Autor Tópico: Receita Federal fechando o cerco  (Lida 990 vezes)

Fábio Ribas

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 295
    • http://
Online: 10 de Agosto de 2005, 15:48:02
Leiam esta matéria publicada hoje pelo Info Online, mostrando que a Receita está fechando o cerco sobre as vendas online devido a fatores como contrabando, subfaturamento e etc...

O "leão" anda com fome avassaladora realmente. Se ao menos os impostos arrecadados fossem usados decentemente...  
Fábio Ribas - São Paulo / SP
Canon Rebel XT + 28-135mm f/3.5-5.6 IS + 50mm f/1.8 + "lente do kit"


TheRipper

  • Trade Count: (7)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 862
    • http://
Resposta #1 Online: 10 de Agosto de 2005, 16:01:55
Justificável, afinal, eles têm que manter o mensalão em dia.
 
Fábio Garcia - Rio de Janeiro

Flickr


marlonguerios

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 81
  • Sexo: Masculino
    • http://www.marlonguerios.com
Resposta #2 Online: 10 de Agosto de 2005, 16:10:32
Se os impostos fossem menores, as pessoas comprariam mais legalmente e eles teriam uma boa arrecadação, mas assim... logo o pessoal encontra outra maneira de enviar
Marlon Candido Guérios
Ottawa - ON - Canadá
Canon EOS60D
EF-S 18-200 IS
EF 50mm 1.8
>> www.marlonguerios.com <<


Matheus

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.384
  • Sexo: Masculino
    • http://www.mundofotografico.com.br
Resposta #3 Online: 10 de Agosto de 2005, 16:17:59
Nunca vai parar não ...

já cansaram de tentar fechar a canal dos produtos q chegam no Paraguay ... heheheheh ... se nem lá eles conseguem imagina aki no Brasil, olha o tamanho!!


B.Gomes

  • Trade Count: (10)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.558
Resposta #4 Online: 10 de Agosto de 2005, 16:20:18
Citar
Se os impostos fossem menores, as pessoas comprariam mais legalmente e eles teriam uma boa arrecadação, mas assim... logo o pessoal encontra outra maneira de enviar
Exato! Existem estudos econômicos que inclusive apontam para isso: ao invés do aumento dos impostos, é a sua diminuição que gera mais arrecadação.
Mas não, o governo prefere dificultar o comércio legalizado. :nono:  


Leo Terra

  • SysOp
  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.740
  • Sexo: Masculino
  • “Deus disse: 'Haja luz'. E houve luz.” (Gen 1,3)
    • http://www.leoterra.com.br
Resposta #5 Online: 10 de Agosto de 2005, 16:32:41
A verdade é que no Brasil o próprio governo prefere que poucos paguem por muitos :/
Leo Terra

CURSOS DE FOTOGRAFIA: www.teiadoconhecimento.com



ATENÇÃO: NÃO RESPONDO DÚVIDAS EM PRIVATIVO. USEM O ESPAÇO PÚBLICO PARA TAL.
PARA DÚVIDAS SOBRE O FÓRUM LEIA O FAQ.


Georges

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.749
  • Sexo: Masculino
    • http://www.flickr.com/photos/grgs
Resposta #6 Online: 10 de Agosto de 2005, 21:23:43
A questão da arrecadação (cobrar mais de menos, ou menos de mais?) é bem controversa, no governo FHC certa vez foi dito que havia medo de que baixando os impostos o consumo aumentasse demais, gerando inflação e jogando a economia no buraco. Isso é bem controverso, pois haveriam pontos positivos também. Agora, o pior MESMO é ver o governo destinando tantos recursos pra coibir o contrabando de eletrônicos (imagine se não tivéssemos os computadores do Paraguai! Estaríamos nos anos 80 ainda!), enquanto em outras áreas é feita vista grossa. A corrupção rola solta entre os grandes, e é o consumidor que paga a conta. Quer ter uma câmera fotográfica por hobby? Não, o brasileiro não merece. Ele precisa entregar 60% de seu salário ao governo todo mês, pra sustentar a porca administração e a corrupção. Quem não conhece um funcionário público de cargo de chefia/direção que não tenha estado com tal dilema nas mãos: ou "inventa" um gasto qualquer pra manter as verbas provenientes do governo, ou vê as verbas diminuírem. Não deveria existir margem pra isso, pois é jogar o dinheiro público na cara e dizer: "quer? então invente um gasto absurdo qualquer, e se quiser pode até sumir com uma parte, que não darão falta". A corrupção é incentivada pela omissão na fiscalização, pelo modelo arcaico de administração. Mas não adianta: quem paga o pato por aqui é SEMPRE aquele de quem mais é tomado.
Georges Lemos
Florianópolis - Santa Catarina - Brasil


Wagner de Queiroz

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 50
    • http://fotolog.maisrapido.com/wagnerdequeiroz
Resposta #7 Online: 11 de Agosto de 2005, 08:34:24
Georges, voce deve ser um ótimo fotografo, pois mostrou um ponto de vista do que vemos todos os dias, mas de um angulo diferente.


Concordo plenamente com sua opinião, duvido muito que isto vai mudar.

 
Wagner de Queiroz[/b]
MSN:perobaqueiroz@hotmail.com
Olympus D590Zoom+ Tripé de mesa w060 e tripe WT3760
Cartao xD 16Mb Sniff


pksato

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 539
    • http://pksato.blogspot.com/
Resposta #8 Online: 11 de Agosto de 2005, 18:47:44
Comprei uma bateria para a FZ5, num site estrangeiro.
Será que vão cobrar os impostos sobre os $18,00?
ou vão alegar que esta subfaturado e cobrar sobre os $80,00 de uma original?

$18,00 está abaixo dos $50,00, que e isento entre pessoas físicas.
Da outra vez não me cobraram.

 
Paulino K. Sato - Maringá Pr.
Canon A300, Canon A95, Panasonic FZ5S



GRM

  • Trade Count: (8)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.746
Resposta #9 Online: 11 de Agosto de 2005, 18:50:00
Se vier acompanhado de nota e o valor não for muito diferente do praticado, não paga não, até U$50 é isento (incluindo aí o valor do frete tbm, o total não deve ultrapassar U$50).
Nikon/Panasonic Gear


André Duarte

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 88
    • http://
Resposta #10 Online: 11 de Agosto de 2005, 23:35:54
Não sou economista, na verdade sou bem leigo no assunto, mas oq eu entendo é que os produtos estrangeiros são taxados com impostos tão absurdos, exatamente porque não é interessante para o país que o capital brasileiro vá para fora, para que assim haja um saldo positivo na balança comercial. O Brasil precisa exportar mais que importar para ter um crescimento econômico. O grande problema é que o Brasil  é fornecedor de produtos agrários e matéria prima, enquando nós precisamos importar produtos industrializados... Esse tipo de taxação é feito em outros países também, o imposto cobrado pelos EUA para que entrem alguns produtos agropecuários na terra do Tio Sam são tão altos que fica muito mais barato pra eles comprarem dos fornecedores locais. É uma questão bem delicada. Claro que os impostos poderiam ser menores. Mas nesse caso até certo ponto é justificável. Fico indignado sim com os impostos taxados em produtos nacionais... Somos obrigados a pagar mais caro aqui dentro porque alguns produtos, mesmo que produzidos aqui são cotados em dólar... também fico indignado porque pago 40% de imposto pra emitir uma nota fiscal. Isso sim é um incentivo a sonegação. Se eles querem assim, então vamos sonegar... Reforma Tributária Urgente!!!