Autor Tópico: Re:Alternativas ao Photoshop para pouco $$$  (Lida 3125 vezes)

alexandre.mbm

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 48
  • Sexo: Masculino
Online: 27 de Maio de 2012, 13:22:50
Ulead PhotoImpact 10 -- Se quiser me desafiar com o PS...! rs ;)

Um desafio desses depende muito da criatividade, não é? Mas o que se quer é comparar software, pelo que entendi. Quantidade de recursos, facilidade de uso, atendimento às necessidade para um uso específico etc.


amador47sc

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (16)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 6.171
  • Sexo: Masculino
  • Aperfeiçoando o olhar em busca da melhor imagem
Resposta #1 Online: 27 de Maio de 2012, 13:34:58
puz.. também tenho essa dúvida.
infelizmente até o momento continuo com ela.


felelo

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 268
  • Sexo: Masculino
  • Click!
Resposta #2 Online: 27 de Maio de 2012, 14:52:35
** EDITADO **

1.5. Não é permitida a difusão ou a postagem de mensagens que estimulem a pirataria de conteúdo ou de qualquer tipo de software comercial e que venha a ferir a moral e a legislação brasileira de propriedade intelectual.
« Última modificação: 28 de Maio de 2012, 15:06:46 por Pris WerSo »
Canon T4i / EF-S 18-55mm 3.5-5.6
Nikon FM / Nikkor E 50mm 1.8
Nikon P500


alexandre.mbm

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 48
  • Sexo: Masculino
Resposta #3 Online: 27 de Maio de 2012, 15:12:03
** EDITADO **

Não entendi. Você está propondo que ele use software pirata? Eu não sou a favor do uso de software pirata. Quase sempre a pessoa pode encontrar solução de software que não implique em infringir a lei, respeitando os direitos dos outros.
« Última modificação: 28 de Maio de 2012, 15:07:32 por Pris WerSo »


felelo

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 268
  • Sexo: Masculino
  • Click!
Resposta #4 Online: 27 de Maio de 2012, 16:39:34
   Compreendo sua opinião, e sim, me referi a software "pirata"(o software não é pirata, e sim o meio de obte-lo), olha, não vou ficar defendendo o download, ou compra desses softwares ilegalmente, porém não considero uma coisa tão errada, não ao meu ver, a principal vítima disso é a empresa desenvolvedora do software, que não será afetada por esse uso "ilegal". A Adobe não vai falir se eu usar um Photoshop baixado ilegalmente.

   Sobre os  "direitos dos outros", eu não desrespeito o direito de ninguém por utilizar meu Photoshop baixado na internet, todos ainda tem o direito de pagar pelo software, ou então de consegui-lo ilegalmente.

   Respeito seu ponto de vista, espero que respeite o meu também, se o usuário que iniciou o tópico não se importar em utilizar o meio "ilegal", estou a qui para ajuda-lo a encontrar uma fonte segura. E se for contra os princípios dele, estou aqui para ajuda-lo a encontrar um software mais barato ou até mesmo freeware por uma qualidade próxima ou igual!
Canon T4i / EF-S 18-55mm 3.5-5.6
Nikon FM / Nikkor E 50mm 1.8
Nikon P500


Lordakner

  • Trade Count: (14)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.518
  • Sexo: Masculino
Resposta #5 Online: 27 de Maio de 2012, 16:47:49
  Precisa do software "legalizado" :D?
Uma palavra:
***EDITADO*** :assobi:

1.5. Não é permitida a difusão ou a postagem de mensagens que estimulem a pirataria de conteúdo ou de qualquer tipo de software comercial e que venha a ferir a moral e a legislação brasileira de propriedade intelectual.
« Última modificação: 28 de Maio de 2012, 17:19:57 por Mr. Hyde »
Pentax k3 + Canon Mark III + Oly xz2 + Oly OMD EM5 + Oly e-510 & uma pancada de Oly's OM + Mamiya + Contax...
Sigma 70-200 f2.8 APO EX DG OS & Sigma 150-500mm & Sigma 24-70mm f2.8 & Sigma 12-24mm
Canon 70-300mm L + Canon 100mm + Canon  EF-S 10-20mm
Canon 50mm f1.4 & Canon 85mm f1.8 +Canon 135mm L
http://www.flickr.com/photos/lordakner/


alexandre.mbm

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 48
  • Sexo: Masculino
Resposta #6 Online: 27 de Maio de 2012, 18:45:00
Compreendo sua opinião, e sim, me referi a software "pirata"(o software não é pirata, e sim o meio de obte-lo), olha, não vou ficar defendendo o download, ou compra desses softwares ilegalmente, porém não considero uma coisa tão errada, não ao meu ver, a principal vítima disso é a empresa desenvolvedora do software, que não será afetada por esse uso "ilegal". A Adobe não vai falir se eu usar um Photoshop baixado ilegalmente.

Aceito sua correção linguística e lógica. Então vamos colocar os pontos em todos os is. Quem não é afetada, não é vítima. Se é vítima, é afetada.

"O cinema não vai falir se eu falsificar meu ingresso." (?) O jeitinho brasileiro é um jeitinho de m*rda! Eu sou brasileiro e não quero esse jeitinho com o qual todos perdem pensando que ganham.

Citar
Sobre os  "direitos dos outros", eu não desrespeito o direito de ninguém por utilizar meu Photoshop baixado na internet, todos ainda tem o direito de pagar pelo software, ou então de consegui-lo ilegalmente.

Eu desejo do fundo do meu coração que isso tenha sido um lapso, e não cinismo. Cadê os direitos de quem trabalhou no desenvolvimento do software comercial?

Citar
Respeito seu ponto de vista, espero que respeite o meu também,

Espere que eu respeite você, não a sua opinião. Eu não tenho que respeitar todas as opiniões. Pelo contrário, todos nós devemos rejeitar alguma opinião ou perdemos lógica. Se o cara vem opinar que tem de me roubar, eu tenho de respeitar uma opinião dessas? Claro que não! Mas eu posso, até certo momento, respeitá-lo, tentando corrigi-lo ou mesmo "ameaçando-o" de denúncia à polícia. E mesmo o respeito devido à pessoa altera-se com as circunstâncias.

Citar
se o usuário que iniciou o tópico não se importar em utilizar o meio "ilegal", estou a qui para ajuda-lo a encontrar uma fonte segura. E se for contra os princípios dele, estou aqui para ajuda-lo a encontrar um software mais barato ou até mesmo freeware por uma qualidade próxima ou igual!

Eu estou aqui também, e nesse meio tempo eu posso tentar persuadi-lo de que essa sua posição ética não é a melhor.
« Última modificação: 27 de Maio de 2012, 18:48:02 por alexandre.mbm »


felelo

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 268
  • Sexo: Masculino
  • Click!
Resposta #7 Online: 27 de Maio de 2012, 19:17:25

Eu desejo do fundo do meu coração que isso tenha sido um lapso, e não cinismo. Cadê os direitos de quem trabalhou no desenvolvimento do software comercial?

  Concordo, não havia levado em conta isso, realmente, afeto os direitos deles.




Espere que eu respeite você, não a sua opinião. Eu não tenho que respeitar todas as opiniões. Pelo contrário, todos nós devemos rejeitar alguma opinião ou perdemos lógica. Se o cara vem opinar que tem de me roubar, eu tenho de respeitar uma opinião dessas? Claro que não! Mas eu posso, até certo momento, respeitá-lo, tentando corrigi-lo ou mesmo "ameaçando-o" de denúncia à polícia. E mesmo o respeito devido à pessoa altera-se com as circunstâncias.


  Novamente, concordo,  me expressei mal, te respeito e não o tratarei de forma desrespeitosa, espero que o mesmo seja feito por você. Sobre a denúncia à polícia, não tenho certeza se o código penal Brasileiro já inclui a obtenção de softwares ilegalmente em seus altos, adoraria conhece-los, se os mesmos existirem.

  Vai dos princípios de cada um, isso não afeta aos meus, se afetassem com certeza eu não cometeria o ato. Não quero levar essa discussão muito adiante, porque não traria nada de útil para ninguém nesse fórum, apenas desavença e inimizade.

  Só pra terminar o raciocínio. Se eu utilizar o Photoshop obtido por meios ilegais, não afetarei a empresa Adobe(economicamente), o salário dos desenvolvedores(por sinal muito maior do que dos meus pais), e muito menos usuários "honestos" do photoshop, no máximo o príncipio de alguns. E estarei trazendo benefícios a mim, mais do que se utiliza-se de softwares alternativos. Pode me chamar de egoísta, mais vivemos num mundo onde isso é um pouco nescessário. Abraço!
Canon T4i / EF-S 18-55mm 3.5-5.6
Nikon FM / Nikkor E 50mm 1.8
Nikon P500


felelo

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 268
  • Sexo: Masculino
  • Click!
Resposta #8 Online: 27 de Maio de 2012, 19:18:31
Uma palavra:
***EDITADO*** :assobi:

1.5. Não é permitida a difusão ou a postagem de mensagens que estimulem a pirataria de conteúdo ou de qualquer tipo de software comercial e que venha a ferir a moral e a legislação brasileira de propriedade intelectual.

 2x
« Última modificação: 28 de Maio de 2012, 17:23:44 por Mr. Hyde »
Canon T4i / EF-S 18-55mm 3.5-5.6
Nikon FM / Nikkor E 50mm 1.8
Nikon P500


Lordakner

  • Trade Count: (14)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.518
  • Sexo: Masculino
Resposta #9 Online: 27 de Maio de 2012, 19:23:56
Vou dar um pitaco "politicamente incorreto":
a) Pirataria na Internet não é privilégio do Brasil. Na verdade os sites hospedeiros não são brasileiros. Nem foi inventada no Brasil.
b) Defender mega corporações, que pagam misérias aos funcionários, que exploram trabalho, que formam cartéis e cujos preços atendem muito mais aos acionistas ociosos do que a qualquer lógica de mercado, me parece muito mais defender o jacaré contra a cutia.
c) Se eu compro um software e resolvo colocar na net, acho isso MEU DIREITO. Se a mega corporação acha que escrever num pedaço de papel "proibido reproduzir" inibe meu direito de dar o destino que eu achar melhor a um produto que adquiri, bem... Ela está errada.
d) O preço do produto indica o quanto vai ser pirateado. Vi uma entrevista com o Lobão reclamando das gravadoras. Elas não aceitavam nenhum trabalho novo dele. Dava muito mais lucro para elas ficar relançando sucessos antigos, no tipo "best of...".
e) As corporações tem suas centenas de formas de lucrar, muitas  delas ilícitas. Nós temos a Internet (cuja finalidade inicial era disseminar o conhecimento). Para mim está de bom tamanho.
Um pouco de anarquia não faz mal a ninguém.
Agora, quem quiser comprar, que compre. O mercado de consumo agradece. :ok:
Pentax k3 + Canon Mark III + Oly xz2 + Oly OMD EM5 + Oly e-510 & uma pancada de Oly's OM + Mamiya + Contax...
Sigma 70-200 f2.8 APO EX DG OS & Sigma 150-500mm & Sigma 24-70mm f2.8 & Sigma 12-24mm
Canon 70-300mm L + Canon 100mm + Canon  EF-S 10-20mm
Canon 50mm f1.4 & Canon 85mm f1.8 +Canon 135mm L
http://www.flickr.com/photos/lordakner/


felelo

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 268
  • Sexo: Masculino
  • Click!
Resposta #10 Online: 27 de Maio de 2012, 20:22:36
Vou dar um pitaco "politicamente incorreto":
a) Pirataria na Internet não é privilégio do Brasil. Na verdade os sites hospedeiros não são brasileiros. Nem foi inventada no Brasil.
b) Defender mega corporações, que pagam misérias aos funcionários, que exploram trabalho, que formam cartéis e cujos preços atendem muito mais aos acionistas ociosos do que a qualquer lógica de mercado, me parece muito mais defender o jacaré contra a cutia.
c) Se eu compro um software e resolvo colocar na net, acho isso MEU DIREITO. Se a mega corporação acha que escrever num pedaço de papel "proibido reproduzir" inibe meu direito de dar o destino que eu achar melhor a um produto que adquiri, bem... Ela está errada.
d) O preço do produto indica o quanto vai ser pirateado. Vi uma entrevista com o Lobão reclamando das gravadoras. Elas não aceitavam nenhum trabalho novo dele. Dava muito mais lucro para elas ficar relançando sucessos antigos, no tipo "best of...".
e) As corporações tem suas centenas de formas de lucrar, muitas  delas ilícitas. Nós temos a Internet (cuja finalidade inicial era disseminar o conhecimento). Para mim está de bom tamanho.
Um pouco de anarquia não faz mal a ninguém.
Agora, quem quiser comprar, que compre. O mercado de consumo agradece. :ok:

  Lordakner simplificou tudo! Isso ai!
Canon T4i / EF-S 18-55mm 3.5-5.6
Nikon FM / Nikkor E 50mm 1.8
Nikon P500


alexandre.mbm

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 48
  • Sexo: Masculino
Resposta #11 Online: 28 de Maio de 2012, 00:20:54
Sobre a denúncia à polícia, não tenho certeza se o código penal Brasileiro já inclui a obtenção de softwares ilegalmente em seus altos, adoraria conhece-los, se os mesmos existirem.

Tenho conhecimento da existência de pelo menos duas leis relacionadas a essas questões:

      LEI Nº 9.609 , DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998
      Dispõe sobre a proteção da propriedade intelectual de programa de computador, sua comercialização no País, e dá outras providências.

      LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998
      Altera, atualiza e consolida a legislação sobre direitos autorais e dá outras providências.

Eu não pude fazer a leitura dessas páginas que agora vou indicar, então adianto que não estou assinando embaixo cada linha. Apenas lembrei que os sites jurisway.org.br e jusbrasil.com.br podem ser muito úteis quando investigamos assuntos do Direito, e estou lhe sugerindo a utilização deles ou de outros parecidos.
Também pode lhe interessar um dos cursos gratuitos online do JurisWay: Violação de Direitos Autorais - Implicações Penais.

E podemos pesquisar as jurisprudências, tipo essa:

Citação de: JurisWay
TJRJ - Concurso Formal Entre Violação de Direitos Autorais e "Pirataria" de Softwares
Data da publicação da decisão - 28/3/2006.

Há links para mais jurisprudências, na barra lateral da página ou no  Banco de Jurisprudência do site.

Experimente buscar por "pirataria de software" no site JusBrasil.

Eu estava longe desse assuntos. Receber sua questão foi bom pra mim. Achei umas coisas que nunca tinha pesquisado, mesmo desejando ter acesso a algo afim. Como eu disse acima, li praticamente nada, ainda. Pretendo começar por:

Citação de: JurisWay
A Proteção à Propriedade Intelectual dos Programas de Computador no Brasil

Sem a pretensão de abranger a amplitude do tema, procura-se explanar acerca das diretrizes que regem a proteção à propriedade intelectual do programa de computador no Brasil, com especial enfoque na Lei n. 9.609/98.

Texto enviado ao JurisWay em 24/11/2009.

Citar
Vai dos princípios de cada um, isso não afeta aos meus, se afetassem com certeza eu não cometeria o ato. Não quero levar essa discussão muito adiante, porque não traria nada de útil para ninguém nesse fórum, apenas desavença e inimizade.

Levar a discussão adiante não tem de significar desavença e inimizade. A discussão pode ser útil, sim. Gosto, cada um tem o seu; mas verdade, não. Nenhum de nós faz a verdade, e a comunicação serve para compartilhar as porções de verdade que encontramos.

Citar
Só pra terminar o raciocínio. Se eu utilizar o Photoshop obtido por meios ilegais, não afetarei a empresa Adobe(economicamente), o salário dos desenvolvedores(por sinal muito maior do que dos meus pais), e muito menos usuários "honestos" do photoshop, no máximo o príncipio de alguns. E estarei trazendo benefícios a mim, mais do que se utiliza-se de softwares alternativos. Pode me chamar de egoísta, mais vivemos num mundo onde isso é um pouco nescessário. Abraço!

Se utilizamos um software ilegalmente, estamos dando mau exemplo, estamos viciando nossa consciência no erro e na injustiça, não estamos retribuindo o que é devido a quem é devido. Estará afetando a Adobe, sim, porque ela trabalha e a retribuição pelo seu trabalho é direito.

Suponha que eu tenha uma loja. Um "assaltante endinheirado" não poderia me obrigar (sob ameaça) a vender tudo a ele pelo preço que eu comprei. Não só pela ameaça. Ele também estaria me roubando. Meu trabalho e meu investimento agregam valor à mercadoria, e como dono eu tenho direito de dispor dela como queira.

Não interessa o salário do arquiteto; o mestre de obras (pedreiro) não pode vender o projeto como seu.

Princípio não se afeta. Abraça-se. Se alguém não abraça um princípio que deveria abraçar, necessariamente prejudica-se e pode prejudicar a outros.


felelo

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 268
  • Sexo: Masculino
  • Click!
Resposta #12 Online: 28 de Maio de 2012, 00:41:04
  Meus parabéns, fico feliz por encontrar mais um usuário que defende bem sua opinião, que pesquisa e demonstra sua tese!

  Agora, voltando ao motivo da discussão, o Lordakner expos bem o que penso.

  É errado, sim, é crime, sim! Posso estar errado, porém não me sinto "criminoso", não afeta minha consciência, por isso cometo. Vai dos princípios de cada um,   como já disse, ajudo se alguém quiser procurar uma boa fonte, tipo ***EDITADO*** ou coisa do tipo. Se não quiser, tem todo o direito de seguir o meio legal(sem aspas pois agora foi apresentado que o sentido é verídico, não só metafórico).

1.5. Não é permitida a difusão ou a postagem de mensagens que estimulem a pirataria de conteúdo ou de qualquer tipo de software comercial e que venha a ferir a moral e a legislação brasileira de propriedade intelectual.
« Última modificação: 28 de Maio de 2012, 17:36:03 por Mr. Hyde »
Canon T4i / EF-S 18-55mm 3.5-5.6
Nikon FM / Nikkor E 50mm 1.8
Nikon P500


Lordakner

  • Trade Count: (14)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.518
  • Sexo: Masculino
Resposta #13 Online: 28 de Maio de 2012, 01:13:34
  Meus parabéns, fico feliz por encontrar mais um usuário que defende bem sua opinião, que pesquisa e demonstra sua tese!

  Agora, voltando ao motivo da discussão, o Lordakner expos bem o que penso.

  É errado, sim, é crime, sim! Posso estar errado, porém não me sinto "criminoso", não afeta minha consciência, por isso cometo. Vai dos princípios de cada um,   como já disse, ajudo se alguém quiser procurar uma boa fonte, tipo ***EDITADO*** ou coisa do tipo. Se não quiser, tem todo o direito de seguir o meio legal(sem aspas pois agora foi apresentado que o sentido é verídico, não só metafórico).

1.5. Não é permitida a difusão ou a postagem de mensagens que estimulem a pirataria de conteúdo ou de qualquer tipo de software comercial e que venha a ferir a moral e a legislação brasileira de propriedade intelectual.
Nem é errado, nem deveria ser crime.
O que acontece é que uma ou várias corporações fizeram ser aprovada uma "lei" onde te vendem algo e você não pode dispor do que comprou, do jeito que achar melhor.
Algo como você comprar um cento de laranjas na feira, resolver fazer uma laranjada e distribuir para os vizinhos. E o vendedor da feira querer te obrigar a chupar todas sozinho.
Ou seja, eles inventaram um produto que o comprador não passa a ser dono, depois que compra.
E colocaram o nome de lei.
Um princípio superior, o princípio do bom senso, me diz que se eu comprei e paguei, a coisa passa a ser MINHA. Se eu quiser colocar fogo nela, defenestrar ou dar para o gato comer, é problema meu. Quem me vendeu não tem nada a ver com isso.
Eu não tenho um batalhão de advogados para defender isso.
Eles tem.
Muita gente pensa assim.
Por isso existem tantas pessoas compartilhando arquivos na Internet.
São criminosos?
A imprensa paga por alguém faz uma enorme propaganda para convencer que são.
Eu não acho.
Eu penso que são pessoas que acreditam poder dispor livremente daquilo que compraram.
E quanto a terem feito uma " lei" que visa beneficiar uma minoria de acionistas contra uma maioria esmagadora da população... Bem... Papel aceita tudo.
Eu não sou papel.
Abs.
« Última modificação: 28 de Maio de 2012, 17:37:04 por Mr. Hyde »
Pentax k3 + Canon Mark III + Oly xz2 + Oly OMD EM5 + Oly e-510 & uma pancada de Oly's OM + Mamiya + Contax...
Sigma 70-200 f2.8 APO EX DG OS & Sigma 150-500mm & Sigma 24-70mm f2.8 & Sigma 12-24mm
Canon 70-300mm L + Canon 100mm + Canon  EF-S 10-20mm
Canon 50mm f1.4 & Canon 85mm f1.8 +Canon 135mm L
http://www.flickr.com/photos/lordakner/


alexandre.mbm

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 48
  • Sexo: Masculino
Resposta #14 Online: 28 de Maio de 2012, 01:22:39
Uma palavra:
***EDITADO*** :assobi:
1.5. Não é permitida a difusão ou a postagem de mensagens que estimulem a pirataria de conteúdo ou de qualquer tipo de software comercial e que venha a ferir a moral e a legislação brasileira de propriedade intelectual.
2x

Eu também uso Torrent. Só não uso para pirataria.

Uso para baixar as imagens ISO do Ubuntu, por exemplo; com o aval da Canonical, quem aliás não é detentora da grande maior dos direitos de autor do conjunto de softwares que é "seu" sistema operacional. A empresa opera na legalidade segundo as licenças daqueles softwares que ela distribui.

Também uso o Torrent quando preciso transferir um arquivo grande para uma ou mais pessoas. Conteúdo próprio ou sobre o qual eu tenha direitos reais, concedidos a mim (as permissões).

Vou dar um pitaco "politicamente incorreto":
a) Pirataria na Internet não é privilégio do Brasil. Na verdade os sites hospedeiros não são brasileiros. Nem foi inventada no Brasil.

Pirataria na Internet não é privilégio, é mazela.

Pouco importa se a mutilação da genitália feminina não foi inventada no Brasil, nós não precisamos "importá-la". Também não precisamos dos partidos políticos pró-pedofilia. E o dinheiro dos políticos corruptos brasileiros que estão depositados em bancos do exterior precisa voltar.

Citar
b) Defender mega corporações, que pagam misérias aos funcionários, que exploram trabalho, que formam cartéis e cujos preços atendem muito mais aos acionistas ociosos do que a qualquer lógica de mercado, me parece muito mais defender o jacaré contra a cutia.

Não se trata de defender A ou B. Trata-se de defender valores. A maior "mega corporação do mal" que se pode defender é a que você está defendendo: uma "cultura" anárquica alimentada pelo egoísmo do indivíduo, onde cada um pretende decidir o que é bom ou mau.

Citar
c) Se eu compro um software e resolvo colocar na net, acho isso MEU DIREITO. Se a mega corporação acha que escrever num pedaço de papel "proibido reproduzir" inibe meu direito de dar o destino que eu achar melhor a um produto que adquiri, bem... Ela está errada.

Você não "compra um software", você compra o direito de usá-lo. Quem "compra um software"... é a Google, quando ela paga milhares ou milhões de dólares por um sistema (completo) de outra empresa. Por exemplo, ela não fez o Feedburner, ela comprou; depois pode optar por "continuar a desenvolvê-lo" ou não.

Se eu achar que tenho direito de lhe matar isso passa a ser meu direito? Só por que eu achei que sim?

O direito autoral não está nas letrinhas "proibido reproduzir" que estão grafadas no canto de uma página de livro ou no rótulo de um CD/DVD. Está na lei! É um contrato social. Quem não concorda com um contrato, não deve assiná-lo.

Coisas que você adquiriu: licença de uso, mídia que possibilita o usufruto da licença, suporte, garantia; talvez outra coisa mais. É sob condições que você pode usufruir da licença, é sob condições que você pode usufruir da mídia, é sob condições que você pode usufruir do suporte técnico, é sob condições que você pode usufruir da garantia. Na realidade, você fez um "contrato" com desenvolvedora do software, e esse contrato tem seus termos (como qualquer outro), que devem ser honrados (pelas duas partes).

Citar
d) O preço do produto indica o quanto vai ser pirateado. Vi uma entrevista com o Lobão reclamando das gravadoras. Elas não aceitavam nenhum trabalho novo dele. Dava muito mais lucro para elas ficar relançando sucessos antigos, no tipo "best of...".

Dizendo isso qual é a conexão que você pretendeu fazer mesmo? Não captei.

Citar
e) As corporações tem suas centenas de formas de lucrar, muitas  delas ilícitas. Nós temos a Internet (cuja finalidade inicial era disseminar o conhecimento). Para mim está de bom tamanho.

A Internet pode continuar sendo usada para disseminar conhecimento, licitamente. Outros agirem ilicitamente não me dá o direito de fazê-lo também. Se fosse assim, não haveria lei. Um primeiro roubou e todos estariam autorizados a roubar, um primeiro matou e todos estariam autorizados a matar, e assim por diante.

Citar
Um pouco de anarquia não faz mal a ninguém.
Agora, quem quiser comprar, que compre. O mercado de consumo agradece. :ok:

Claro que faz!

Você mudaria de opinião rapidinho se estivesse sozinho, sem ter as instituições para lhe defender, e estivesse entregue ao bem querer de "gente maluca e má, insensível", que não se importasse em cuidar de sua saúde, dar-lhe de comida ou liberdade, e que de vez em quando resolvesse abusar sexualmente de você.
« Última modificação: 28 de Maio de 2012, 17:40:22 por Mr. Hyde »