Autor Tópico: Utilização de Flash  (Lida 1068 vezes)

Silverhawk

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 12
    • http://
Online: 03 de Abril de 2007, 13:28:57
Pessoal,
Tenho uma Rebel Digital e recentemente adquiri um flash 580 da Canon.
Gosto de tirar fotos no modo manual e sem o flash me dou bem, porém tenho encontrado bastante dificuldade em obter o resultado (de luminosidade) desejado quando estou utilizando o flash. Normalmente uso a camera em manual e o flash em automático, tenho noções de utilização do flash (direto, rebatido, preenchimento), mas ainda não cheguei em um acordo sobre como ajustar a camera (velocidade/abertura) e obter uma boa iluminação.

desde já agradeço a colaboração
Diógenes Mantovi
São Paulo - SP
Canon EOS 300D + EF-S 17-55 f2.8 IS + Flash 580EX


marcinho

  • Trade Count: (4)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 90
  • Sexo: Masculino
Resposta #1 Online: 03 de Abril de 2007, 15:20:47
Ih.. Meu camarada.. Esse post me interessa .,,.
Vou ficar de olho..
Abs
 


ALEX_SP

  • Trade Count: (3)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 129
Resposta #2 Online: 03 de Abril de 2007, 16:56:53
A mim tb interessa.... tenho uma XT e um flash Sigma. Me parece que o sistema de medicao de flash da Canon deixa propositalmente as fotos sub-expostas...

Abraço,

Alex
ALEX SP
------------------------------------------------------------------------
Canon Rebel T3i
Lentes EF-S 18-55mm 4.5-5.6 IS  + + EF-S 15-85mm 3.5-5.6 IS  + EF 70-200mm 4.0 L

Flash Canon 430 EX

Panasonic LUMIX LX-5


kiran

  • Trade Count: (16)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 633
  • Sexo: Masculino
    • PROFISSIONAL
Resposta #3 Online: 09 de Abril de 2007, 13:05:38
posta umas fotos pra poder entender quais são as dificuldades.
a única formula mágica pra todas as situações se chama TTL, mas
para modo manual, que eu saiba não existe solução padrão,
tem que analizar o q vc não gosta e procurar uma solução.
 :denken:  


rafaelfrota

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 254
  • Sexo: Masculino
  • "Toda a arte é absolutamente inútil" (O. Wilde)
    • http://www.rafaelfrota.com
Resposta #4 Online: 09 de Abril de 2007, 16:47:45
Opa...mt me interessa tb
Acho que todo o mistério da fotografia reside no fato de saber usar bem o conjunto obturador x diafragma.  O pessoal poderia reunir umas dicas de como combinar esses 2 elementos pra obter tal resultado.
Acho que essa prática ajuda muito pessoas como eu, que estao começando e nao entendem lascas disso.


Juliano_Ramos

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 143
    • http://
Resposta #5 Online: 09 de Abril de 2007, 17:07:50
Não tem formula mágica...

A dica é usar o flash SEMPRE rebatido em algum local...e procurar SEMPRE evitar de direcionar ele diretamente para o assunto...

Após fazer 1 foto com ele rebatido, avalie como ficou a luz...sê ficou com alguma área muito forte (estourada) diminua 1 ponto direto no flash....ou aumente para iluminar mais...

Lembrem-se que ao usar em TTL ele irá fazer a medição e procurar 'enviar' a luz necessária...mas a maioria dos flash citados aqui, após bater a foto, mostra por alguns segundo no LCD do próprio, qual seria a exposição correta...atentem para isto...

Flash externo é excelente gente...façam testes e explorem ele...

 
############
Juliano Ramos
Nikon
Fotos no Flickr
SulFotoClube
############


Pacheco

  • Trade Count: (1)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 489
Resposta #6 Online: 17 de Abril de 2007, 21:09:15
Tenho uma nikon D70s com flash sb800, como o Alex_SP falou acima, todas as minhas fotos no inicio saiam subexpostas, isto com o flash em modo ttl e a camera em P, tive que testar pra caramba para achar um resultado que me agradace, e foi o seguinte, sempre uso o flash em ttl, câmera em manual ou P, e o flash sempre com +1 ponto de compensação de exposição. Só assim as fotos me agradam. Espero ter ajudado.
Abraços
Canon eos 60D + 18-135mm + 50mm 1.8 + 2YN 560 + YN568EX + Vivitar 285 + Sony nex F3 + um monte de tranqueiras relacionadas à fotografia.



Adeilson

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 42
  • Sexo: Masculino
Resposta #7 Online: 21 de Abril de 2007, 23:37:36
Bem..vou falar de um ponto que até agora ninguém falou...

Sobre obturador:

Em minhas fotos uso a camera no M, e procuro trabalhar com a maior abertura do
obturador e baixa velocidade, sendo assim vou ter qualidade de iluminação e um segundo plano totalmente iluminado..


é claro que também uso dois flash.

 
Adeilson Chagas Art e Imagem Fotografias


MILTON GONÇALVES

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 71
  • Sexo: Masculino
  • D7100 sb910 sigma 18 70 2.8 70 200 2.8
Resposta #8 Online: 27 de Abril de 2007, 02:54:11
hola também gostaría de saber algo sob flash,  


Renê

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 10
  • Sexo: Masculino
    • http://www.rmphotos.com.br
Resposta #9 Online: 27 de Abril de 2007, 18:18:53
Com o flash em ttl é avaliado as condições de luz do ambiente e o flash vai mandar a quantidade necessária de luz para COMPLETAR a correta exposição. qualquer contraluz que invada a lente vai dar uma leitura errada no fotômetro, o flash manda menos luz que o necessário uma boa opção é utilizar em automático e compensar ou no flash ou na máquina, aqui o ideal é fazer testes.
Gosto do flash rebatido, dá uma luz suave e com textura, porém o problema é quando não se tem uma parede ou teto branco ou estão longe. quando não é branco, a luz que retorna é colorida pelo tom da parede/teto. Um rebatedor no flash ajuda mas não impede a infiltração de cor das paredes/teto.
Uma solução que utilizo com frequência é máquina em manual, flash no ttl com medição pontual (no ponto de cor mais neutra da foto) e velocidades de obturador baixa. Normalmente se fotografa a noite festas, reuniões familiares etc. São situações que velocidades como 1/30s pode se fazer com a máquina na mão com objetivas curtas (até 100mm de distância focal em filme 35mm  equivalente a mais ou menos 70mm com crop de 1,5 em digital). Nestas situações, no momento do "disparo" segure a respiração para não tremer.
Com a baixa velocidade permite que a luz ambiente também sensibilize a película/sensor sem estourar.
Mas o melhor mesmo é fazer testes até chagar ao que você procura