Autor Tópico: Difusor para flash - afinal de contas?  (Lida 36063 vezes)

André Luis Jacob

  • Trade Count: (3)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.309
  • Sexo: Masculino
    • Jacob Fotografia Criativa
Online: 19 de Março de 2013, 11:06:52
Afinal de contas, para que serve? Pus meu flash fora da camera e disparei ele em intensidade 1/64 em direcao a parede para fazer os testes, usei diferentes distancias focais do flash e com e sem difusor, notei que ele expande mais a luz, em outras direcoes se nao a convencional do flash(para frente dele), mas fico me questionando...

Vou fazer um evento, festa/balada que uns amigos  estao organizando, quero testar bastante coisa la, zooming, fotos de galera, DJ's, light panting e light trail, o que dder eu vvou testar, por'em fico me questionando se devo usar o difusor no flash ou nao, ele vai expandir bem aa luz e suaviza-la oou eu usar o difusoor imbutido  do flash, com ele pro lado utiliizando do  cartao brancco ja da conta?  Nao uuso flash TTL...sou bem  novato quando oo assuunto 'e  flash, se puderem  me dar dicas  de leitura e videos, agradecido!


DDesculpem  os erroos e as letras  duplicadas, to nno iphone usando um teclado bbluetooth e o gooogle chrome faz iss... >:(


dimigobbo

  • Trade Count: (10)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.698
  • Sexo: Masculino
    • Meu Flickr
Resposta #1 Online: 19 de Março de 2013, 11:17:48
Cara....

Como vc mesmo constatou, o difusor é pra espalhar a luz.
Qual vc comprou? Aquele branco, que só encaixa na frente do flash e mais nada? Ou é aqueles mini-softbox?

O que vem no flash é pra diminuir a distancia do flash. Pode ver que, se coloca ele, a distancia do flash cai pra 14mm. Não adianta muito.

Como não tem muita experiencia, pq não usar em TTL? Coloca o flash em TTL e a camera em manual velocidade 1/80 e regula as aberturas. Se usar o flash em manual, vai ficar maluco pq, pode ser, que terá que mudar as config dele toda hora.

Eu fiz um evento esses dias e fiz os testes que vc disse. Cheguei a usar velocidade de 1/10 e flash na segunda cortina. Fica interessante, ainda mais se for balada.

Abcs
"If your pictures aren't good enough, you're not close enough"

RTFM


André Luis Jacob

  • Trade Count: (3)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.309
  • Sexo: Masculino
    • Jacob Fotografia Criativa
Resposta #2 Online: 19 de Março de 2013, 11:29:44
É aqueles brancos pequenos, tipo os garyfong, o mais comum mesmo!

pois o meu flash é so manual, nao tem funcao ttl  :assobi: é um YN560II, achei o flash com preco mais razoavel para mim no momento..

a questao é, se eu usa-lo  na direcao da pessoa, pro lado de leve para nao chapar a imagem, seria melhor um difusor ou cartao branco? estou bem confuso com o uso de difusores e distancias focais do flash e tudo o mais...quanto a ser manual, to conseguindo lidar bem com isso por enquanto, vamos vver na pressao do evento haha


Luciano.Queiroz

  • Trade Count: (30)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.414
  • Sexo: Masculino
    • Luciano Queiroz
Resposta #3 Online: 20 de Março de 2013, 07:21:31
cara.. só testando mesm pra você mesmo definir o resultado que quer...

não sou expert em flash e nem uso muito.. mas imagino que o que vc tem já seja ótimo pro que quer...
Luciano Queiroz
www.lucianoqueiroz.com
Facebook: @caminhotracado - https://goo.gl/pNRgQX
Instagram: @caminhotrtacado - https://goo.gl/Gou1E2
Youtube: www.youtube.com/c/caminhotracado


Humberto Yoji

  • Trade Count: (23)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.590
  • Sexo: Masculino
    • Humberto Yoji - fotógrafo
Resposta #4 Online: 20 de Março de 2013, 10:27:10
André, são coisas diferentes para usos diferentes. Tem a informação espalhada por aqui no fórum, mas vou tentar fazer um resumão.

1 - Difusor embutido do flash. Isso causa uma confusão enorme, mas a única função dele é abrir mais o feixe de luz. Serve para quando você usa o flash direto com objetivas entre 14mm e 24mm. Assim, a área coberta pelo flash fica maior, o que impede que os cantos da foto fiquem escuros. Ele não serve para suavizar a luz.

2 - Difusor de copinho (omnibounce). O que ele faz é espalhar a luz para todas as direções para que ela rebata nas paredes e teto e chegue ao assunto de forma difusa, suave. Ele só funciona se form em ambientes fechados, com paredes e teto claros. Em locais abertos ou com paredes e teto escuros, não vai fazer quase nenhuma diferença. Só mesmo em fotos muito de perto, aí faz uma leve diferença. Mas ao custo de desperdiçar muita potência do flash.

3 - Rebatedor embutido do flash (cartão branco). Ele serve para mandar um pouco de luz para frente. Devido ao tamanho reduzido, não ajuda a suavizar a luz. O que acontece é que muita gente gosta de rebater o flash no teto, apontado 90° pra cima. Só que aí a luz vem toda de cima, o que causa sombras nos olhos e pescoço. Para amenizar essas sombras, puxa-se o cartão branco para fora e ele manda luz para frente.


Enfim, é basicamente isso. O lance todo do flash é que você tem que pensar que, quanto maior o tamanho relativo da fonte de luz, mais suave é a luz. A cabeça do flash é bem pequena se comparada a uma pessoa, então a luz do flash direto sempre vai ser dura, com bastantes reflexos. Ao rebater o flash no teto e/ou paredes, o tamanho relativo da fonte de luz vai ser bem maior (a fonte de luz agora é o teto e/ou parede onde você rebateu), e a luz vai ser mais suave. O difusor de copinho espalha a luz pela sala toda, então a fonte de luz vai ser bem grande, e a luz bem suave.

Outra coisa pra se pensar bem é na direção da luz. A luz atingindo o assunto de frente é chapada, não dá profundidade. Mesmo que seja rebatida no teto e suave. O ideal é sempre que a luz atinja o assunto mais lateralmente (pense na luz vindo de uma janela). Assim criam-se sobras e relevo, o que dá uma noção de profundidade bem maior. O último livro do Neil van Niekerk chama-se justamente "Direção e qualidade da luz". Só com o título do livro já se aprender um bocado, são as duas coisas que você tem que pensar na hora de fazer um retrato. De onde está vindo a luz (de lado, de cima, debaixo) e na qualidade da luz (luz suave, luz dura, luz difusa).


Agora falando de experiência própria. Eu não uso o difusor de copinho, nunca. Simplesmente porque. nas ocasiões onde ele funciona bem (paredes e teto claros), é mais indicado rebater o flash diretamente. Então eu simplesmente aponto o flash pra onde eu quero que a luz parta, e sempre prefiro que a luz vá de forma oblíqua, lateral, para dar noção de profundidade. Não gosto da luz que chega de frente, acho que tira a tridimensionalidade. E o difusor de copinho vai fazer a luz chegar de frente, assim como quando rebatemos no teto e usando o cartão branco.

Em externas, onde não tem como rebater, a melhor solução é usar o flash fora da câmera. Daí tem opções para suavizar a luz, como uma sombrinha, um softbox, etc, só que precisa de um ajudante. Outra solução é deixar o flash na câmera e pedir pro ajudante segurar um rebatedor (daqueles circulares, grandes), e aí você aponta o flash pro rebatedor, como se ele fosse uma parede portátil.

Quando não tem assistente e não tem onde rebater a luz, paciência, eu mando o flash direto mesmo. Daí geralmente tento captar o máximo de luz ambiente para que a luz do flash não fique tão evidente. seja apenas de preenchimento.


Caramba, comecei a escrever e me empolguei, ficou grande demais a resposta, desculpe... Mas espero que tenha ajudado em alguma coisa, rsrs.

Abraços


Humberto Yoji

  • Trade Count: (23)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.590
  • Sexo: Masculino
    • Humberto Yoji - fotógrafo
Resposta #5 Online: 20 de Março de 2013, 10:33:54
Se quiser se aprofundar no assunto, é aqui que eu aprendi praticamente tudo o que sei de flash: http://neilvn.com/tangents/flash-photography-techniques/

Abraços


Luciano.Queiroz

  • Trade Count: (30)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.414
  • Sexo: Masculino
    • Luciano Queiroz
Resposta #6 Online: 20 de Março de 2013, 10:37:56
valeu Humberto... legal essa discussão..
eu que não uso muito flash sempre me perco nessas questões, mas ficou muito mais claro agora.
Usava sempre o difusor tipo bounce, mas vou começar a repensar isso.

o problema é que quando não se usa muito flash, quando vai usar não dá tempo de ficar pensando.. precisa praticar antes..
Luciano Queiroz
www.lucianoqueiroz.com
Facebook: @caminhotracado - https://goo.gl/pNRgQX
Instagram: @caminhotrtacado - https://goo.gl/Gou1E2
Youtube: www.youtube.com/c/caminhotracado


Humberto Yoji

  • Trade Count: (23)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.590
  • Sexo: Masculino
    • Humberto Yoji - fotógrafo
Resposta #7 Online: 20 de Março de 2013, 10:41:07
o problema é que quando não se usa muito flash, quando vai usar não dá tempo de ficar pensando.. precisa praticar antes..


É, o lance é que tem que ser algo pra praticar sempre, pra estar na ponta dos dedos... Não dá pra pensar muito na hora na direção da luz, tem que ser algo intuitivo e em menos de 1s, senão a cena já foi embora, rsrs. Quando não se tem essa prática, reconheço que o melhor mesmo é usar o difusor de copinho ou então rebater pra cima com o cartão branco pra fora. Mas rebatendo pros lados acrescenta uma qualidade muito maior à imagem!


Tem muito mais detalhes e minúcias no flash rebatido, mas a ideia geral é essa, e daí vai experimentando que dá pra descobrir bastante coisa!


Abraços


Caravana

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 475
  • Sexo: Masculino
Resposta #8 Online: 20 de Março de 2013, 11:34:52
Grande contibuiçao Humberto! :clap: :clap:
Esclareceu dúvidas de muitos com o post acima. :ok:
Obrigado por mim e por muitos! :D


Humberto Yoji

  • Trade Count: (23)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.590
  • Sexo: Masculino
    • Humberto Yoji - fotógrafo
Resposta #9 Online: 20 de Março de 2013, 11:51:17
Grande contibuiçao Humberto! :clap: :clap:
Esclareceu dúvidas de muitos com o post acima. :ok:
Obrigado por mim e por muitos! :D


Por nada! Acabou ficando meio longo demais né, eheheh, mas acho que pelo menos tá informativo, rsrs.


AlexandreS

  • Trade Count: (2)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.251
Resposta #10 Online: 20 de Março de 2013, 12:02:30
Este post do Humberto deveria ser marcado. Simples e esclarecedor  :ok:

Apenas um contraponto em relação ao copinho - omnibouce. Como o Humberto falou, ele espalha luz por todas as direções, minimizando sombras e fazendo uma iluminação suave. Como efeito colateral, as imagens perdem um pouco da tridimensionalidade que é conseguida com uma luz mais lateralizada. Só que usar luz lateralizada não é coisa assim tão fácil para quem não está acostumado, e para quem não tem toda essa tarimba, eu diria para usar o copinho :)

Na minha pouca experiência, acho o resultado dele melhor que jogar a luz para o teto com o rebatedor do flash. As vezes, esta solução deixa a parte inferior das fotos feitas com distâncias focais um pouco mais abertas escura já que o rebatedor gera uma luz direcional de preenchimento que vai atingir as pessoas da cintura para cima, mais ou menos. E como o restante da luz está vindo de cima, a área abaixo da cintura pode ficar um pouco mais escura. Com o copinho, a dispersão de luz é maior e o preenchimento fica mais uniforme. Claro que isso também pode variar de acordo com o flash, posição da cabeça, etc.. Mas sempre é bom ter isso em mente e fazer alguns testes.


« Última modificação: 20 de Março de 2013, 12:17:40 por AlexandreS »

Canon 60D - Canon 450D XSi
Tamron 17-50 f/2.8 VC - EF 50mm f/1.8 - EF 28-135 USM IS - EF-S 55-250 IS
SMC Takumar 50mm f/1.4 - S-M-C Takumar 135mm f/2.5 e mais alguns vidrinhos M42
Speedlite 430EX II - YongNuo YN460


JRS

  • Trade Count: (50)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 991
  • Sexo: Masculino
  • Canon 5D Mark III
Resposta #11 Online: 20 de Março de 2013, 12:14:37
Este post do Humberto deveria ser marcado. Simples e esclarecedor  :ok:

Muito bom mesmo!
Canon 5D3 | 24-70L II | 17-40L | 70-300L | 135L | TS-E 24L II | 15 2.8 Fisheye | 270EXII | 600EX-RT (x2) | ST-E3-RT


Humberto Yoji

  • Trade Count: (23)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 7.590
  • Sexo: Masculino
    • Humberto Yoji - fotógrafo
Resposta #12 Online: 20 de Março de 2013, 13:39:55

Este post do Humberto deveria ser marcado. Simples e esclarecedor  :ok:

Muito bom mesmo!


Valeu gente! Fico feliz que tenha agradado.  :)



Apenas um contraponto em relação ao copinho - omnibouce. Como o Humberto falou, ele espalha luz por todas as direções, minimizando sombras e fazendo uma iluminação suave. Como efeito colateral, as imagens perdem um pouco da tridimensionalidade que é conseguida com uma luz mais lateralizada. Só que usar luz lateralizada não é coisa assim tão fácil para quem não está acostumado, e para quem não tem toda essa tarimba, eu diria para usar o copinho :)

Na minha pouca experiência, acho o resultado dele melhor que jogar a luz para o teto com o rebatedor do flash. As vezes, esta solução deixa a parte inferior das fotos feitas com distâncias focais um pouco mais abertas escura já que o rebatedor gera uma luz direcional de preenchimento que vai atingir as pessoas da cintura para cima, mais ou menos. E como o restante da luz está vindo de cima, a área abaixo da cintura pode ficar um pouco mais escura. Com o copinho, a dispersão de luz é maior e o preenchimento fica mais uniforme. Claro que isso também pode variar de acordo com o flash, posição da cabeça, etc.. Mas sempre é bom ter isso em mente e fazer alguns testes.


Boa complementação, AlexandreS! Precisa de prática mesmo, pra quem não tem prática é mais fácil e garantido usar o difusor. E esse detalhe da parte inferior escura é verdade, com o difusor de copinho não tem esse problema mesmo!

É como eu disse, flash rebatido não é simples, tem muitos detalhes e nuâncias, precisa de prática mesmo pra garantir uma boa luz lateral. Mas acredito que valha muito a pena frente aos resultados!


Fernandez

  • Trade Count: (8)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.319
  • Sexo: Masculino
Resposta #13 Online: 20 de Março de 2013, 14:18:17
Valéu Humberto! Acho que agora vou conseguir aprender alguma coisa sobre como utilizar de forma decente um flash... confesso que estava tomando um pau e foi muito esclarecedor

 :worship: :worship: :worship:

Tecpix + motorola do guga


Jonas Vaz

  • Trade Count: (2)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 53
    • Instagram
Resposta #14 Online: 20 de Março de 2013, 16:14:44
Acho que no caso dele (flash manual) vale a pena usar o difusor copinho com o flash apontado pro assunto.

o difusor vai ajudar a tornar a lei do inverso do quadrado mais fácil (distanciando e difundindo mais a luz do flash).
nao sei se está claro, a imagem ajuda http://larissamarinho.com.br/wp-content/uploads/2012/07/inversesquare.jpeg

ai é só ajustar o flash pra uma certa distancia do objeto e sempre tentar manter essa distancia.