Autor Tópico: Fotografia Aérea. O que devo saber.  (Lida 5859 vezes)

Zaca Oliveira

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 327
  • Sexo: Masculino
    • Site
Online: 09 de Março de 2012, 12:45:15
Pessoal, pintou uma oportunidade para eu fazer fotos aéreas numa cidade do interior de São Paulo. Nunca fiz esse tipo de trabalho fotográfico. Gostaria de dicas de quem tem experiência no assunto, como por exemplo: Como cobrar, melhor horário de saída, equipamentos e o que devo levar em consideração em questões técnicas como ISO X velocidade X abertura. O tipo de transporte influencia (helicóptero, avião etc)?
Agradeço e abraço a todos.
Zaca Oliveira - Fotógrafo
http://www.zacaoliveira.com.br
http://www.flickr.com/photos/zacaoliveira/
_______________________________________________________________ _________
Canon EOS 6D / Canon EOS 7D / Sony NEX-6 / grip Canon BG-E7 / objetiva Canon 50mm 1.4 USM / objetiva Canon 24-105mm / objetiva Canon 18-135mm / objetiva Sigma 10-20mm / Flash Canon 580 EXII / objetiva Sony 16-50mm OSS


dondon

  • Trade Count: (5)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.287
  • Sexo: Masculino
    • Plínio Dondon
Resposta #1 Online: 09 de Março de 2012, 13:08:00
Vou apenas dar palpite, já que nunca fiz esse tipo de foto. rs

Como cobrar? Como sempre, somando custos e a o valor da sua diária fotográfica.

Melhor horário? Depende do que você quer como resultado, ao meio dia terá a cidade iluminada de forma mais homogênea e sombras disfarçadas pelo ângulo "de cima pra baixo", manhãs e finais de tarde terá as sombras evidentes dos prédios, montanhas e afins e não terá "os topos" bem iluminados, acho que eu tentaria fazer perto do meio-dia. Mas cabe uma pesquisa de imagens desse tipo para ver como são as escolhas mais comuns.

Equipamento? Sua câmera, sua lente zoom (fazer isso de fixa deve ser complicado, voando deve ser difícil trocar a lente), eu iria com uma zoom de range razoável, de G.A a meia tele.

Imagino que, se for ao meio dia, a iluminação estará intensa, então a fotometria não será um problema, digo, você poderá usar ISO's baixos e não se preocupar com ruídos. Imaginando que o helicóptero seja o melhor veículo fique atento à "tremida", o troço treme pra caramba, você deverá usar velocidades curtas de exposição.

Creio, por palpite, que o mais complicado aí seja sincronizar o voo com os objetivos das imagens, quando sobrevoar o que, quando parar sobre um ponto específico, etc... A conversa com o piloto deve ser bem importante.

Ah sim, creio que seja um trabalho para muitos cliques, já que a situação não é confortável, vá preparado com cartões de memória espaçosos e confiáveis.

No mais, se você não se sentir muito seguro a fazer, recuse o trabalho. É um orçamento "salgado" e por isso uma responsabilidade grande, não dá para correr risco de não fazer direito e o cliente ficar frustrado.


[]s
« Última modificação: 09 de Março de 2012, 13:09:47 por dondon »


Manga

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 100
Resposta #2 Online: 09 de Março de 2012, 13:21:55
Como cobrar é algo bem específico ao seu trabalho, não ao tipo de fotografia em si, e não vou entrar nesse detalhe. Apenas conselho que tenha um contrato especificando o que você vai fazer. Se você não tem segurança nesse tipo de trabalho e não pode garantir o nível de qualidade, deixe isso claro no contrato para evitar problemas (e se sair tudo ruim, acho que o cliente merece não pagar, a final, o único que saiu ganhando algo foi você, a experiência foi apenas educacional).

Agora vamos à parte de fotografia: já fiz um pouco de fotografia aérea, tanto de paisagem quanto de outros aviões. Aprendi o seguinte:
- Não se preocupe com o DOF (profundidade de campo). Quando você está lá em cima, tudo está praticamente no infinito e qualquer abertura da lente vai ter a profundidade que você quer (exceto se estiver com uma tele bem longa). Tente ficar por volta de F/8 apenas por que é aí que a maioria das lentes são mais nítidas.

- Se quiser que o horizonte esteja na foto, decole num dia de umidade baixa. Num dia muito nublado/chuvoso, a umidade do ar faz com que as coisas distantes fiquem azuis e com pouco contraste.

- Se quiser fotografar outro avião, boa sorte. Você precisa de uma lente com 50mm (ou menos!), diafragma mais ou menos fechado, e pilotos que saibam voar em formação. O outro avião precisa estar perigosamente próximo. Com uma tele (experimentei com a Rokinon 500mm) e um alvo distante, você vai acabar desfocando muito a paisagem, tornando a foto chata, e entra a questão da umidade novamente. De preferência, os dois aviões devem ter a mesma velocidade.

- Mais do que nunca, mantenha o olho no horizonte para mantê-lo nivelado. Na hora de enquadrar, pegue bastante chão. Tire fotos na vertical em 18mm, se for preciso. É importante mostrar o chão dessa forma para dar a sensação de voo, caso contrário parece apenas que está fotografando desde um lugar alto, como uma montanha. Experimente algumas olhando direto para baixo (só consegui fazer isso me inclinando para fora do avião, sem porta).

- Se o avião/helicóptero em que for voar treme muito, decole próximo do meio dia para poder aumentar a velocidade do obiturador. A luz não vai ser muito interessante, mas é melhor isso do que um monte de fotos borradas. Outro problema com esse horário é a turbulência. Converse com o piloto para achar um horário tranquilo, ele deve saber disso bem melhor do que eu. Quanto mais tarde, mais interessante fica a luz, mas também fica mais difícil de fotografar.

- Peça ao piloto para ir com a porta/janela aberta, se possível. Uma camada de plástico sujo e arranhado entre sua lente a paisagem não vai render fotos muito boas.
« Última modificação: 09 de Março de 2012, 13:25:44 por Manga »


Zaca Oliveira

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 327
  • Sexo: Masculino
    • Site
Resposta #3 Online: 09 de Março de 2012, 13:48:56
Manga, vou te fazer uma pergunta cretina, mas vamos lá: Esse negócio de ir com a porta aberta, claro que devo ir com um cinto ou cordão de segurança, não é??? kkkkkk.......O que eu não devo fazer numa situação dessas por exemplo? E sobre troca de lentes?
Zaca Oliveira - Fotógrafo
http://www.zacaoliveira.com.br
http://www.flickr.com/photos/zacaoliveira/
_______________________________________________________________ _________
Canon EOS 6D / Canon EOS 7D / Sony NEX-6 / grip Canon BG-E7 / objetiva Canon 50mm 1.4 USM / objetiva Canon 24-105mm / objetiva Canon 18-135mm / objetiva Sigma 10-20mm / Flash Canon 580 EXII / objetiva Sony 16-50mm OSS


Manga

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 100
Resposta #4 Online: 09 de Março de 2012, 13:55:11
hehe, sim, com cinto... exceto se quiser fotografar até o final da sua (curta) vida.

Quanto à troca de lentes, lá em cima não há poeira, dependendo do veículo não é problema. Apenas tenha cuidado com isso:
http://www.petapixel.com/2011/09/15/canon-24-105mm-lens-falls-from-sky-and-tears-gaping-hole-in-roof/
Proteja a câmera do vento na hora da troca.


Zaca Oliveira

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 327
  • Sexo: Masculino
    • Site
Resposta #5 Online: 09 de Março de 2012, 14:19:53
Ainda bem que não foi na cabeça de ninguém....kkkk
Zaca Oliveira - Fotógrafo
http://www.zacaoliveira.com.br
http://www.flickr.com/photos/zacaoliveira/
_______________________________________________________________ _________
Canon EOS 6D / Canon EOS 7D / Sony NEX-6 / grip Canon BG-E7 / objetiva Canon 50mm 1.4 USM / objetiva Canon 24-105mm / objetiva Canon 18-135mm / objetiva Sigma 10-20mm / Flash Canon 580 EXII / objetiva Sony 16-50mm OSS


Zaca Oliveira

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 327
  • Sexo: Masculino
    • Site
Resposta #6 Online: 09 de Março de 2012, 14:28:30
Obrigado pelas dicas, achei muito interessante a idéia de assumir o risco da qualidade em contrato, por ser a 1a vez. Mas não vou abrir mão dessa experiência, nunca se sabe quando será a próxima.
Zaca Oliveira - Fotógrafo
http://www.zacaoliveira.com.br
http://www.flickr.com/photos/zacaoliveira/
_______________________________________________________________ _________
Canon EOS 6D / Canon EOS 7D / Sony NEX-6 / grip Canon BG-E7 / objetiva Canon 50mm 1.4 USM / objetiva Canon 24-105mm / objetiva Canon 18-135mm / objetiva Sigma 10-20mm / Flash Canon 580 EXII / objetiva Sony 16-50mm OSS


agalons

  • Trade Count: (10)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.870
Resposta #7 Online: 26 de Dezembro de 2012, 17:12:16
Manga, vou te fazer uma pergunta cretina, mas vamos lá: Esse negócio de ir com a porta aberta, claro que devo ir com um cinto ou cordão de segurança, não é??? kkkkkk.......O que eu não devo fazer numa situação dessas por exemplo? E sobre troca de lentes?

e muito normal , tirar a porta, ou travar ela aberte se posivel,
geralmente as janelas estao riscadas.
abs.


michel_caetano

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 487
  • Sexo: Masculino
  • apertador de botão?!!! NÃO
Resposta #8 Online: 28 de Dezembro de 2012, 15:48:51
Já fotografei 3 vezes nos ares.

1 - avião modelo skydrive, porta aberta, próprio para paraquedismo, amarrado com uma corda na cintura, totalmente amador. A hora voo do avião é bem menor que de helicópetro e é mais estável.

2 - helicóptero, modelo Jet, é uma merda, me deu um baita enjoo. balança muito e é dificil fotografar por que a porta não pode ficar aberta.

3 - balão dirigível da Goodwear, foi a experiência mais incrível que já tive na minha vida, não vou esquecer nunca.

Vá de avião e fica algumas dicas:

- fotografe deitado
- de preferencia para fotografar depois das 10:00 e antes das 16:00 para não ter muita sombra, totalmente o contrário da fotografia em solo
- quanto mais alto, mais risco de ter nebulosidade, peça para o piloto não subir muito.
- leve um ajudante para troca de lentes
- fotografe com iso baixo, abertura acima de 11, a velocidade acima de 100 e pode até deixar a lente no foco manual infinito. Assim consegue ter profundidade de campo, sem foto tremida.
- lente pode ser uma 35mm ou 50mm fixas, são ótimas para este tipo de fotografia.

Boas fotos
quem tem que ser profissional é o cara que está atrás da câmera!!


Zaca Oliveira

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 327
  • Sexo: Masculino
    • Site
Resposta #9 Online: 29 de Dezembro de 2012, 00:09:58
Obrigado pelas dicas Michel
Zaca Oliveira - Fotógrafo
http://www.zacaoliveira.com.br
http://www.flickr.com/photos/zacaoliveira/
_______________________________________________________________ _________
Canon EOS 6D / Canon EOS 7D / Sony NEX-6 / grip Canon BG-E7 / objetiva Canon 50mm 1.4 USM / objetiva Canon 24-105mm / objetiva Canon 18-135mm / objetiva Sigma 10-20mm / Flash Canon 580 EXII / objetiva Sony 16-50mm OSS