Autor Tópico: Dica de orçamento  (Lida 1275 vezes)

neocosmo

  • Trade Count: (10)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.055
    • http://neocosmo.deviantart.com/
Online: 17 de Agosto de 2005, 00:41:58
Olá!
Eu já cheguei a postar um tópico a respeito de orçamento, como fazer, etc...
Recebi muitas dicas legais e acho que estou conseguindo fazer alguns ou a maioria e está dando até certo.

O problema é que: eu não tenho sempre um preço para dar assim de imediato, no ato, etc...

EU FAÇO O ORÇAMENTO DE ACORDO COM A PESSOA, EVENTO, TEMPO, QUANTIDADE DE FOTOS, ETC... e no caso combino o que vai ser feito, etc...

Isto está certo?
Ou eu devo estabelecer um padrão de orçamento padrão sempre?

Como por exemplo impor uma quantidade de fotos para poder sair a fotografar, gravar somente em CD, ou então apenas dar fotos reveladas ou então cobrar pela "visita" independente da quantidade e dificuldade das fotos, etc...

Espero receber algumas dicas.

Abraços,

Renato
Renato Ventura - Mococa e Ribeirão Preto/SP[/size]
email: renatoventura@uol.com.br



Alex Biologo

  • Trade Count: (4)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.803
  • Sexo: Masculino
    • Olhares Dispersos
Resposta #1 Online: 17 de Agosto de 2005, 00:56:38
Renato, nunca fiz orlçamento de foto, mas em outras áreas ter um prço base facilita e muito.

Imagine qu um client comente com o outro que vc fz maiass barato? u que ofereceu um serviço diferenciado?

Sugiro que vá criando pequenos pacotes, com prços definidos, assim fica mais fácil, se a pessoa tm pouco dinheiro pta pelo mais barato, menos fotos, sem cd e por ai vai, se pagar mais caro, maior quantidade de ftos, álbum mais elaborado, cd e tudo o mais, mas deixe claro na sua tabela de preços o porquê das diferenças.

É a opinião de um leigo, mas espero ter ajudado

Alex
Alex Martins dos Santos - São Paulo/SP
Fuji S5100
Pentax MZ-50
Canon 10D e 300D + lente  28-135 is Canon + lente 70-300 TAmron


neocosmo

  • Trade Count: (10)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.055
    • http://neocosmo.deviantart.com/
Resposta #2 Online: 17 de Agosto de 2005, 01:21:00
Citar
Renato, nunca fiz orlçamento de foto, mas em outras áreas ter um prço base facilita e muito.

Imagine qu um client comente com o outro que vc fz maiass barato? u que ofereceu um serviço diferenciado?

Sugiro que vá criando pequenos pacotes, com prços definidos, assim fica mais fácil, se a pessoa tm pouco dinheiro pta pelo mais barato, menos fotos, sem cd e por ai vai, se pagar mais caro, maior quantidade de ftos, álbum mais elaborado, cd e tudo o mais, mas deixe claro na sua tabela de preços o porquê das diferenças.

É a opinião de um leigo, mas espero ter ajudado

Alex
Opa!
Valeu@
Suas dicas são super bem vindas sim!
Então, eu tento sempre seguir um padrão, mas acaba que nunca fiz um tipo de serviço "igualzinho" ao outro em que fosse oferecido o mesmo album, a mesma quantidade de fotos, etc... pois o interesse das pessoas são bem diversos e muitos se contentam com "pouco" e poucos ainda não se contentam com muito... hehehe
Mas eu sempre falo que se for querer uma coisa "top" (é claro, top do meu nível ((mostro fotos e albuns do meu padrão top)) a pessoa irá pagar tanto... agora se quiser coisa mais simples ((mas não qualquer coisa tb hehehe - senão depois vai falar que a gente é incopetente, etc)) eu faço um preço mais camarada... e assim vai...

Agora a pergunta é se vale a pena eu me adequar a pessoa e fazer o gosto dela ou a pessoa se adequar a mim e fazer o padrão que eu elaborar ou não fazer a foto comigo. A dúvida está mais aí...

Abraços,

Renato
Renato Ventura - Mococa e Ribeirão Preto/SP[/size]
email: renatoventura@uol.com.br



neocosmo

  • Trade Count: (10)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.055
    • http://neocosmo.deviantart.com/
Resposta #3 Online: 17 de Agosto de 2005, 01:30:13
Ah, mais uma pergunta: vc está acostumado a sempre ir em eventos, tirar um tanto bom de fotografias, ou então fazer books fotográficos, etc...

Aí vem um camarada e te pede para tirar foto de uma placa de um carro ou então de uma casa, essas coisinhas... e o camarada só quer uma ou 2 fotos...

Aí eu faço a foto? ou falo que não faço porque "não fotografo" certas coisas?
E se o camarada insistir?
Quanto cobrar?
Faz de graça? (tem gente que faz para agradar - eu não faço mais isto ehehhe)
Cobra uns 20 conto? (para garantir o almoço? heheh)

Abraços,

Renato
 
Renato Ventura - Mococa e Ribeirão Preto/SP[/size]
email: renatoventura@uol.com.br



bySantiago

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 14
  • Sexo: Masculino
    • santiago r.s. fotografia
Resposta #4 Online: 17 de Agosto de 2005, 12:01:59
eu sempre tenho um valor base nunca abaixo desse valor que estipulei.
Agora quando é coisinhas igual vc falou eu tento cobrar um valor digamos simbolico.


bySantiago

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 14
  • Sexo: Masculino
    • santiago r.s. fotografia
Resposta #5 Online: 17 de Agosto de 2005, 12:04:09
Mais uma dica tente deixar alguns orçamentos pré definidos como base, tantas fotos mais tal coisa é tanto dai o cliente fala é muito ah tem esse plano aqui que assim assado é tanto mas sempre tenha o valor minino e não faça abaixo dele . Pois se vc fazer para um vai ter de q fqazer pra qualquer um.


marib

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 517
    • http://www.flickr.com/photos/mari-b
Resposta #6 Online: 17 de Agosto de 2005, 12:14:16
cara, eu nunca fiz orçamento, mas pretendo arrumar uns trabalhinhos em breve ;o)

Eu acho que no início, não é legal ficar recusando trabalho, mas ao mesmo tempo, também não é legal ter o seu nome num trabalho que não ficou muito legal, porque o cliente quis economizar, saca?
Então tem os dois lados da moeda.
Não acho legal aceitar qualquer coisa, só pra ganhar "um almoço", porque seu nome vai estar ali, e você acaba desvalorizando seu próprio trabalho sem querer...


pablo_rj

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 204
  • Sexo: Masculino
Resposta #7 Online: 17 de Agosto de 2005, 12:54:21
crie um mínimo de fotos. Pois a pessoa pode quer apenas duas fotos, mas vc vai precisar fazer mais para ela poder escolher.

Vc pode até vender só duas fotos, mas o preço não vai compensar para o cliente. Nesse caso, faça uma estimativa do número de fotos que precisará fazer e coloque isso no custo.


neocosmo

  • Trade Count: (10)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.055
    • http://neocosmo.deviantart.com/
Resposta #8 Online: 18 de Agosto de 2005, 11:56:19
Oba!
Mais gente ajudando...
Galera! Valeu pelas dicas!

Então, eu ultimamente estou fazendo o seguinte:

preço por foto:
20x30cm - 12,00
20x25cm - 10,00
15x21cm - 8,00
10x15cm - 4,00

aí dependendo da quantidade eu dou um descontinho em cada uma. E coloco um limite mínimo de tantas fotos para sair a fotografar, senão, nada feito..((aí depende do evento, do local, da pessoa, do tempo a fotografar, etc))
Ah, o preço do album é a parte ((mas cobro o preço de custo do album que vem pra mim).
E se a pessoa levar mais do que tantas fotos ((geralmente 100)) eu dou o CD com todas as fotos e/ou a pessoa compra este CD por um preço "simbólico" de R$ 50,00

Este esquema até tem dado meio certo, mas agora eu estava pensando em fazer "pacotes", mas como seriam?
Algum teria alguma idéia?
Ah, e para o pessoal que só quer no "digital"... não quer fotos reveladas?
Abraços a todos,


Renato


obs:
Citar
Não acho legal aceitar qualquer coisa, só pra ganhar "um almoço", porque seu nome vai estar ali, e você acaba desvalorizando seu próprio trabalho sem querer...

Olá!
Tudo jóia?
Ah, sim... também concordo em não fazer qualquer tipo de trabalho para ganhar um troco... mas no caso, foi feito um trabalho bom (bem razoável heheh), mas só que não tinha como cobrar mais, pois se tratava de 2 fotos... heheh
Abraços
« Última modificação: 18 de Agosto de 2005, 11:58:48 por neocosmo »
Renato Ventura - Mococa e Ribeirão Preto/SP[/size]
email: renatoventura@uol.com.br



FernandoPaes

  • Trade Count: (17)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.522
  • Sexo: Masculino
  • Fernando Paes - Fotógrafo
    • Fernando Paes - Fotógrafo de Casamentos
Resposta #9 Online: 18 de Agosto de 2005, 14:10:36
Pacotes para eventos:

30 ou 40 fotos 20x25 encadernadas
30 ou 40 fotos 24x30 encadernadas

fotos extras por um valor X.

Sobre as fotos de produtos/still eu analisaria custos e colocaria a marge de lucro.

A coisa é que muitas vezes denegrimos o mercado com preços "para pagar almoço".

Eu não saio de casa se for pra ganhar quase nada. Vai me sair mto mais caro caso me levem o equipamento, por ex (mesmo tendo seguro).

Eu acho que precisamos aprender a valorizar nosso trabalho, nosso equipamento e nosso investimento....


Abraço,
Fernando
« Última modificação: 18 de Agosto de 2005, 14:36:14 por FernandoPaes »
Fernando Paes - Fotógrafo de Casamentos - SP
Visite meu Website: http://www.fernandopaes.com.br

Conheça nosso podcast para fotógrafos sociais!


pablo_rj

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 204
  • Sexo: Masculino
Resposta #10 Online: 18 de Agosto de 2005, 17:13:28
concordo. Nego gasta tubos de dinheiro para se equipar e cobra merreca na hora do trabalho... E se a cam morrer? E seu conhecimento?

PS: não estou me referindo a ninguém aqui, por favor


FernandoPaes

  • Trade Count: (17)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.522
  • Sexo: Masculino
  • Fernando Paes - Fotógrafo
    • Fernando Paes - Fotógrafo de Casamentos
Resposta #11 Online: 18 de Agosto de 2005, 17:39:29
Eh verdade, Pablo....

Eu acho que o investimento que um profissional faz deve ser pago a contento...

Estou atras de cursos no Senac para me aprimorar... E isso faz com que meu trabalho não valha qualquer coisa!

Abraço,
Fernando
Fernando Paes - Fotógrafo de Casamentos - SP
Visite meu Website: http://www.fernandopaes.com.br

Conheça nosso podcast para fotógrafos sociais!


danielaleme

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 48
    • http://
Resposta #12 Online: 18 de Agosto de 2005, 17:59:09
O que eu queria saber de voces é quando a gente sabe que pode cobrar??? Eu tenho o equipamento, ja fiz um curso basico e tiro umas fotos que conidero boas, recebo ate elogios de amigos, mas nao me sinto segura de me nomear fotografa e cobrar.
Alguem me da uma luz, diz como voces começaram. Todos que cobram fizeram varios cursos???
Obrigada
Daniela
Daniela Leme
Canon 20D + 28-135mm f/3.5-5.6 IS + flash Canon 580


FernandoPaes

  • Trade Count: (17)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.522
  • Sexo: Masculino
  • Fernando Paes - Fotógrafo
    • Fernando Paes - Fotógrafo de Casamentos
Resposta #13 Online: 18 de Agosto de 2005, 18:17:23
Se voce não se sente segura, Daniela, eu te aconselho fazer alguns serviços para amigos sem cobrar nada, ou favores.... Cobrar barato demais queima o mercado e não valoriza seu trabalho. Ofereça para fazer de graça, depois de ter um pouco mais de experiencia, cobre o justo pelo que conhece.... Mas não faça serviço que não paga nem os custos!

Coloque:

Custo Equipamento dividido pela qtde de eventos que ele aguentaria (no meu caso 50 eventos antes dela pedir outra)
Custo de Seguro 1% ao mes
Custo com Material (revelação / CD / Encadernação)
Custo de Tranporte (para envio de mostras, evento, escolha e entrega)
Custo de Tratamento de Imagem (vc vai ter que dispor tempo para isso)
Gasto com Cursos e Aperfeiçoamento (diluido, claro)
Custo de Mao de Obra (ajudantes)
Impostos e Tributos

Com isso vc vai perceber que muitos estão trabalhando de graça ou perto disso! :)

Espero poder ter ajudado

Abraço,
Fernando
 
Fernando Paes - Fotógrafo de Casamentos - SP
Visite meu Website: http://www.fernandopaes.com.br

Conheça nosso podcast para fotógrafos sociais!


neocosmo

  • Trade Count: (10)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.055
    • http://neocosmo.deviantart.com/
Resposta #14 Online: 19 de Agosto de 2005, 00:55:09
hunm... legal...

Fernando, quando vc cobra por cada pacote por exemplo?

30 ou 40 fotos 20x25 encadernadas
30 ou 40 fotos 24x30 encadernadas

Vc encaderna em folha laminada?

Abraços,


Renato
Renato Ventura - Mococa e Ribeirão Preto/SP[/size]
email: renatoventura@uol.com.br