Autor Tópico: Latitude. O que significa?  (Lida 5009 vezes)

nakinha

  • Trade Count: (91)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.517
Online: 31 de Outubro de 2010, 21:56:22
Vejo muitos comentários de fotos falando em Latitude. O que isso significa? Como saber se uma foto está com a latitude boa ou má?
NAKINHA
Canon EOS 600D
Canon EF-S 18-200mm  f/3.5-5.6 IS
Yongnuo EF 1.8/50mm
Flash Canon Speedlight 550EX
Sony ILCE A-3000
Lente Sony E 18-55mm f/3.5-5.6 OSS
Lentes Manuais: Helios 44-3 2.0/58mm,  Promaster Spectrun 7 - 28-80mm. f/ 3.5-4.5, Kiron 2.0/28mm, Porst Color Reflex 1.8/50mm, Rollei Tele-Tessar 4.0/135mm.
http://www.flickr.com/photos/nakinha


AFShalders

  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.304
  • Sexo: Masculino
  • "Bela câmera, mas mostre as fotos..."
    • Old Good Light
Resposta #1 Online: 31 de Outubro de 2010, 22:28:39
De maneira curta e grossa seria a capacidade de um meio (digital ou filme) de lidar com variações tonais. A latitude é tanto maior quanto a capacidade de registrar tons nos extremos escuro e claro. De outra forma, conseguir registrar o máximo possível de tons sem estourar, tanto para baixo quanto para cima. É o "alcance" em termos de capacidade de registro de tons.
Ética não é negociável.

Viciado em Fotografia desde 1980
www.oldgoodlight.blogspot.com
www.flickr.com/groorj


spiderman

  • Trade Count: (4)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.410
Resposta #2 Online: 31 de Outubro de 2010, 23:21:05
De maneira curta e grossa seria a capacidade de um meio (digital ou filme) de lidar com variações tonais. A latitude é tanto maior quanto a capacidade de registrar tons nos extremos escuro e claro. De outra forma, conseguir registrar o máximo possível de tons sem estourar, tanto para baixo quanto para cima. É o "alcance" em termos de capacidade de registro de tons.
Impressao minha ou é mais facil de obter maiores latitudes em cameras analogicas?
Campanha de crowdfunding pra lançamento do livro - Retratos pra Yayá

Acesse e apoie: www.catarse.me/retratosprayaya


dondon

  • Trade Count: (5)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.287
  • Sexo: Masculino
    • Plínio Dondon
Resposta #3 Online: 31 de Outubro de 2010, 23:24:35
Impressão não, Spider. Filmes (em geral) têm maior latitude que sensores digitais.

Não sei se há uma situação comparativa onde sensor X tenha maior latitude que filme Y, acho q não.

Abraço.


nakinha

  • Trade Count: (91)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.517
Resposta #4 Online: 31 de Outubro de 2010, 23:40:09
Sem querer abusar da boa vontade de voces que já fizeram comentários deste tópico, eu gostaria de saber se é possível colocar 2 exemplos de fotos com latitudes boa e ruim. Grato.
NAKINHA
Canon EOS 600D
Canon EF-S 18-200mm  f/3.5-5.6 IS
Yongnuo EF 1.8/50mm
Flash Canon Speedlight 550EX
Sony ILCE A-3000
Lente Sony E 18-55mm f/3.5-5.6 OSS
Lentes Manuais: Helios 44-3 2.0/58mm,  Promaster Spectrun 7 - 28-80mm. f/ 3.5-4.5, Kiron 2.0/28mm, Porst Color Reflex 1.8/50mm, Rollei Tele-Tessar 4.0/135mm.
http://www.flickr.com/photos/nakinha


spiderman

  • Trade Count: (4)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.410
Resposta #5 Online: 31 de Outubro de 2010, 23:41:55
Impressão não, Spider. Filmes (em geral) têm maior latitude que sensores digitais.

Não sei se há uma situação comparativa onde sensor X tenha maior latitude que filme Y, acho q não.

Abraço.

Pois e. Eu tinha uma analogica do modelo da digital que tenho hoje e os resultados que eu obtinha anteriormente eram muito melhores. Vejam:



Campanha de crowdfunding pra lançamento do livro - Retratos pra Yayá

Acesse e apoie: www.catarse.me/retratosprayaya


Elmo

  • Trade Count: (5)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.458
Resposta #6 Online: 31 de Outubro de 2010, 23:56:49
Desculpe-me, Spiderman. Mas o exemplo que você colocou acima não faz o menor sentido.

Ao digitalizar uma fotografia, extingue-se as surpreendentes variações de tons que o negativo (ou diapositivo) pode oferecer.

Essa foto que fiz de minha filha usando uma Médio Formato, por exemplo:



Aqui, apresentada assim, digitalizada, pode dar a idéia da infinidade de variações de tons de cinza. Mas apenas oferece a idéia, pois a foto, em condições tão adversas de iluminação, caso tenha sido feita com uma digital, teria maiores dificuldades em expor essas variações, ou seja, não dá pra verificar isso no monitor assassino. Dessa forma, s na verdade, essa latitude "confortável" só pode ser verificada em uma boa e bem executada ampliação em um bom papel no velho processo da cópia.
« Última modificação: 31 de Outubro de 2010, 23:57:34 por Elmo »


spiderman

  • Trade Count: (4)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.410
Resposta #7 Online: 01 de Novembro de 2010, 00:06:43
Desculpe-me, Spiderman. Mas o exemplo que você colocou acima não faz o menor sentido.

Ao digitalizar uma fotografia, extingue-se as surpreendentes variações de tons que o negativo (ou diapositivo) pode oferecer.

Essa foto que fiz de minha filha usando uma Médio Formato, por exemplo:



Aqui, apresentada assim, digitalizada, pode dar a idéia da infinidade de variações de tons de cinza. Mas apenas oferece a idéia, pois a foto, em condições tão adversas de iluminação, caso tenha sido feita com uma digital, teria maiores dificuldades em expor essas variações, ou seja, não dá pra verificar isso no monitor assassino. Dessa forma, s na verdade, essa latitude "confortável" só pode ser verificada em uma boa e bem executada ampliação em um bom papel no velho processo da cópia.

Entendi errado entao. Pensei que o histograma fosse um bom parâmetro. No caso da sua foto, me parece que a latitude seria maior, mas, entratanto, ela possui estouros e pretos. Isso nao sumiria na ampliação em papel, sim?
Campanha de crowdfunding pra lançamento do livro - Retratos pra Yayá

Acesse e apoie: www.catarse.me/retratosprayaya


Elmo

  • Trade Count: (5)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.458
Resposta #8 Online: 01 de Novembro de 2010, 00:28:37
É o que eu quis dizer. Esses detalhes ocultados pelo que chamam de "estouro" podem ser mais facilmente preservados. Um vestido branco de noiva, por exemplo, fotografado com filme, vai mostrar muito mais as variações que o digital. Isso devido à latitude. Mas não adianta mostrar isso digitalizando uma foto oriunda de filme.


spiderman

  • Trade Count: (4)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.410
Resposta #9 Online: 01 de Novembro de 2010, 00:38:25
Se entendi bem, devido a superficie, tamanho do papel e qualidade do scanner?
Campanha de crowdfunding pra lançamento do livro - Retratos pra Yayá

Acesse e apoie: www.catarse.me/retratosprayaya


Elmo

  • Trade Count: (5)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.458
Resposta #10 Online: 01 de Novembro de 2010, 01:01:37
Não, Aranha. Devido às infinitas possibilidades de variações do processo químico, enquanto o meio digital oferece variações discretas.
« Última modificação: 01 de Novembro de 2010, 01:02:23 por Elmo »


AFShalders

  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.304
  • Sexo: Masculino
  • "Bela câmera, mas mostre as fotos..."
    • Old Good Light
Resposta #11 Online: 01 de Novembro de 2010, 01:19:41

Em uma imgem a 24 bits (8 por cor), você tem 256 variações de intensidade por cor.
No filme são infinitas.

Fora que o filme dificilmente "estoura" como o digital. Ainda existe algo chamado "lei da reciprocidade" em que a sensibilidade do filme diminui conforme a exposição aumenta, principalmente com filmes positivos.


Um bom scanner vai te dar mais latitude e faixa dinâmica, mas não vai ser como o filme.

Se quiser dê uma olhadinha aqui:

http://photomysteries.com/website/Photomysteries/Filme_X_Digital.html



« Última modificação: 01 de Novembro de 2010, 01:21:22 por afshalders »
Ética não é negociável.

Viciado em Fotografia desde 1980
www.oldgoodlight.blogspot.com
www.flickr.com/groorj


spiderman

  • Trade Count: (4)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 13.410
Resposta #12 Online: 01 de Novembro de 2010, 01:56:19
Não, Aranha. Devido às infinitas possibilidades de variações do processo químico, enquanto o meio digital oferece variações discretas.
Em uma imgem a 24 bits (8 por cor), você tem 256 variações de intensidade por cor.
No filme são infinitas.

Fora que o filme dificilmente "estoura" como o digital. Ainda existe algo chamado "lei da reciprocidade" em que a sensibilidade do filme diminui conforme a exposição aumenta, principalmente com filmes positivos.


Um bom scanner vai te dar mais latitude e faixa dinâmica, mas não vai ser como o filme.

Se quiser dê uma olhadinha aqui:

http://photomysteries.com/website/Photomysteries/Filme_X_Digital.html




:ok: :ok:
Campanha de crowdfunding pra lançamento do livro - Retratos pra Yayá

Acesse e apoie: www.catarse.me/retratosprayaya


oliver.vs

  • Trade Count: (1)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 508
Resposta #13 Online: 01 de Novembro de 2010, 02:40:33
outro dia tava vendo fotos com minha namorada, ai ela notou que muitas fotos saem meio "chapadas" ai ela foi ver que era uma camera digital, ele me perguntou como é com filme, ai fui buscar umas fotos tiradas com filme no flickr... ela me falou "nossa, da uma sensação 3d né?" ai ela entendeu pq eu gosto tanto de filme, ela hoje ta quase entrando no mundo do filme :D

a latitude de um filme, acho que hoje é o maior diferencial... pena que um bom scanner seja tao caro... :S ja vi um scanner que tira mais de 12000 dpi de um filme 35mm  :eek:  ahhhh se eu tivesse dinheiro  :assobi:


Mr. Hyde

  • Trade Count: (4)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 16.575
  • Sexo: Masculino
    • Faceboock
Resposta #14 Online: 01 de Novembro de 2010, 09:10:44

pena que um bom scanner seja tao caro... :S ja vi um scanner que tira mais de 12000 dpi de um filme 35mm  :eek:  ahhhh se eu tivesse dinheiro  :assobi:

Mas não existe aquela limitação humana dos 300dpi a 15cm para 10X15cm????
« Última modificação: 01 de Novembro de 2010, 09:11:39 por Mr. Hyde »

____________________
"Deus perdoe o Mal que habita em mim" M. Nova