cheferson

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.880
  • Sexo: Masculino
  • Uma Fotografia é o Registro Exato da História!
    • Curso Completo de Fotografias para Retratos, Viagens e Paisagens
Resposta #1 Online: 17 de Dezembro de 2020, 07:18:10
Sendo o mais resumido e fácil possível: o flash é uma fonte de luz como qualquer outra.

A lógica de rebater o flash em paredes ou tetos é um pouco limitada: ela só funciona se a parede ou o teto forem brancos e a uma distância no máximo de 5 metros. Assim se o teto tem mais do que 5 metros é inútil rebater a luz do flash.

Se o teto de uma igreja for de madeira, a luz do flash que irá bater na madeira, terá a cor do objeto que está refletindo essa luz. POr exemplo se a madeira for pintada de amarelo, a luz terá a frequência do amarelo e todas as suas fotos sairão com um tom amarelo horrível.

Eu penso que é melhor usar o TTL com exposição de compensação direto mesmo com alguma difusor em cima da lãmpada do flash tipo esse:
https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-912818685-difusor-universal-de-flash-mini-softbox-pixco-nikon-canon-_JM#position=15&type=item&tracking_id=e121b25b-1290-4b85-9890-6949c3ccf584

Se seu flash não tiver TTL, dai terá que calcular a potência. Geralmente vc faz isso usando uma fotometria X (ex: usava 5.6; ISO 1600; velocidade 1-200 ) e calculava a potência do flash fazendo testes rapidos. São exemplos do que você pode fazer pra começar. Mas lembre-se não faz sentido rebater flash em vidros ou em superfícies pretas ou coloridas, só em branco que é uma cor neutra que preserva as outras cores das suas fotos.


cheferson

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.880
  • Sexo: Masculino
  • Uma Fotografia é o Registro Exato da História!
    • Curso Completo de Fotografias para Retratos, Viagens e Paisagens
Resposta #2 Online: 17 de Dezembro de 2020, 07:18:53
E sempre fotografe em RAW, sempre.


vangelismm

  • Trade Count: (7)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 8.823
  • Sexo: Masculino
    • MedinaFotografia
Resposta #3 Online: 17 de Dezembro de 2020, 08:31:28
Flash rebatido é vida rsrrs

Funciona em qualquer superfície, até parede pintada de preto reflete luz.

Difícil te ajudar sem ver as fotos que você fez.

Na madeira você vai ter um color cast avermelhado, importante fotografar em raw para corrigir a cor.

Abuse do iso alto, vai ter ajudar a deixar o flash frio.
Minha configuração base para eventos noturnos com flash rebatido é 1/160, f 2.8, iso 1.600.

Não se preocupe com distancia, você vai se surpreender como o flash rebatido funciona muito bem.
"A perspectiva de uma imagem é controlada pela distância entre a lente e o assunto; mudando a distancia focal da lente muda o tamanho da imagem , mas não altera a perspectiva . Muitos fotógrafos ignoram este fato, ou não têm conhecimento de sua importância." -  Ansel Adams, Examples – The Making of 40 Photographs


vangelismm

  • Trade Count: (7)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 8.823
  • Sexo: Masculino
    • MedinaFotografia
Resposta #4 Online: 17 de Dezembro de 2020, 08:36:42
"A perspectiva de uma imagem é controlada pela distância entre a lente e o assunto; mudando a distancia focal da lente muda o tamanho da imagem , mas não altera a perspectiva . Muitos fotógrafos ignoram este fato, ou não têm conhecimento de sua importância." -  Ansel Adams, Examples – The Making of 40 Photographs