Autor Tópico: Como montar um fotoclube  (Lida 12648 vezes)

thiagosilva010

  • Trade Count: (7)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 727
  • Sexo: Masculino
Online: 06 de Agosto de 2010, 14:25:43
Boa tarde a todos,

Sou um solitário amador e percebo que em minha região existem muitos profissionais e amadores na mesma situação, pensando dessa forma gostaria que criar um fotoclube do interior paulista e assim tentar reunir essa turma em saídas fotográficas, eventos, exposições, etc. Mas não tenho a mínima idéia de como poderia fazer, como funciona e se é preciso ter algum registro ou alguma regulamentação para criar algo do gênero, ao que já participam de algum fotoclube e puder dar algumas dicas e mostrar algum norte para onde seguir ficarei grato.

[]s
Thiago


André Sena

  • Trade Count: (23)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.673
  • Sexo: Masculino
Resposta #1 Online: 07 de Agosto de 2010, 09:39:31
Thiago, entre em contato com a Confederação Brasileira de Fotografia.

http://www.confoto.art.br/

Ela te auxilia em todo o processo.

[ ]'s
André Sena


Adaly Pinheiro

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 382
  • Sexo: Masculino
  • Fotografar é guardar um pedaço da vida para sempre
    • Flickr
Resposta #2 Online: 07 de Agosto de 2010, 11:49:28
Thiago

Aqui em Florianópolis existe um fotoclube que não funciona.

Nosso grupo se formou através de um Grupo do Flickr. É bem menos burocrático e funciona da mesma maneira que um fotoclube. É composto por profissionais, amadores e simpatizantes.

Periodicamente realizamos reuniões, chamadas de Mesa Redonda (que geralmente é quadrada), onde conversamos sobre tudo que se relaciona com fotografia. Principalmente quanto a técnicas, uso de equipamentos (fotografia e iluminação), mercado de trabalho e a qualidade do vinho gaúcho, argentino, chileno, português e de Urussanga (que é uma cidadezinha aqui de perto que produz um excelente vinho).

Isso não inviabiliza a organização de um fotoclube, até já conversamos sobre uma maneira de reativar o nosso e torná-lo uma ferramenta de aprendizado e organização de cursos e eventos.

Como sugestão, primeiro organiza um grupo que tenha o mesmo interesse e depois, juntos, dá prá alçar voos mais altos.

Boa sorte nesse empreitada, sei que é dura e longa (sem duplo sentido).

Abraços





« Última modificação: 07 de Agosto de 2010, 11:50:55 por Adaly Pinheiro »
"...a fotografia é subversiva não quando assusta, perturba ou até estigmatiza,
mas quando é pensativa." - Barthes.

Adaly Pinheiro - Sto. Amaro da Imperatriz/SC
http://www.flickr.com/photos/adaly_pinheiro/


thiagosilva010

  • Trade Count: (7)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 727
  • Sexo: Masculino
Resposta #3 Online: 13 de Agosto de 2010, 15:14:18
Obrigado pelas dicas, acho que a opção de montar um flickr e reunir a galera de início acho que será o melhor por enquanto, futuramente pensamos em algo maior. Mais uma vez obrigado pelas respostas.

[]s


Arcadas

  • Trade Count: (23)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 187
    • Site Pessoal
Resposta #4 Online: 20 de Novembro de 2010, 16:05:09
aqui em minha cidade há uma mal estar quanto a união dos fotógrafos para qualquer finalidade
todos se sentem concorrentes e não trocam informaçã algum
sempre que busco algo mais, novos conhecimentos...apelo para os foruns, locais onde aprendi e continui aprendendo muito.
morar em cidade pequena é riculo por isso....um poderia ajudar o outro, mas preferem comer vivo literalmente
Nikon D800 +  12-24 / 24-70 / 70-200 / SB800 
Fuji XT1 + 18-55 / 35

http://www.reginaldoleme.com
https://www.facebook.com/reginaldolemefotografo


spiderman

  • Trade Count: (4)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.410
Resposta #5 Online: 20 de Novembro de 2010, 16:18:48
aqui em minha cidade há uma mal estar quanto a união dos fotógrafos para qualquer finalidade
todos se sentem concorrentes e não trocam informaçã algum
sempre que busco algo mais, novos conhecimentos...apelo para os foruns, locais onde aprendi e continui aprendendo muito.
morar em cidade pequena é riculo por isso....um poderia ajudar o outro, mas preferem comer vivo literalmente
Dificil das pessoas entenderem que a troca de conhecimento gera mais conhecimento.
Campanha de crowdfunding pra lançamento do livro - Retratos pra Yayá

Acesse e apoie: www.catarse.me/retratosprayaya


Mr. Hyde

  • Trade Count: (4)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 16.575
  • Sexo: Masculino
    • Faceboock
Resposta #6 Online: 20 de Novembro de 2010, 19:11:37
Dificil das pessoas entenderem que a troca de conhecimento gera mais conhecimento.

Vá morar em cidade pequena pra você ver!!!! Bonitinho na teoria, na prática é muito diferente. É como disse o Reginaldo: "comer vivo literalmente".

____________________
"Deus perdoe o Mal que habita em mim" M. Nova


Arcadas

  • Trade Count: (23)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 187
    • Site Pessoal
Resposta #7 Online: 20 de Novembro de 2010, 20:41:50
aqui é bom só pra dormir, ir a pé entre um lugar e outro (pois é tudo perto)
dificil cobrar bem de um trampo, o cliente chora e vc fica com dó, ele não entende o valor dos equipamentos e pra variar acham q qualquer um faz as fotos....


Vá morar em cidade pequena pra você ver!!!! Bonitinho na teoria, na prática é muito diferente. É como disse o Reginaldo: "comer vivo literalmente".

Amparo, minha cidade, tem 67 mil habitantes, fica na região do Circuito das Águas
50 km de Campinas e 130km de SP
Aqui tem 11 fotógrafos, sendo 6 lojas e o restante autonomo.
Um ou outro dá pra trocar umas ideias....mas os caras das lojas mais tradicionais são péssimos em troca de informações...acha mque vão roubar clientes deles
« Última modificação: 21 de Novembro de 2010, 20:32:43 por pedro_raythz »
Nikon D800 +  12-24 / 24-70 / 70-200 / SB800 
Fuji XT1 + 18-55 / 35

http://www.reginaldoleme.com
https://www.facebook.com/reginaldolemefotografo


Alfredo Risk

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.721
  • Sexo: Masculino
Resposta #8 Online: 12 de Março de 2011, 18:09:17
Tem ignorantes que acham que trocando informações está entregando os ovos de ouro para outras pessoas.
Isso com certeza é mente de quem faz as coisas mal feito ou não confia no próprio trabalho.
Conhecimento gera conhecimento, infelizmente aqui na minha cidade tenho que pagar para ter esse conhecimento, já que os nossos amigos fotógrafos da região, estão sumidos, ou não gostam de fazer passeios fotográficos, muito menos mesas redonda, quadrada, retangular.
É um assunto complicado.
« Última modificação: 12 de Março de 2011, 18:09:45 por alfredorisk »
Alfredo Risk
Flickr:  http://www.flickr.com/alfredorisk/
Fotojornalismo: Canon 7D | Canon T2i | Lente Canon 50mm f/1.8 || Lente Sigma 10-20mm f/3.5  | Lente 16-35mm f/2.8 L II USM | Lente 70-200 f/2.8L IS II
USM | Flash Canon 430 EX II
Eventos Sociais: Canon 6D|Lente 28mm f/1.8|
Lente 50mm f/1.4| Lente 85mm f/1.8| Flash Canon 430 EX II


Rubens Nemitz Jr

  • Trade Count: (4)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 73
  • Sexo: Masculino
    • Rubens Nemitz Jr - Fotografia Profissional
Resposta #9 Online: 26 de Março de 2011, 06:48:09
Montar um FotoClube, uma ONG de fotografia...

Esse assunto vem sendo discutido sempre, gerando várias polêmicas aqui por aqui, o que há anos trava todo o processo de criação de um Clube.
Hoje, depois de estudar muito sobre isso, e enfim achar as "pessoas certas", consigo ver o porque disso tudo, de uma forma a qual não gostaria de ter enxergado.
O grande problema é o fator "eu sou o dono da idéia", e acredite, isso não só estraga amizades como acaba com grandes grupos!
Ai você me pergunta: "Aaaa Rubens, mas isso tem a ver mesmo? Capaz..."
Eu respondo: Sim, e há como provar!

OBS: Quando digo "pessoas certas", não me refiro a fotógrafos ultra-mega-power com nome renomado, muito menos celebridades e/ou pessoas influentes demais! Pessoas certas são aquelas determinadas em fazer a coisa acontecer, confiáveis, e numa simples conversa você acaba identificando isso!

Fotógrafo em sua grande maioria, possui sentidos aguçados, e talvez por isso o ego seja culminante em alguns da espécie, atrapalhando a convivência com os demais!
A grosso modo, um grupo de seres humanos egocêntricos, detalhistas, ambiciosos, que buscam sucesso na fotografia, vendo o mercado concorrido como é (sim, hoje é concorrido demais comparado a anos atrás), automaticamente cria defesas e age como o boi Brahma que deserda do rebanho, levando outros tantos consigo, formando outros pequenos grupos, muitas vezes esquerdistas à idéia da comunidade, e digo de carteirinha: isso acontece sempre!

Na maioria das vezes, isso ocorre com mentes fortes que buscam ser formadores de opinião contrária a tudo que vem a tona para beneficiar a todos, o que seria demais para a ambição de um clicador de botões que pretende dominar o mundo fotográfico propriamente dito! Geralmente, as pessoas que seguem estes são aquelas que estão começando na área fotográfica, sem muita experiência no ramo, e identificam um líder esquerdista como um aliado potencial!
Rs, parece que estou escrevendo um livro sobre guerras aqui, mas não, é apenas o que acontece...

Começamos com um grupo no Flickr. Até cento e poucas pessoas éramos unidos e as coisas engrenaram e os projetos saíam do papel, aconteciam, pois éramos como uma pequena vila onde todos se vêem sempre e aprendem juntos! Com o crescimento do grupo para mais de mil integrantes, num cenário flickeriano, é demais querer fazer funcionar redondo!
O Flickr é um ótimo sistema, uma excelente ferramenta de exposição do trabalho, uma bela rede de relacionamentos para amigos, colegas, fotógrafos profissionais, amadores e entusiastas, tal como um Orkut - e não um Facebook, entenda - para fotógrafos, porém, não há como pedir "comprometimento" por parte dos usuários integrantes do grupo! Não só porque a parte de comunicação via FlickrMail não se faz da Administração para todos, e sim para 1 a 1, mas porque o sistema é livre, e livre são seus frequentadores, como uma via pública de mão dupla, porém sem placas, semáforos, sinalização!
Em resumo, nesta parte, grupos pequenos com pessoas conhecidas e comprometidas, via Flickr, até funciona!

"Objetivos em comum dão certo, tendem a crescer, mas com as pessoas certas..."

Essa frase pode parecer bairrista demais, mas coloque uma pessoa que pretende benefício próprio, auto-promoção e que seja bastante gananciosa na formação de uma diretoria e saberá bem o que estou falando!

Um grupo de fotógrafos do Flickr que dá certo é formado por pessoas que tem em mente a evolução no meio, aprender, expandir informações, parcerias, amizades, enfim, todos tipo de relação com o mundo da foto, e que saibam que ficará assim pra sempre, limitados aos recursos do sistema e a vontade de todos de carregar o peso, organizar encontros e todo tipo de eventos!

Mas como a tendência é evoluir sempre, e com isso vem mais idéias, e a coisa vai ficando mais complexa e grande no sentido de melhorar tudo para todos, e com isso, é inevitável a busca por apoios, parcerias, patrocínios e demais meios facilitadores, eis que chega o dia D, e a pergunta é feita: QUEM SOMOS?
A resposta seria: "Somos um grupo virtual de pessoas que tem a fotografia em comum em suas vidas!"
Não que isso seja pouco (e longe de falar mal do Flickr, bem longe), mas não somos nada além disso! E como você acaba se tocando disso? Quando você vai fechar uma parceria, apoio ou patrocínio para um projeto - independente da sua dimensão - e não há como oficializar isso, de empresa para empresa, e ai fica uma situação chateante, pois você não contava com tal tropeço!

Entre outras tantas coisas, um FotoClube é uma ONG, com registro, documentos que comprovam sua existência e mostram seus objetivos, e ai você busca recursos para alguém que existe juridicamente, e assim os benefícios serão para os sócios de um Clube de Fotografia, pessoas comprometidas em idealizar e executar projetos!

Mas, se a intenção é ficar sempre na mesma, com um grupo de pessoas que saem juntos para fotografar, esqueça isso de montar um Clube, pois embora não pareça, é algo muito sério uma empresa cheia de papéis com nomes de pessoas responsáveis em representar outras tantas!

Enfim, talvez este seja o post com texto bem pouco fora do comentário esperado, mas tudo isso é pra expor o que mais de cinco anos de projetos, tentativas e erros trazem para a vida de alguns fotógrafos que pretendem fazer mais do que o de sempre e para si próprio, afinal, evoluir só tem algum graça?

As comunidades devem ser criadas, com líderes que pretendem expandir a fotografia de forma consciente e provida de conteúdo e benefícios culturais para todos que pretendem crescer juntos, tal como uma cooperativa de informações, e o sucesso coletivo virá com o tempo, aos que assim quiserem!

Abraços a todos _o/
Rubens Nemitz Jr
Flickr www.flickr.com/nasalturas
Flickr www.flickr.com/rubensnemitzjr


VENDENDO mochila Vanguard Up-Rise 48