Autor Tópico: Amplitude Tonal !!  (Lida 1991 vezes)

Clay Aubim

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 41
Online: 29 de Julho de 2007, 12:50:24
Salve galera! tenho fotografado algumas igrejas num horário perto do por do sol e pouco depois, gostaria de seber como eu faço para conseguir captar os detalhes do céu que quase sempre está bem claro e sem nuvens, li algumas coisas sobre amplitude tonal, mas, não entendi muito bem a relacão entre exposição e os tons dos detalhes que quero registrar, se algéum puder me ajudar agradeço muito, valeu e um bom dia a todos !!!!  


Leo Terra

  • SysOp
  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.744
  • Sexo: Masculino
  • “Deus disse: 'Haja luz'. E houve luz.” (Gen 1,3)
    • http://www.leoterra.com.br
Resposta #1 Online: 29 de Julho de 2007, 16:30:52
Devido aos contrastes proporcionados nestas condições pode ser difícil conseguir imagens das igrejas e do céu, existem uma infinidades de técnicas para conseguir resultados (muitas delas tratadas no curso fotografia avançada em www.teiadoconhecimento.com), mas acredito que para o seu caso a melhor opção seja o uso do HDR.
Leo Terra

CURSOS DE FOTOGRAFIA: www.teiadoconhecimento.com



ATENÇÃO: NÃO RESPONDO DÚVIDAS EM PRIVATIVO. USEM O ESPAÇO PÚBLICO PARA TAL.
PARA DÚVIDAS SOBRE O FÓRUM LEIA O FAQ.


Francisco

  • Trade Count: (5)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.550
Resposta #2 Online: 30 de Julho de 2007, 14:43:28
Clay, pôr-do-sol é complicado. Se você quer uma foto de igreja emoldurada com um céu azul, você deveria procurar fotografá-la no meio da manhã ou no meio da tarde. Nesses horários, a iluminação natural não está tão dura como ao meio dia nem tão esmaecida como ao nascer/pôr-do-sol. O pôr-do-sol é uma boa oportunidade de você obter silhuetas (ou seja, capturar, apenas o contorno da igreja com o sol se pondo ao fundo).

Se o seu problema é que você tira fotos durante a tarde/manhã e o céu sempre fica branco ao invés de azul, existem várias causas:

- Sua câmera tem uma latitude restrita, ou seja, não consegue reter detalhes nas sombras e nas altas luzes simultaneamente. Isso é comum em câmeras compactas e em muitas DSLRs (embora nas últimas o problema costume ser menor);

- Você fez uma fotometria que privilegiou só a igreja: geralmente (exceto quando se quer propositalmente produzir um efeito), a fotometria não pode ser muito céu nem muito terra. Se o o fotômetro indicar F8 para o céu e F4 para a igreja, ajustar o diafragma para F5.6 (meio termo entre os dois pontos), pode ser uma boa.

Soluções:

- uso do HDR, que é uma forma de expandir o dynamic range de uma imagem fazendo duas ou mais fotos da mesma cena, cada uma com tempos de exposição diferentes, mas cuidado para não se emocionar muito e dar um aspecto irreal à foto.

- aquisição de uma câmera digital melhor.

- fazer o curso do Leo Terra :P

- experimentar essas dicas e procurar outras no fórum...




 
Francisco Amorim
Porto Alegre - RS
2x Canon F1 Old, AE1; Pentax MX, K100D; Fuji Finepix f10; Panasonic LX3


Clay Aubim

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 41
Resposta #3 Online: 05 de Agosto de 2007, 14:28:54
Valeu léo, valeu Francisco as dicas foram d+ vou usa-las sempre que for necessário!!!