Autor Tópico: Fotografia sem Câmera  (Lida 1007 vezes)

fabio_yamauti

  • Trade Count: (17)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.576
  • Sexo: Masculino
  • Santo André - SP
Online: 19 de Fevereiro de 2007, 11:57:27
Achei bacana este texto do Marco Terranova. Muitas vezes presenciei eventos em que pensei "Caramba, isso daria uma excelente foto!" e estava sem câmera.

Fotografia sem Câmera (Marco Terranova)

“Você não precisa andar 24 horas com a câmera. Eu conheço fotógrafos que andam, mas eu não ando. Para ser um bom fotógrafo não precisa estar com a câmera na mão. Se você está dirigindo e acontece uma foto, nem por isso você deixa de ser um bom fotógrafo, porque você viu a foto. Você não precisa procurar sempre a coisa negativa da sociedade ou a coisa positiva para tirar uma foto, você tem que perceber o momento porque ele está sendo passado pelo olhar também. É muito bacana quando você pára no sinal e percebe em um breve momento que um casal de namorados se olhou no olho e sorriu, tem coisa mais linda do que isso? Isso é uma foto! Você não precisa fazer essa foto para percebê-la. Se você faz até invade a privacidade, é muito mais importante ter a capacidade de ver que o mundo acontece”.  
Fotografia Karatê Ecoturismo Geocaching


MateusZF

  • Trade Count: (1)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.418
  • Sexo: Masculino
  • Você vê o mundo com a sua lente interior.
Resposta #1 Online: 19 de Fevereiro de 2007, 12:51:10
Citar
Achei bacana este texto do Marco Terranova. Muitas vezes presenciei eventos em que pensei "Caramba, isso daria uma excelente foto!" e estava sem câmera.

Fotografia sem Câmera (Marco Terranova)

“Você não precisa andar 24 horas com a câmera. Eu conheço fotógrafos que andam, mas eu não ando. Para ser um bom fotógrafo não precisa estar com a câmera na mão. Se você está dirigindo e acontece uma foto, nem por isso você deixa de ser um bom fotógrafo, porque você viu a foto. Você não precisa procurar sempre a coisa negativa da sociedade ou a coisa positiva para tirar uma foto, você tem que perceber o momento porque ele está sendo passado pelo olhar também. É muito bacana quando você pára no sinal e percebe em um breve momento que um casal de namorados se olhou no olho e sorriu, tem coisa mais linda do que isso? Isso é uma foto! Você não precisa fazer essa foto para percebê-la. Se você faz até invade a privacidade, é muito mais importante ter a capacidade de ver que o mundo acontece”.
Mas se vc não está com a câmera naquele momento, DA UMA RAIVA, rsss
E quando a gente leva a camera, nada acontece...rsss Murph explica..
abraços
legal mesmo
Minha máquina fotográfica e prolongamento natural do meu braço.
Foto é algo que depende de uma certa visão... De quem fotografa, de quem vê e de quem interpreta...

www.ribeiraopreto.sp.gov.br
http://www.meadiciona.com/mateuszf


fabio_yamauti

  • Trade Count: (17)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.576
  • Sexo: Masculino
  • Santo André - SP
Resposta #2 Online: 19 de Fevereiro de 2007, 12:59:41
"Da uma raiva" mas pelo menos você viu e reconheceu a potencial fotografia  :thmbup:
Muitos nem se dão conta do que se passa à sua volta...

Abraços,
Fabio
Fotografia Karatê Ecoturismo Geocaching


Braga.SP

  • Trade Count: (14)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.858
  • Sexo: Masculino
Resposta #3 Online: 19 de Fevereiro de 2007, 13:35:28
É bem legal isso. A fotografia não está na câmera, ela está dentro da gente, nos olhos, na mente, na alma.

Sabe aquela coisa de você ir à aula e só aprender de fato quando faz os exercícios. Pois é, fotografia também é um exercício constante. Você a pratica mesmo sem ter o equipamento nas mãos. Puts, mas não tê-la naquela momento é mesmo uma agonia.

A boa foto é mais ou menos assim: o homem certo (entenda-se, Ser Humano), no lugar certo e, na hora certa. Mas de que adianta tudo isso sem a danada da máquina.

Bem, o olhar atento ajuda e muito no desenvolvimento da técnica, da linguagem, do estilo, enfim, o olhar atento tem de fazer parte do dia-a-dia do fotógrafo.

Acho que é isso.
-22.352971,-48.775582


RFP

  • Colunista
  • Trade Count: (2)
  • Membro Ativo
  • *****
  • Mensagens: 629
  • Sexo: Masculino
Resposta #4 Online: 19 de Fevereiro de 2007, 16:58:39
Quando costumava querer fotografar tudo que eu via pela frente, minha esposa sempre me alertava: não dá pra fotografar bem se você, antes de se preocupar com a foto, não ver a coisa com seus próprios olhos, não ver a situação e viver dentro dela.

Desde então passo um bom tempo fotografando sem câmera, pensando em projetos, elaborando "fotos mentais" e tentando perceber o que vale a pena ser clicado. Como conseqüência, tendo a fotografar pessoas e locais que eu conheço, com os quais me sinto à vontade e têm alguma importância para mim.

A câmera invade a privacidade, como o texto diz. E mais, colocar a câmera entre si e uma cena "fotogênica" pode até ser agressivo ou tirar a capacidade que temos de perceber o mundo como ele é, acontecendo, e não apenas como uma foto. A Sontag aborda isso no "Sobre Fotografia", colocando que a câmera por vezes funciona como um escudo contra o desconhecido, o diferente, aquilo com o que não sabemos lidar.


Eduardo Proença

  • Trade Count: (9)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.300
    • http://www.olhares.com/edup90
Resposta #5 Online: 20 de Fevereiro de 2007, 11:40:10
Ultimamente ando na rua praticamente todo tempo procurando fotos...  :doh:
Mesmo sem levar a câmera....  :thmbup:  
Eduardo Proença - Rio de Janeiro
Meu Flickr


michel_caetano

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 487
  • Sexo: Masculino
  • apertador de botão?!!! NÃO
Resposta #6 Online: 21 de Fevereiro de 2007, 11:47:08
Fábio,

Parabéns pelo tema do tópico.

O assunto é realmente interessante e já passei por isso.

Logo que ganhei minha primeira câmera, queria fotografar tudo o que via. Com o passar do tempo e com a grana curta (não tinha $$ pra comprar filmes e revelar), comecei a planejar mais as fotos, via uma situação e já imaginava que lente, abertura, diafragma e enquadramento usaria. Modestia a parte melhorei muito.

Com a tecnologia DIGITAL, hoje é muito comum esquecer o dedo no botão de disparo.

Quem já fotografou com FILME, negativo e cromo, sabe a importância de planejar a foto.

fotografe com digital, como se tivesse com filme.


 
quem tem que ser profissional é o cara que está atrás da câmera!!


Marcos Henrique

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 430
  • Sexo: Masculino
Resposta #7 Online: 21 de Fevereiro de 2007, 15:32:46
Entretanto, é válido destacar que, se apenas observamos, fazendo uma foto mental, é algo que fica só para nós e acabou-se, diferente de fotografar o momento e poder rever, exibir a outras pessoas, etc.
Mas é um ótimo exercício.


Segatto

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 153
Resposta #8 Online: 22 de Fevereiro de 2007, 23:06:54
Podem até não acreditar, mas lendo um livro (Canaã) involuntário imaginei uma boa foto, numa cena formada em minha mente!
Não sei se já imaginei isto em outras vezes, pois só percebi por ter lido este poste dias antes, então quando percebi parei e pensei na loucura. (acho que tenho que diminuir os clicks, Risos).

Abraços e agora vou ver se faço isto nos meus sonhos, brincadeirinha!
Até
« Última modificação: 22 de Fevereiro de 2007, 23:08:03 por Segatto »
Eduardo B. Segatto
Ibiraçu - ES
Fuji S5200 - Nikon D60
=http://www.flickr.com/photos/dudusegatto/[/b][/font]


Marlon-jp

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 46
    • http://pt.trekearth.com/members/Marlon-2007/
Resposta #9 Online: 23 de Fevereiro de 2007, 09:18:09
Gostei muito deste assunto pois também registrei várias cenas com minhas lentes oculares e na hora eu imaginava fotografando aquilo e isso marca muito, para mim na maioria das vezes aquelas cenas que eu gostaria de ter fotografado, hoje elas fazem parte da minha vida em lebranças, vira e mexe eu me pego lembrados de alguns desses momentos!

Obs: Ainda penso: "Ah! Se eu estivesse com minha menina em mão!" rs

Um abraço à todos!
[size=9]Marlon Pereira - Japão[/size]
[size=9]Nikon D200[/size]

http://profile.imageshack.us/user/marlonpereira


BACAMARTE

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 430
Resposta #10 Online: 23 de Fevereiro de 2007, 22:03:33
Muito bacana este tópico. Eu tenho uma coisa a dizer também: minha paixão pela fotografia, que cresce mais a cada dia, começou de fato a partir do momento em que meu amado pai morreu. Por que digo isso? Eu tenho muito poucas fotos dele em vida, pois nunca houve o hábito em minha família de fotografarmos os enventos. Então, praticamente todos os momentos de minha vida em família estão gravados em minha memória, no que tange ao convívio com meu pai. Só há uma foto minha com ele, e é antiga, datada da noite de minha formatura, com ele ao meu lado segurando meu diploma e feliz da vida, como nunca.
Após ele morrer, percebi o quanto eu poder :bye1: ia ter feito com ele em termos de fotografia, pois eu tinha uma máquina vagabundinha, mas que de qualquer forma eu não usava. Então, passei a montar um equipamento legal mesmo para fotografar bastante, e atualmente curto muito isso, em fotos, tal como minha mãe, amigos, pessoas afins. É isso aí: foto mental é legal, e de meu pai, tenho muitas, mas como eu gostaria de ter centenas de momentos com ele gravador em um álbum para poder sempre conversar com seu sorriso, detalhes dos olhos, fios de cabelos brancos, por vezes semblantes tristes e misteriosos e tudo gravado no momento exato em que a máquina clicou. Fotografia é isso, a eternidade da vida, uma máquina que faz o momento transcender.
Por essas e outras, a cada dia que passa eu me apaixono mais por esta  :bye1: arte e com o tempo seria bom.
Lindo post esse, e parabéns a quem o iniciou.


Sheila Shel

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 85
    • http://www.flickr.com/people/17171446@N00/
Resposta #11 Online: 23 de Fevereiro de 2007, 23:12:05
...de uma sensibilidade impressionante.
muito bom