Autor Tópico: Leica a Falencia  (Lida 16648 vezes)

Malicky

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.410
  • lembre-se: Só Jesus salva, o homem faz backup! ;)
    • Malicky Photo
Online: 10 de Setembro de 2009, 20:50:05
Como a Leica nao foi a falencia?
Que voce tem a dizer sobre ela?

Eu acho umas cameras mal ageitadas... nao tem ergonomia  digo nao todas a maioria e ums precos absurdos

http://shoturl.us/8090


leandrod

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 498
  • Sexo: Masculino
  • Sistemas (Micro) Quatro Terços, Olympus OM, Pen.
    • Soli Deo Gloria
Resposta #1 Online: 10 de Setembro de 2009, 21:15:09
Como a Leica nao foi a falencia?

Uai, cobrando caro pela famosa qualidade alemã, e pela marca… e por produtos de nicho.


Citar
Eu acho umas cameras mal ageitadas... nao tem ergonomia  digo nao todas a maioria

Não confunda ergonomia com formas arredondadas… há quem jure pela ergonomia da Leica.


Citar
ums precos absurdos

Qualidade tem preço, exclusividade também, e nichos custam caro.
Olympus E-510; E-PL1; OM-1n; Pen EE.S-2 30 mm 1:2,8; 35 SPn 42 mm 1:1,7; Trip 35 4 cm 1:2,8
Leica Digilux 3
Panasonic Leica D Vario-Elmarit 14–50 mm 1:2,8–3,5 ASPH Mega OIS
Olympus Zuiko Digital ED 50 mm 1:2 Macro; 7–14 mm 1:4; 14–42 mm 1:3,5–5,6; 7–30 cm 1:4–5,6; M.Zuiko Digital ED 14–42 mm 1:3,5–5,6
Olympus Zuiko Auto-S 5 cm 1:1,4; Macro 5 cm 1:3,5
Vivitar OM 24 mm 1:2,8
Olympus FL-36; T-20
Metz Mecablitz 50 AF-1 Four Þirds


Leo Terra

  • SysOp
  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.744
  • Sexo: Masculino
  • “Deus disse: 'Haja luz'. E houve luz.” (Gen 1,3)
    • http://www.leoterra.com.br
Resposta #2 Online: 11 de Setembro de 2009, 01:50:27
Malicky atualmente tenho pensado como você. A ergonomia das Leica é realmente sofrível (na verdade sempre foi), a coisa legal delas é o silêncio. Os preços atualmente são insanos, você compra coisa bem melhor por bem menos. Mas marca tem peso. Eu mesmo, com todo meu critério e capacidade de avaliação me pego sonhando com uma de vez em quando rs.
Mas acho que antes de falir alguém compra. Como ocorreu com a Pentax.
Esse papo até me despertou uma curiosidade. Fui ver o balanço anual deste período (porque o dos dois anos anteriores tinham sido até bons) e eles fecharam no vermelho esse ano, mas não tanto quanto a três anos. O que para um momento de crise foi até bom. Ou seja, deve ter bastante gente que sucumbe a tentação do sonho rs.
« Última modificação: 11 de Setembro de 2009, 10:18:49 por Leo Terra »
Leo Terra

CURSOS DE FOTOGRAFIA: www.teiadoconhecimento.com



ATENÇÃO: NÃO RESPONDO DÚVIDAS EM PRIVATIVO. USEM O ESPAÇO PÚBLICO PARA TAL.
PARA DÚVIDAS SOBRE O FÓRUM LEIA O FAQ.


Formel

  • Trade Count: (3)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.186
  • Sexo: Masculino
    • Formel Fotografia
Resposta #3 Online: 11 de Setembro de 2009, 02:17:05
Eles não ganham dinheiro só com as câmeras, tem as lentes (dãã) que acho que deve ser o que mais dá lucro. Até nas lumix tem "lente Leica". Isso que deve dar dinheiro para eles. Eu acho.  :ponder:

[ ]s

Formel


GuiCastro

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.556
  • Sexo: Masculino
Resposta #4 Online: 11 de Setembro de 2009, 02:27:46
realmente, na hora que vc perguntou isso eu lembrei das câmeras da panasonic...


leandrod

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 498
  • Sexo: Masculino
  • Sistemas (Micro) Quatro Terços, Olympus OM, Pen.
    • Soli Deo Gloria
Resposta #5 Online: 11 de Setembro de 2009, 08:29:47
A ergonomia das Leica é realmente sofrível (na verdade sempre foi)

Porque continua se pensando que ergonomia é só ter um volume a mais para pegada?  Vide os depoimentos de fotógrafos que realmente usam Leica… há todo o manejo para se pensar.



Citar
a coisa legal delas é o silêncio.

O silêncio, o visor, a velocidade, o porte, as lentes, a qualidade do manejo e dos materiais, até a relação com o sujeito… e o círculo vermelho, claro.



Citar
Os preços atualmente são insanos, você compra coisa bem melhor por bem menos.

Melhor por que critérios?  Há fotografia além de alta sensibilidade…


Citar
Eu mesmo, com todo meu critério e capacidade de avaliação me pego sonhando com uma de vez em quando rs.

Certo.

 
Citar
Mas acho que antes de falir alguém compra.

Bom lembrar que a família Kaufmann, atual proprietária, tem bolsos muito bem recheados e muita paciência.  Não é uma empresa de capital aberto, que fica sujeita ao curto prazo.
Olympus E-510; E-PL1; OM-1n; Pen EE.S-2 30 mm 1:2,8; 35 SPn 42 mm 1:1,7; Trip 35 4 cm 1:2,8
Leica Digilux 3
Panasonic Leica D Vario-Elmarit 14–50 mm 1:2,8–3,5 ASPH Mega OIS
Olympus Zuiko Digital ED 50 mm 1:2 Macro; 7–14 mm 1:4; 14–42 mm 1:3,5–5,6; 7–30 cm 1:4–5,6; M.Zuiko Digital ED 14–42 mm 1:3,5–5,6
Olympus Zuiko Auto-S 5 cm 1:1,4; Macro 5 cm 1:3,5
Vivitar OM 24 mm 1:2,8
Olympus FL-36; T-20
Metz Mecablitz 50 AF-1 Four Þirds


leandrod

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 498
  • Sexo: Masculino
  • Sistemas (Micro) Quatro Terços, Olympus OM, Pen.
    • Soli Deo Gloria
Resposta #6 Online: 11 de Setembro de 2009, 08:33:10
Eles não ganham dinheiro só com as câmeras, tem as lentes (dãã) que acho que deve ser o que mais dá lucro. Até nas lumix tem "lente Leica". Isso que deve dar dinheiro para eles. Eu acho.  :ponder:

Me fizeste lembrar duas outras coisas: manutenção e acessórios.  As Leica são quase eternas, e muitas não ficam na prateleira dos colecionadores, mas são usadas e precisam de manutenção.  Qualquer bom técnico pode mexer nelas, mas muita gente deve preferir ‘garantir o investimento’ e recorrer às autorizadas da marca.  E há quem realmente tenha pena de colocar acessórios, digamos, Zeiss ou Voigtländer numa Leica, embora principalmente a Zeiss de fato esteja em nível bem semelhante.
Olympus E-510; E-PL1; OM-1n; Pen EE.S-2 30 mm 1:2,8; 35 SPn 42 mm 1:1,7; Trip 35 4 cm 1:2,8
Leica Digilux 3
Panasonic Leica D Vario-Elmarit 14–50 mm 1:2,8–3,5 ASPH Mega OIS
Olympus Zuiko Digital ED 50 mm 1:2 Macro; 7–14 mm 1:4; 14–42 mm 1:3,5–5,6; 7–30 cm 1:4–5,6; M.Zuiko Digital ED 14–42 mm 1:3,5–5,6
Olympus Zuiko Auto-S 5 cm 1:1,4; Macro 5 cm 1:3,5
Vivitar OM 24 mm 1:2,8
Olympus FL-36; T-20
Metz Mecablitz 50 AF-1 Four Þirds


Ivan de Almeida

  • Trade Count: (1)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.297
  • Sexo: Masculino
  • . F o t o g r a f i a .
    • Fotografia em Palavras
Resposta #7 Online: 11 de Setembro de 2009, 09:06:21
É preciso certo cuidado para não confundir nossos parâmetros de praticidade e valor com os parâmetros de valor dos outros.

Eu mesmo não compraria uma Leica, exceto a S2 ou o back digital da linha R por gostar mais de reflex, mas sem nenhuma dúvida as óticas Leica são extremamente atraentes e são o andar de cima daquilo que se dispõe.

Porém, mais fácil é ter óticas leica montadas em uma FF comum. Diante da velocidade de substituição dos corpos, faz menos sentido comprer corpos eternos.



Leo Terra

  • SysOp
  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.744
  • Sexo: Masculino
  • “Deus disse: 'Haja luz'. E houve luz.” (Gen 1,3)
    • http://www.leoterra.com.br
Resposta #8 Online: 11 de Setembro de 2009, 11:15:00
Formel o pior é que não é lente, o pior é que é câmera de sistema e outras câmeras mesmo rs. Dá uma olhada lá no balanço deles no link de relações com os investidores, tem tudo discriminado.

Leandro primeiro, a estratégia do contra-especialista só funciona em ambientes que não registram o que é falado (Martinelli e almeida, 1997), você só vai passar vergonha fazendo isso em um ambiente com registro do que é falado, porque a técnica de distorcer o que é dito, fingir que não entende e bombardear com informações equivocadas só funciona se as pessoas não puderem recuperar o que foi dito. Em um lugar onde qualquer um pode voltar e ler o que foi dito e o que não foi dito isso não funciona muito bem. Sugiro que tente uma abordagem mais convencional em suas argumentações. A gente não precisa concordar, as você pode tocar as dicussões de forma mais agradável e mais coerente, até mesmo para você.
Então não me venha com o papinho de que "você não sabe o que está falando" sem antes saber do que eu estou falando. Se tiver dúvidas sobre o porque eu acho uma coisa, não suponha, pesquise ou pergunte. Eu teria prazer de te responder porque acho a ergonomia ruim e você não passaria pelo desconforto de supor algo sem o menor sentido como foi suposto (mesmo porque qualquer um que me conhecesse o mínimo saberia que eu não estaria falando só de volume). Ao conversar com alguém verifique antes as credenciais desta pessoa, e ao supor conheça melhor a pessoa. Esta é uma sugestão que lhe dou no sentido de não fazer mais suposições equivocadas ou discutir se colocando como especialista que sabe tudo, em uma área onde muitos possuem no mínimo o mesmo conhecimento que você.  
Digo isso porque eu nunca disse que ergonomia era sinônimo de volume ou qualquer coisa do tipo, ergonomia é mais que isso (se você realmente lesse o que as pessoas escrevem e não fizesse tantas suposições ou joguinhos, não falaria e deixaria registrada tantas incoerências). A OM-1, por exemplo, é uma câmera com boa ergonomia e não tem volume. Eu já usei Leica, meu pai teve 1 leica M7 e a ergonomia é ruim se comparada até com SLRs de entrada moderna, a pegada é desconfortável, a câmera tende a escorregar, o acesso aos comandos não é bom (na verdade tirando o anel de abertura o resto é péssimo), você tem que tirar a câmera do rosto para alterar a velocidade, pois se tentar alterar a velocidade com ela no olho a mão pega no olho e por ai vai.  Se achas isso bom é uma opinião sua, eu particularmente já vi muita compacta com ergonomia beeem melhor, com bem menos problemas de operação e conforto, por preços significativamente menores.


Quanto a dizer que a velocidade e o visor são itens bons nas Leica, acho uma afirmação um tanto quanto complicada. Primeiro que elas não têm nada de rápidas. Qualquer SLR de entrada é tão rápida quanto, no modo manual, e se coloca de prontidão para o próximo disparo mais rapidamente do que uma leica, ou seja, não encontro um atributo onde se possa dizer que ela é mais rápida. O visor delas tem várias deficiências, como problemas de paralaxe e coisas do tipo, apesar de ter também algumas virtudes, que atendem a certos nichos. As lentes eu já tinha dito em outro tópico, assim como o porte, não preciso me repetir (você leu e respondeu no outro, então sabe o que considero interessante). Mas se me permite o que acho realmente legal nas câmeras deles é o silêncio, é a principal virtude que se destaca em relação às outras câmeras, mas que também está com os dias contados com a entrada das câmeras sem espelho.

Quanto o melhor IQ é em todos os sentidos. Eu também nunca disse que tinha a ver só com ruído em ISO alto. Novamente você está suponto (de forma limitada), mas meu caro minhas avaliações vão bem mais longe do que isso (trabalhei 5 anos com avaliações para grandes marcas e sei muito bem fazer este tipo de avaliação, na verdade não só conheço bem os protocolos, como depois de alguns anos olhando defeitos você aprende muito bem a identificá-los mesmo sem protocolos). Posso dizer que se tem uma coisa que minhas avaliações não são é superficiais a ponto de considerar apenas um único atributo em uma generalização. Há muita fotografia além da alta sensibilidade, claro (tenho até artigos publicados sobre o tema qualidade de imagem). É uma pena que o novo sensor desta Leica M9 não pareça competitivo em vários destes atributos quando comparado com os principais concorrentes. Na verdade possui os mesmos problemas dos antigos sensores da Kodak 14N, mas em parte melhorada em relação aos antigos, é claro. Ele possui forte desequilíbrio de tonalidades, a latitude tem se mostrado bem baixa, as texturas quadriculadas e rajadas apresentam problemas, o ISO alto é medíocre e assim por diante. Isso o que eu já consegui ver nos poucos samples que apareceram até agora. No final acredito que deva ser até por isso que a Oly largou mão da Kodak, porque com esse nível de sensor não dá para competir com o que se tem hoje. Tenho olhado as compactas da marca (depois do lançamento desta Leica, porque até então não tinham me interessado) e as que eu vi parecem padecer dos mesmos tipos de problemas.

Sua afirmação sobre a Leica não ser uma empresa de capital aberto também não converge com as da própria leica :eek: . Uma simples leitura no link relações com investidores (http://www.corporate.leica-camera.com/investor_relations/) mostra isso, eles são uma SA e participam de forma moderada no mercado de capitais (definição para ser de capital aberto) e atualmente 13 controladores. Na verdade a simples existência deste link de relações com os investidores já diria isso. Mas se você preferir algumas fontes menos confiáveis e mais jornalísticas (que são mais fáceis de ler e entender) existem algumas: http://www.digitalcamerainfo.com/content/Leica-Raises-%E2%82%AC23-Million-in-Fresh-Capital-.htm , no google você encontrará mais dessas, sem a menor dificuldade. Mas para quem quer de fato saber eu recomendo ir na fonte, porque é sempre mais seguro e mais interessante.

Quanto a serviços não são muito significativos nem nas contas deles nem nas dos outros fabricantes (novamente não é achismo, você pode consultar no mesmo link acima, que ele mostra esta informação). O que tem dado dinheiro a eles são câmeras mesmo, é só olhar o balanço de 2009, que isso fica bastante claro. As pessoas continuam comprando sonhos. ;)

É preciso certo cuidado para não confundir nossos parâmetros de praticidade e valor com os parâmetros de valor dos outros.

Eu mesmo não compraria uma Leica, exceto a S2 ou o back digital da linha R por gostar mais de reflex, mas sem nenhuma dúvida as óticas Leica são extremamente atraentes e são o andar de cima daquilo que se dispõe.

Porém, mais fácil é ter óticas leica montadas em uma FF comum. Diante da velocidade de substituição dos corpos, faz menos sentido comprer corpos eternos.



Ivan penso bem por ai. Atualmente tenho pensado em comprar um corpo mais em conta, com mais IQ e mais recursos e se precisar monto uma lente dessas fixas top da leica, ou qualquer coisa e boa. Pensar em Leica hoje para mim é só pelo círculo vermelho :wub: porque os corpos deles não possuem mais atrativos neste sentido, nem mesmo em durabilidade as câmeras deles são recordistas, segundo o Guinness a recordista em durabilidade é uma Nikon F5, com mais de 1 milhão de ciclos, e não uma Leica. ;)
« Última modificação: 11 de Setembro de 2009, 13:29:33 por Leo Terra »
Leo Terra

CURSOS DE FOTOGRAFIA: www.teiadoconhecimento.com



ATENÇÃO: NÃO RESPONDO DÚVIDAS EM PRIVATIVO. USEM O ESPAÇO PÚBLICO PARA TAL.
PARA DÚVIDAS SOBRE O FÓRUM LEIA O FAQ.


Demian

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 87
Resposta #9 Online: 11 de Setembro de 2009, 14:40:10
Eu tenho uma Leica C, de 1931, munida da mesma lente das fotos q consagraram o Cartier-Bresson.
O silêncio dela é, realmente (e desde a década de trinta!), impressionante. Nada a ver mesmo com a silenciosa SLR OM-1, minha predileta.
Não troco, não vendo, não negocio. Se for pra sarjeta algum dia, vou com ela.
Por ser uma ótima câmera? Não - somente por ser um sonho.



leandrod

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 498
  • Sexo: Masculino
  • Sistemas (Micro) Quatro Terços, Olympus OM, Pen.
    • Soli Deo Gloria
Resposta #10 Online: 11 de Setembro de 2009, 16:14:41
Eu mesmo não compraria uma Leica, exceto a S2 ou o back digital da linha R por gostar mais de reflex, mas sem nenhuma dúvida as óticas Leica são extremamente atraentes e são o andar de cima daquilo que se dispõe.

Está aí minha dúvida… será que é tão melhor assim que uma Zeiss, por exemplo, ou mesmo uma Zuiko profissional?

Já ouvi estórias sobre a maior confiabilidade da qualidade óptica das supracitadas em relação, por exemplo, a uma Canon L ou Nikkor, mas nunca vi dados.  Já vi dados sobre a confiabilidade mecânica em que não havia grandes diferenças entre as grandes marcas, exceção feita a determinados modelos Sigma, mas creio que restringiam‐se a lentes de distância focal variável de sistemas de autofoco — é claro que uma Leica M será facilmente mais confiável mecanicamente, por ser mais simples: sem eletrônica, sem motor, sem variação de ângulo de visão, fora as ‘Tri’ (três distâncias focais).


Citar
Porém, mais fácil é ter óticas leica montadas em uma FF comum. Diante da velocidade de substituição dos corpos, faz menos sentido comprer corpos eternos.

De fato — mas, se por FF queres dizer uma reflex digital 24×36mm, seriam só lentes Leica R em determinados sistemas, notadamente o Quatro Terços (e provavelmente Canon, creio, mas aí perde‐se a estabilização de imagem das Olympus E).  Só o Leica M>8, Epson RD e Micro Quatro Terços, entre as digitais, podem montar lentes Leica R.
Olympus E-510; E-PL1; OM-1n; Pen EE.S-2 30 mm 1:2,8; 35 SPn 42 mm 1:1,7; Trip 35 4 cm 1:2,8
Leica Digilux 3
Panasonic Leica D Vario-Elmarit 14–50 mm 1:2,8–3,5 ASPH Mega OIS
Olympus Zuiko Digital ED 50 mm 1:2 Macro; 7–14 mm 1:4; 14–42 mm 1:3,5–5,6; 7–30 cm 1:4–5,6; M.Zuiko Digital ED 14–42 mm 1:3,5–5,6
Olympus Zuiko Auto-S 5 cm 1:1,4; Macro 5 cm 1:3,5
Vivitar OM 24 mm 1:2,8
Olympus FL-36; T-20
Metz Mecablitz 50 AF-1 Four Þirds


leandrod

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 498
  • Sexo: Masculino
  • Sistemas (Micro) Quatro Terços, Olympus OM, Pen.
    • Soli Deo Gloria
Resposta #11 Online: 11 de Setembro de 2009, 16:19:50
nem mesmo em durabilidade as câmeras deles são recordistas, segundo o Guinness a recordista em durabilidade é uma Nikon F5, com mais de 1 milhão de ciclos, e não uma Leica. ;)

Recordista não é um dado significativo para confiabilidade.  Assim como a experiência de alguns em assuntos como ergonomia não se pode contrapor à de outros sem dados de suporte, estatisticamente significativos e cientificamente coletados e analisados.

Ah, obrigado pela informação sobre ser aberta — eu confundi com o fato da família Kaufmann ser majoritária, ou pelo menos ter sido, até o ano passado.  O efeito é aproximadamente o mesmo, em que pese os direitos dos minoritários serem maior lá fora do que aqui, geralmente.
« Última modificação: 11 de Setembro de 2009, 16:26:21 por leandrod »
Olympus E-510; E-PL1; OM-1n; Pen EE.S-2 30 mm 1:2,8; 35 SPn 42 mm 1:1,7; Trip 35 4 cm 1:2,8
Leica Digilux 3
Panasonic Leica D Vario-Elmarit 14–50 mm 1:2,8–3,5 ASPH Mega OIS
Olympus Zuiko Digital ED 50 mm 1:2 Macro; 7–14 mm 1:4; 14–42 mm 1:3,5–5,6; 7–30 cm 1:4–5,6; M.Zuiko Digital ED 14–42 mm 1:3,5–5,6
Olympus Zuiko Auto-S 5 cm 1:1,4; Macro 5 cm 1:3,5
Vivitar OM 24 mm 1:2,8
Olympus FL-36; T-20
Metz Mecablitz 50 AF-1 Four Þirds


marcellosokal

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 446
Resposta #12 Online: 08 de Junho de 2010, 19:19:10
Incrivel como tem pretenso "especialista" que parece não ter a menor idéia do que fala.Sugiro estudar a filosofia de projeto da linha,a data de sua introdução, sua contribuição para a fotografia contemporanea e que pegue uma em mãos e tente usar (que realmente não é para qualquer um,infelizmente - já que é uma câmera pequena,silenciosa,robusta,sem qualquer automatismo aonde quem está no comando é o fotógrafo,não a câmera....)



Leo Terra

  • SysOp
  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.744
  • Sexo: Masculino
  • “Deus disse: 'Haja luz'. E houve luz.” (Gen 1,3)
    • http://www.leoterra.com.br
Resposta #13 Online: 09 de Junho de 2010, 20:39:27
Incrivel como tem pretenso "especialista" que parece não ter a menor idéia do que fala.Sugiro estudar a filosofia de projeto da linha,a data de sua introdução, sua contribuição para a fotografia contemporanea e que pegue uma em mãos e tente usar (que realmente não é para qualquer um,infelizmente - já que é uma câmera pequena,silenciosa,robusta,sem qualquer automatismo aonde quem está no comando é o fotógrafo,não a câmera....)


Marcelo acredito que a referência tenha sido a mim. Neste caso releia o que eu escrevi, pois consta acima mesmo que já usei (não uma mas várias vezes) e listo todos os problemas e benefícios (inclusive dois do que você citou). Mas hoje ela já não é mais nem a menor e nem a mais silenciosa, ou seja, nem nests atributos dá para colocá-la em grande vantagem para custar o que custa.
Mas cada um paga o que quer pelo que quer. Eu, particularmente, prefiro ter mais por menos.
« Última modificação: 09 de Junho de 2010, 20:40:07 por Leo Terra »
Leo Terra

CURSOS DE FOTOGRAFIA: www.teiadoconhecimento.com



ATENÇÃO: NÃO RESPONDO DÚVIDAS EM PRIVATIVO. USEM O ESPAÇO PÚBLICO PARA TAL.
PARA DÚVIDAS SOBRE O FÓRUM LEIA O FAQ.


ki-suco

  • Trade Count: (1)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 264
  • Sexo: Masculino
Resposta #14 Online: 10 de Junho de 2010, 16:06:18
Quem é Leiqueiro de carteira, qdo. o assunto da discussão envolve "Leica", normalmente usa paixão em vez de razão para expressar....experiência própria.... ;)