Autor Tópico: Arquivamento de imagens  (Lida 1221 vezes)

wdantas

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.183
  • Sexo: Masculino
    • WDantas Fotogaleria
Online: 28 de Janeiro de 2008, 19:53:02
Amigos quem pode me informar qual o melhor e mais prático software para arquivamento de fotos?
Me indicaram o IView Media Pro. Alguém aqui do fórum usa ele?
« Última modificação: 28 de Janeiro de 2008, 19:54:04 por wdantas »


Ana Adams

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.653
  • Sexo: Feminino
    • http://www.anaadams.com
Resposta #1 Online: 28 de Janeiro de 2008, 20:45:31
Oi wdantas,

Eu cheguei a usar o iView Media Pro mas achei um pouco sofisticado demais para o meu tipo de uso.
Hoje catalogo minhas fotos " manualmente" . Pelo Lightroom, que uso muito, dá prá fazer quase tudo `a respeito de keywords e organização, e não tenho sentido falta de nenhum outro software. Tem que ficar de olho e ser muito organizado em relação `a backup e onde vc guarda suas fotos, ter um esquema sólido e consistente, e não sair dele. Se vc tiver acesso a um livro que se chama " The DAM Book" , do Peter Krogh, é onde aprendi o melhor workflow, e adaptei para as minhas necessidades. Ele até recomenda o iView , mas tb te dá idéias prá nao precisar dele.

()s
GuiGui


wdantas

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.183
  • Sexo: Masculino
    • WDantas Fotogaleria
Resposta #2 Online: 29 de Janeiro de 2008, 08:53:48
Oi! Guigui,

quem indicou o IView foi o Clicio, mas o volume dele é infinitamente maior que o meu.
Atualmente estou deixando arquivado no Lightroom mesmo, com aquele backup automatico que ele faz na ingestão de imagens.

O que pretendo é arquivar os RAW trabalhados e me livrar do backup inicial, porque não faz sentido ficar guardando muitas imagens RAW que não serviram.

Para arquivar os RAW trabalhados estou exportando os catalogos e convertendo as melhores em DNG.
Faço uma cópia em HD externo e outra em DVD

O que pode melhorar sem criar neuroses?


André Sena

  • Trade Count: (23)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.673
  • Sexo: Masculino
Resposta #3 Online: 29 de Janeiro de 2008, 14:49:45
" The DAM Book" , do Peter Krogh.

Este livro é super recomendado em vários artigos que li sobre o assunto. Estou afim demais de adquirir um exemplar.

Wdantas, acredito que o Lightroom é uma ferramente bacana p/ esta tarefa. O lance é aproveitar todos os recursos dele.  :ok:

Eu deixaria uma copia do RAW original, DNG e a fotos tratadas em alta no backup.

Hoje tenho o mesmo esquema, um HD externo com o backup e em DVD's.

Mas estou pensando em ter 2 HD's externos duplicados e 2 cópias em DVD's.

Pq do HD externo, facilidade p/ localizar as fotos.

[ ]'s
André Sena


Ana Adams

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.653
  • Sexo: Feminino
    • http://www.anaadams.com
Resposta #4 Online: 29 de Janeiro de 2008, 15:27:51
wdantas,
o seu sistema de arquivamento é quase igual ao meu...
Quando termino um trabalho, mando o material completo, sem nem olhar, prá um DVD, e dependendo do cliente já faço dois. Assim o backup principal está feito. Depois de selecionar e trabalhar as fotos, faço o backup do catálogo do Lightroom e salvo estes arquivos em 2 HDs externos. Só vou apagar os cartões de memória quando fôr para o próximo trabalho - tenho 2 de 8GB e muitas vezes cabem 2 ou 3 trabalhos e nem me preocupo em apagar por um bom tempo.
Por enquanto estou assim, mas devo mudar em breve... é que estou usando o Leopard, e vou precisar de um HD exclusivo para o Time Machine. Quando eu fizer isso vou ver como faço, mas não devo mudar muito do que é hoje.
Para desocupar o HD do computer, de vez em quando ainda faço um grande backup em DVD com tudo o que está nele. Confesso que este é meio bagunçado, mas até hoje não precisei usar não.

André, vc usa o Leopard tb, não? Já está usando o Time Machine?
Os Hds externos me dão muita insegurança, a gente cansa de ouvir história de gente que perdeu toneladas de coisas porque deu pau... melhor ter 2 mesmo, e mais uma cópia física em outra mídia.



wdantas

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.183
  • Sexo: Masculino
    • WDantas Fotogaleria
Resposta #5 Online: 29 de Janeiro de 2008, 16:50:34
Eu deixaria uma copia do RAW original, DNG e a fotos tratadas em alta no backup.
[ ]'s

Ainda não achei meu workflow definitivo, mas após verificar toda a importação do cartão eu descarto as que não interessam mesmo. Neste caso aquele backup inicial vai ter coisas que não preciso mais.

Mais interessante é guardar os RAW selecionados
Então, algumas bem selecionadas faço o DNG
As que tenho que mandar pra algum cliente, faço os Jpeg's

Acho que os ajustes feitos no lightroom merecem ser guardados para o futuro uma vez que os arquivos gerados com essas informações para exportação, ocupam pouco espaço.

Daí minha pergunta: não é mais sensato arquivar por meio da exportação? Ou seja, faz a exportação do catálogo e arquiva

abs
« Última modificação: 29 de Janeiro de 2008, 16:55:18 por wdantas »


André Sena

  • Trade Count: (23)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.673
  • Sexo: Masculino
Resposta #6 Online: 29 de Janeiro de 2008, 17:06:28
Wdantas, nosso workflow é parecido.  :ok:

Mas qdo vc pergunta: arquivar por meio da exportação, está querendo dizer, depois de tratar, exportar p/ JPG e DNG?
André Sena


André Sena

  • Trade Count: (23)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.673
  • Sexo: Masculino
Resposta #7 Online: 29 de Janeiro de 2008, 17:10:43
Guigui, tb uso o Leopard, mas ainda não estou usando o Time Machine. Estava querendo um HD externo com interface firewire, mas aqui no Brasil está difícil encontrar um case externo assim. E os Lacie estão muito caros.

Acho que vou acabar comprando um case externo USB mesmo.

Pois é, HD externo só é seguro se tem redundância. Por isto sempre deixo copia no HD no computador e no HD de backup, e somente retiro do HD do computador depois que gravo o DVD.
André Sena


wdantas

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.183
  • Sexo: Masculino
    • WDantas Fotogaleria
Resposta #8 Online: 29 de Janeiro de 2008, 17:23:19
Mas qdo vc pergunta: arquivar por meio da exportação, está querendo dizer, depois de tratar, exportar p/ JPG e DNG?

Não. O Jpeg não me interessa porque sempre posso gerar um com o RAW.
Seguinte: exportar o catálogo daquele álbum que vc acabou de tarbalhar/tratar. Aí o lightroom exporta um bocado de pastas + os RAW dentro do nome que vc der. Essas pastas que são a base de dados do light não ocupam muito espaço.

Então pega a pasta com tudo e arquiva. Se um dia vc precisar das fotos e não estiverem mais no seu HD/lightroom, é só importar o catálogo arquivado



André Sena

  • Trade Count: (23)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.673
  • Sexo: Masculino
Resposta #9 Online: 29 de Janeiro de 2008, 17:35:23
ahhhh...

entendi...... :doh:


Realmente é muito prático.  :ok:

Mas prefiro deixar tudo separado:

- catalogo arquivado, pq é muito pratico
- pasta com os RAW

pq? pq fico independente do software.

Se não me engano, o backup do catalago do LR não é facil localizar o arquivo RAW lá dentro se quiser testar a conversão de outro software. (ou é)

Como eu uso o Aperture, o arquivo de backup do catálago é complicado e não vi como estrair o RAW lá de dentro, a não ser importando dentro do Aperture.

[ ]'s
André Sena


Ana Adams

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.653
  • Sexo: Feminino
    • http://www.anaadams.com
Resposta #10 Online: 29 de Janeiro de 2008, 17:44:13


Mas prefiro deixar tudo separado:

- catalogo arquivado, pq é muito pratico
- pasta com os RAW

pq? pq fico independente do software.


Yep,
tb gosto de controlar meus RAW sem depender de LRs ou Apertures ou seja o que fôr.
Tenho a tendência de experimentar softwares, e sei que se um dia vier um terceiro prá competir com estes, vou querer provar. Sendo assim, prefiro ficar independente do sistema de arquivamento deles, embora eu faça os backups dos catálogos do LR just in case.


wdantas

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.183
  • Sexo: Masculino
    • WDantas Fotogaleria
Resposta #11 Online: 29 de Janeiro de 2008, 18:00:36
Se não me engano, o backup do catalago do LR não é facil localizar o arquivo RAW lá dentro se quiser testar a conversão de outro software. (ou é)
[ ]'s

Fácil,
selecione uma pasta em Folders
File/Export as catalogo
Deixa marcado: Export negative files e Include available preview
Dê um nome para a pasta e salve

Vá no explorer e abra a pasta que vc nomeou
Dentro tem duas pastas. Uma é NomeQVcDeu Previews.lrdata e a outra é a estrutura de pastas na qual está gusrdado os RAW
Vá abrindo que vc encontra os danados.

abs

Essa aqui NomeQVcDeu Previews.lrdata  é a base de dados com os settings, cópias virtuais e preview das fotos
Fiz um teste e a pasta com os RAW deu 17,9Mb a da base de dados dá mais 2Mb
« Última modificação: 29 de Janeiro de 2008, 18:03:12 por wdantas »