Autor Tópico: Os custos do digital  (Lida 2232 vezes)

Leo Terra

  • SysOp
  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.744
  • Sexo: Masculino
  • “Deus disse: 'Haja luz'. E houve luz.” (Gen 1,3)
    • http://www.leoterra.com.br
Online: 23 de Novembro de 2005, 01:13:06
Muitos se lamentam do porque suas câmeras quebram com X ou Y disparos, ou alguns clicam desesperadamente sob a ilusão que o digital não tem custos. Pensando nisso montei esse texto de referência com um exemplo, para mostrar os custos do digital, que na maioria dos casos não são levados em conta pelos usuários.
Hoje vc compra uma EOS 300 por R$ 880,00 novinha, ela dura aproximadamente 20mil disparos.

Comprando uma EOS 350D (que inclusive é mais câmera que uma EOS 300) novinha você irá pagar por volta de R$ 3000,00 e ela tbm dura aproximadamente 20mil disparos.

Considerando-se o custo de um filme razoável (veja bem não bom, apenas razoável) R$ 7.00 para cada 36 poses (e pagando barato), vc teria um custo de R$ 3888,00 para fazer 20mil fotos, só de filme, mais R$ 3,00 por revelação (sem ampliação) de cada filme de 36 poses vc teria um custo adicional de R$ 1666,00 de revelação.
Para digitalizar um filme no frontier o custo do lugar mais barato aqui em Ribeirão é R$ 0,50 por foto o que x 20mil fotos daria R$ 10000,00.

Mesmo trazendo a valor presente com 17% ao ano livre de impostos (que é uma boa aplicação) e uso gradual ao longo de 2 anos para atingirmos o uso da câmera de filme, tendo dado uma entrada de R$ 880,00 contra os R$ 3000,00 de inicial da digital ainda teríamos:
R$ 2678,00 para a compra do filme
R$ 1147,00 para a revelação do filme
R$ 6889,00 para a digitalização do filme

Então teríamos 3 cenários:
Compra de uma digital para 20mil disparos: R$ 3000,00
Custo por foto: R$ 0,15
Custo VPL: R$ 3000,00 ou R$ 0,15 por foto

Compra de uma câmera de película para 20mil disparos e armazenamento em película: R$ 6434,00
Custo por foto: R$ 0,32
Custo VPL: R$ 4706,00 ou R$ 0,23 por foto.

Compra de uma câmera de película para 20mil disparos e armazenamento digital: R$ 16434,00
Custo por foto: R$ 0,82
Custo VPL: R$ 11595,00 ou R$ 0,58 por foto.

Isso tudo sem considerar comodismo do digital, facilidade e de visualização, sem considerar consumo de combustível para levar para revelar e digitalizar e levando em consideração apenas o lado financeiro da coisa, inclusive com o VPL que é um dos métodos usados em avaliação de viabilizade de projetos, que no caso ainda ajuda a película porque o desembolso dela não é imediato.

Portanto em termos de custo para o amador ainda é ótimo negócio comprar digital à trabalhar com filme, assim como para o profissional.
O digital custa por volta de 50% do valor da película, o que o não podemos fazer é pensar que digital não custa e clicar de forma desenfreada. Vc faria 20mil fotos em 5 meses sendo amador se estivesse com uma câmera de filme? Muitos acabam fazendo com sua digitalzinha e ainda cobram que ela devia viver mais, fica um alerta, os usuários devem perceber que digital não é comprar a câmera e esquecer, é comprar a câmera e clicar com cuidado pq ela acaba assim, como o filme acabava e as câmeras de filme acabavam.  

Sugiro a todos que façam seus cálculos, de quanto está custando cada vez que você preciona o disparador de sua câmera, pois diferente do que muitos dizem, não é só apagar, você apaga a foto, mas não o desgaste provocado em seu equipamento.

Fica aqui o alerta. :)

 
Leo Terra

CURSOS DE FOTOGRAFIA: www.teiadoconhecimento.com



ATENÇÃO: NÃO RESPONDO DÚVIDAS EM PRIVATIVO. USEM O ESPAÇO PÚBLICO PARA TAL.
PARA DÚVIDAS SOBRE O FÓRUM LEIA O FAQ.


neocosmo

  • Trade Count: (10)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.055
    • http://neocosmo.deviantart.com/
Resposta #1 Online: 23 de Novembro de 2005, 01:38:39
Olá Léo.
Pois é... eu também concordo contigo... inclusive eu acho que vc chegou a postar alguns cálculos parecidos (talvez não tão precisos como agora) anteriormente...
O problema é que tem gente que ainda acha e que talvez tenha razão.... hehehe - que o filme ainda é melhor do que o digital na hora de revelar e tal... ((eu só concordarei com esta afirmação vendo testes hehehe))
Só sei que para aplicações até 20x30cm, não tem melhor "coisa" do que uma câmera digital mesmo sendo uma de entrada D-SLR.

Abraços,


Renato
Renato Ventura - Mococa e Ribeirão Preto/SP[/size]
email: renatoventura@uol.com.br



Francisco

  • Trade Count: (5)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.550
Resposta #2 Online: 23 de Novembro de 2005, 04:52:38
É, fiz os meus cálculos e cheguei em valores parecidos com o do Leo.

Quanto custa para ressucitar uma D50 após esses 20000 disparos? E se ela morrer aos 8000 disparos, como fica?

Tem outros aspectos que não são tão fáceis de se mensurar, como: comprar uma 50mm F1.4 AF para uma Nikon é quase uma extravagância, enquanto comprar uma lente manual (Canon Fd) F1.2 com o melhor da tecnologia dos anos 70 são uns 250 reais :P. Aberração cromática era conversa de especialista na fotografia analógica. No mundo digital é um fenômeno corriqueiro e quase inevitável para quase 100% dos mortais que não conseguem comprar lentes excepcionais. O ruído de filme ainda é o preferido entre os que consomem e os que produzem fotografia.

Obviamente, a digital traz muitas outras vantagens para o fotógrafo, como ver os resultados na hora, poder mudar o ISO sem trocar de filme, não precisar se deslocar para  a revelação, etc, etc, etc. É a melhor relação custo x benefício sem sombra de dúvidas.

Eu indicaria equipamento analógico só para caras como eu, que são exigentes com qualidade de imagem e não têm  R$ 4500,00 para adquirir uma boa DSLR e um bom set de objetivas. Ainda assim, talvez eu pense daqui a algum tempo comprar uma DSLR no prazo (e longo prazo :P), que deve sair mais em conta do que fotografar com filme.










 
Francisco Amorim
Porto Alegre - RS
2x Canon F1 Old, AE1; Pentax MX, K100D; Fuji Finepix f10; Panasonic LX3


Guto Marc

  • Trade Count: (14)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.604
    • http://www.gutomarcondes.com.br
Resposta #3 Online: 23 de Novembro de 2005, 08:46:55
Leo, legal estes cálculos, mas acho que está um pouco distorcido o da película. Aqui em SP eu pago R$ 10,50 para revelar um filme de 36 poses e gravar em um CD em 10x15 - 300DPI. E vale contar tbm que cada ampliação de película custa em média R$0,50, contra R$ 0,80 da digital. Há de se levar em consideração tbm que para se atingir 20mil disparos em uma EOS 300 é bem mais demorado do que em uma Rebel XT. Portanto, acho que se considerarmos todos os fatores, daria um empate. Para quem tem $$, óbvio que a digital é mais jogo. Mas para quem está meio durango, uma de película pode quebrar um galhão.
** NÃO TRABALHO MAIS COM SEGURO DE EQUIPAMENTOS **

Visitem meu blog sobre fotografia : https://www.gutomarcondes.com.br
E meu site sobre dicas de viagem :
https://www.reviewdeviagem.com.br


mauvanju

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 103
    • http://mauvanju.multiply.com/photos
Resposta #4 Online: 23 de Novembro de 2005, 11:19:27
Citar
Hoje vc compra uma EOS 300 por R$ 880,00 novinha, ela dura aproximadamente 20mil disparos.
Leo preciso trocar de câmera URGENTE e onde poço encontrar a EOS 300 por 880,00 ?

Abçs,
Maurício


Leo Terra

  • SysOp
  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.744
  • Sexo: Masculino
  • “Deus disse: 'Haja luz'. E houve luz.” (Gen 1,3)
    • http://www.leoterra.com.br
Resposta #5 Online: 23 de Novembro de 2005, 11:37:14
Francisco, a questão é bem simples, a média da D50 é por volta de 30mil disparos, é obvio que algumas quebrarão com menos e outras com mais, por isso é uma média, mas você pode trabalhar com a média sem o menor problema, você pode ter problemas antes certamente isso irá incorrer em prejuízos, enquanto você pode ultrapassar essa média e ter lucro, mas é importante você calcular o custo por disparo, para ter uma idéia dos custos operacionais do seu trabalho e de cada clique, é claro que está sugeito a variações, mas é totalmente necessário. Se considerarmos os reparos o digital ainda fica mais barato ainda, um obturador desses pode ser trocado por R$ 700,00 e durar novamente a média da câmera.

Guto eu estou considerando os preços mais em conta que eu conheço para gerar um resultado digital de 6MP, esse seu resultado digitalizado em 10x15 em 300dpi é relativamente inútil, você pode não querer digital, para isso o lugar mais barato que conheço em Ribeirão oferece ampliação a R$ 3,00. Enquanto o lugar mais barato para digitalização em 6MP oferece a 0,50 por foto o que daria R$ 18,00 para um filme de 36 poses, são simplesmente os preços mais em conta que eu tenho acesso para esse padrão, que colocaria a disputa de forma equilibrada.
Quanto à ampliação o digital sem retoque está o mesmo preço que o de película aqui em Ribeirão, mesmo porque não faz sentido custar diferente, uma vez que o digital é até mais fácil de ser ampliado nos labs atuais, mas em todo o caso para analisar em termos de ampliação teríamos que trabalhar os cálculos de outra forma, mesmo porque enquanto um fotógrafo de película normalmente amplia a integralidade de suas fotos em pequeno formato e depois um certo percentual em grande formato o pessoal de digital amplia apenas uma pequena parcela de suas fotos em pequeno formato e normalmente a mesma parcela em grande formato, ou seja, para entrarmos nesse tipo de cálculo teríamos muita dificuldade, porque precisaríamos pesquisar os comportamentos de cada tipo de consumidor para fazeruma estatística adequada. :)

Agora com relação a durabilidade a de filme e a digital tem EXATAMENTE a mesma durabilidade, para efeito de custos por disparo (que é o que estamos calculando) o digital é bem mais em conta, a questão toda é que a maioria dos fotógrafos que embarca no digital ignora os custos por disparo e acaba entrando em uma enorme onda de clicar achando que não está gastanto.
Seria a mesma coisa que eu lhe desse 555 bobinas de filme de 36 poses e falasse: "Pode bater a vontade que a revelação é por minha conta". Você provavelmente queimaria esses filmes até mais rápido do que no digital (pela impossibilidade de não ter oportunidade de ver a foto). Isso é comum em fotógrafos sociais, eles gastam mais bobinas do que cartão. É tudo uma questão da sua visão dos custos de suas operações e do hábito, as pessoas usam mais digital por essa percepção, mas o custo por disparo continua sendo absurdamente mais baixo, mesmo quando trazemos a valor presente (essa é a grande vantagem do filme, o desembolso é a longo prazo, mas mesmo assim não compensa os baixos custos do digital).

Na verdade a função desse texto é mostrar para quem tem digital exatamente que ela tem custos e mostrar para quem ainda está na onda do filme o quão mais caro estão pagando por cada disparo, não vou entrar nos méritos dos critérios de cada fotógrafo pois não é o caso, acho que todos aqui conhecem minha posição sobre os "clicadores" (isso mesmo não são fotógrafos, são clicadores). :)
Leo Terra

CURSOS DE FOTOGRAFIA: www.teiadoconhecimento.com



ATENÇÃO: NÃO RESPONDO DÚVIDAS EM PRIVATIVO. USEM O ESPAÇO PÚBLICO PARA TAL.
PARA DÚVIDAS SOBRE O FÓRUM LEIA O FAQ.


Leo Terra

  • SysOp
  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.744
  • Sexo: Masculino
  • “Deus disse: 'Haja luz'. E houve luz.” (Gen 1,3)
    • http://www.leoterra.com.br
Resposta #6 Online: 23 de Novembro de 2005, 11:37:53
Citar
Citar
Hoje vc compra uma EOS 300 por R$ 880,00 novinha, ela dura aproximadamente 20mil disparos.
Leo preciso trocar de câmera URGENTE e onde poço encontrar a EOS 300 por 880,00 ?

Abçs,
Maurício
Mercado Livre e lojas da conselheiro.
 
Leo Terra

CURSOS DE FOTOGRAFIA: www.teiadoconhecimento.com



ATENÇÃO: NÃO RESPONDO DÚVIDAS EM PRIVATIVO. USEM O ESPAÇO PÚBLICO PARA TAL.
PARA DÚVIDAS SOBRE O FÓRUM LEIA O FAQ.


Guto Marc

  • Trade Count: (14)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.604
    • http://www.gutomarcondes.com.br
Resposta #7 Online: 23 de Novembro de 2005, 13:03:36
:thmbup:
Eu entendi Leo......É o caso de fotógrafos metralhadores, ou como ouvi no BRfoto, "masturbadores de câmera".... :risada2: É realmente importante entenderem que toda foto tem um custo, inclusive para quando forem prestar algum serviço, saberem como precificar. Não adiante vir com aquela idéia de que como é digital, só terá os custos das fotos impressas. E há também o custo da bateria, que na digital é mais cara e tem duração limitada. Na de película, pode-se em alguns casos usar 4 pilhas AA alcalinas ou recarregáveis, que duram uma eternidade....rs
Ultimamente, tenho utilizado somente este sistema que te falei, pq a digitalização me permite imprimir em casa ou enviar para um lab direto por e-mail, e no caso de querer grandes formatos, basta levar o negativo. Isso diminui bastante os custos com revelação/ampliação.
Abraços !!
** NÃO TRABALHO MAIS COM SEGURO DE EQUIPAMENTOS **

Visitem meu blog sobre fotografia : https://www.gutomarcondes.com.br
E meu site sobre dicas de viagem :
https://www.reviewdeviagem.com.br


Francisco

  • Trade Count: (5)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.550
Resposta #8 Online: 23 de Novembro de 2005, 18:07:15
Tem outro problema para fotógrafos amadores. Andar na rua empunhando uma D50 é meio temerário. Com uma velha analógica, é mais tranqüilo. Eu ficaria numa tensão enorme se estivesse exibindo um equipamento de 3000,00 (+ objetivas) na rua. Acabaria me tornando um macrofotógrafo de jardim :P

Fotos na praia/litoral também, nem pensar, afinal, a maresia pode emperrar alguns componentes da câmera. Com uma analógica velha, dane-se, com R$ 300,00 se compra uma nova (uma nova velha :P). Enfim, amador "crassemédia" que se mete a comprar uma DSLR fica sempre na tensão de perder todo o seu investimento a qualquer instante.

Para profissional não tem outra opção mesmo, tem que ser digital para não sair no prejuízo, tendo um custo maior por foto, além da queda de produtividade usando filme.
« Última modificação: 23 de Novembro de 2005, 18:11:55 por Francisco »
Francisco Amorim
Porto Alegre - RS
2x Canon F1 Old, AE1; Pentax MX, K100D; Fuji Finepix f10; Panasonic LX3


helder84

  • Trade Count: (1)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.187
Resposta #9 Online: 23 de Novembro de 2005, 19:31:47
Como fica, se no caso a pessoa fizer apenas a revelação da pelicula, não ampliar, e deixar para escanear a pelicula em casa?
 :denken:  
Helder Viana

"É um que sabe mais que o outro."


Leo Terra

  • SysOp
  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.744
  • Sexo: Masculino
  • “Deus disse: 'Haja luz'. E houve luz.” (Gen 1,3)
    • http://www.leoterra.com.br
Resposta #10 Online: 23 de Novembro de 2005, 20:04:12
Citar
Como fica, se no caso a pessoa fizer apenas a revelação da pelicula, não ampliar, e deixar para escanear a pelicula em casa?
 :denken:
Sem digitalização é o cenário 2.
Com a digitalização feita no minilab é o cenário 3.
Para compra co Sanner basta adicionar o custo de um levando em conta sua vida útil. :)
Leo Terra

CURSOS DE FOTOGRAFIA: www.teiadoconhecimento.com



ATENÇÃO: NÃO RESPONDO DÚVIDAS EM PRIVATIVO. USEM O ESPAÇO PÚBLICO PARA TAL.
PARA DÚVIDAS SOBRE O FÓRUM LEIA O FAQ.


FernandoPaes

  • Trade Count: (17)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.522
  • Sexo: Masculino
  • Fernando Paes - Fotógrafo
    • Fernando Paes - Fotógrafo de Casamentos
Resposta #11 Online: 24 de Novembro de 2005, 12:20:47
Léo,

Se o pessoal usasse a camera digital como usava a analogica, essa turma teria equipamento por 10 anos! heheheh

A coisa é que hoje temos uma turma de dedo mole que alimenta a máquina do mercado!

E da-lhe cameras novas!

Abraço,
Fernando
Fernando Paes - Fotógrafo de Casamentos - SP
Visite meu Website: http://www.fernandopaes.com.br

Conheça nosso podcast para fotógrafos sociais!


Leo Terra

  • SysOp
  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.744
  • Sexo: Masculino
  • “Deus disse: 'Haja luz'. E houve luz.” (Gen 1,3)
    • http://www.leoterra.com.br
Resposta #12 Online: 24 de Novembro de 2005, 12:49:33
Verdade Fernando, eu mesmo estava calculando, se eu não pegasse os 4 desfiles que pego no ano minhas S3 durariam mais de 10 anos ehehhe!
Leo Terra

CURSOS DE FOTOGRAFIA: www.teiadoconhecimento.com



ATENÇÃO: NÃO RESPONDO DÚVIDAS EM PRIVATIVO. USEM O ESPAÇO PÚBLICO PARA TAL.
PARA DÚVIDAS SOBRE O FÓRUM LEIA O FAQ.


RICARDOZANOTTO

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 47
Resposta #13 Online: 05 de Dezembro de 2005, 22:03:52
Interessante as colocações do Leo Terra, a matemática fala mais que uma dissertação de 3 páginasm, não é mesmo:

E se transformarmos os disparos em equivalentes de rolos de filmes 35 mm:

30 mil disparos é igual a mais de 830 rolos de 36 poses .

20 mil disparos passam de 550 rolos.

10 mil disparos (compactas) chega a 277 rolos.

Quem compra uma máquina (digital ou analógica) e tira até 36 fotos por semana (amador) vai precisar de 10,65 anos para realizar a façanha de chegar aos 20 mil disparos.  

Já um profissional pode chegar aos mesmos 20 mil clicks bem mais rápido, sem dúvida.
Ricardo Zanotto[/size]

Canon EOS 350D + Sigma EX 10-20mm f4-5.6 DC + 2 CF 1GB

FujiFilm FinePix F30 Zoom + XD Card 2 GB
[/font]


Rafael David

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 115
    • Meu Flickr
Resposta #14 Online: 06 de Dezembro de 2005, 13:06:46
Se eu for ter um uso completamente amador vale mais a pena comprar uma analógica usada então?
(me desculpem pela pergunta meio boba hehe)
Nikon D50 + 28-80mm + 50mm 1.8