Autor Tópico: Assinatura do contrato. Costumam recusar ?  (Lida 1024 vezes)

affalcao

  • Trade Count: (5)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 938
  • Sexo: Masculino
Online: 01 de Junho de 2013, 01:47:52
É o seguinte. Vou fotografar em breve uma festa infantil e queria usar as fotos das crianças em meu portfólio. Obviamente que tenho que ter autorização dos pais. Pergunto:
Os pais costumam aceitar ou recusam autorizar o uso da imagem de seus filhos ?

Qual a melhor forma de colocar isso no contrato ?

Alguém que já passou por essa situação poderia me dizer como funciona e dar algumas dicas ?

obrigado.
Canon T3 (1100 D) + 10-18mm + 55-250mm
Nikon D3300 + 18-55 + 35mm 1.8


jefersonpaz

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 185
  • Sexo: Masculino
  • Fotógrafo em Novo Hamburgo - RS
    • Jeferson Paz Fotografia
Resposta #1 Online: 06 de Junho de 2013, 22:16:56
Muito pelo contrário. Quando pergunto se posso usar as fotos no portfólio a maioria dos pais amam. Já teve mãe que veio me xingar porque já tinha passado um mês do evento e eu não tinha colocado ainda as fotos no site. A corujice e o ego deles normalmente falam mais alto. Quando recusam é tranquilo também. Nunca tive problemas.
Nikon D7000 / Nikon D3100 | Nikkor Af-s 18-55mm | Nikkor 1.8 Af-s 50mm | Nikon sb700
Twitter: @jefersonpazfoto
Fan Page: https://www.facebook.com/pages/Jeferson-Paz-Fotografia


Roberto Dellano

  • Trade Count: (11)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.778
  • Sexo: Masculino
  • RTFM
    • Roberto Dellano Fotografia
Resposta #2 Online: 06 de Junho de 2013, 23:57:35
Tenho a cláusula no meu contrato, mas se o cliente não concordar, tenho também um contrato sem a cláusula preparado na pasta.


Mike Castro

  • Trade Count: (4)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.906
  • Sexo: Masculino
Resposta #3 Online: 07 de Junho de 2013, 12:07:28
Muito pelo contrário. Quando pergunto se posso usar as fotos no portfólio a maioria dos pais amam. Já teve mãe que veio me xingar porque já tinha passado um mês do evento e eu não tinha colocado ainda as fotos no site. A corujice e o ego deles normalmente falam mais alto. Quando recusam é tranquilo também. Nunca tive problemas.

Concordo. Geralmente as mães ficam honradas com isso, hehehehehe...

Tenho a cláusula no meu contrato, mas se o cliente não concordar, tenho também um contrato sem a cláusula preparado na pasta.

Roberto, vc usa um contrato "padrão", em branco, e escreve os dados do contratante e os serviços à caneta? É isso?
Penso em fazer dessa forma, acho que agilizaria muito, ao fazer um orçamento à domicilio, o cliente já pode fechar na hora...


Roberto Dellano

  • Trade Count: (11)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.778
  • Sexo: Masculino
  • RTFM
    • Roberto Dellano Fotografia
Resposta #4 Online: 07 de Junho de 2013, 15:27:43
Isso mesmo Mike, já o tenho sempre em mãos.


jefersonpaz

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 185
  • Sexo: Masculino
  • Fotógrafo em Novo Hamburgo - RS
    • Jeferson Paz Fotografia
Resposta #5 Online: 07 de Junho de 2013, 19:34:52
Concordo. Geralmente as mães ficam honradas com isso, hehehehehe...

Numa palestra no José Cláudio Martins ele falou sobre um estúdio que fez a promoção "garota da fachada" para escolher entre os clientes qual apareceria na fachada da loja. Tinha mãe que dizia que só ia comprar o book se a filha ganhasse, outras que ofereciam grana pra comprar o resultado e duas mães que saíram no tapa. Eu queria ver isso acontecendo. Tragicômico... kkkkkkkkkk
Nikon D7000 / Nikon D3100 | Nikkor Af-s 18-55mm | Nikkor 1.8 Af-s 50mm | Nikon sb700
Twitter: @jefersonpazfoto
Fan Page: https://www.facebook.com/pages/Jeferson-Paz-Fotografia


Mr. Hyde

  • Trade Count: (4)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 16.575
  • Sexo: Masculino
    • Faceboock
Resposta #6 Online: 07 de Junho de 2013, 21:24:25
Isso mesmo Mike, já o tenho sempre em mãos.

É muito prático, mas atenção...

Se ocorrer problemas na cobertura do trabalho, seja ele qual for (eventos, books, corporativo, still, catalogo, etc...) e o contrato tenha alguma cláusula que lhe proteja desse problema específico, o contratante (cliente) pode ir ao judiciário questionar a cláusula como abusiva, afastar os efeitos dessa cláusula específica via sentença judicial, porque pode ser considerado um contrato de adesão (detalhe técnico-jurídico que não vem ao caso aprofundar) e ganhar uma indenização.
Então eu recomendaria que, se o contrato vai ser assinado no seu estúdio/escritório, digite os dados do contratante ali na hora e imprima o documento na hora. Contrato pré-impresso pode dar esse problema aí. Contrato impresso em sua totalidade na hora da assinatura, não.
E, se for possível, levar o note e uma pequena impressora na visita ao cliente que vc saiba que vai fechar o contrato e imprimir o contrato dele nessa visita é o ideal do ideal. Se for possível eu pensaria seriamente nisso caso muitos dos seus contratos sejam pré-impressos e fechados em visitas aos clientes.

____________________
"Deus perdoe o Mal que habita em mim" M. Nova


jefersonpaz

  • Trade Count: (0)
  • Conhecendo
  • *
  • Mensagens: 185
  • Sexo: Masculino
  • Fotógrafo em Novo Hamburgo - RS
    • Jeferson Paz Fotografia
Resposta #7 Online: 07 de Junho de 2013, 22:32:13
Aproveitando o topico, me respondam: há a necessidade de autenticar em cartório a assinatura do contrato?
Nikon D7000 / Nikon D3100 | Nikkor Af-s 18-55mm | Nikkor 1.8 Af-s 50mm | Nikon sb700
Twitter: @jefersonpazfoto
Fan Page: https://www.facebook.com/pages/Jeferson-Paz-Fotografia


Roberto Dellano

  • Trade Count: (11)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 3.778
  • Sexo: Masculino
  • RTFM
    • Roberto Dellano Fotografia
Resposta #8 Online: 08 de Junho de 2013, 00:14:24
Hyde, um contrato pré impresso significa que a clausula foi "empurrada" a contra parte. enquanto um contrato impresso na sua totalidade pode significar que antes da impressão do mesmo, a contraparte já concordara com tudo que está ali. É isso?

Nas clausulas onde se prevê algum problema onde reflita na entrega do trabalho, eu me proponho sempre a devolver o valor pago parcial a perda ou em sua totalidade caso a perda seja total, e em números iguais de parcelas pagas.

Será que mesmo assim eu posso ter problemas com a pré impressão?


Palmeida

  • Trade Count: (2)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.552
Resposta #9 Online: 08 de Junho de 2013, 02:46:05
 :snack:
O que eu amo: Deus, família, amigos, trabalho,fotografia, contabilidade, estudar e tecnologia!


edu.adura

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 4
  • Sexo: Masculino
  • Fotógrafo artístico e publicitário
    • Facebook
Resposta #10 Online: 08 de Junho de 2013, 14:39:38
Olá...

Tenho sempre em meus contratos dois setores que os acompanham: uma cláusula e um termo adicional de liberação de uso das imagens.
Passo aos clientes sempre uma minuta de contrato para pré-análise e, até hoje, nunca recebi uma negativa.

Abs.



CLAUSULA DÉCIMA
A CONTRATADA reserva-se ao direito de divulgar as imagens da CONTRATANTE, assim como as suas partes, como forma de divulgação do seu trabalho, sem fins lucrativos, em sites, portfólios impressos e outros meio, desde que estes não prejudiquem, nem denigram a imagem dos retratados.




AUTORIZAÇÃO PARA USO DE IMAGEM

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO E LICENÇA DE IMAGEM POR TEMPO INDETERMINADO PARA UTILIZAÇÃO EM PEÇAS (PROMOCIONAIS, PUBLICITÁRIAS ou ACADÊMICAS), QUE ENTRE SI FAZEM:

De um lado, como CONTRATANTE, a (nome da pessoa), portadora do RG (xxxx) e do CPF (xxxx), residente à Rua (xxxx), n° (xxxx), bairro (xxxx), CEP (xxxx), Cidade (xxxx), estado (xxxx).
E, do outro lado, como CONTRATADO(A), _______________________________________________________________ _______, inscrito no RG n° __________________________ SSP/BA e CPF n° ____________________, domiciliado(a) na _______________________________________________________________ _______, cidade (xxxx).

MEDIANTE AS SEGUINTES CLÁUSULAS E CONDIÇÕES QUE MUTUAMENTE ACEITAM E OUTORGAM, A SABER:

Cláusula 1ª – O(A) CONTRATANTE(A) cede à CONTRATADA o direito de uso de imagem/fotografia em peças promocionais, publicitárias e/ou acadêmicas, sem quaisquer ônus presentes ou futuros para as partes.

Cláusula 2ª – As peças promocionais, publicitárias e/ou acadêmico de que trata a Cláusula anterior serão veiculadas por tempo indeterminado e em locais e veículos a critério da CONTRATADA, sempre que convier à mesma.

Cidade, _______ de ___________________ de 20__.




_________________________________      _____________________________
CONTRATANTE               CONTRATADO(A)   
A fotografia no dá o poder de impedir que coisas desapareçam todos os dias.


Mr. Hyde

  • Trade Count: (4)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 16.575
  • Sexo: Masculino
    • Faceboock
Resposta #11 Online: 09 de Junho de 2013, 11:01:41
Aproveitando o topico, me respondam: há a necessidade de autenticar em cartório a assinatura do contrato?

Não há verdadeiramente NECESSIDADE. É uma segurança a mais no negócio e dá certeza jurídica da assinatura, contudo, EMHO, é totalmente dispensável nos dias de hoje, desde que o fotógrafo tenha a absoluta certeza de quem assinou o contrato tenha sido de fato o CONTRATANTE.
Pq digo isso... Acaso o cara diga que a assinatura não é dele, ele vai ter que provar e para isso vai ter que haver perícia grafotécnica e quem requer a feitura da prova tem que pagar por ela e o valor de uma perícia nunca é barata.

____________________
"Deus perdoe o Mal que habita em mim" M. Nova


Mr. Hyde

  • Trade Count: (4)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 16.575
  • Sexo: Masculino
    • Faceboock
Resposta #12 Online: 09 de Junho de 2013, 11:06:52
Hyde, um contrato pré impresso significa que a clausula foi "empurrada" a contra parte. enquanto um contrato impresso na sua totalidade pode significar que antes da impressão do mesmo, a contraparte já concordara com tudo que está ali. É isso?

Nas clausulas onde se prevê algum problema onde reflita na entrega do trabalho, eu me proponho sempre a devolver o valor pago parcial a perda ou em sua totalidade caso a perda seja total, e em números iguais de parcelas pagas.

Será que mesmo assim eu posso ter problemas com a pré impressão?


Exato, Dellano. O espírito da lei é esse mesmo. Vc resumiu bem a coisa todo com o verbo "empurrar".
_________________

Talvez sim, talvez não. É que a gente nunca sabe o que vai no coração das pessoas. Tem gente que fica buscando qualquer besteirinha para entrar com ação de dano moral. Tem gente que se sente incomodado com qualquer coisinha, daí para o ingresso de uma ação é um pulo. Tem gente que se veste de cordeiro mas age feito lobo... etc... Eu sou da opinião que quanto menos brecha para problema, melhor.
Mas tua iniciativa de devolução do dinheiro é muito bem vinda e, com certeza, vai te poupar muitos problemas.

____________________
"Deus perdoe o Mal que habita em mim" M. Nova