Autor Tópico: Flash em Multi na Balada  (Lida 2078 vezes)

Marcelo Rezende

  • Trade Count: (16)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.325
  • Sexo: Masculino
    • Marcelo Rezende Fotografia
Online: 26 de Setembro de 2013, 21:54:34
Amigos,
Uma ajudinha please  :assobi:

No link abaixo o Allan Elly explica como faz fotos em festas e ele diz que usa o flash em Multi e gira e/ou move a camera para o lado. Simples assim? Tem mais segredos?
Está em multi para haver varios "congelamentos" num unico click, ja que a velocida é baixa? É isso?

http://escoladefotografos.com.br/2013/05/10/uso-do-flash-em-casamentos-por-allan-elly/

Amanhã vou fotografar um festa de aniversário que será uma balada. Ja fiz 3 dessas e somente na ultima achei o resultado aceitável...amanha vou testar uma maluquices dessas ai... :eek:

Abraço,
M Rezende
« Última modificação: 26 de Setembro de 2013, 21:55:13 por Rezende_SP »


Hoogle

  • Trade Count: (4)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 970
  • Sexo: Masculino
  • Hello. It's me.
    • Alexander Hugo - Fotografia
Resposta #1 Online: 26 de Setembro de 2013, 23:25:40
Bem interessante.
É uma múltipla exposição feita com o flash. Nada de mais.
Você só tem que ajustar a frequência do flash com a velocidade do movimento.
Como ele disse no vídeo, o jeito mais fácil é tentativa e erro.

Uma pena que meu 430exII não tem esse modo. Parece uma brincadeira divertida.
« Última modificação: 26 de Setembro de 2013, 23:28:48 por Hoogle »


Hoogle

  • Trade Count: (4)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 970
  • Sexo: Masculino
  • Hello. It's me.
    • Alexander Hugo - Fotografia
Resposta #2 Online: 26 de Setembro de 2013, 23:35:39
Lembrei de mais uma coisa

Já foi em baladas que tinha strobo, e quando você está dançando parece que está todo mundo em câmera lenta?
É o mesmo conceito.  :ok:

Tentei achar um vídeo explicando, mas o melhor que consegui foi isso:
http://www.youtube.com/watch?v=TH1mJpOnxDE



Lucas Estêvão

  • Trade Count: (22)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.162
  • Sexo: Masculino
Resposta #3 Online: 27 de Setembro de 2013, 01:43:52
Amigos,
Uma ajudinha please  :assobi:

No link abaixo o Allan Elly explica como faz fotos em festas e ele diz que usa o flash em Multi e gira e/ou move a camera para o lado. Simples assim? Tem mais segredos?
Está em multi para haver varios "congelamentos" num unico click, ja que a velocida é baixa? É isso?

http://escoladefotografos.com.br/2013/05/10/uso-do-flash-em-casamentos-por-allan-elly/

Amanhã vou fotografar um festa de aniversário que será uma balada. Ja fiz 3 dessas e somente na ultima achei o resultado aceitável...amanha vou testar uma maluquices dessas ai... :eek:

Abraço,
M Rezende

Isso aí! Começa com um teste em 1/2 segundo, ISO baixo, abertura não muito grande (um f/4 é legal) pra não perder o foco do assunto ao movimentar a câmera e o flash na potência mínima. A quantidade de disparos é realmente no chutômetro se tu não tiver um fotômetro de luz incidente em mãos. Óbvio que se tu tiver tu não vai usar: "peraí, pessoal, deixa eu medir aqui quantas flechadas eu vou ter que dar pra acert..." AH, SOME DAQUI, CARA!

Claro que isso aí é um truque pra poucas fotos, 2, 3 ou 4, mas isso o amigo deve saber de cor e salteado, então como citou que não ficou muito feliz com os outros resultados de festas (menos o último), vou dar umas dicas aqui. Claro que a maioria é coisa bem básica, mas às vezes são tão básicas que a gente esquece, então não custa relembrar.

ISO alto, sempre. Aproveitar as cores das luzes do fundo é primordial pro ar de festa. ISO 1600 é um bom começo pra câmeras com bom ISO, principalmente full-frame. Se tiver as da nova geração como 6D, 5D3, D600 ou D800 dá pra ir até 3200 tranquilo (acho que mais que isso raramente será preciso), do contrário, com 5D2 e D700 da vida eu me garantiria com o 1600 pra ter um bom resultado e poucos problemas de redução de ruído mais tarde. Cuida pra não fazer uma exposição cuja luz de fundo fique muito alta e gere um WB geral na imagem estranho. Ou seja: às vezes 1/60, ISO 800 e f/2.8 dão uma boa exposição de fundo e se tu for pra ISO 1600 pode ficar com a cena muito amarela pra quantidade de flash azul que tu vai jogar por lá, então melhor ficar com algo mais escurinho com cores medianas do que algo bem claro com cores cretinas.

Grandes aberturas resolvem o problema da composição quase inexistente em fotos de festa. É o clássico retrato, então não tem muito o que deixar interessante e é aí que um belo desfoque gerando bolas de luzes coloridas enormes no fundo faz a diferença.

Flash rebatido. Normalmente o ambiente é escuro e com paredes pretas ou coloridas. Se não tiver nada de parede/teto branco mesmo, rebate na parede colorida, azar! Vai conseguir uma cor maluca que, novamente, combina com esse estilo de evento. Sempre falo do ar-condicionado branco pendurado lá no teto. Aquilo é ouro pra rebater um flash. Se ele estiver muito alto, fecha o zoom do teu flash pra ele chegar até lá sem muita perda (105mm, por exemplo) e aumenta a compensação de exposição do flash. Se estiver bem baixo, abre o zoom (24mm, por exemplo) pra espalhar o máximo possível e conseguir a luz mais suave possível.

Shutter médio. 35mm? 1/60. 85mm? 1/100. Eu não sou de baixar e "garantir no braço que não vai tremer" a não ser que a exposição do lugar seja preto total e a única coisa a marcar a foto seja um flash. Como em festa isso é exatamente o que tu não quer, não tenta segurar 1/30 no braço no meio de um monte de gente pulando e dançando. Até o som da caixa de som batendo é suficiente pra fazer tremer. Dificilmente vai conseguir uma foto nítida assim.

Expor à direita caso não tenha problemas muito graves de WB. Esses problemas de WB surgem quando se tem muita iluminação por fluorescentes (verdes) ou incandescentes (amarelas). Raramente acontece isso em festa, pois as luzes são bem coloridas e nenhum tom domina a cena inteira, então dá pra expor um pouquinho à direita pra depois ter recurso caso precise recuperar algumas áreas.

Tinha mais alguma coisa, mas aquela doença da memória que eu esqueci o nome agora levou daqui e se eu lembrar mais tarde adiciono.

Abraço!


Marcelo Rezende

  • Trade Count: (16)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.325
  • Sexo: Masculino
    • Marcelo Rezende Fotografia
Resposta #4 Online: 27 de Setembro de 2013, 13:16:50
Isso aí! Começa com um teste em 1/2 segundo, ISO baixo, abertura não muito grande (um f/4 é legal) pra não perder o foco do assunto ao movimentar a câmera e o flash na potência mínima. A quantidade de disparos é realmente no chutômetro se tu não tiver um fotômetro de luz incidente em mãos. Óbvio que se tu tiver tu não vai usar: "peraí, pessoal, deixa eu medir aqui quantas flechadas eu vou ter que dar pra acert..." AH, SOME DAQUI, CARA!

Claro que isso aí é um truque pra poucas fotos, 2, 3 ou 4, mas isso o amigo deve saber de cor e salteado, então como citou que não ficou muito feliz com os outros resultados de festas (menos o último), vou dar umas dicas aqui. Claro que a maioria é coisa bem básica, mas às vezes são tão básicas que a gente esquece, então não custa relembrar.

ISO alto, sempre. Aproveitar as cores das luzes do fundo é primordial pro ar de festa. ISO 1600 é um bom começo pra câmeras com bom ISO, principalmente full-frame. Se tiver as da nova geração como 6D, 5D3, D600 ou D800 dá pra ir até 3200 tranquilo (acho que mais que isso raramente será preciso), do contrário, com 5D2 e D700 da vida eu me garantiria com o 1600 pra ter um bom resultado e poucos problemas de redução de ruído mais tarde. Cuida pra não fazer uma exposição cuja luz de fundo fique muito alta e gere um WB geral na imagem estranho. Ou seja: às vezes 1/60, ISO 800 e f/2.8 dão uma boa exposição de fundo e se tu for pra ISO 1600 pode ficar com a cena muito amarela pra quantidade de flash azul que tu vai jogar por lá, então melhor ficar com algo mais escurinho com cores medianas do que algo bem claro com cores cretinas.

Grandes aberturas resolvem o problema da composição quase inexistente em fotos de festa. É o clássico retrato, então não tem muito o que deixar interessante e é aí que um belo desfoque gerando bolas de luzes coloridas enormes no fundo faz a diferença.

Flash rebatido. Normalmente o ambiente é escuro e com paredes pretas ou coloridas. Se não tiver nada de parede/teto branco mesmo, rebate na parede colorida, azar! Vai conseguir uma cor maluca que, novamente, combina com esse estilo de evento. Sempre falo do ar-condicionado branco pendurado lá no teto. Aquilo é ouro pra rebater um flash. Se ele estiver muito alto, fecha o zoom do teu flash pra ele chegar até lá sem muita perda (105mm, por exemplo) e aumenta a compensação de exposição do flash. Se estiver bem baixo, abre o zoom (24mm, por exemplo) pra espalhar o máximo possível e conseguir a luz mais suave possível.

Shutter médio. 35mm? 1/60. 85mm? 1/100. Eu não sou de baixar e "garantir no braço que não vai tremer" a não ser que a exposição do lugar seja preto total e a única coisa a marcar a foto seja um flash. Como em festa isso é exatamente o que tu não quer, não tenta segurar 1/30 no braço no meio de um monte de gente pulando e dançando. Até o som da caixa de som batendo é suficiente pra fazer tremer. Dificilmente vai conseguir uma foto nítida assim.

Expor à direita caso não tenha problemas muito graves de WB. Esses problemas de WB surgem quando se tem muita iluminação por fluorescentes (verdes) ou incandescentes (amarelas). Raramente acontece isso em festa, pois as luzes são bem coloridas e nenhum tom domina a cena inteira, então dá pra expor um pouquinho à direita pra depois ter recurso caso precise recuperar algumas áreas.

Tinha mais alguma coisa, mas aquela doença da memória que eu esqueci o nome agora levou daqui e se eu lembrar mais tarde adiciono.

Abraço!

Pô, uma aula!
Obrigado pelas dicas!  ;)

Vou colocar algumas do ultimo evento...e se puder, (seria uma grande gentilieza  :wub:) faça uma analise e diga o que vc teria feito para melhorar  :assobi: 
As dos eventos anteriores nao ficaram boas nao...nesse ja achei melhor

M Rezende

1

Sem título por Rezende_Varal, no Flickr
2

Sem título por Rezende_Varal, no Flickr
3

Sem título por Rezende_Varal, no Flickr
4

Sem título por Rezende_Varal, no Flickr
5

Sem título por Rezende_Varal, no Flickr
6

Sem título por Rezende_Varal, no Flickr
7

Sem título por Rezende_Varal, no Flickr
« Última modificação: 27 de Setembro de 2013, 13:23:19 por Rezende_SP »


Lucas Estêvão

  • Trade Count: (22)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.162
  • Sexo: Masculino
Resposta #5 Online: 27 de Setembro de 2013, 15:13:29
Pô, uma aula!
Obrigado pelas dicas!  ;)

Vou colocar algumas do ultimo evento...e se puder, (seria uma grande gentilieza  :wub:) faça uma analise e diga o que vc teria feito para melhorar  :assobi: 
As dos eventos anteriores nao ficaram boas nao...nesse ja achei melhor

M Rezende

Rezende, que é isso, rapaz! Só o básico.

Essas ficaram muito boas pro que normalmente se apresenta por aí, rapaz! Boas mesmo!

Vou te dizer o que EU mudaria nelas pra ficar do jeito que EU gosto. Veja bem, aqui é apenas uma questão de gosto mesmo. Se tu gosta delas assim e o teu cliente também, ótimo! Como falei antes, estão muito boas com base no que vejo por aí.

Em todas, eu utilizaria objetivas mais claras. Vi que tu tem uma 6D e uma 24-70mm f/2.8, o que é, de longe, um dos melhores kits disponíveis pra eventos. Versátil até dizer chega.

Eu já fico do outro lado. Gosto de objetivas mais claras, que isolem melhor o assunto principal e que, principalmente, apresentem as pessoas de uma forma mais flat, mais reta mesmo. Pra isso eu uso fixas 50mm e 85mm (e agora uma 135mm f/2 que ainda nem testei, mas imagino fazer um belo trabalho também).

Os 24mm em f/2.8 que tu usou em várias dessas imagens além de não isolarem bem o assunto, promovem um ponto de vista de menor compressão de planos, o que torna as pessoas não tão flats do jeito como eu gosto. Em outras palavras, se aproximar de alguém e tirar com DFs menores que 50mm (valor aproximado, não é exato) apresenta algumas deformações. Por isso as lentes retrateiras são de 85mm pra cima, até a 135mm que é bem famosa pra isso.

Outra coisa é que wides apresentam bastante do ambiente, o que dá uma visão completa do lugar a quem vê a foto. Nitidez até no garçom que tá lá no fundo. Eu não gosto disso e vou te explicar porque.
Embaralhar o fundo muitas vezes esconde os defeitos de uma parede, um monte de fios no chão e diversas outras coisas que atrapalham na imagem final por dividir a atenção com o sujeito que tá pagando as fotos/festa. Visualizando dessa forma também consigo notar que a festa que fotografou estava bem vazia e isso me parece algo triste pra uma festa. Pra mim festa é "quanto mais gente, melhor". Se tu tirar uns retratos da galera se divertindo focando em 2, 3, 4 pessoas por vez e um monte de luzes embaralhadas no fundo o espectador não consegue dizer se o ambiente estava vazio ou cheio, então é mais um motivo pelo qual eu prefiro as objetivas fixas claras. "Tua festa não tava bombando? Bom, nas minhas fotos parece que tava".

Com a tua 24-70mm a minha dica seria tu esticar pra 50~70mm (quanto mais perto de 70mm melhor) e correr pra trás. Fechar o quadro. Isolar pedaços de chão e teto mesmo e focar nas expressões das pessoas. Se tu for comprar outra lente eu diria pra usar um segundo corpo com uma 85mm f/1.8 (isso se é que tu já não tem ela, é claro). Barata, clara, leve.

Outra, não consegui identificar muito bem, mas em algumas imagens achei que tu usou o flash rebatido apenas no teto. Além de essa luz aparecer na foto (o teto mais claro perto da câmera, como nas fotos 2 e 7), ela não fica tão suave quanto a luz rebatida num pedaço de parede atrás de ti e pegando também um pedaço do teto. Aponta o flash pra trás, sobe 45 graus e vira 45 graus pro lado pra não disparar na tua cabeça. Acima do teu ombro é o melhor lugar pra rebater um flash. Não aparece no teto, não aparece na foto e fica extremamente natural, como se fosse um softbox segurado por um assistente mesmo.

1. Está boa, apenas tiraria (se possível caminhar pra trás nessa situação) com uma DF mais comprida pra não dar a impressão de que o braço do cara tá muito próximo da câmera como sinto com essa DF.
2. Boa também. Cortaria um pouco do teto e me afastaria mais (novamente usaria DF mais comprida pra evitar as distorções).
3. Boa. Desfocaria mais o fundo (85mm f/1.8) pra foto ficar mais "artística", digamos. Do jeito que está fico com a impressão de um casal "meio em foco" e meio em foco é tipo meio grávida e meio gay (não existe).
4. Boa! Boa! Boa! O tratamento de cores é a teu caráter. A composição, luz, desfoque, tudo perfeito aqui.
5. Muito curta DF. O rapaz ali tá com uma cabeça gigante. Novamente eu apelaria por me afastar e esticar o zoom.
6. O mesmo que a 2.
7. Menos chão e menos teto.

Enfim, como falei lá em cima várias vezes, repito aqui que isso vai muito de uma questão de gosto pessoal e felicidade profissional. EU gosto do jeito que falei acima. Só estou comentando sobre o meu gosto pra jogar umas ideias no ventilador pro amigo. Se gostar de qualquer coisa, ótimo. Se não gostar, não tem problema também. Alguma dia pode ser que alguém goste e daí eu não preciso escrever de novo. :)

Abração!
« Última modificação: 27 de Setembro de 2013, 15:19:50 por lestevaos »


Marcelo Rezende

  • Trade Count: (16)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.325
  • Sexo: Masculino
    • Marcelo Rezende Fotografia
Resposta #6 Online: 30 de Setembro de 2013, 16:38:41
Lestevaos,
Uma aula hein  :clap: Obrigado!

Tenho em meus planos começar a usar fixas...assim que puder fazer esse envestimento, o farei...se bem que confesso que gostaria de fazer uns testes antes...quando estamos habituados com a zoom, a vida é mais fácil.   :assobi: nao deve ser fácil os primeiros trabalhos com fixas

Em relação as fotos, li cada comentário e ficarei esperto, muito bom ter uma analise dessa! Fico muito grato amigo!

Abraço,
M Rezende


Lucas Estêvão

  • Trade Count: (22)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.162
  • Sexo: Masculino
Resposta #7 Online: 30 de Setembro de 2013, 17:13:05
Lestevaos,
Uma aula hein  :clap: Obrigado!

Tenho em meus planos começar a usar fixas...assim que puder fazer esse envestimento, o farei...se bem que confesso que gostaria de fazer uns testes antes...quando estamos habituados com a zoom, a vida é mais fácil.   :assobi: nao deve ser fácil os primeiros trabalhos com fixas

Em relação as fotos, li cada comentário e ficarei esperto, muito bom ter uma analise dessa! Fico muito grato amigo!

Abraço,
M Rezende

É um investimento bem mais leve que comprar um zoom de qualidade tipo o que tu já tem e o resultado é gritante com relação ao custo desse investimento. É aquele tipo de coisa barata que a gente compra e nota uma baita diferença nas fotos.

Acho que o mais importante nisso tudo é sempre usar médias ou longas distâncias focais pra fotografar pessoas, mas obviamente nem sempre isso é possível. Eu indicaria ao amigo começar com uma 50mm f/1.8, que tem um bom ângulo de visão e é extremamente barata e fácil de revender caso não goste dela. A f/1.4 é investimento certo. Não acredito que alguém não goste de uma objetiva com essa abertura e campo de visão.

Depois partir pra 85mm f/1.8 (apesar de que eu uso bem mais essa do que a 50mm), caso goste da brincadeira e queira algo mais fechado ainda. A propósito, tem uma sendo vendida por R$ 1.000 aqui no fórum. É muito barata essa objetiva na Canon pela qualidade dela (e a 100mm f/2 é outra que segue a mesma linha). Aqui na Nikon tudo custa bem mais. :(

Um abraço!


Marcelo Rezende

  • Trade Count: (16)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.325
  • Sexo: Masculino
    • Marcelo Rezende Fotografia
Resposta #8 Online: 30 de Setembro de 2013, 17:29:53
Entao....eu tenho uma 50mm 1.8...fica na minha segunda camera durante o evento, mas to viciado na 24x70. A 50mm 1.8 no escuro tb demora para achar o foco...
Minha proxima aquisição será a 35mm 1.4 Art da Sigma...estão falando maravilhas dela! Mas é um GA. Eu uso tb uma 100mm 2.8, mas é meio longa essa distancia, dependendo da festa não há espaço fisico para utiliza-la.

Abraço!
M Rezende


Lucas Estêvão

  • Trade Count: (22)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.162
  • Sexo: Masculino
Resposta #9 Online: 30 de Setembro de 2013, 17:47:15
Entao....eu tenho uma 50mm 1.8...fica na minha segunda camera durante o evento, mas to viciado na 24x70. A 50mm 1.8 no escuro tb demora para achar o foco...
Minha proxima aquisição será a 35mm 1.4 Art da Sigma...estão falando maravilhas dela! Mas é um GA. Eu uso tb uma 100mm 2.8, mas é meio longa essa distancia, dependendo da festa não há espaço fisico para utiliza-la.

Abraço!
M Rezende

Entendo. Bom, não conheço muito bem Canon, talvez a f/1.4 seja melhor no AF e te sirva melhor, então.
Sim, 100mm já é bem longa, na maioria dos casos seria pra um segundo fotógrafo mesmo, mas a 85mm eu acho ideal pra esse tipo de foto. Muito boa mesmo!

Estão falando maravilhas dessa Sigma, porém o AF parece ser o único ponto que ainda não tá 100%. E se tratando de trabalhar no escuro, eu ficaria com o pé atrás quanto a comprar ela. O Humberto tem um parecer quanto a ela aqui: http://forum.mundofotografico.com.br/index.php?topic=92786.15

Abraço!