Autor Tópico: Fundo negro e sombras  (Lida 2957 vezes)

rafaelfrota

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 254
  • Sexo: Masculino
  • "Toda a arte é absolutamente inútil" (O. Wilde)
    • http://www.rafaelfrota.com
Online: 07 de Junho de 2007, 20:40:10
Olá amigos

Estou preparando um ensaio de nu (que não é nada sério, é só um estudo) onde vou trabalhar com bastante sombra interferindo na modelo, assim como nessas fotos:

http://fc01.deviantart.com/fs12/i/2006/268..._by_Elena21.jpg
http://www.marciabellotti.com/Shout,%20bab...t/imagens/2.jpg

Vai ser um ensaio simples, em estudio caseiro,com materiais improvisados. Estarei usando 2 refletores hológenos de 500w, lisolene pra usar como difusor e uma chapa de isopor pra usar de rebatedor. Claro, um pano preto esticado como fundo.
Gostaria de uma dica desta galera embasada dos procedimentos para obter uma uniformidade no preto chapado no fundo e na modelo, para que nao apareça um fundo levemente iluminado.
Outra questão importante é saber se esse contraste do preto chapado é algo absolutamente resolvido na câmera ou sempre haverá a intervenção do processo de revelação (neste caso, nosso querido photoshop).
Toda a dica é bem-vinda: set-ups de iluminação, valores de abertura/velocidade, dicas, truques, etc.

Valeu, gente!
 


Aloha!!!

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 112
Resposta #1 Online: 07 de Junho de 2007, 21:49:56
Bom tu precisa isolar o fundo pra que nao entre luz.
Fotografe num ambiente bem escuro iluminando e desenhado apenas com a lux na modelo.
Ricardo


Ana Adams

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.653
  • Sexo: Feminino
    • http://www.anaadams.com
Resposta #2 Online: 07 de Junho de 2007, 21:58:28
Oi Rafael,

prá vc reproduzir o estilo dessas duas fotos que vc postou, vai precisar de apenas uma luz, sem rebatedores e muito provavelmente sem difusor nenhum tb. Veja que nelas só há contorno onde a luz bate. Se vc rebater do lado oposto da modelo, ou se usar mais de uma fonte de luz, não vai conseguir o preto. Vc vai trabalhar com fotômetro? Procure uma diferença de 5 pontos entre a exposição conseguida na parte mais iluminada do corpo, e na parte menos iluminada , o fundo.
Tb, muito importante, quanto mais a modelo estiver longe do fundo, melhor. Tem como direcionar a luz? Algum elemento que vc pode usar prá evitar luz vazando pelo set, tipo um grid, ou até mesmo fechar a luz entre 4 " papelões" pretos ou algo parecido, de modo que só saia luz na direção que vc quer.
Quanto `a posição da luz, estude o rosto dela, o lado que vc quer favorecer, cuidado com sombras feias de nariz e olhos, brinque um pouco antes de determinar onde vai colocar a luz em relação `a modelo. Grandes chances que vc vai achar um ponto lateral, onde a luz esconda mais do que revele.
E uns extras : música, brincadeira, mostre como está indo o trabalho prá ela tb poder se estudar, e, dependendo de onde vc estiver, não esquece o aquecedor e um conhaque prá ela !!!!
Boa sorte,
poste as fotos aqui depois, se a sua modelo topar, ok?
()s
GuiGui


joseazevedo

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 588
  • Sexo: Masculino
    • http://www.flickr.com/photos/jerazevedo/
Resposta #3 Online: 08 de Junho de 2007, 10:38:31
Você vai usar filme ou digital?


rafaelfrota

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 254
  • Sexo: Masculino
  • "Toda a arte é absolutamente inútil" (O. Wilde)
    • http://www.rafaelfrota.com
Resposta #4 Online: 08 de Junho de 2007, 15:54:03
GuiGui
Valeu mesmo...absolutamenteb tudo anotado...jah consegui aki um esquema de iluminação que vai ser bastante útil

José
Vai ser filme...mas vou contar uma coisa, embora tenha um pouco de vergonha.  A maior parte vai ser tirada numa pont and shoot da sony. Não vai ser por acaso...ultimamente tenho me entretido com os equipamentos alternativos e a suas limitações. É uma brincadeira séria que pode resultar num projeto legal que to desenvolvendo. Mas também vou tentar fazer filme, porque quero aprender tb a fotografar como gente...hahahaha

Aliás, será que uma fonte halogena de 500 vai dar resultado?

Valeu gente


joseazevedo

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 588
  • Sexo: Masculino
    • http://www.flickr.com/photos/jerazevedo/
Resposta #5 Online: 11 de Junho de 2007, 08:49:46
Citar
José
Vai ser filme...mas vou contar uma coisa, embora tenha um pouco de vergonha.  A maior parte vai ser tirada numa pont and shoot da sony. Não vai ser por acaso...ultimamente tenho me entretido com os equipamentos alternativos e a suas limitações. É uma brincadeira séria que pode resultar num projeto legal que to desenvolvendo. Mas também vou tentar fazer filme, porque quero aprender tb a fotografar como gente...hahahaha

Aliás, será que uma fonte halogena de 500 vai dar resultado?

Valeu gente
Oi Rafael,


não tenha vergonha de fazer experiências! Sempre fiz muita e a maioria de certo, mesmo ficando fora de foco ou tremida. Acho que é preciso, fotografia está longe de ser teste de lente, com tudo nítido, tecnicamente certinho. As minhas fotos que mais curto, pelo menos, não são as melhores tecnicamente falando.

Acho que 500 watts para esse tipo de foto é até muito, afinal a idéia é ter a sombra chapada, não? Para chegar nisso a minha sugestão é que você fotometre apenas pela parte iluminada da modelo. Dê uma checada na parte de sombra do corpo e veja que está com, pelo menos uns 4 pontos de diferença.

Quanto mais próxima a luz estiver da modelo, mais forte ela será. Por isso, nem sempre uma luz super potente é necessária. Essas imagens foram feitas só com a luz de modelagem (normal, de tungstênio, com uns 100/150 watts no máximo) em uma sombrinha acima da modelo. A câmera estava na mão, as velocidades foram todas relativamente baixas (menos de 1/60):
http://www.usefilm.com/image/535082.html
http://www.usefilm.com/image/488953.html
http://www.usefilm.com/image/487175.html
http://www.usefilm.com/image/460875.html

Assim, quanto mais afastada a luz, menor a sua intensidade. Quanto mais afastado o fundo da luz, mais escuro ele ficará - e ele nem precisa ser 100% preto. É mais importante ter controle da direção da luz do que potência, acho.

É importante ver que a luz chegue de forma uniforme na modelo - se ficar muito próxima do ombro, ele poderá ficar mais claro que as pernas, por exemplo.

Já que você vai usar filme PB imagino, experimente com fontes de luz diferentes pois cada uma delas tem uma cor de luz diferente e o filme as capta de forma diferente também.

Subexponha meio ponto ou mesmo 1 ponto, baseado na leitura da parte iluminada da modelo. Se essa point and shoot da Sony (digital, certo?) permitir, faça essa compensação também para os escuros ficarem mais fortes.

Boa sorte, depois coloque algumas imagens pra gente ver no que deu, ok?

Abraços,

José Azevedo


rafaelfrota

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 254
  • Sexo: Masculino
  • "Toda a arte é absolutamente inútil" (O. Wilde)
    • http://www.rafaelfrota.com
Resposta #6 Online: 12 de Junho de 2007, 02:23:04
Brother, como sempre vc arrebentando no melhor estilo "POST-WORKSHOP"...
Peguei bem o sentido amplo da cpoisa..sóq uero esmiuçar algumas coisinhas

"Para chegar nisso a minha sugestão é que você fotometre apenas pela parte iluminada da modelo. Dê uma checada na parte de sombra do corpo e veja que está com, pelo menos uns 4 pontos de diferença."

Você tem como dar um daqueles seus exemplos práticos? Eles sempre solucionam minhas duvidas, até pq nao entendi bem como se faz essa comparação de 4 pontos.

"Por isso, nem sempre uma luz super potente é necessária. Essas imagens foram feitas só com a luz de modelagem (normal, de tungstênio, com uns 100/150 watts no máximo) em uma sombrinha acima da modelo"

Como a point-and-shoot é automatica, ela jogaria automaticamente pra iso 100 nessa condição de iluminação. Se eu diminuir o ISO pra 100 ela vai me dar sempre uma velocidade de 1s e aí eu acabo me prendendo ao tripé.  Ainda nao consegui uma forma de enganar a maquina nesse ponto

Fora isso, só to fechando com o lugar que vou usar pra fotografar e tento mostrar aqui pra vcs

ps: Lindas as suas fotos...dei uma olhada no album e fiquei impressionado com os resultados tipo "cross processing" de algumas delas. A da sua mãe, se nao me engano, nossa é um encanto tb.  Será que um dia o photoshop (ou o photoshoper aqui..rs) vai emular com naturalidade essas caracteristicas?


Abraços meu véio..e mt obrigado!


joseazevedo

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 588
  • Sexo: Masculino
    • http://www.flickr.com/photos/jerazevedo/
Resposta #7 Online: 12 de Junho de 2007, 11:43:29
Citar
Brother, como sempre vc arrebentando no melhor estilo "POST-WORKSHOP"...
Peguei bem o sentido amplo da cpoisa..sóq uero esmiuçar algumas coisinhas

"Para chegar nisso a minha sugestão é que você fotometre apenas pela parte iluminada da modelo. Dê uma checada na parte de sombra do corpo e veja que está com, pelo menos uns 4 pontos de diferença."

Você tem como dar um daqueles seus exemplos práticos? Eles sempre solucionam minhas duvidas, até pq nao entendi bem como se faz essa comparação de 4 pontos.

"Por isso, nem sempre uma luz super potente é necessária. Essas imagens foram feitas só com a luz de modelagem (normal, de tungstênio, com uns 100/150 watts no máximo) em uma sombrinha acima da modelo"

Como a point-and-shoot é automatica, ela jogaria automaticamente pra iso 100 nessa condição de iluminação. Se eu diminuir o ISO pra 100 ela vai me dar sempre uma velocidade de 1s e aí eu acabo me prendendo ao tripé.  Ainda nao consegui uma forma de enganar a maquina nesse ponto

Fora isso, só to fechando com o lugar que vou usar pra fotografar e tento mostrar aqui pra vcs

ps: Lindas as suas fotos...dei uma olhada no album e fiquei impressionado com os resultados tipo "cross processing" de algumas delas. A da sua mãe, se nao me engano, nossa é um encanto tb.  Será que um dia o photoshop (ou o photoshoper aqui..rs) vai emular com naturalidade essas caracteristicas?


Abraços meu véio..e mt obrigado!
Oi Rafael,

obrigado pelos elogios. Que bom que as dicas têm sido úteis. Um dia, quem sabe, junto um monte delas num livro pra ficar mais fácil tirar dúvidas, o que você acha?

"como se faz essa comparação de 4 pontos."

Chama-se de "ponto" a diferença entre uma velocidade ou uma abertura "cheias", seja para mais ou para menos:

- Exemplos de velocidade (sem mexer na abertura): de 250 para 500 a diferença é um ponto. De 250 para 1000 é dois pontos e assim por diante, sem se mexer na abertura.

- Exemplos de abertura (sem mexer na velocidade): de 5.6 para 4 a diferença é um ponto, de 5.6 para 2.8 é dois pontos, de 5.6 para 2 é três pontos e assim por diante, desde que não se mexa na velocidade.

Atualmente as máquinas eletrônicas produzem velocidades e aberturas fracionadas, tipo 1/320 ou f/4.8. Nesses casos, é mais prático se usar a compensação de exposição da máquina do que ficar calculando valores fracionados.

Uma diferença de um ponto para mais - de 250 para 125, por exemplo - significa que você está permitindo a entrada do dobro de luz. Para menos - 250 para 500 - passa só a metade.

Agora, olhe a primeira foto que você colocou de referência. O fotógrafo deve ter fotometrado pelo ombro ou pelo pescoço dela, que são as partes onde a luz está mais intensa. Vamos dizer que ali tenha dado f/4, 1/125. Como os fotômetros fazem medição da cena para 18% de preto, ele já estaria reduzindo o brilho - parte mais clara da cena - e, com isso, deixando os escuros mais densos. Para se certificar de que os escuros estariam bem densos, fotometrando a barriga da modelo a medição deveria ser, no máximo, f/4, 1/8 - quatro pontos a menos, sendo uma área com quatro vezes menos luz que a primeira área fotometrada.

"Como a point-and-shoot é automatica, ela jogaria automaticamente pra iso 100 nessa condição de iluminação. Se eu diminuir o ISO pra 100 ela vai me dar sempre uma velocidade de 1s e aí eu acabo me prendendo ao tripé.  Ainda nao consegui uma forma de enganar a maquina nesse ponto"

Aí é uma limitação de equipamento. Ela não tem NENHUM ajuste manual? ISO, compensação de exposição (EV + - )? Até minha Canon S100 velhinha tem. Bom, se a sua não tiver o negócio é fazer experiências usando os modos pré programados. Alguns  favorecem velocidade e ISO maiores e grande abertura para se congelar movimentos, outros já são o contrário. Eu sugiro que você faça testes em casa mesmo, com uma lâmpada normal, para saber o que usar na hora com a modelo. Lembre que com essas point and shoot, no zoom maior, a abertura da lente é mais fechada, a velocidade mais baixa, e no zoom mais aberto, a abertura da lente é maior, mais luminosa, permitindo uma velocidade maior.

O ideal mesmo seria uma máquina manual, mas nem sempredá, né.

Legal que você curtiu minhas fotos, eu gosto de fazer umas experiências de vez em quando. Cross processing em filme fica muito interessante. Os que eu fiz até hoje foram slide em revelação de filme, ainda vou fazer o contrário, filme em revelação de slide. O efeito é bem diferente, pretendo fazer umas experiências para ver o resultado que eu prefiro.

A foto da minha mãe que você fala é uma das primeiras ali, onde ela está olhando para trás, no banco da frente do carro? Essa foto deve ter mais de trinta anos, deve ter sido feita com aquelas Kodak antiguinhas. Foi por aí que eu comecei a tomar gosto pela fotografia. Para chegar naquele resultado, hoje, acho que depende mais da foto original do que de Photoshop. Quando você tem uma idéia, quanto mais próximo dela você conseguir chegar sem trucagens, mais fácil será chegar nela. É bem óbvio isso, mas a grande maioria prefere passar horas no Photoshop depois do que uma hora preparando tudo antes. Dá menos trabalho, hehehehe...

Abração,

José Azevedo


rafaelfrota

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 254
  • Sexo: Masculino
  • "Toda a arte é absolutamente inútil" (O. Wilde)
    • http://www.rafaelfrota.com
Resposta #8 Online: 13 de Junho de 2007, 00:47:18
fala José

Estou eu aqui aplaudindo sua resposta. Simplesmente perfeita...
Vê se nao papa mosca e faz um livro mesmo. O meu jah pode deixar reservado!

"Ela não tem NENHUM ajuste manual? ISO, compensação de exposição (EV + - )?"

Ela tem aquelas coisas basicas...dá pra setar o ISO em 100, 200 400, tem EV de 3 pontos, presets de balanço de branco..akela coisa básica. Eu vou experimentar alguns modos com calma, mas sempre o diabo da velocidade acaba chegando a 1s, a nao ser que eu use a camera toda eu automatico com iso em 400, mas às vezes o ruido é insuportavel, ainda mais depois de dar uma ajeitada no contraste e na nitidez no Photoshop. Ela em situação de pouca luz é bem questionável...tenho tempre que usar tripé.

"Quando você tem uma idéia, quanto mais próximo dela você conseguir chegar sem trucagens, mais fácil será chegar nela"

Pois é...eu nao sei pq mas eu sou absolutamente fascinado por aquelas fotos antigas, aqueles tons, aquela captação...nao sei se hj em dia seria possivel, com ou sem trucagens, chegar naquele resultado sem ficar forçado. É como o efeito daquelas filmadoras antigas dos anos 70 (esqueci o nome). Igual a ela, só ela mesmo.

No mais, parabéns cara...pela teoria e pela prática!