Autor Tópico: Dificuldade com foco F 2.8, será que realmente vale a pena lente 2.8?  (Lida 7145 vezes)

Gaask

  • Trade Count: (0)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 332
  • Sexo: Masculino
    • Gabriel Alves Fotografia
Desculpa a ignorância!  :D, mas é uma realidade. Muitos amigos meus fotógrafos fotografam de f 2.8, casamentos e diversos eventos. No LCD da camera tudo lindo. Quando vemos no computador,  focou por exemplo, o nariz e olhos, desfocou queixo ou orelha, e assim vai... fazer retrato de F 2.8, esta cada vez mais complicado, na medida que essa abertura para mais (f 1.2, f 1.8, f 1.4 e f 2.8) desfocam absurdamente muito. Eu acho uma abertura interessante de se trabalhar com pouca luz, mas até quando vale a pena? Digo isto porque eu tive a oportunidade de comprar a 24-70 F 2.8 da canon ou então investiria em um flash 600EX + 24-105 F4 L. Optei na época pela segunda opção e adquiri os dois acessórios. Eu, com F 4, muitas vezes, tipo MUITAS, desfoco o fundo, mas o foco as vezes desfoca detalhes importantes, como ou sombracelha, ou orelhas, ou algum outro detalhe. A pergunta é: Tem algum massete que vocês recomendam para fotografar nesta abertura ? Eu estive interessado em comprar a 50mm f 1.2L ou 35mm F1.4L, para trabalhar com casamentos, montadas em uma 5D mark III futuramente, mas não sei se seria interessante essas fixas, ao ponto de desfocarem tanto e "comerem" detalhes. (Espero que minha dúvida esteja sendo entendida, que aberturas a partir de f 2.8, desfocam e perde muitos detalhes, porém todos vangloriam essa abertura.) Atualmente, possuo uma Canon 60D + flash 600ex + 50mm f 1.8 (dificil usar) e a EF 24-105 F4L. 
Para no que vem, pensei na 5D MARK III (Pensei e comprarei, porém estou esperando os preços cairem, R$ 7500,00 quero que desça pra 7000,00 o corpo.  :assobi: )
. E depois uma 16-35 f 2.8 L ou 50mm f 1.2 L ou 35 mm f 1.4L
Agora, até aonde vale a pena apostar em grandes aberturas com risco de perder detalhes em suas fotos ?  :ponder:
Equipamento atual:  Camera 5D mark II | EF 50mm f 1.8 STM | 85mm f 1.8 | Flash 600ex
Flickr: www.flickr.com/photos/gabrielalvesfotografia
Facebook: www.facebook.com/Gabrielartefotografia
Site: www.gabrielalvesfotografia.com.br


Lucas Estêvão

  • Trade Count: (22)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.162
  • Sexo: Masculino
Resposta #1 Online: 24 de Dezembro de 2013, 14:40:58
Amigo Gaask, o desfoque que pode "atrapalhar" depende de outros fatores também, como distância do assunto em relação à câmera e distância do assunto em relação ao fundo. Dessa forma, a distância focal parece que muda tudo, mas na verdade ela não muda nada, a única coisa que ela muda é o ângulo de visão, fazendo com que você se mova para obter o mesmo quadro do assunto principal.

Coloque alguns valores nessa calculadora de profundidade de campo e note as diferenças. http://www.dofmaster.com/dofjs.html

Por exemplo: 50mm, f/2.8, assunto em 10 metros. São mais de 7 metros em região de foco aceitável (2,5 metros na frente e mais de 5 metros atrás do assunto). Se o assunto estiver a 3 metros da câmera, diminui pra apenas 61 centímetros a região de foco aceitável. Note como a distância do assunto em relação à objetiva muda tudo.

Sendo assim, não há uma regra. f/2.8 pra quem tem fixas claras f/1.4 ou f/2 é até "ruim". Existem situações onde nem 200mm@f/2.8 vai te proporcionar "aquele" desfoque que você quer (assunto distante da câmera e próximo do fundo).
« Última modificação: 24 de Dezembro de 2013, 14:41:21 por lestevaos »


Silvio Takahata

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.130
Resposta #2 Online: 24 de Dezembro de 2013, 14:54:15
escreveu um livro e em seguida esta pra bater o martelo em lentes claras e caras!Nw tindi essa..um nikonzeiro disse uma vz q nw considera como lente abertura f4,compra somente 2.8..queria ter visto fotos em grupo tiradas por ele,imagino q nw deva usar as aberturas menores,pq falou d boca cheia.Cada uma..
5D MK3
Canon 24-70 2.8L II
Canon 600ex-rt
YN568ex II


Lucas Estêvão

  • Trade Count: (22)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.162
  • Sexo: Masculino
Resposta #3 Online: 24 de Dezembro de 2013, 15:00:34
Objetivas claras são boas porque você tem o melhor dos dois mundos. Precisa de desfoque/mais luz pra aumentar o shutter, abre. Precisa de mais campo em foco, fecha. Simples assim.


Silvio Takahata

  • Trade Count: (0)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.130
Resposta #4 Online: 24 de Dezembro de 2013, 15:11:17
pois eh,soh nw entendi a preocupacao a f2.8 ,se tera futuramente uma mk3
5D MK3
Canon 24-70 2.8L II
Canon 600ex-rt
YN568ex II


Lucas Estêvão

  • Trade Count: (22)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 1.162
  • Sexo: Masculino
Resposta #5 Online: 24 de Dezembro de 2013, 15:16:21
pois eh,soh nw entendi a preocupacao a f2.8 ,se tera futuramente uma mk3

Talvez porque em full frame a profundidade de campo é ainda menor (quanto maior o sensor, menor a profundidade de campo se mantida a mesma abertura e composição).

Eu tenho full frame e só objetivas claras, incluindo 135 f/2 e zomm que vai a 200 em f/2.8. Acho o ouro. Se quiser fechar, fecha. Se quiser desfoque/shutter, deixa aberta.


AFShalders

  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 6.958
  • Sexo: Masculino
  • "Bela câmera, mas mostre as fotos..."
    • Old Good Light
Resposta #6 Online: 24 de Dezembro de 2013, 15:31:18
Não é porque alguém tem uma objetiva de grande abertura que tem que usa-la sempre na abertura máxima. Pelo contrário. Aquela abertura, por exemplo de 1.8 te diz sutilmente algumas coisas, tipo: "olha, eu sou capaz de ir a 1.8 se você precisar, mas a partir de f4 eu sou tremendamente nítida". Ja usei uma Canon antiga, de rosca que era f=0.95 e a imagem era muito problemática nessa abertura. Mas quando precisava mesmo, não tinha jeito... Era aceitar o que ela dave e pronto.

É muito mais a questão de saber usar direito do que a abertura em si.
Ética não é negociável.

Viciado em Fotografia desde 1980
www.oldgoodlight.blogspot.com
www.flickr.com/groorj


dimigobbo

  • Trade Count: (10)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 5.698
  • Sexo: Masculino
    • Meu Flickr
Resposta #7 Online: 24 de Dezembro de 2013, 15:35:55
Não é porque alguém tem uma objetiva de grande abertura que tem que usa-la sempre na abertura máxima. Pelo contrário. Aquela abertura, por exemplo de 1.8 te diz sutilmente algumas coisas, tipo: "olha, eu sou capaz de ir a 1.8 se você precisar, mas a partir de f4 eu sou tremendamente nítida". Ja usei uma Canon antiga, de rosca que era f=0.95 e a imagem era muito problemática nessa abertura. Mas quando precisava mesmo, não tinha jeito... Era aceitar o que ela dave e pronto.

É muito mais a questão de saber usar direito do que a abertura em si.

É isso aí.

Hoje tá todo mundo, cada vez mais, usando aberturas grandes, ISO alto e reclamando que o DOF tá curto!

Tá na hora de voltar pros livros.

Abcs
"If your pictures aren't good enough, you're not close enough"

RTFM


DMZamora

  • Moderador(a) Global
  • Trade Count: (6)
  • Colaborador(a)
  • *****
  • Mensagens: 3.301
  • Sexo: Masculino
Resposta #8 Online: 24 de Dezembro de 2013, 15:41:28
Hoje tá todo mundo, cada vez mais, usando aberturas grandes, ISO alto e reclamando que o DOF tá curto!

Tá na hora de voltar pros livros.

Se é que estes que reclamam alguma vez passaram por eles...  :assobi:
Daniel Zamora - Brasília/DF
Canon 7D Mark II/ EF-S 10-18 IS STM / EF-S 18-55mm IS / EF 24-105mm L IS USM / EF-S 55-250mm IS / EF 50mm f/1.8 II / YongNuo Speedlite YN-565EX x2 / YN-622C x3
Olympus OM-1 MD / Zuiko 50mm f/1.4 / Soligor 28mm f/2.8


RTFM!


Lucas M. Dias

  • Trade Count: (1)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.209
  • Sexo: Masculino
Resposta #9 Online: 24 de Dezembro de 2013, 16:21:34
É isso aí.

Hoje tá todo mundo, cada vez mais, usando aberturas grandes, ISO alto e reclamando que o DOF tá curto!

Tá na hora de voltar pros livros.

Abcs

Resumiu tudo! :clap:


Rodrigo Eduardo

  • Trade Count: (16)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.842
  • Sexo: Masculino
  • Rodrigo
Resposta #10 Online: 24 de Dezembro de 2013, 16:21:34
É isso aí.

Hoje tá todo mundo, cada vez mais, usando aberturas grandes, ISO alto e reclamando que o DOF tá curto!

Tá na hora de voltar pros livros.

Abcs

 :clap: :clap: :clap:

faço retratos em 2.8 1.8 e até mesmo em 1.4.
nunca tive problemas.


Pope

  • SysOp
  • Trade Count: (31)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 6.191
  • Sexo: Masculino
    • Renato Pope
Resposta #11 Online: 24 de Dezembro de 2013, 16:56:45
:clap: :clap: :clap:

faço retratos em 2.8 1.8 e até mesmo em 1.4.
nunca tive problemas.
Mais um aqui... Como disse o Dimi, estudar mais...
"If you wanted a cheap profession to get into you picked the wrong one."Zack Arias
Flickr


Claudio Rombauer

  • Trade Count: (2)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.098
  • Sexo: Masculino
Resposta #12 Online: 24 de Dezembro de 2013, 17:21:29
Aumenta o ISO.

O bom do sensor grande é que você pode fechar a objetiva e levantar a sensibilidade.

Quando a gente tá começando é normal querer usar os extremos, a maior abertura, a menor distância focal ao clicar uma paisagem, etc. Assim você fica limitado pelo equipamento.

Faça a sua escolha de forma inteligente e comedida.


« Última modificação: 24 de Dezembro de 2013, 17:25:56 por Claudio Rombauer »


Rodrigo Eduardo

  • Trade Count: (16)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.842
  • Sexo: Masculino
  • Rodrigo
Resposta #13 Online: 24 de Dezembro de 2013, 17:55:57
quando uso lentes manuais como: Helios f/2 takumar 1.4, pentax 1.8 ,eu gosto de usar toda aberta,só quem faz fotos manuais vai saber oque é tirar uma foto mega nítida  com uma helios em f/2, na unha  :ok:


AFShalders

  • Trade Count: (27)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 6.958
  • Sexo: Masculino
  • "Bela câmera, mas mostre as fotos..."
    • Old Good Light
Resposta #14 Online: 24 de Dezembro de 2013, 18:11:49
A questão é sempre essa Sassai... Saber usar a característica certa, na hora certa.

Conheço casos de quem usou a Canon 70-200 2.8 L em eventos, tudo em 2.8 e sifu. Bem feito. Em compensação conheço um fotógrafo inglês especializado em shows aéreos que não erra uma com essa e com a 400mm.

Não existe mágica. Existe conhecimento.
« Última modificação: 24 de Dezembro de 2013, 18:16:35 por AFShalders »
Ética não é negociável.

Viciado em Fotografia desde 1980
www.oldgoodlight.blogspot.com
www.flickr.com/groorj